Câmara realiza Sessão Solene para entrega de Títulos de Cidadão Palmeiropolense

A sessão aconteceu nesta quinta-feira (07), a partir das 19:00 horas no Plenário da Câmara Municipal José de Ribamar da Rocha Coelho em Palmeirópolis. 

Com o plenário lotado, o Poder Legislativo realizou sessão solene, para entrega de títulos de Cidadãos Palmeiropolense.A solenidade foi conduzida pelo presidente da Câmara em exercício, vereador Nilson Rodrigues, que também foi homenageado com o título de cidadão Palmeiropolense, juntamente com Iderci Soares de Souza.

Além dos homenageados, compuseram a mesa, o prefeito municipal Fábio Vaz e a vice Josemir Bastos, o primeiro prefeito de Palmeirópolis e ex-prefeito da cidade de São Salvador, Osvaldo de Souza Lima, (Osvaldo Lapeiro), ex-prefeito de Palmeirópolis Enoque Souza Alves, os ex-vereadores de Palmeirópolis Josafá Rodrigues e Alex Martins, pastor Belto Barros e o presidente do PMDB Ulisses Barros.A solenidade contou com a presença dos vereadores, Fábio Gonçalves, Jamilton Guedes, Divino da patrol, Nonato Barros, Hildene Tóquio e Nilson Rodrigues (na oportunidade atuando como presidente em exercício), e também a presença dos familiares.

Todos os vereadores presentes falaram na tribuna parabenizando a ação dos vereadores e os homenageados.A solenidade de “Título ao Cidadão”, tem como objetivo homenagear pessoas que se destacaram nas inúmeras áreas da atividade humana, com trabalhos reconhecidos nos setores cultural, artístico, econômico-empresarial, profissional, esportivo e filantrópico, que enalteceram a comunidade e contribuíram com a transformação do município.Depois de aberta a sessão, foi entoado o hino nacional e em seguida pastor Belto Barros fez uma leitura de reflexão na bíblia.A vereadora Hildene Tóquio primeira secretaria, leu os ofícios falando do projeto do vereador Raimundo Nonato para homenagear Iderci e também de Alex Martins em fazer homenagem ao vereador Nilson Rodrigues.

Raimundo Nonato expressou que homenagear seu Iderci foi mais que merecido, pois ele ajudou muito na administração pública do município, foi importante na construção de Palmeirópolis.“São poucos que conhecem o trabalho do seu Iderci Soares aqui em Palmeirópolis, trabalhou muito na lavoura, pouca gente tinha trator naquela época e ele ajudava a todos. Também mandava os tratores para serra para tirar os carros atolados. Os mantimentos perdiam por falta de transportes e o trecho era de terra, não tinha asfalto. A sociedade tem orgulho de ter uma pessoa como Iderci no município, por isso fiz este requerimento e meus colegas vereadores votaram, me sinto realizado”, disse o vereador Nonato Barros.Em seguida foi lido um relato sobre a vida de seu Iderci Soares dizendo que fica concedido o título de Cidadão Palmeiropolense ao ilustre Iderci Soares de Souza, fazendeiro e agricultor que em (09) de setembro 1979 passou a ter uma enorme importância no município com lavouras, ajudou na construção da Casetins, (Casegue), foi ele quem comprou o terreno e doou ao estado na época, ou seja, atendeu agricultores do município acreditando que ia crescer em meio as dificuldades na época do prefeito Osvaldo de Souza Lima. Hoje seu Iderci tem 80 anos.

Também ajudou na construção da igreja Evangélica Assembleia de Deus Madureira, e em vários outros órgãos.Iderci Soares recebendo das mãos do vereador Raimundo Nonato o título de Cidadão.

Seu Iderci é filho do senhor Cândido Soares e dona Aurea Francisca, nasceu dia 29 de julho na cidade de Goiatuba-Goiás, casou-se com Sebastiana Divina de Souza no dia (11) de outubro 1962 e dessa união tiveram seis (6). Arrojado e destemido o homenageado sempre foi considerado exemplo.

O ex-vereador Josafá Rodrigues lembrou do passado de Iderci. Sorrindo, falou do carro fiat (147) que ele andava, de uma botina suja de barro e era dono de um chapéu empoeirado que sempre usava, do sol caloroso das campinas, mostrando a força do trabalho no campo. “É um título mais que merecido”, disse.

O ex-prefeito Osvaldo de Souza Lima, explicou que o Iderci Soares o ajudou muito na época da sua administração e relata que tirou dinheiro no banco para emprestar, na tentativa de ajudar a prefeitura. “Naquela época era muito difícil, ele ariscou, mesmo correndo risco de não receber, comprou a patrol para prefeitura trabalhar, depois emprestou o caminhão pipa para acabar a poeira da cidade, porque na época não tinha asfalto. Teve uma vez que foram comigo (11) fazendeiros cobrar do governo em Brasília, o Iderci era o cabeça da turma”, concluiu Osvaldo.Ex-prefeito Enoque Souza disse que é um grande admirador dos homenageados por acreditar numa Palmeirópolis melhor, revelou que animou para colocar Iderci como seu vice, mais ele não aceitou. “Palmeirópolis deve muito a você Iderci, conheço a sua história”, disse.O homenageado Iderci Soares radiante disse que, quando recebeu o convite logo perguntou se era em comum acordo com os demais vereadores. “Quando soube que foi por unanimidade aceitei e por onde tenho passado, o povo faz elogios, e diz o quanto nosso município é rico, um dia eu bati na mesa e pedi a rede de energia para Palmeirópolis e o prefeito Osvaldo conseguiu, na época usava motor.  Aqui é uma cidade que compensa morar, estou muito feliz e finalizou dizendo, “a maior riqueza que eu tenho é a minha família”.

Pastor Belto como genro representando a família elogiou e disse que seu Iderci é um exemplo de homem, sempre com a casa cheia, “estou emocionado por este momento de falar desta pessoa digna. Ele é daqueles que os netos deitam no colo, ele cuida, é carismático, somos gratos a Deus por esta casa de leis e a esta cidade”, explicou.

O ex-vereador Alex Martins falou da importância de homenagear Nilson Rodrigues e não poderia deixar passar sem deixar de pedir este título. “Foi um homem que fez um grande trabalho neste município, temos que reconhecer, estou feliz por meu pedido ter sido aceito mesmo não sendo vereador”, explicou.O prefeito de Palmeirópolis Fábio Vaz ao usar a tribuna falou que é importante homenagear as pessoas em vida, aquelas que fizeram muito pelo município. Os prédios públicos não podem fazer isso, mais a Câmara pode dar o título de cidadão a pessoas em vida. “Seu Iderci vem escrevendo uma página importante na história desta cidade, é merecedor, o nome dele faz parte da galeria de nomes aqui da Câmara, isso nos honra muito”.Em seguida elogiou o vereador Nilson Rodrigues, “um desbravador de Palmeirópolis, qualquer canto desta cidade sabe dos esforços do seu Nilson no município. Foi dono de lavouras de melão quando ninguém acreditava que melão produzia no calor, depois abobora, maracujá em seguida bananas. A honraria é muito justa, em momento difíceis da cidade seu Nilson esteve lutando”, concluiu o prefeito.Ex-vereador Alex Martins entregando o título de cidadão Palmeiropolense à Nilson Rodrigues.

Ficou consedido o título de cidadão Palmeiropolense ao vereador Nilson Rodrigues do Nascimento, empresário, vereador por 3 mandatos, residente no município a mais de 25 anos. Ele teve um trabalho prestado a população no âmbito empresarial, levando o nome de Palmeirópolis e dando o título de “A princezinha do Sul”. Nilson Rodrigues ajudou no crescimento do município.Vereador Nilson Rodrigues acompanhado do prefeito Fábio Vaz, da sua esposa Maria de Fatima Alves, da enteada Joneide Alves, na qual também fez uma homenagem, e da vice-prefeita Josemir Bastos.

O vereador Nilson Rodrigues, ficou muito emocionado e chorou quando sua enteada Joneide Alves Vieira, lhe fez uma linda homenagem surpresa. Ela fez elogios e confessou que sempre foi fã da pessoa do vereador e depois por considência ele se tornou seu padrasto,”sou grata a Deus por isso”, disse emocionada.Vereador homenageado Nilson Rodrigues e sua enteada Joneide Alves

No final do evento a Câmara ofereceu um delicioso lanche aos convidados.

Da redação

Vereadores de Palmeirópolis convocaram empresa responsável pelo abastecimento de água e esgoto para uma reunião

Iniciativas em parceria com o Poder Público visam proteger mananciais que abastecem Palmeirópolis.

Na tarde da última quinta-feira (9), representantes da BRK Ambiental, empresa responsável pelo abastecimento de água tratada e esgoto na cidade de Palmeirópolis, participaram de uma reunião na Câmara Municipal, afim de exclarecer dúvidas.

A questão da rede de esgoto, desmatamento e a falta de água em Palmeirópolis é constantemente debatida na Câmara Municipal, pois os vereadores são cobrados por parte da população pelo serviço que nunca foi prestado. 

De acordo com vereador Raimundo Nonato (PTB), o convite partiu da Câmara para questionar, pedir esclarecimento. “Nós não sabíamos como era o contrato da empresa de água com a prefeitura, por isso convocamos para prestar esclarecimentos”, pontuou o vereador.  

O prefeito Fábio Vaz, explicou que o município está com muitos problemas na área de esgoto, as fossas estão enchendo e contaminando o lençol freático. De acordo com ele, não existe uma estação de tratamento na cidade, e o responsável é a empresa BRK, antiga Saneatins.

Segundo informações, o contrato diz que, até final de 2017, 95% da cidade tenha rede de esgoto, mas nada foi feito, o contrato foi assinado em 2013. “Estamos buscando com que a empresa cumpra com o compromisso que ela firmou com os municípios e com a ATR de fazer valer o contrato, temos zero investimentos na rede de esgoto. O problema hoje, não é só da prefeitura, é do cidadão, ou seja, estão pagando e não estão recebendo o benefício, cobramos o ano inteiro uma solução”, explicou o prefeito.

Pela manhã o prefeito reuniu com os vereadores para apresentar todo estudo que a prefeitura fez nestes últimos meses. Junto com o assessor jurídico Edilson, buscou compreender toda legislação, inclusive analisando o primeiro contrato de 1999, na época era Saneatins. Bruna Buldrini, engenheira responsável operacional pela cidade, explicou que a BRK Ambiental irá promover plantio de mudas – de árvores frutíferas e nativas da região – na área utilizada pela empresa para captação de água no Córrego Cocalinho. Também está prevista uma ação de dragagem para retirar parte dos sedimentos carregados pelo leito do rio a partir do assoreamento promovido ao longo de seu curso. A representante também pontuou, que a empresa não é a responsável por autuar proprietários rurais em áreas particulares que prejudiquem a vegetação das margens córrego ou de suas nascentes, fatores que prejudicam o meio ambiente.

Os vereadores e o prefeito pontuaram que entendem que a concessionária pode ser uma parceira em ações conjuntas e esclareceram que realizam também ações de fiscalização em parceria com órgãos ambientais.

No fim da reunião, também ficou pré-estabelecida a visita de equipes da concessionária nas escolas da rede pública municipal em programas de educação ambiental para realização de palestras e atividades com alunos visando ampliar os conhecimentos sobre saneamento básico e proteção ao meio ambiente.

Ficou marcada uma nova reunião para o dia 23 deste mês para falar sobre todos os temas citados, inclusive sobre o problema do esgoto  muito cobrado pelas lideranças.

Os vereadores de Palmeirópolis, o prefeito Fábio Vaz, juntamente com o advogado Edilson Costa Brito, secretários, participaram da reunião.

Da redação

Reunião para discutir o Plano Diretor e o Conselho aconteceu nesta quarta-feira em Palmeirópolis

O Plano Diretor é o instrumento básico da política de desenvolvimento do município.

A primeira reunião do Conselho de Planejamento e Desenvolvimento Territorial e Urbano, aconteceu nesta quarta-feira (9), no auditório da Câmara Municipal de Palmeirópolis.

O encontro foi aberto pela Arquiteta Daniella Mendonça, e teve como pauta, a apresentação da metodologia e o cronograma do processo de elaboração do projeto, escolha e posse dos membros do Conselho.

De acordo com o prefeito Fábio Vaz, Palmeirópolis tem Plano Diretor desde 2010, mas só agora estão instituindo o Conselho, para trabalhar efetivamente. “O conselho do plano diretor é importante porque divide a responsabilidade com os moradores. Não pode ser mais a ideia do prefeito, tipo: Vamos construir um campo de futebol aqui, ou ali, o conselho vai olhar e dizer: não prefeito! aqui é um lugar de indústria. A prefeitura não pode decidir sozinha onde vai fazer praça por exemplo, precisa seguir um planejamento urbanístico que a cidade tem. Palmeirópolis tem o local de indústrias, de residências, de turismo, tudo isso é identificado pelo Plano Diretor através do Conselho”, explicou o prefeito.

O gestor disse ainda, que as ações que acontecem na cidade, como: regularização fundiária, falta de acessibilidade nas ruas, prédio mal localizado, A escolha do local de abertura de uma via, por exemplo, pode modificar toda a acessibilidade de uma área e, por consequência, seu valor imobiliário, é função do Conselho fiscalizar e cobrar da prefeitura.

São poucas as cidades que tem Plano Diretor no Tocantins e Conselho. Existe um Plano Diretor em Palmeirópolis, porque a empresa que administrava a Usina Hidrelétrica de São Salvador fez.

Além do prefeito Fábio Vaz, estiveram presentes na reunião o advogado Francieliton Ribeiro, o engenheiro Josimar Costa Furlan, secretários da prefeitura, dentre eles o de Meio Ambiente Jean Carlos, comerciantes e vereadores.

Também esteve participando da reunião a Arquiteta Daniella Mendonça.  

O Conselho foi composto por 17 titulares indicados pelas entidades representadas.

O Plano Diretor é uma lei municipal que deve ser elaborada com a participação de toda a sociedade. Ele organiza o crescimento e o funcionamento do município.

Na reunião foram apresentados tópicos e outras ferramentas para divulgar o novo Plano Diretor e facilitar o acesso da população, além de permitir que as pessoas façam sugestões, critiquem e tirem dúvidas a respeito.

Da redação

 

Vereadores de Palmeirópolis se reúnem com bancada tocantinense em Brasília para buscar solução para “curva da morte”

Atualmente já se contabilizam 51 vítimas nessa curva, sendo 9 vítimas fatais.

O Presidente da Câmara de Palmeirópolis William Marques de Souza, acompanhado dos vereadores, estiveram em Brasília esta semana, tratando de um assunto polêmico ligado ao município. O principal objetivo é uma solução urgente para o trecho conhecido como, “curva da morte”, ou “apertado da hora”, um local perigoso que tem levado muitos a morte.

Último acidente foi na semana passada, levando a morte do pastor Marcos Antônio de Oliveira de Gurupi.

Segundo os vereadores, já enviaram oficio aos deputados tanto estadual, como federal, pedindo que intercedam na liberação de emendas e busque uma alternativa para aquele trecho.

Segundo o presidente, atualmente as pessoas que necessitam passar pelo local, deslocam apreensivos e com medo. Para o vereador, está tendo um descaso na região, já que vários pedidos, requerimentos, manifestações foram feitos e nada foi resolvido até o momento, apenas colocaram algumas placas de sinalizações que não resolveram nada, porque o principal problema é no alto, no início da ladeira, e quem mais sofre são os caminhoneiros, explica o vereador.

O presidente acrescentou ainda, que apesar dos esforços que vem sendo realizado pelo executivo e legislativo do município para resolver este problema, é preciso buscar parceria junto aos representantes do Estado e também em Brasília. “Estivemos com toda a bancada do Tocantins em Brasília esta semana e eles se mostraram sensível aos problemas que enfrenta o município de Palmeirópolis e se dispuseram a ajudar. “O estado e nossas lideranças não podem ficar apenas se colocando à disposição para ajudar, precisam agir, resolver. Chega de promessas! É hora de agir. Disse o vereador William.

O vereador Fábio Gonçalves lamentou e disse: “Sabemos das dificuldades, mas quando se trata de vidas precisamos correr contra o tempo, porque nossas vidas estão em perigo. Trafegamos pelo local quase todos os dias, a população só usa esta estrada sentido Goiás, nossas famílias também. É fácil chegar em Palmeirópolis de avião e não correr o risco que a população está correndo, as lideranças políticas precisam conhecer de perto o local. A responsabilidade envolve as três esferas do poder, ou seja, federal, estadual e municipal e nada mais justo do que buscar essa ajuda junto ao governo do Estado e também em Brasília através dos nossos representantes, não é hora de politicagem, é hora de união com o mesmo objetivo”, enfatizou o vereador.

Os vereadores pedem providencias no sentido de se criar alguma alternativa viável de engenharia, transformando a “curva da morte” em um trecho seguro para os motoristas da Rodovia TO-387.

Trecho este, bem próximo à cidade de Palmeirópolis, que tem levado muitas pessoas a óbito, localizado a 5 km do centro da cidade.

Atualmente já se contabilizam 51 vítimas nessa curva, sendo 9 vítimas fatais. O trecho é antigo e conhecido por vários acidentes em série. Há muitos anos a população vem fazendo abaixo assinados, buscando uma reforma nessa curva.

A curva fica no pé de uma serra com ribanceira e tem sido alvo de reclamações de moradores devido o perigo e os constantes acidentes.

Todos os vereadores agradecem ao assessor, Wilton Gomes (Fião) pelo apoio. Sempre que vão a Brasila, Fião acompanha de perto a caravana de Palmeirópolis. 

Com o deputado federal Irajá Abreu.

Deputado federal Gaguim, com os vereaodres de Palmeirópolis.

Senador Ataídes Oliveira recebe os vereadores em seu gabinete em Brasilia.

Reunidos com a deputada federal Josi Nunes.

Com assessoria da deputada fereral Dulce Miranda.

Da redação

 

EM BRASÍLIA: Vereadores de Palmeirópolis buscam recursos para o município

Vereadores vão a Brasília pedir verbas aos deputados e senadores.

Na tentativa de buscar recursos através de deputados e senadores uma comitiva de vereadores de Palmeirópolis esteve na Câmara dos Deputados, em Brasília (DF) esta semana, entregando reivindicações e pedidos de verbas para as áreas de infraestrutura, saúde, caminhão pipa e outros assuntos.

Os vereadores Simonar Cassimiro “Arara” (PMDB), Fábio Gonçalves (PODEMOS), Jamilton Guedes (PSD) e Nonato Barros (PTB), visitaram os gabinetes dos deputados Dulce Miranda, Josi Nunes e Gaguim.

Foram muito bem recebidos por todos e principalmente pelo deputado federal Carlos Henrique Gaguim, que na oportunidade, os apresentaram na tribuna em rede nacional, não esquecendo de elogiar e falar de Palmeirópolis em seu discurso e afirmar suas emendas ao município.

Para os vereadores, o fato de estar sempre ido juntos conversarem com os deputados federais demonstra força política que Palmeirópolis tem e aumentar as chances de o município conseguir de fato a liberação das verbas solicitadas.

O foco é mostrar que a união faz mesmo diferença. Por isso, sempre que vão à Brasília procuram fazer juntos, “fomos os quatro em busca de verbas para o nosso município, algumas vezes fomos com uma turma maior de vereadores e queremos sempre esta força e parceria. Estamos trabalhando em prol de Palmeirópolis independentemente do partido que representamos. Estamos juntos e essa união deu mais força para a cidade”, observaram os vereadores.

Agora, os vereadores já planejam retornar à Câmara dos Deputados em outubro deste ano, com todos os vereadores e o prefeito, a fim de cobrar os recursos já pedidos e também entregar novas reivindicações. “O dinheiro está lá e é nosso! São nossos impostos pagos que precisam retornar para Palmeirópolis em forma de investimento. Temos de ir lá novamente, buscar esses recursos. Não podemos ir apenas uma única vez, estamos fazendo sempre isso, indo”, comentaram os vereadores.

Ainda agradeceram Wilton Gomes (Fião), pelo apoio e estadia.

 

Da redação/Mapa da Noticia

Vereadores de Palmeirópolis retornam a Brasília atrás de recursos para o município

Os vereadores de Palmeirópolis têm feito um grande diferencial no sul do Tocantins. Durante a semana eles retornaram a Brasilia em busca de recursos para o município.

A população está sendo bem representada, principalmente tendo Márcia Araújo envolvida entre eles, mesmo não sendo reeleita, ela sempre está na linha de frente nas viagens a Brasília, pensando no povo.

Graças ao empenho dos vereadores que através de suas indicações os trabalhos estão sendo executados, a cidade está se transformando e crescendo cada vez mais.

O vereador cobra, fiscaliza, indica e reivindica, e as obras acontecem, e com isso quem ganha é a população; com mais Saúde, Educação, Agricultura, Saneamento básico, estradas e outros benefícios.

Além das indicações feitas pelos vereadores ao executivo, eles têm espaço aberto nos poderes estadual e federal, onde os mesmos podem reivindicar emendas parlamentares para ser aplicado em seus municípios. E assim tem feito os vereadores de Palmeirópolis, junto com Márcia Araújo.

O trio, composto pelo vereador Fabio Gonçalves, Jamilton Guedes, juntamente com a ex-vereadora e secretaria do (GMC), Gerente Municipal de Convênios Márcia Araújo, foram mais uma vez em busca de recursos e também agradecer pelos já recebidos.

Os parlamentares viajaram à Brasília-DF durante a semana afim de correr atrás de mais emendas parlamentares e já em busca de novos recursos para serem aplicados ao município este ano. Ficaram três dias visitando os gabinetes e seus representantes.

Dentre as necessidades prioritárias o foco é saúde, uma vez que o índice populacional vem crescendo e precisa com urgência melhorar o atendimento, tanto no hospital, quanto nos postos de saúde, que também é de suma importância no atendimento da população.

Os vereadores estiveram no Congresso Nacional onde se encontrou com diversos deputados. Visitaram vários gabinetes, entre eles o da deputada federal Josi Nunes, Vicentinho Junior, Carlos Gaguim, Irajá Abreu, também do senador Vicentinho Alves. Em todos os gabinetes foram bem recebidos e elogiados. Entre os elogios disseram que eles foram os únicos vereadores do Tocantins que voltaram para agradecer e que estão sempre marcando presença em busca de recursos.

 ”Além do nosso trabalho Legislativo, na Câmara Municipal, tenho o compromisso de estabelecer laços com políticos das esferas estadual e federal para buscar recursos e parcerias para nossa cidade”, afirmou o parlamentar Fabio Gonçalves, ao justificar a viagem. Na ocasião, o vereador protocolou mais ofício ao deputado federal Carlos Henrique Gaguim solicitando emendas, dente elas, 150 mil que já entrou e mais 120 mil reais que estar por vir, para aquisição de equipamentos na saúde, além de mais recursos para 2018.

O vereador Jamilton Guedes entusiasmado disse do empenho na busca por recursos,“precisamos de todo o apoio possível para o crescimento de nossa cidade. Palmeirópolis é um município que tem crescido muito, necessitamos, portanto, de mais recursos para o seu maior desenvolvimento. Tenho a certeza de que essa visita será bem-sucedida e que as verbas serão bem investidas para realizar melhorias para nossa população”, destacou.

Márcia Araújo falou do seu compromisso mesmo não sendo mais vereadora, “Vou continuar o meu trabalho independente de ter um cargo ou não na Câmara, como sou representante do senador Vicentinho Alves e do deputado Federal Vicentinho Junior, vou continuar correndo atrás das emendas destinadas ao nosso município, unidos para uma cidade melhor e mais desenvolvida”, disse.  

Em seguida o trio foram ao Ministério das Cidades, no departamento de habitação, em busca de informações sobre as casas populares que estão com as obras paradas algum tempo e também buscar recursos para construção de mais casas, encontrar soluções para resolver o problema. O departamento garantiu que em vinte dias aproximadamente será iniciada a obra das 30 casas em Palmeirópolis.

No gabinete do senador Vicentinho Alves conseguiram 300 mil reais construção da sede do CRAS em Palmeirópolis, esta emenda já foi carimbada e foi um pedido ainda quando Márcia Araújo era vereadora, agora ela foi atrás para confirmar.

Esta semana foi licitado mais de cem mil de compras de equipamentos, dentre eles o aparelho de raio x para saúde, pedido também da ex-vereadora Márcia Araujo.

A viagem a Brasília foi produtiva e quem ganha é a população.

Márcia Araujo, Fabio Gonçalves, dep, federal Josi Nunes e Jamiltom Guedes.
Márcia Araujo, Fabio Gonçalves, deputada federal Josi Nunes e Jamiltom Guedes.

unnamed (14)

Monica Balestrin Nunes, Analista de Infraestrutura-departamento de produção Habitacional Marcos Aurelio, assessor de Orçamento do senador Vicentinho Alves.
Monica Balestrin Nunes, Analista de Infraestrutura-departamento de produção Habitacional, Marcos Aurélio, assessor de Orçamento do senador Vicentinho Alves.
Acompanhados do deputado federal, Vicentinho Junior.
Acompanhados do deputado federal, Vicentinho Junior.
Fabio Gonçalves ao lado do deputado federal, Carlos Henrique Gaguim.
Fabio Gonçalves ao lado do deputado federal, Carlos Henrique Gaguim.

Da redação      

Câmara de vereadores de Palmeirópolis realizou esta semana a primeira sessão ordinária do ano

 

IMG-20170224-WA0036[1]

Após o recesso parlamentar de final de ano, a Câmara de vereadores realizou na segunda feira (20) a primeira sessão do primeiro período do legislativo, dando continuidade durante toda semana. Na ocasião o novo presidente eleito Willian Marques abriu os trabalhos da casa com a presença de todos os vereadores, do prefeito Fabio Vaz e a vice Josemir Bastos.Em seguida o padre Roberto fez leitura e reflexão na bíblia e oração abençoando a todos.

O prefeito falou em sua mensagem do compromisso de lutar sempre para o crescimento da cidade priorizando o bem-estar do povo, disse da harmonia e do trabalho da câmara na gestão anterior relatando que eles foram os vereadores que mais trouxeram verbas para o município. “Respeito muito o legislativo, fui vereador aqui nesta casa, a prefeitura está de portas abertas para cada vereador. Ano passado conseguimos muitos recursos através dos vereadores e seus representantes. Fomos à Brasília para conseguir recursos para cidade de Palmeirópolis, obtivemos bons resultados em torno de R$1.500.000.00 (um milhão e meio) ”, afirmou.

Falou também dos recursos do município que cinquenta e três por (53%), está comprometido com a folha de pagamento. E que as regularizações dos loteamentos de alguns setores estão em andamento e de várias outras obras.

Diversos projetos de lei e assuntos importantes foram apresentados e discutidos para as próximas sessões colocar em andamento. Cada vereador teve sua palavra na tribuna, ocasião na qual a comunidade poder estar a par dos trabalhos e do posicionamento de seu representante no parlamento municipal. Nas primeiras reuniões desta semana o clima foi um pouco tenso, dando para perceber que no decorrer do ano muita coisa pode acontecer. Esta nova legislatura promete ter bastante debates que poderão trazer melhorias ao município ao longo dos próximos 4 anos.

O vereador é um agente político, eleito para sua função pelo voto direto e secreto da população. Ele trabalha no Poder Legislativo da esfera municipal da federação brasileira (o Brasil é uma federação composta por três esferas de poder: União, Estados e Municípios). Assim, o vereador tem um papel equivalente ao que deputados e senadores possuem nas esferas mais amplas (Estados e União).

Por isso cada cidadão deve cobrar, assistir os debates e fiscalizar o que seu representante está fazendo em prol do município.

Conheça os novos vereadores:

José Daniel Rosa, Sinimar Cassimiro de Paula (Arara), Fábio Gonçalves da Silva Santos, Hildene Tokio Macedo, Willian de Sousa Marques, Nilson Rodrigues do Nascimento, Jamilton Guedes Milhomem, Divino Izidório Pereira Divino da Patrol), Raimundo Nonato Ribeiro da Silva.

Vereador Fabio Gonçalves.
Vereador Fabio Gonçalves.
Vereador em seu primeiro mandato, Divino da Patrol.
Vereador em seu primeiro mandato, Divino da Patrol.
Professor Daniel Rosa, primeiro mandato.
Professor Daniel Rosa, primeiro mandato.
Vereador Jamilton Guedes.
Vereador Jamilton Guedes.
Vereador Nonato Barros.
Vereador Nonato Barros.
Vereador Nilson Rodrigues.
Vereador Nilson Rodrigues.
Presidente da Câmara, vereador Willian Marques.
Presidente da Câmara, vereador Willian Marques.
Sinomar Cassimiro (Arara).
Sinomar Cassimiro (Arara).
A única vereadora mulher Hildene Tokio.
A única vereadora mulher Hildene Tokio.
Momento de oração e reflexão na Câmara.
Momento de oração e reflexão na Câmara.

Da redação/MN

Câmara de vereadores de Palmeiropolis realizou última sessão ordinária com expectativa para o novo pleito

A Câmara de Vereadores de Palmeiropolis encerrou no final de dezembro os trabalhos de 2016, com expectativas para 2017. O período de quatro anos, entre 2013 e 2016, foi de muito trabalho, atividades legislativas e administrativas. Para o ano que se inicia muita coisa vai mudar. A presidência, por exemplo, tudo indica que terá novas eleições para mesa diretora no dia da posse, domingo 1º.

 Expectativa tem sido grande da população à espera deste novo mandato. A primeira das funções legislativas básicas é legislar. Ou, dito de forma mais simples, fazer leis. Muita coisa foi discutida e aprovada durante a Legislatura dos quatro anos.

Cada vereador correu atrás de seus projetos e emendas para investir no município nestes quatro anos. Foram viagens, debates, e corpo a corpo com o cidadão, afim, de ouvi e tentar dar a solução.  As sessões e o prédio da Câmara foram abertos ao público sempre.   

Dois anos na presidência da Câmara, uma das mudanças que o vereador Fábio Gonçalves empenhou em fazer foi à reforma do prédio, dentro e fora da casa. O local foi reformado, com pinturas e reformas de cadeiras, equipado com vários ares condicionados, notebooks, impressora, além de todos os salários e décimo terceiro que foram pagos aos funcionários em dia. O novo presidente vai receber em boas condições o prédio e toda área burocrática.

 “A Câmara cumpriu, 90 por cento de suas metas nestes dois anos que fui presidente, trabalhamos para isso e ainda deixamos dinheiro em caixa”, todos os nossos vereadores foram parceiros e compreensivos, sem eles, tenho certeza que não teria conseguido fazer um bom trabalho. Espero que esta nossa legislatura tenhamos a mesma harmonia que tivemos nesta que se finda. Agradeço cada nobre vereador pela parceria, citando aqui Márcia Araujo, Jerônimo Valdomiro e João Evangelista (Badalo).  Também, Edson Soares e Alex Martins, que fizeram parte desta casa de leis e não vão estar conosco nesta nova legislatura. agradeço a equipe de funcionários que prestaram serviços junto com agente estes anos. Parabenizo, e também agradeço meus colegas vereadores que continuarão sentados a mesa comigo neste novo mandato, Jamiltom Guedes, Nilson Rodrigues e William Marques. Quero dar boas vindas aos novos vereadores que fará parte deste novo mandato conosco, Sinomar (Arara), Divino da patrola, Daniel Rosa, Hildene Macedo, Nonato Barros.  Continuarei como vereador e quero empenhar mais em prol do nosso município, fazer valer cada voto recebido. Em nome da Câmara Municipal, desejo a todos um feliz ano novo”. declarou Fabio Gonçalves.

Acompanhe no site da transparência tudo que entrou e saiu da Câmara municipal de Palmeiropolis.

Da redação

Vereadores de Palmeirópolis se reuniram com o Ministério Público e autoridades na tarde desta terça feira no Fórum

Na tarde desta terça feira 17, às 14h30min a Câmara municipal de Palmeirópolis se reuniu com lideranças e o Ministério Público,  para discutir a segurança do trecho da Rodovia-387, denominado “apertado da hora”. Local onde vem ocorrendo grande número de acidentes, no qual a própria Juíza quase morreu porque estava na hora que o caminhão estava descendo  desgovernado. Ela disse que o caminhão estava a quase 200km por hora no momento que ultrapassou e quase foi vitima da tragédia, acompanhando de perto a morte dos caminhoneiros.

Há quase quinze dias (15) os vereadores foram a Palmas e falaram com o secretário de Infra Estrutura, pedindo socorro porque tinham medo de algo mais grave acontecer e hoje aconteceu. O Promotor Gustavo Schutt disse que diversas medidas podem ser adotadas visando sanar o problema, mas que é preciso seguir etapas começando por juntar evidências sobre os fatos que vem sendo narrados. Disse ainda que deve ser levado em considerações a legislação em vigor mas que o interesse sobre a vida humana deve prevalecer.

O prefeito, vereadores, moradores e o Ministério Público têm pressa e estão trocando idéias de quem sabe uma organizar uma valva de escape no local, muitas placas de sinalização, fazer alguma coisa para não acontecer mais acidentes, até resolver. “O trecho é tão perigoso que não da para ficar esperando a boa vontade do estado, isso pode acontecer com qualquer um de nós”, disse um morador.

O prefeito Fabio Vaz disse que o problema da curva é desde que obra foi iniciada, “sempre houve alerta sobre o trecho e que nenhuma medida foi tomada”, ele comentou ainda que na época da construção da pista havia duas alternativa sobre o trecho em questão sendo a construção de muros de arrimo ou corte do morro e que inclusive ficou sem receber asfalto por elevado período. No final continuaram a obra sem que nenhuma das duas medidas fosse adotadas.

O cidadão Arthur Francino disse que desde que a obra foi inaugurada já ocorreram mais de 80 acidentes envolvendo caminhões e carretas, algumas com tombamentos de veículos.

O tenente Santos ressalvou o perigo de algum acidente com veículos inflamáveis que pode trazer graves conseqüências para a cidade, disse ainda que já presenciou mortes no local em decorrência dos acidentes não incluindo as duas de hoje, Inclusive de um policial militar.

A Juíza Ana Paula, falou sobre a importância de ser construída uma saída de emergência as margens da rodovia até que a situação se resolva. A vereadora Marcia Araujo representou com documentos que ela juntamente com os demais vereadores entregaram ao secretario de Infra Estrutura, Habitação e Serviços Públicos Sergio Leão no dia 5 passado, noticiando três acidentes que ocorreram na época. Solicitando providencias e que ainda não havia sido atendidos.

Desde 2007 foi feito vários requerimentos pedindo a solução, vários abaixo assinados e nada. O medo dos moradores é pegar o carro e na curva encontrar outro veiculo desgovernado.

Um caminhão de gás, por exemplo, seria uma tragédia ainda maior. O Promotor substituto Gustavo Schutt e a Juíza Ana Aires Toríbio,  se colocaram a disposição e vão providenciar uma ação civil pública ao Estado cobrando dos responsáveis urgências. Todos são impactados de alguma forma e estão em pânico.

O local é conhecido como o “trecho da morte”, ou o “corredor da morte”.  O risco de vida de crianças nos ônibus escolares é muito grande, assim como de qualquer pessoa que passa por ali. A prefeitura, a Câmara vai fazer um levantamento do local,  correr atrás do mapa da obra para ver se realmente está correto e qual engenheiro assinou na época.

IMG-20160517-WA0037

IMG-20160517-WA0040

IMG-20160517-WA0039

IMG-20160517-WA0043

IMG-20160517-WA0046

IMG-20160517-WA0042

       

Vereadores de Palmeirópolis cobram solução urgente para resolver o trecho perigosa da curva

Após uma ampla discussão realizada nas reuniões desta semana, na Câmara municipal de Palmeirópolis, os vereadores se reuniram na tarde de quarta-feira 4, para buscar soluções com o objetivo de resolver os entraves em relação ao trecho conhecido como “Apertado da Hora”, também apelidado de “o trecho da morte”.

IMG-20160506-WA0023Os vereadores de Palmeirópolis, Nilson Rodrigues, Márcia Araujo, Jamilton Guedes e Alex Martins foram até Palmas e junto com deputado Ricardo Ayres reunião às 14h00min com secretário de Estado da Infraestrutura, Sérgio Leão. O assunto foi procurar solução em caráter de urgência sobre a curva causadora de acidentes.

De acordo com Alex Martins a questão do apertado da hora precisa ser urgentíssimo, ”precisa ser urgente sem muito bla bla bla, antes que uma tragédia maior aconteça naquele local, registra bem esta reunião na ATA para depois não dizer por aí que o município foi omisso”. Disse ele.

Em Palmas, eles também fizeram reunião com o deputado Ricardo Aires. Na ultima sessão ficou definido que cada vereador vai procurar seus representes e cobrar.

Moradores cogitaram a possibilidade de paralisação caso a situação não seja resolvida com urgência, por medo de dirigir no trecho e encontrar algum veiculo desgovernado vindo na curva. Porque três acidentes aconteceram em menos de uma semana.

“Todos nós vereadores estaremos empenhados neste assunto, cobrando dos responsáveis uma solução, do jeito que está não pode continuar, nossas famílias também estão correndo riscos passando no local”. Disse o presidente da Câmara Fabio Gonçalves.

Na oportunidade, a vereadora Márcia Araujo também se reuniu com seu represente o presidente da Assembléia Legislativa Osires Damaso que se prontificou a ajudar.

IMG-20160506-WA0021