terça-feira, agosto 16, 2022

Últimas Notícias

Wanderlei denuncia suposto desvio de recursos na Prefeitura de Palmas

O deputado Wanderlei Babosa (SD) denunciou três casos em que teriam
acontecido desvios de recurso na atual gestão da Prefeitura de Palmas
que totalizariam R$ 30 milhões. Na sessão desta terça-feira, 24, ele
se referiu aos gastos com a limpeza urbana na Capital. Segundo
Wanderlei, o prefeito Carlos Amastha (PSB) contratou a empresa Valor
Ambiental, e não a CGC Coleta Geral que ofereceu o serviço por valor
mais barato, e isso causou um prejuízo de cerca de R$ 4 milhões ao ano
ao Município.

Ainda segundo Wanderlei, outros R$ 5 milhões em prejuízos ocorreram em
função da contratação de consultorias sem licitação. “Se somarmos tudo
com os convênios criminosos do Esporte, que somaram mais de R$ 7
milhões, chegaremos ao total de R$ 30 milhões de prejuízos em apenas
três vertentes usadas pela Prefeitura”, avaliou.

Wanderlei falou ainda dos gastos do prefeito e dos seus secretários
com viagens para Curitiba e ao exterior que superam outros R$ 5
milhões. Segundo seus cálculos, os valores dariam para construir, pelo
menos, duas escolas de tempo integral e até dez creches. O deputado
disse que, com os 27 anos de fundação comemorados no último dia 20, a
população da Capital só tem motivos para protestar e pouco para
comemorar.

“Nesse momento de comemoração pelo aniversário de Palmas presenciamos
professores que levantam faixas e criticam a gestão da Educação com os
dizeres: quem não respeita a Educação não merece reeleição”, observou
Barbosa.

Elpídio Lopes.
Foto: Isis Oliveira

Últimas Notícias

spot_imgspot_img

Não deixe de ler

RECEBA NOSSAS NEWSLETTERS

Quer ficar informado em primeira mão? Se cadastre na nossa Newsletter e receba o Mapa da Notícia no seu e-mail.