segunda-feira, dezembro 6, 2021

Últimas Notícias

Troca de governador no Tocantins não resolve atrasos salariais de profissionais da saúde

Profissionais atuam no Hospital Estadual de Combate à Covid-19.

A troca de governador no Tocantins, de Mauro Carlesse para Wanderlei Barbosa, ainda não resolveu o problema enfrentando por centenas de profissionais da saúde que estão na linha de frente de combate à covid-19 desde o início da pandemia. O salário desses trabalhadores vem atrasando frequentemente há cerca de um ano.

O mês de novembro está chegando fim, mas os trabalhadores do Hospital Estadual de Combate à Covid (HECC), em Palmas, ainda não receberam o pagamento referente a outubro. São 192 profissionais, além de médicos. Essa situação de descaso já foi denunciada várias e várias vezes pelo site.

O problema ocorre porque o Governo do Tocantins atrasa os repasses devidos ao ISAC – Instituto Saúde e Cidadania, que o é responsável pela gestão da unidade de saúde, provocando um efeito cascata junto aos colaboradores e prestadores de serviços.

Em nota divulgada nesta terça-feira (23), O ISAC confirmou o atraso no repasse referente à requisição administrativa do Hospital Estadual de Combate à Covid-19. Segundo a nota, o governo repassou apenas os recursos referentes à gestão das UTIs Covid nos Hospitais de Palmas, Araguaína e Gurupi.

“É por esse motivo que ainda não pagamos nossos colaboradores do HECC. Esse atraso vai contra nossa vontade e somos solidários a vocês”, afirma o ISAC na nota.

O Instituto afirmou que depende desse repasse financeiro da Secretaria de Estado da Saúde para quitar a folha da competência 10/21.

AF Notícias.

Últimas Notícias

spot_imgspot_img

Não deixe de ler

RECEBA NOSSAS NEWSLETTERS

Quer ficar informado em primeira mão? Se cadastre na nossa Newsletter e receba o Mapa da Notícia no seu e-mail.