quinta-feira, maio 19, 2022
spot_img

Últimas Notícias

Prefeito relata pânico e medo de novos alagamentos; 38 famílias seguem desalojadas

Ainda não voltaram para suas casas, pois continua chovendo na região.

Com medo do volume de água voltar a subir, 38 famílias que ficaram desalojadas em Axixá do Tocantins, no Bico do Papagaio, não querem voltar para as suas casas, segundo informou o prefeito Auri-Wulange Ribeiro (PSL).

Moradores de três bairros [São Raimundo, Santa Rita e Bairro Consórcio] foram afetados depois que um córrego temporário transbordou. A cidade não fica às margens do Rio do Tocantins

A água já diminuiu bastante, mas continua chovendo. Todo mundo está em pânico novamente com medo do volume, da quantidade de água”, afirmou o prefeito de Axixá.

De acordo com Auri, 38 famílias ficaram desalojadas após a chuva intensa que caiu na madrugada desta segunda-feira (03.jan,22). “Alguns estão em casas de familiares, outros na escola do município e a gente está dando assistência agora levando cestas básicas”, explicou.

Ainda segundo o prefeito, as secretarias de Saúde, Assistência Social e demais servidores estão trabalhando em conjunto a fim de minimizar os prejuízos causados a essas famílias.

CIDADES MONITORADAS E EM ALERTA

Atualmente, a Defesa Civil tem monitorado 35 municípios impactados pelas chuvas que afetaram um total de 894 pessoas. O Tocantins tem hoje 340 pessoas desabrigadas nos municípios de Araguanã, Itaguatins, São Miguel do Tocantins, Rio dos Bois e Pedro Afonso.

Outras 154 estão desalojadas em Araguanã, Paranã, Rio dos Bois, Pedro Afonso, Tupirama, Tupiratins, Palmeirante, Bom Jesus, São Sebastião, São Miguel, Sampaio e Itaguatins.

O Governo Estadual anunciou ações imediatas para amenizar o sofrimento dos tocantinenses afetados pelas chuvas intensas. Entre as ações estão a distribuição de cestas básicas, água potável, colchões, cobertores e medicamentos.

AF Notícias.

Últimas Notícias

spot_imgspot_img

Não deixe de ler

RECEBA NOSSAS NEWSLETTERS

Quer ficar informado em primeira mão? Se cadastre na nossa Newsletter e receba o Mapa da Notícia no seu e-mail.