sábado, agosto 13, 2022

Últimas Notícias

Pai confessa abuso após filha revelar crime à diretora da escola, diz polícia

Após revelação da criança, de 10 anos, Conselho Tutelar acionou a PM.
Levado à delegacia, caseiro foi solto por falta de flagrante, em Pilar de Goiás

Um homem de 34 anos foi detido para averiguação e confessou à polícia que abusou sexualmente da filha, de 10 anos, na fazenda onde ele trabalhava como caseiro, em Pilar de Goiás, região central do estado. O caso foi descoberto depois que a vítima contou sobre o crime para a diretora da escola onde estudava.

Após prestar depoimento, ele foi liberado, pois não houve flagrante. De acordo com o delegado Fábio Mendanha de Castilho, titular da Delegacia de Itapaci e responsável pelo caso, após saber do fato, na quarta-feira (11), a servidora acionou o Conselho Tutelar, que avisou a Polícia Militar.

“Ele confessou que cometeu o abuso pelo menos cinco vezes quando a mulher não estava em casa. Quando questionei porque ele fazia isso, ele não soube o que responder”, disse o delegado ao G1.

A última vez, segundo ele, ocorreu há cerca de 15 dias. A garota também ouvida e ratificou os atos. Discordou apenas em relação à quantidade dos crimes – falou que eles ocorreram por duas vezes.

O casal tem outro filho, de 5 anos, mas ele não foi vítima da violência. A polícia acredita que a mulher do suspeito não sabia dos abusos.

Por enquanto, a guarda da garota está sob responsabilidade de Conselho Tutelar. O delegado aguarda o laudo do Instituto Médico Legal (IML), que deve ficar pronto na sexta-feira (13), para pedir a prisão do homem à Justiça.

Até então, ele deve responder em liberdade pelo crime de estupro de vulnerável. Se condenado, pode ficar de 8 a 15 anos na cadeia. A pena pode ter acréscimo de um sexto por se tratar de abuso contra descendente.(fonte:g1/go)

Últimas Notícias

spot_imgspot_img

Não deixe de ler

RECEBA NOSSAS NEWSLETTERS

Quer ficar informado em primeira mão? Se cadastre na nossa Newsletter e receba o Mapa da Notícia no seu e-mail.