quarta-feira, agosto 10, 2022

Últimas Notícias

Anastasia quer votação definitiva do impeachment em agosto

A comissão do processo de impeachment no Senado pretende definir o cronograma de votação nesta semana

A comissão que analisa o afastamento da presidente Dilma Rousseff deve definir, ainda nesta semana, a data para a votação definitiva do processo. Segundo informações do R7, o relator Antonio Anastasia (PMDB) apresentou cronograma em que indica votação de seu relatório sobre possíveis irregularidades fiscais da presidente em 27 de julho. O parecer seria votado em Plenário em 2 de agosto.

O prazo representa metade do prazo máximo de afastamento – 180 dias. Aliados da presidente consideraram o período muito curto e pediram uma renegociação das datas a Raimundo Lira (PMDB), o presidente da Comissão. Lira definiu que os senadores podem sugerir mudanças no calendário até a próxima quinta-feira (2).

Dilma tem até quarta-feira (1º) para apresentar sua defesa e solicitar a convocação de testemunhas e de provas. Anastasia propõe para o dia seguinte a apresentação de seu parecer sobre essas solicitações da defesa e também sobre pedidos de prova apresentados pela acusação e pelos senadores. Segundo cronograma proposto por Anastasia, as oitivas, o levantamento de documentos e as diligências aconteceriam entre 6 e 17 de junho.

O senador sugere para 20 de junho o interrogatório dapresidente, ou a oitiva de seu advogado, caso ela opte por ser representada. Ele prevê ainda a concessão de 15 dias para alegações escritas da acusação e igual prazo para as alegações da defesa. O relatório seria lido na comissão em 25 de julho e votado dois dias depois.

O relator propõe, ainda, a leitura do parecer da comissão em Plenário em 27 de julho, seja ou não pela pronúncia, confirmando ou não a materialidade e o indício de autoria de crime de responsabilidade de Dilma Rousseff.(fonte:notícias ao minuto)

Últimas Notícias

spot_imgspot_img

Não deixe de ler

RECEBA NOSSAS NEWSLETTERS

Quer ficar informado em primeira mão? Se cadastre na nossa Newsletter e receba o Mapa da Notícia no seu e-mail.