Bastidores da política, Destaque

Vicentinho e Dimas se reúnem em Brasília nesta quarta para discutir eleições diretas

Na pauta dos dois, o entendimento sobre quem disputará as eleições diretas suplementares, para substituir o ex-governador Marcelo Miranda, que deixou o governo, por força de cassação votada pelo TSE.

O senador Vicente Alves (PR), o Vicentinho, se reúne nesta quarta-feira, 28, em Brasília (DF) com o prefeito de Araguaína e pré-candidato ao governo do Estado para as eleições de outubro, Ronaldo Dimas (PR).

Na pauta dos dois, o entendimento sobre quem disputará as eleições diretas suplementares, para substituir o ex-governador Marcelo Miranda, que deixou o governo, por força de cassação votada pelo TSE no último dia 22.

Dimas se manifestou com a intenção de disputar o pleito suplementar e recebeu um convite do MDB para filiar-se e disputar eleição pelo partido.

O convite à defesa da candidatura de Dimas divide opiniões dentro do MDB, que tem em seus quadros o prefeito de Paraíso e ex-governador Moisés Avelino.

Em reunião do partido a portas fechadas, Avelino divergiu de Derval de Paiva e indicou intenção de apoiar o senador Vicentinho.

Impedimento constitucional

O prefeito Ronaldo Dimas, assim como o prefeito de Palmas, Carlos Amastha, pode estar impedido de disputar as eleições suplementares por não ter se desincompatibilizado seis meses antes do pleito. É o que afirmam constitucionalistas.

O presidente do TRE, desembargador Marco Villas Boas confirmou em entrevista à imprensa no final da tarde de ontem, 27, que a resolução a ser baixada pelo tribunal para regulamentar as eleições no Tocantins seguirão os preceitos constitucionais.

Caso se confirme o impedimento dos prefeitos, o senador é o nome que o PR tem para a disputa direta do dia 3 de junho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.