Sebrae aproxima público do artesanato tocantinense na Expoara 2018

Durante o evento, mais de 20 artesãos irão apresentar seus trabalhos para o público no Espaço Artesanato, no Shopping da Tecnologia da Expoara.

Até o próximo domingo, 17, o Sebrae estará presente na 50ª Exposição Agropecuária de Araguaína (Expoara 2018), com o Espaço Artesanato no Shopping da Tecnologia. Mais de 20 expositores irão participar com vários segmentos do artesanato regional como fibras do capim dourado, babaçu, buriti, sementes, bonecos de jatobá, bonecas de feltro, aromas e móveis em madeira. O ambiente é uma oportunidade dos artesãos apresentarem e comercializarem artesanatos fabricados no Tocantins.

Para o superintendente do Sebrae no Tocantins, Omar Hennemann, a Expoara é uma oportunidade de aproximar o público e lojistas de todo o Brasil do artesanato tocantinense. “A Expoara é um ambiente para incentivar a comercialização dessas peças. Por isso, promovemos essa grande vitrine para o artesão. Além de apresentar seu trabalho e vender seus produtos, terá a oportunidade de fazer contatos com lojistas de vários estados do Brasil”, explicou.

Antônio Marinho é artesão há 15 anos no segmento de bonecos de sementes de jatobá e vê com otimismo sua terceira participação na Expoara. “Araguaína é um grande polo comercial para os artesãos do Tocantins. Essa é uma oportunidade de fazer negócios e apresentar nosso trabalho, que inclusive segue a temática da exposição” afirmou.

Feito no Tocantins

Junto à exposição, o ambiente também proporciona aos visitantes conhecerem a proposta do site “Feito no Tocantins”. A ferramenta é uma vitrine virtual do que é fabricado no estado e tem o objetivo de aproximar quem faz a quem quer comprar. 

https://goo.gl/nQPWRF

Ascom SEBRAE

Empresário tocantinense filia-se ao DEM e realiza visita a Gaguim

A política tocantinense conta com um novo nome no Democratas.
Na manhã desta quarta-feira, 4, o pré-candidato a Deputado Federal, o empresário Humberto Barbosa Costa, também conhecido como Castelo, esteve no gabinete do Deputado Federal Carlos Henrique Gaguim (DEM-TO), em Brasília, para assinar a ficha de filiação ao partido.
Costa é natural de Alvorada (TO) e trabalha no ramo de seguros e combustíveis. “Ele conhece o Tocantins e é empresário há muitos anos. Com certeza irá ajudar o nosso estado com investimentos. Seja bem-vindo” , destacou Gaguim.
Assessoria de Imprensa Dep. Federal Carlos Gaguim

Vereadores de Palmeirópolis se reúnem com bancada tocantinense em Brasília para buscar solução para “curva da morte”

Atualmente já se contabilizam 51 vítimas nessa curva, sendo 9 vítimas fatais.

O Presidente da Câmara de Palmeirópolis William Marques de Souza, acompanhado dos vereadores, estiveram em Brasília esta semana, tratando de um assunto polêmico ligado ao município. O principal objetivo é uma solução urgente para o trecho conhecido como, “curva da morte”, ou “apertado da hora”, um local perigoso que tem levado muitos a morte.

Último acidente foi na semana passada, levando a morte do pastor Marcos Antônio de Oliveira de Gurupi.

Segundo os vereadores, já enviaram oficio aos deputados tanto estadual, como federal, pedindo que intercedam na liberação de emendas e busque uma alternativa para aquele trecho.

Segundo o presidente, atualmente as pessoas que necessitam passar pelo local, deslocam apreensivos e com medo. Para o vereador, está tendo um descaso na região, já que vários pedidos, requerimentos, manifestações foram feitos e nada foi resolvido até o momento, apenas colocaram algumas placas de sinalizações que não resolveram nada, porque o principal problema é no alto, no início da ladeira, e quem mais sofre são os caminhoneiros, explica o vereador.

O presidente acrescentou ainda, que apesar dos esforços que vem sendo realizado pelo executivo e legislativo do município para resolver este problema, é preciso buscar parceria junto aos representantes do Estado e também em Brasília. “Estivemos com toda a bancada do Tocantins em Brasília esta semana e eles se mostraram sensível aos problemas que enfrenta o município de Palmeirópolis e se dispuseram a ajudar. “O estado e nossas lideranças não podem ficar apenas se colocando à disposição para ajudar, precisam agir, resolver. Chega de promessas! É hora de agir. Disse o vereador William.

O vereador Fábio Gonçalves lamentou e disse: “Sabemos das dificuldades, mas quando se trata de vidas precisamos correr contra o tempo, porque nossas vidas estão em perigo. Trafegamos pelo local quase todos os dias, a população só usa esta estrada sentido Goiás, nossas famílias também. É fácil chegar em Palmeirópolis de avião e não correr o risco que a população está correndo, as lideranças políticas precisam conhecer de perto o local. A responsabilidade envolve as três esferas do poder, ou seja, federal, estadual e municipal e nada mais justo do que buscar essa ajuda junto ao governo do Estado e também em Brasília através dos nossos representantes, não é hora de politicagem, é hora de união com o mesmo objetivo”, enfatizou o vereador.

Os vereadores pedem providencias no sentido de se criar alguma alternativa viável de engenharia, transformando a “curva da morte” em um trecho seguro para os motoristas da Rodovia TO-387.

Trecho este, bem próximo à cidade de Palmeirópolis, que tem levado muitas pessoas a óbito, localizado a 5 km do centro da cidade.

Atualmente já se contabilizam 51 vítimas nessa curva, sendo 9 vítimas fatais. O trecho é antigo e conhecido por vários acidentes em série. Há muitos anos a população vem fazendo abaixo assinados, buscando uma reforma nessa curva.

A curva fica no pé de uma serra com ribanceira e tem sido alvo de reclamações de moradores devido o perigo e os constantes acidentes.

Todos os vereadores agradecem ao assessor, Wilton Gomes (Fião) pelo apoio. Sempre que vão a Brasila, Fião acompanha de perto a caravana de Palmeirópolis. 

Com o deputado federal Irajá Abreu.

Deputado federal Gaguim, com os vereaodres de Palmeirópolis.

Senador Ataídes Oliveira recebe os vereadores em seu gabinete em Brasilia.

Reunidos com a deputada federal Josi Nunes.

Com assessoria da deputada fereral Dulce Miranda.

Da redação

 

Audiência Pública: Palmeirópolis classificada como um dos municípios tocantinense com alto índice de trabalho infantil

Palmeirópolis recebeu audiência pública ontem para falar sobre erradicação do trabalho infantil.

Visando mudar esta realidade e articular o debate entre entidades e a sociedade civil, a Secretaria do Trabalho e Assistência Social (Setas) em parceria com o Fórum Tocantinense de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil e Promoção da Aprendizagem (Fetipa) realizaram Audiência Pública com a temática nesta terça-feira, 22, em Palmeirópolis.

Com 84 casos identificados pelo Censo 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Palmeirópolis, a 440km de Palmas, ficou classificada como um dos municípios tocantinense com alto índice de trabalho infantil.

Crianças e jovens também estiveram presente no evento, por meio da apresentação cultural da Rede do Bem e na presença da pequena Halana Gabriela, que com apenas oito anos, superou a timidez e frisou os direitos garantidos no Estatuto da Criança e do Adolescente. “Queremos com absoluta prioridade, a efetivação dos direitos referentes à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao esporte, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária. Diga não ao trabalho infantil”, citou.

 Segundo o prefeito da cidade, Fabio Vaz, a realização da Audiência Pública funciona como um novo despertar para a preocupação com o trabalho infantil. “Participar deste debate nos deixa inquietos e faz com que queiramos desenvolver um trabalho cada vez melhor. Não podemos apenas cobrar, mas precisamos oportunizar espaços para que os jovens tenham acesso à cultura, esporte e lazer. Estamos fazendo isto e pretendemos evoluir cada vez mais”, disse comentando que Palmeirópolis conta com o Projeto Rede do Bem, que atende atualmente a 600 crianças e jovens.

Já o presidente do Fetipa, Jalson Couto, destacou que as ações já têm resultado em uma diminuição sensível nos índices de trabalho infantil no Estado e que o compromisso dos municípios facilita neste enfrentamento. “Precisamos afastar os jovens dos espaços de violência, criminalidade e drogas através de programas sociais. Vemos a felicidade dos jovens que estão inserido nesses projetos e o orgulho que geram nos pais. Isso nos incentiva a seguir nessa missão que é  proporcionar o desenvolvimento saudável dessas crianças e adolescentes, para que possam ser de fato o futuro do nosso Brasil”, analisou.

Também presente na audiência pública de Palmeirópolis, a gestora da Setas, Patrícia do Amaral destacou a importância de reduzir os índices de trabalho infantil no Estado. “Temos que seguir firme neste propósito de trabalhar a missão que nos foi dada que é tirar o Tocantins desse cenário apontado no último censo, em 2010. Estamos trabalhando nessas ações e tenho certeza que apresentaremos resultados positivos no próximo Censo. Isso porque a rede de Assistência Social, junto com a Saúde e a Educação, está cumprindo seu papel de identificar e apoiar as pessoas da comunidade que precisam dos nossos serviços. É esse trabalho que vai mudar o cenário tocantinense e fazer com que cada pessoa saiba seu papel nessa mudança”, afirmou.

Audiências

Desde 2013, já foram realizadas audiências.públicas para erradicação do trabalho infantil em 54 municípios do Estado. Sendo atendidos os municípios e as regiões de entorno com maiores índices de trabalho infantil. Até o final de 2017 serão mais 12 cidades atendidas.  Nesta quarta-feira, 23, será a vez de Conceição do Tocantins.

Como parte das audiências públicas, os prefeitos são convidados a assinarem um Termo de Compromisso para garantir o cumprimento das cláusulas do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) para a erradicação do trabalho infantil em suas localidades pelos próximos quatro anos.

O evento aconteceu no Palácio Legislativo José de Ribamar da Rocha Coelho em Palmeirópolis e contou com a presença de lideranças como, a Coronel Patricia Amaral, Secretária do Trabalho e Assistência Social (Setas), o presidente do Fórum Tocantinense de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil e Promoção da Aprendizagem (FETIPA) Jalson Couto. Representando o Ministério Público a Promotoria de Palmeirópolis, Dra. Bartira Silva Quintero. O Prefeito de Palmeirópolis Fabio Vaz e sua esposa Ana Paula Vaz, o presidente da Câmara William Marques, vereadores, secretários municipais e da Assistência Social, Educação e Saúde e a representante do Conselho Tutelar Gleice Ribeiro. Crianças e jovens também estiveram presente no evento, por meio da apresentação cultural da Rede do Bem.

palesrta palipeque favio 

setas.to.gov.b/Foto: Carlessandro Souza

 

O Deputado Gaguim, foi o único parlamentar tocantinense que teve 100% de presença nas sessões até julho

Atuação Parlamentar Deputado Carlos Henrique Gaguim.

Conforme apuração em matéria pulicada na edição de hoje, dia 8, pelo Jornal do Tocantins, o deputado Carlos Henrique Gaguim compareceu a todas as 60 (sessenta) sessões ordinárias realizadas pela Câmara dos Deputados até o mês de julho deste ano, inclusive, sem nenhuma falta justificada.  O Deputado GAGUIM foi o único parlamentar tocantinense que teve 100% de presença nas sessões. 

Conforme o levantamento dos dados do site da Câmara dos Deputados, o Jornal do Tocantins apurou que o deputado Gaguim é também, de longe, o parlamentar mais assíduo nas comissões parlamentares, destacando-se na quantidade de comissões que participa como membro titular e/ou suplente (39), como também no número de presenças nas reuniões que compareceu neste ano, pois participou de 805 reuniões e ausentou-se em apenas três.

Gaguim disse: “Tenho cumprido minha obrigação como parlamentar, tenho trabalhado muito pelo Tocantins e pelo Brasil.  Esse levantamento feito pelo Jornal do Tocantins  em que apareço como o único parlamentar tocantinense com 100% de presença nas sessões da Câmara dos Deputados, confirma meu esforço e a minha dedicação no exercício do mandato de Deputado Federal”.

A matéria foi publicada no jornal do Tocantins desta terça-feira, dia 8 de agosto, e traz um comparativo da presença nas sessões plenárias e nas comissões permanentes entre os deputados tocantinenses.  

De acordo com a matéria o levantamento de ausência ou presença dos parlamentares foram contabilizados de acordo com os dados disponíveis no portal da Câmara dos deputados (www.camara2.leg.br).

Veja a matéria completa no endereço:

http://www.jornaldotocantins.com.br/editorias/noticias/politica/gaguim-100-presente-e-iraj%C3%A1-o-mais-ausente-1.1323669

Fonte: Assessoria deputado Gaguim/Câmara dos deputados