Adolescentes são suspeitos de invadir casa de vereador e fazer família refém

Quatro pessoas invadiram a casa e amarraram o vereador e a família em Riachinho, no norte do Tocantins. Dois suspeitos foram encontrados em um matagal, os outros dois conseguiram fugir.

Dois adolescentes, de 14 e 15 anos, foram detidos pela Polícia Civil como suspeitos de fazer parte de um grupo que invadiu a casa de um vereador em Riachinho, no norte do Tocantins, e fez ele e a família de refém. O caso foi na madrugada desta segunda-feira (14), quando um grupo de quatro pessoas invadiu o imóvel e amarrou os moradores para assaltar.

Acidente que matou família e deixou vice-prefeito ferido em GO ocorreu após carro invadir a pista contrária

Casal e filha de 4 anos estavam no veículo que entrou na contramão e bateu contra caminhonete, em que um passageiro também morreu. Político está internado.

O acidente que matou quatro pessoas, incluindo uma menina de 4 anos, e deixou dois feridos ocorreu após um carro invadir a pista contrária da BR-070, em Cocalzinho de Goiás, no Entorno do Distrito Federal, segundo informou a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Ocupado por um casal e a criança, o automóvel bateu de frente contra a caminhonete em que viajava o vice-prefeito da cidade de Cocalzinho, Alair Rabelo Neto (PSD), conhecido como Nenzão, e dois familiares. Um deles também morreu.

O acidente ocorreu por volta das 13h de sábado (11), no km 57 da rodovia. De acordo com a PRF, o Peugeot entrou na contramão e, ao se deparar com a Toyota Hilux, jogou para o acostamento na tentativa de evitar a colisão.

No entanto, o motorista da caminhonete fez o mesmo e os dois bateram de frente.

Família morreu em acidente de trânsito na BR-070, em Cocalzinho de Goiás (Foto: Facebook/Reprodução)

No Peugeot estavam José Augusto de Moraes, de 26 anos, a mulher dele, Fernanda Sena de Medeiros, de 25, e a filha do casal, Maria Júlia, de 4 anos. Os três morreram no local.

Já na Hilux havia três ocupantes. Bruno Abreu, que é namorado de uma filha de Nenzão, morreu no local. Já o vice-prefeito e o filho, Yago Azevedo, foram socorridos e levados ao Hospital de Urgências de Anápolis (Huana).

A unidade de saúde informou nesta segunda-feira (12) que o quadro de Alair é estável. Já o filho dele recebeu alta nesta manhã.

Vice-prefeito de Cocalzinho de Goiás, Alair Neto, e o filho dele, Yago Azevedo, ficaram feridos em acidente (Foto: Facebook/Reprodução)

Comoção

Bruno Abreu, namorado da filha do vice-prefeito, morreu no acidente em Cocalzinho de Goiás (Foto: TV Anhanguera/Reprodução

O namorado de uma filha de Nenzão, Bruno Abreu, que também estava no veículo, e os três ocupantes do outro carro morreram no local.

O casal e a filha tinham saído de Brasília em Direção a Jaraguá, no norte de Goiás. Como ambos estudaram na Universidade de Brasília, os centros acadêmicos de enfermagem e farmácia emitiram notas de pesar pela morte dos ex-colegas de curso.

“A vida é frágil, e todos os dias vemos com mais clareza e com mais certeza essa verdade. Com tristeza, pedimos orações e boas energias, já que não será fácil lidar com a juventude de 3 pessoas perdidas”, disse o diretório de farmácia.

“Fernanda era uma grande estudante, mãe, esposa e amiga, que com muito esforço e determinação alcançou a sua tão sonhada graduação, deixando sua marca na vida de todos que a conheceram e puderam ter o prazer de conviver com essa pessoa maravilhosa”, lamentaram os alunos de enfermagem.

G1 Goiás

Motorista morre após invadir contramão e bater num caminhão em Goiás

Acidente aconteceu em Uruaçu, na BR-153. Pista ficou interditada nos dois sentidos por três horas e só foi liberada após a retirada do corpo.

O motorista de um carro morreu na manhã deste sábado (3) depois de bater em um caminhão na BR-153, em Uruaçu, no norte de Goiás.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o automóvel invadiu a pista contrária e bateu de frente com o outro veículo.

A pista passou três horas interditada nos dois sentidos e só foi liberada por volta de 11h40, após a retirada do corpo. O motorista do caminhão não teve ferimentos.

No local do acidente a faixa é contínua e, por isso, é proibido fazer ultrapassagens. A polícia não soube informar se o motorista tentava ultrapassar um veículo ou se dormiu ao volante enquanto dirigia. Ele morreu na hora. 

G1 Goiás

Idosa de 74 anos fica embaixo de escombros após caminhão invadir casa

Mulher teve escoriações e foi levada para hospital em Xambioá, norte do Tocantins. Veículo estava carregado e estacionado, quando desceu ladeira e atingiu residência.

Um caminhão desgovernado atingiu uma casa na avenida Maranhão, em Xambioá, município ao norte do Tocantins, na noite desta quinta-feira (14). A frente da casa ficou destruída. Segundo a Polícia Militar, uma moradora, de 74 anos, que estava na área da residência ficou presa sob os encombros e foi socorrida com escoriações pelo corpo.

A PM informou que o veículo estava carregado e estacionado na BR-153, perto de um posto de combustíveis. Por volta das 19h20, o caminhão desceu uma ladeira e invadiu a casa. A residência ao lado também foi atingida.

Conforme a polícia, a idosa de 74 anos foi levada para o Hospital de Xambioá.

Idosa ficou ferida após caminhão invadir casa (Foto: Divulgação

G1/TO