Estudante de 14 anos morre atingida por raio na porta de casa no Tocantins

Cleidiane Lima Rodrigues estava na área de casa, em Araguatins, esperando a chuva passar quando o raio atingiu a fiação elétrica do local. A adolescente estava descalça e morreu na hora.

Um raio matou a estudante Cleidiane Lima Rodrigues, de 14 anos, no começo da noite desta quarta-feira (10). A adolescente estava na área de casa, no povoado Falcão, em Araguatins, quando o acidente aconteceu.

A informação de amigos da família é de que a descarga elétrica atingiu a fiação do imóvel antes de chegar em Cleidiane, que morreu na hora. Um tio dela e outro adolescente tiveram ferimentos leves.

A professora de Cleidiane, Elianes Eduardo de Souza, disse que a jovem estava prestes a começar o 7ª ano do ensino fundamental. Ela morava com os avós na casa onde o raio caiu.

De acordo com a professora, uma forte chuva atingiu a cidade no final da tarde e veio com muitos raios e relâmpagos.

O corpo de Cleidiane foi levado para o Instituto Médico Legal de Tocantinópolis e ainda não há informações sobre o enterro.

Outro caso

No dia 2 de janeiro a dona de casa Maria Edileusa Campos Ferreira, de 52 anos, também morreu ao ser atingida por um raio. O caso foi debaixo de uma árvore na zona rural de Pau D’arco, no norte do Tocantins. O acidente também deixou a filha dela de 16 anos e duas sobrinhas feridas.

A filha contou que eles perceberam o tempo fechando e se preparavam para deixar o local quando o raio caiu na árvore.

As sobrinhas, Alessandra dos Santos Silva e Renata dos Santos Silva, precisaram ficar em observação no hospital. Os ferimentos da filha, Elaine Beatriz Campos da Silva, foram mais leves.

G1 Tocantins

Polícia suspeita que pai agrediu filha e causou incêndio que matou ambos dentro de casa em Goiás

Segundo os bombeiros, criança tinha lesão na cabeça. Parentes contaram que ele estava desempregado e se separou da madrasta da menina recentemente.

Polícia Civil suspeita que Carlos Alves Pereira de Calvares, de 48 anos, agrediu a filha Ana Júlia Calvares, de 9 anos, e, em seguida, causou o incêndio que resultou na morte dele e da menina, na casa em que moravam, em Goiânia.

Os parentes relataram aos policiais que o homem havia se separado da madrasta da criança há um mês e estava desempregado.

“O pai apresentava quadro depressivo, tinha acabado de se separar da mulher. A suspeita é de que ele deu uma pancada na cabeça da filha, ateou fogo na casa e, depois, se suicidou”, disse o delegado Douglas Pedrosa, titular da Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios.

O fogo começou por volta das 11h30 de quarta-feira (27), no Parque Oeste Industrial. Vizinhos chamaram o Corpo de Bombeiros, que controlaram as chamas.

De acordo com a corporação, a menina teve 70% teve do corpo queimado e apresentava um traumatismo cranioencefálico. Ela chegou a ser socorrida, mas morreu a caminho do hospital. Já o pai morreu no local.

“O pai foi encontrado na porta do banheiro, e a criança dentro do banheiro, ambos inconscientes. Os dois foram reanimados, porém não se estabilizaram e vieram a óbito”, explicou.

Carlos Alves Pereira de Calvares é suspeito de causar o incêndio (Foto: TV Anhanguera/ Goiânia)

Os bombeiros também acreditam que o incêndio foi intencional. ” Nós não podemos afirmar com certeza, mas há indícios de que o incêndio foi criminoso, mas isso só pode ser identificado pela Polícia Técnico-Científica. Havia vários focos de incêndio, no quarto, na sala e na cozinha”, afirmou o tenente Danivaldo José Ferreira, do Corpo de Bombeiros, que atendeu à ocorrência.

Irmã de Carlos, Odaiza Pereira conta que vizinhos ouviram a sobrinha pedir ajuda. “A vizinha falou que a menina pediu socorro e, de repente, a menina calou. Os peritos viram o machucado na cabeça dela, a gente suspeita que ele bateu na cabeça, e ela demaiou”, relatou.

Os parentes tentam entender o que levou Calvares a cometer o crime. “Ele era uma pessoa que aconselhava tanto a gente quando a gente estava triste, ele conversava, dizia que Deus era dono de tudo e, de repente, acontece essa fatalidade”, lamenta a irmã.

Velório e enterro

Os corpos do pai e da filha são velados em locais diferentes. O velório da menina acontece em uma igreja da Vila Luciana. O enterro está previsto para acontecer a partir das 13h desta quinta-feira (28), no cemitério de Guapó, na Região Metropolitana de Goiânia.

Ana Júlia Calvares morre aos 9 anos (Foto: TV Anhanguera/ Reprodução)

Já o pai será velado a partir das 13h no Cemitério Parque. O enterro está previsto para ocorrer duas horas depois. 

G1 Goiás.

Homem morre durante incêndio dentro de casa em Goiás

Segundo Corpo de Bombeiros, Ernesto Cardoso dos Santos, 49, estava com hematomas, queimaduras, e pode ter morrido em decorrência da intoxicação.

Um homem de 49 anos morreu, neste sábado (11), durante um incêndio na casa dele, em Goiânia. De acordo com o Corpo de Bombeiros, Ernesto Cardoso dos Santos estava com hematomas, queimaduras pelo corpo e pode ter morrido em decorrência de intoxicação pela fumaça. A suspeita é que o fogo tenha sido acidental.

A diarista Juliana da Silva Justino, vizinha da vítima, foi quem acionou o Corpo de Bombeiros. Ela contou que acordou assustada com a fumaça. “Eu estava dormindo, aí acordei sentindo aquele forte cheiro de queimado, aquela fumaça. Eu me assustei e levantei, quando olhei pro barraco do lado estava saindo muita fumaça de dentro, aí chamamos os bombeiros na hora”, disse.

O incêndio ocorreu por volta de 4h40 deste sábado, na Rua BV 9, no Setor Boa Vista, na região noroeste da capital. Ao ver o fogo, vizinhos arrombaram a porta, que estava trancada, e entraram no imóvel. De acordo com testemunhas, os vizinhos combateram o fogo antes da chegada dos bombeiros, mas o homem já estava morto.

De acordo com a corporação, há a suspeita que o fogo tenha começado a partir de um curto circuito em uma TV de tubo. A Polícia Técnico-Científica foi acionada para fazer perícia no local.

Segundo Juliana, a casa tem um cômodo e fica dentro do mesmo lote onde o irmão da vítima mora. “É um barraco pequeno, que divide espaço com o irmão. Ele morava sozinho neste barracão. Foi uma situação bem triste que a gente não tem ideia de como aconteceu”, afirmou.

G1 entrou em contato com o Instituto Médico Legal (IML) de Goiânia, que informou que o corpo não havia sido liberado até as 8h45 deste sábado.

G1/GO

Jiboia de 2 metros é encontrada dentro do quarto em uma casa no Tocantins

Segundo Polícia Militar Ambiental, o animal estava bem e o por isso os policias resolveram soltá-lo em uma mata da cidade.

Uma jiboia de dois metros foi encontrada dentro do quarto de uma casa na cidade de Pedro Afonso, a 304 km de Palmas. O caso aconteceu nessa quinta-feira (9). Os moradores acionaram o Batalhão da Polícia Militar Ambiental.

De acordo com o BPMA, o animal estava bem e por isso os policias resolveram soltá-lo em uma unidade de conservação da cidade.

G1/Tocantins

Lavrador é morto na porta de casa por homem que pediu ajuda na madrugada

Crime aconteceu durante a madrugada em fazenda na zona rural de Monte Santo. Suspeito do crime foi identificado e está sendo procurado pela polícia.

O lavrador Cleiton Nonato de Aguiar, de 43 anos, foi morto na madrugada deste sábado (28) em uma fazenda na zona rural de Monte Santo do Tocantins, a 89 quilômetros de Palmas. O crime aconteceu na casa da vítima, por volta das 3h, depois que o suspeito chegou no local pedindo ajuda. O homem foi morto com quatro disparos na frente da família.

De acordo com a Polícia Militar, Aguiar saiu da casa e foi questionado sobre fofocas que estaria fazendo sobre o suspeito. Após um momento de conversa, Jairon José Milhomem Medrado, de 43 anos, teria atirado quatro vezes contra o lavrador.

A vítima morreu no local. A Polícia Militar foi informada sobre o crime por volta das 5h devido problemas na rede de celular na região. O suspeito do crime está sendo procurado pelos militares.

O corpo foi levado para o IML de Paraíso do Tocantins.

G1/Tocantins

Jovem é preso suspeito de matar os pais a pedradas dentro de casa em Goiás

Rapaz foi detido após sofrer um acidente de carro na BR-153, na saída da cidade.

Um jovem de 27 anos foi preso suspeito de matar os pais dentro de casa em Jaraguá. Os corpos foram encontrados com marcas de pedradas e perfurações no pescoço. Vizinhos ficaram assustados com o crime.

“O filho foi preso em flagrante e é o suspeito do crime. Ele segue detido na delegacia da cidade depois de sofrer um acidente de carro”, afirmou o delegado Glênio Alves.

Segundo testemunhas, o corpo do auxiliar de serviços gerais José Antônio da Silva estava caído na cozinha e o da esposa, a merendeira Sirlene Ferreira da Silva, no quarto. Foram encontradas ferramentas dentro da casa. A polícia vai investigar se elas foram usadas no crime.

O filho, que morava com o casal, foi preso após sofrer um acidente de carro. De acordo com o boletim de ocorrências da Polícia Militar, o jovem bateu o carro na BR-153, na saída da cidade. Ele foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado para o Hospital Municipal de Jaraguá.

Ele teria invadido a pista contrária e batido contra uma carreta. Com o impacto, o carro pegou fogo.
Foto: Reprodução/ PRF

Ele foi preso na unidade após receber o atendimento médico e levado para a delegacia. O delegado ainda não informou o que motivou o crime e nem quais os indícios que tornam o jovem suspeito do assassinato dos pais. 

G1/GO

Dona de casa morre em acidente minutos depois de deixar os filhos na escola no sul do Tocantins

Vessa Ribeiro Lima estava em uma motocicleta e foi atingida por um carro. Acidente foi na manhã desta quinta-feira (19), em Gurupi.

A dona de casa, Vanessa Ribeiro Lima, de 21 anos, morreu em um acidente minutos depois de deixar os filhos na escola. Ela estava em uma motocicleta quando foi atingida por um carro ao atravessar um cruzamento de Gurupi. Segundo a Polícia Militar, a vítima não respeitou a sinalização do local.

A mulher que dirigia o carro, não teve o nome divulgado, estava no sentido contrário e acabou atropelando a vítima.

O acidente foi entre a rua 7, esquina com a avenida Ceará. O Samu foi acionado, mas chegando ao local a jovem havia morrido. O corpo de Vanessa foi levado para o Instituto Médico Legal de Gurupi.

G1/Tocantins

Idosa de 74 anos fica embaixo de escombros após caminhão invadir casa

Mulher teve escoriações e foi levada para hospital em Xambioá, norte do Tocantins. Veículo estava carregado e estacionado, quando desceu ladeira e atingiu residência.

Um caminhão desgovernado atingiu uma casa na avenida Maranhão, em Xambioá, município ao norte do Tocantins, na noite desta quinta-feira (14). A frente da casa ficou destruída. Segundo a Polícia Militar, uma moradora, de 74 anos, que estava na área da residência ficou presa sob os encombros e foi socorrida com escoriações pelo corpo.

A PM informou que o veículo estava carregado e estacionado na BR-153, perto de um posto de combustíveis. Por volta das 19h20, o caminhão desceu uma ladeira e invadiu a casa. A residência ao lado também foi atingida.

Conforme a polícia, a idosa de 74 anos foi levada para o Hospital de Xambioá.

Idosa ficou ferida após caminhão invadir casa (Foto: Divulgação

G1/TO

Adolescente é apreendido por cultivar maconha em vaso na casa da avó no sul do Tocantins

Ele confessou o crime e mostrou aos policiais onde escondia a planta. Ocorrência foi no setor Sevilha, em Gurupi, na região sul do Tocantins.

Um adolescente de 16 anos foi apreendido suspeito de tráfico de drogas em Gurupi, no sul do estado. Segundo a Polícia Militar (PM), ele tinha porções de droga e na casa em que mora com a avó foi encontrado um pé de maconha em um vaso. Ele confessou o crime e disse que vendia as substâncias.

A apreensão ocorreu após um uma revista, quando os policiais acharam a atitude do adolescente suspeita. Com o menor, os policiais encontraram sete porções de maconha e dinheiro. Ele confessou o crime e levou os militares até a casa em que mora para mostrar mais três porções e a planta. A ocorrência foi registrada na noite desta quarta-feira (13) no setor Sevilha.

As porções e a planta foram levadas para a delegacia junto com o menor. A Polícia Civil deve investigar o caso.

G1/TO

Homem é preso suspeito de atear fogo na casa da ex-namorada

Segundo a polícia, os pertences e o imóvel ficaram completamente destruídos. Suspeito tem passagens pela polícia por tentar agredir a adolescente, de 16 anos, em Palmeirante.

Um homem de 37 anos foi preso suspeito de atear fogo na casa da ex-namorada, de 16 anos. O crime aconteceu neste domingo (27), no setor Mangal, no município de Palmeirante, região norte do estado. A polícia disse que a casa e os móveis da vítima ficaram destruídos. O suspeito foi levado para a Casa de Prisão Provisória de Araguaína.

Segundo o delegado Fernando Jayme, ele teria ameaçado a vítima antes de colocar fogo na casa dela. “A Polícia Militar foi acionada para atender uma ocorrência do crime de incêndio em residência. Quando chegou ao local, já não tinha mais nada na residência. Estava toda queimada, não tinha nem as paredes. Todos os pertences da vítima, da família inteira foram destruídos pelo fogo”.

O delegado informou ainda que o suspeito foi visto rondando a casa momentos antes de o fogo começar. “A Polícia Militar questionou os vizinhos, as testemunhas e foi obtida a informação de que o suposto autor havia chegado lá pouco antes de o fogo começar, estava rondando a casa. Logo o fogo começou, ele fugiu do local”.

Os vizinhos disseram à polícia que o suspeito teria chegado à casa da vítima no início da manhã e que um dos pneus da moto dele estava furado. Essa característica ajudou os policiais a localizarem o suspeito num bar da cidade.

Ele tem passagens pela polícia por tentar agredir a ex-namorada. Para os policiais, ele negou a acusação. “Ele negou a ameaça e disse que realmente compareceu na casa da vítima a pedido dela, ela teria mandado mensagem para ela pois estaria com saudades. Ele foi ao local, ela não estava, ele questionou, ela disse que estava na festa. Ele foi atrás dela e teria proferido as ameaças. A história não bate com o contexto que foi passado para a Polícia Militar”, relatou o delegado.

 G1/TO