Caminhonete de prefeitura capota, cai de viaduto e vai parar em trilhos no Tocantins

Enfermeira foi socorrida com punho quebrado e levada ao Hospital Regional de Araguaína, motorista teve ferimentos leves. Veículo é da Secretaria de Saúde de Babaçulândia.

Bispo do Tocantins sai ileso de acidente que destruiu caminhonete na BR-153

Dom Giovane Pereira de Melo é bispo da Diocese de Tocantinópolis e perdeu controle do veículo enquanto viajava para Araguaína. PRF informou que chovia no momento do acidente.

Ladrões sofrem acidente após roubar caminhonete e jet ski no Tocantins

Eles fugiram a pé após a batida, mas um deles foi encontrado pela PM em uma construção abandonada e morreu em confronto, de acordo com delegada. Vítima foi rendida em casa com a mulher grávida e o filho de 3 anos.

Dois ladrões de carro sofreram um acidente na BR-153, no sul do Tocantins, após roubar uma caminhonete e um jet ski em Gurupi. O crime foi na noite desta sexta-feira (10), quando os criminosos renderam o dono dos veículos, a esposa grávida dele e o filho de três anos do casal enquanto eles entravam em casa, no setor Waldir Lins. As informações são da Polícia Civil.

De acordo com a delegada Rosalina Maria de Almeida, que investiga o caso, os homens bateram a caminhonete na traseira de um caminhão na entrada da cidade de Figueirópolis, também na região sul. Eles fugiram a pé para a cidade. Um deles foi encontrado horas mais tarde pela Polícia Militar. A delegada informou que o homem tentou atirar contra os PMs e por isso houve troca de tiros, o suspeito morreu.

O corpo dele foi levado para o Instituto Médico Legal de Gurupi e identificado como Vilmar Pimentel da Silva, de 35 anos. O segundo suspeito ainda não foi localizado. As vítimas do roubo não ficaram feridas no caso.

G1/TO

Homem em caminhonete roubada é morto após trocar tiros com a PM

Segundo corporação, motorista, ainda não identificado, não obedeceu ordem de parar e efetuou disparos contra os policiais, que revidaram. Caso aconteceu no Anel Viário, em Goiânia.

Um homem, ainda não identificado, morreu após ser baleado neste domingo (2), em Goiânia. Segundo a Polícia Militar, ele estava em uma caminhonete roubada e não obedeceu a ordem de parar, reagindo a abordagem com tiros. Os policiais revidaram e ele foi atingido.

O tiroteio ocorreu nas redondezas do Setor Parque Santa Rita, próximo ao Anel Viário. Durante a aproximação, o carro da PM bateu na traseira da caminhonete.

Ainda de acordo com a corporação, o veículo, modelo Ford Ranger, foi subtraído nesta manhã, no Bairro Goiá. Ao saber da ocorrência, a polícia intensificou o patrulhamento e localizou a caminhonete, momento em que houve o confronto. O resgate chegou a ser acionado, mas o homem não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

A PM informou que um Honda Civic, também roubado e utilizado no roubo da caminhonete, foi localizado abandonado no Setor Eli Forte.

G1/GO