Corpos de mãe e filho mortos em acidente são velados no Tocantins

Caminhonete onde vítimas estavam foi atingida por caminhão na BR-153, perto de Brasilândia do Tocantins. Marido de vítima sobreviveu e está internado em hospital.

Os corpos de Gelsa Maria Marques Guimarães e do filho João Paulo Marques Santana, que morreram na noite desta terça-feira (12) em um acidente na BR-153, estão sendo velados no salão de uma funerária em Araguaína. Os dois estavam em uma caminhonete que foi atingida por um caminhão. O marido de Gelsa, Lorisvaldo Ferreira Santana, sofreu ferimentos e está internado no Hospital Regional de Colinas.

Segundo informações de parentes às 11h os corpos serão levados para Rio Verde (GO) onde serão enterrados.

A batida aconteceu no km 265, perto de Brasilândia do Tocantins, região central do estado. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, um caminhão invadiu a pista contrária para não bater em um carro que estava na sua frente. No momento, a caminhonete onde estavam as vítimas foi atingida pelo caminhão, conforme a polícia.

O motorista da caminhonete Lorisvaldo ficou gravemente ferido. Já Gelsa e João Paulo morreram no local. Um quarto ocupante do veículo não teve ferimentos.

O motorista do caminhão não sofreu ferimentos e foi levado para a delegacia de Polícia Civil em Colinas do Tocantins. Ele foi ouvido e liberado. O condutor disse que seguia em direção a Goiânia.

Carro ficou destruído após batida que matou três da mesma família (Foto: Divulgação)

G1 Tocantins

Corpo de homem morto a facadas é encontrado dentro de vala no Tocantins

O corpo apresentava marcas de golpes de faca no peito, nas costas e no pescoço. Ele foi encontrado no setor Morada do Sol II, em Araguaína.

O corpo de um homem foi encontrado dentro de uma vala no setor Morada do Sol II, em Araguaína. O caso aconteceu na manhã desta quarta-feira (6), por volta das 8h17. O nome da vítima não foi divulgado.

Segundo a Polícia Militar, o corpo apresentava marcas de golpes de faca no peito, nas costas e no pescoço. A vítima tinha envolvimento com criminalidade relacionada ao uso de drogas.

G1/Tocantins

Corpo com marcas de tiro na cabeça é encontrado em Araguaína

Ele foi localizado na rua dos Babaçus, no Setor Araguaína Sul II. A vítima ainda não foi identificada e segundo a polícia, o crime tem características de execução.

corpo de um homem foi encontrado na rua dos Babaçus, no Setor Araguaína Sul II, em Araguaína, na manhã desta sexta-feira (24), por volta das 6h30. Apresentava marcas de tiros na cabeça e na nuca e ainda não foi identificado.

De acordo com a Polícia Militar, testemunhas disseram que ouviram a vítima gritar para que o suspeito do crime não a matasse. Em seguida houve três disparos de arma de fogo. Segundo a polícia, o crime tem características de execução.

G1/Tocantins

Mulher é detida por clientes furtando desodorantes em farmácia

Caso aconteceu na avenida Cônego João Lima, em Araguaína. Clientes seguraram a mulher até a chegada da Polícia Militar.

Uma mulher de 47 anos e nome não informado foi flagrada e detida por clientes furtando desodorantes e produtos de beleza em uma farmárcia em Araguaína. O caso aconteceu nesta sexta-feira (17), na avenida Cônego João Lima.

A Polícia Militar contou que no momento havia algumas pessoas no local que perceberam o furto. A mulher foi detida até a chegada da PM. Com ela, foram encontrados 10 desodorantes e um produto para cabelo.

Ela foi levada para a delegacia, onde foi autuada por furto. 

G1/Tocantins

Policial militar é baleado após reagir a assalto no Tocantins

Ele levou um tiro na perna depois que tentou desarmar um dos assaltantes. Dois homens são suspeitos do crime; eles não foram encontrados.

Um policial militar, de nome não divulgado, foi baleado após reagir a um assalto na manhã desta quarta-feira (1º). O caso aconteceu no setor Coimbra, em Araguaína. Ele levou um tiro na perna e foi levado para um hospital da cidade. O estado de saúde dele é estável.

Segundo a PM, o militar estava saindo de casa a pé, quando foi abordado por dois homens que estavam em uma motocicleta. Eles anunciaram o assalto. No momento, o policial reagiu e tentou desarmar um dos assaltantes, que conseguiu atingir a vítima.

Os homens fugiram levando um cordão e uma pulseira de ouro do policial. A PM faz buscas na tentativa de encontrar os criminosos. 

G1/Tocantins

Filho de PM tenta correr de assalto e é baleado no pescoço no Tocantins

Jovem percebeu o assalto, saiu correndo e foi atingido de raspão. Suspeito do crime foi preso momentos depois, no setor Vila Norte.

O jovem Welton de Castro Silva de 18 anos, filho de um policial militar, foi atingido no pescoço durante um assalto, registrado em Araguaína, na noite desta quinta-feira (14). Segundo a polícia, o jovem tentou correr ao perceber o roubo e o assaltante atirou. Ele foi socorrido consciente e levado para o Hospital Regional de Araguaína.

Segundo a polícia, Welton estava em companhia de um amigo, também de 18 anos. Os dois passavam pela rua 6, no bairro São João. Ao serem abordados pelo assaltante, ele entregou o celular, mas o filho do policial reagiu, momento em que foi atingido por um tiro.

A polícia foi chamada e as vítimas repassaram as características do suspeito. Ele foi encontrado momentos depois trafegando em uma motocicleta, no setor Vila Norte. Os policiais disseram que ele tentou correr para dentro de uma casa, mas foi capturado. Com ele, foram encontrados um aparelho celular e um revólver calibre 32 com duas munições intactas e uma deflagrada. Ele foi autuado em flagrante por tentativa de latrocínio.

A PM informou ainda que Welton reconheceu o suspeito através de uma foto. O outro jovem fez o reconhecimento pessoalmente.

G1/TO

Homem morre após ser atropelado por ônibus do transporte público

Vítima atravessava a pista com carrinho de mão, quando foi atingido por veículo. Motorista permaneceu no local e disse que tentou frear e desviar.

Um homem, de identidade não informada, morreu após ser atropelado por um ônibus do transporte público em Araguaína. O acidente aconteceu na manhã desta terça-feira (12), na BR-153, perímetro urbano da cidade. A vítima ficou presa em uma das rodas do veículo.

O motorista disse que seguia pela rodovia, quando o homem surgiu no meio da pista. Informou ainda que tentou desviar, mas o homem correu para o mesmo sentido e foi atingido. O veículo foi parar no acostamento.

A vítima estava com um carrinho de mão. Ele trabalha na limpeza de lotes e de ruas na cidade. Cerca de 10 pessoas estavam dentro do ônibus no momento. Os passageiros não se feriram.

O motorista do ônibus ficou no local para prestar assistência e aguardar a perícia.

Corpo de homem é encontrado com marcas de tiros no Tocantins

Ele foi localizado no setor Novo Horizonte, ao lado da própria motocicleta. Uma arma de fabricação caseira foi encontrada no local.

O corpo de um homem foi encontrado no setor Novo Horizonte, em Araguaína, no norte do Tocantins, na manhã desta segunda-feira (4), por volta das 5h. Ele apresentava marcas tiros e estava ao lado da própria motocicleta. As informações são da Polícia Militar.

De acordo com a PM, o corpo foi localizado depois que testemunhas escutaram os diparos. Uma arma de fabricação caseira foi encontrada no local. Nada foi roubado por isso a polícia acredita que possa se tratar de um acerto de contas.

G1/TO

Vistoria encontra facas e celulares no presídio Barra da Grota em Araguaína

Diretor da unidade disse que alguns presos não encontravam dificuldades para estar com celulares nas celas. Na unidade há mais de 440 detentos.

A Polícia Civil realizou uma revista no presídio Barra da Grota, em Araguaína, norte do Tocantins. Facas de fabricação caseira e 13 celulares foram encontrados dentro das celas. A operação “The end”, que significa “fim”, foi nesta terça-feira (1º). 

O diretor do presídio Barra da Brota, Elizeu dos Santos, falou que alguns presos não encontravam dificuldade alguma para estar com celulares dentro das celas.

“Talvez até ontem foi fácil, mas não vai ser fácil. A gente vai pegar firme no quesito segurança e também sem deixar de falar na nossa ressocialização, faz parte do contexto da penitenciária ”, informou.

G1/TO

MPE pede que suspeito de matar policial em Araguaína vá a julgamento

Sargento foi morto em troca de tiros durante assalto a uma agência bancária de Araguaína. O suspeito foi preso no final do mês passado, no Piauí.

O inquérito ainda não foi concluído, mas o Ministério Público Estadual já ofereceu denúncia contra o suspeito de matar um policial militar em Araguaína, no norte do Tocantins. O crime aconteceu no mês passado. Jandres Alves Bezerra, que tinha 43 anos, foi morto em troca de tiros durante um assalto a uma agência bancária da cidade.

“Com base no inquérito policial, o Ministério Público entendeu, que em tese, houve um crime de latrocínio contra o policial militar James e tentativa de latrocínio com relação às vítimas do estabelecimento, no momento do assalto, praticamente ao lado do policial militar e que também foram alvo dos disparos, que por sorte não as atingiram e de forma alguma descaracteriza o crime por ele praticado”, diz o promotor de Justiça Leonardo Goveia.

O suspeito foi preso no final do mês passado, em Canto dos Buritis (PI), após uma denúncia anônima por porte ilegal de arma de fogo. Segundo a polícia, ele estava com arma usada para matar o policial. Ainda não há informações de quando o suspeito será transferido para uma cadeia do Tocantins.

A família se sente mais aliviada após a denúncia do Ministério Público. “Estou tomando remédio direto, mas não passa. Quando vem aquela dor, o vazio, não tem jeito. A dor é grande, é um vazio que não preenche nunca”, desabafa a mãe.

Entenda

O policial militar foi morto no dia 12 de maio em Araguaína, norte do Tocantins, durante uma troca de tiros na porta de uma agência bancária. O sargento Jandres Alves Bezerra, de 43 anos, que reagiu a um assalto. Outras duas pessoas ficaram feridas.

Os criminosos conseguiram fugir, mas foram perseguidos. A PM confirmou que um deles foi morto mais tarde, em troca de tiros com os militares no setor JK.

A tentativa de assalto foi registrada por volta das 15h30, na avenida Ademar Vicente. O policial foi atingido por vários disparos e morreu no local. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local e confirmou a morte.

De acordo com a PM, o policial estava na fila esperando para ser atendido quando os criminosos chegaram. Segundo testemunhas, duas pessoas que estavam no local foram baleadas. Elas foram levadas para o Hospital Regional de Araguaína.

G1/TO