Veja quais são os fatores de risco para infecção intestinal.

A infeção intestinal normalmente surge após o consumo de alimentos ou água contaminados, podendo manifestar-se através de febre, dor abdominal, vômitos e diarréia frequente, sendo importante consultar o médico caso os sintomas não desapareçam em dois dias.

É possível evitar a infecção intestinal por meio da melhoria dos hábitos de higiene, tanto pessoal quanto alimentar, sendo recomendado lavar as mãos após ir ao WC e lavar bem os alimentos antes de manuseá-los.

Principais sintomas
Os sintomas de infeção intestinal podem surgir logo após o consumo de alimentos contaminados ou em até três dias e variam de acordo com o tipo de microrganismo, gravidade da infeção, idade e estado geral de saúde da pessoa, sendo os principais sintomas:

– Cólicas e dores abdominais;
– Diarreia, podendo apresentar sangue nas fezes;
– Vômitos;
– Dor de cabeça;
– Aumento dos gases,
– Perda de apetite;
– Febre.

É importante lembrar que os sintomas de infeção intestinal são mais graves e preocupantes em crianças e idosos, pois possuem o sistema imunológico mais frágil, o que pode favorecer a proliferação mais rápida do microrganismo e, assim, tornar a infecção mais grave, bem como aumentar a perda de peso e o risco de desidratação.

Fatores de risco para infecção intestinal
Pessoas com sistema imunológico fraco, como pacientes com AIDS ou oncológicos, crianças, grávidas e idosos têm uma maior propensão de contrairem uma infecção intestinal.

Além disso, pessoas com gastrite ou azia ou que usam medicamentos para controlar a acidez do estômago, como Omeprazol, também estão mais expostas a infeções deste tipo, pois a acidez do estômago é reduzida, dificultando o combate de vírus e bactérias.

Como prevenir
Para prevenir infecções intestinais, é importante tomar cuidados de higiene pessoal e com os alimentos, como:
– Lavar bem as mãos após usar o banheiro ou tocar em animais domésticos;
– Lavar bem as mãos antes e depois de manusear alimentos;
– Evitar o consumo de carnes e ovos mal passados;
– Consumir água filtrada ou fervida.

Enquanto os sintomas de infecção estiverem presentes, é importante evitar preparar alimentos para outras pessoas, para prevenir que elas também fiquem doentes. Adicionalmente, deve evitar consumir alimentos que mais causam infecção intestinal, como sushi e ovos mal passados.

Notícias ao Minuto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here