Manifestantes continuam interditando a Rodovia 357 próximo a Palmeirópolis To

 

Os moradores continuam na estrada em protesto e pretendem ficar por tempo indeterminado, até que tenha uma resposta do Estado, ou de autoridades competentes.

Disseram que a manifestação é para evitar que mais famílias morram, “é a forma de sensibilizar as autoridades, mudar o local para não matar nossas famílias, tirar agente desta sentença de morte se não for ouvindo vamos trazer as maquina da pedreira e começar a cavar e acabar com estrada, não é uma movimentação política é o partido da vida, não queremos que isso aconteça mais com ninguém”. Disse um morador.

O único veículo que passa no local é a ambulância. Ônibus não entram nem saem, os passageiros tiveram que pegar “carona “, para chegar em casa. Já quem vai para outros estados estão parados sem poder sair. Caminhão, carregado de mercadorias, Correios sedex e outros veículos também estão parados na barreira.

Vários acidentes já aconteceram no na curva, conhecido como “Apertado da Hora”. Ontem pela manhã os dois ocupantes do veículo não resistiram aos ferimentos e morreram no local. Segundo informou o IML, uma das vítimas é Rosiel da Silva Costa, de 24 anos. A outra ainda não foi identificada. Eles vieram do Pará trazer madeira para as casas da prefeitura de Palmeiropolis.

A perícia vai investigar as causas do acidente. O laudo deve ficar pronto em algumas semanas. A suspeita inicial é que o caminhão tenha apresentado problemas mecânicos, na descida da ladeira.

Conforme a PM, as marcas de freada na pista indicam que o motorista tentou parar o veículo, mas os freios falharam.

Leia mais

“Pedindo socorro” moradores de Palmeirópolis bloqueiam estrada em protesto pelos acidentes com mortes Read more

“Pedindo socorro” moradores de Palmeirópolis bloqueiam estrada em protesto pelos acidentes com mortes

Os moradores da Palmeirópolis permaneceram a noite toda queimando pneus e se manifestando na Rodovia 387, cerca de 5 km de cidade. Manifestantes bloquearam a estrada, que liga as localidades de Gurupi, e Goiás, impedindo a circulação de transporte de autocarros e caminhões. O protesto é pacifico e deve continuar por todo dia. Eles pedem socorro e que as autoridades resolvam a situação do trecho do “Apertado da Hora”, conhecido como o trecho da morte. Vários acidentes aconteceram no local e ontem com duas vitimas fatais.

IMG-20160518-WA0001 (1)
Moradores da cidade de Palmeirópolis amanheceram no local

Palmeirópolis se reuniu com lideranças e o Ministério Público,  para discutir a segurança do trecho da Rodovia-387, denominado “apertado da hora”. Local onde vem ocorrendo grande numero de acidentes, no qual a própria Juíza quase morreu porque estava na hora que o caminhão estava descendo  desgovernado. Ela disse que o caminhão estava a quase 200km por hora no momento que ultrapassou e quase foi vitima da tragédia, acompanhando de perto a morte dos caminhoneiros.

Há quase quinze dias (15) os vereadores foram a Palmas e falaram com o secretário de Infra Estrutura, pedindo socorro porque tinham medo de algo mais grave acontecer e hoje aconteceu. O Promotor Gustavo Schutt disse que diversas medidas podem ser adotadas visando sanar o problema, mas que é preciso seguir etapas começando por juntar evidências sobre os fatos que vem sendo narrados. Disse ainda que deve ser levado em considerações a legislação em vigor mas que o interesse sobre a vida humana deve prevalecer.

O prefeito, vereadores, moradores e o Ministério Público têm pressa e estão trocando idéias de quem sabe uma organizar uma valva de escape no local, muitas placas de sinalização, fazer alguma coisa para não acontecer mais acidentes, até resolver. “O trecho é tão perigoso que não da para ficar esperando a boa vontade do estado, isso pode acontecer com qualquer um de nós”, disse um morador.

O prefeito Fabio Vaz disse que o problema da curva é desde que obra foi iniciada, “sempre houve alerta sobre o trecho e que nenhuma medida foi tomada”, ele comentou ainda que na época da construção da pista havia duas alternativa sobre o trecho em questão sendo a construção de muros de arrimo ou corte do morro e que inclusive ficou sem receber asfalto por elevado período. No final continuaram a obra sem que nenhuma das duas medidas fosse adotadas.

O cidadão Arthur Francino disse que desde que a obra foi inaugurada já ocorreram mais de 80 acidentes envolvendo caminhões e carretas, algumas com tombamentos de veículos.

O tenente Santos ressalvou o perigo de algum acidente com veículos inflamáveis que pode trazer graves conseqüências para a cidade, disse ainda que já presenciou mortes no local em decorrência dos acidentes não incluindo as duas de hoje, Inclusive de um policial militar.

A Juíza Ana Paula, falou sobre a importância de ser construída uma saída de emergência as margens da rodovia até que a situação se resolva. A vereadora Márcia Araujo representou com documentos que ela juntamente com os demais vereadores entregaram ao secretario de Infra Estrutura, Habitação e Serviços Públicos Sergio Leão no dia 5 passado, noticiando três acidentes que ocorreram na época. Solicitando providencias e que ainda não havia sido atendidos.

Desde 2007 foi feito vários requerimentos pedindo a solução, vários abaixo assinados e nada. O medo dos moradores é pegar o carro e na curva encontrar outro veiculo desgovernado.

Um caminhão de gás, por exemplo, seria uma tragédia ainda maior. O Promotor substituto Gustavo Schutt e a Juíza Ana Aires Toríbio,  se colocaram a disposição e vão providenciar uma ação civil pública ao Estado cobrando dos responsáveis urgências. Todos são impactados de alguma forma e estão em pânico.

Leia mais

Moradores de Palmeirópolis queimam pneus e interditam rodovia em manifestação e protesto

Read more

Moradores de Palmeirópolis queimam pneus e interditam rodovia em manifestação e protesto

Fotos: Juliana Cristina Guedes, Benaia Guedes e Rozineide Gonçalves

Uma manifestação acontece neste exato momento desta terça-feira (17), na Rodovia 387, também conhecida como o trecho da morte próximo a cidade de Palmeiropolis.  Segundo os moradores a estrada vai ficar fechada até amanha cedo, a paralisação foi uma forma de cobrar das autoridades uma providência urgente. “Ninguém aguenta mais estes acidentes aqui, isso pode acontecer com qualquer um de nós”, disse uma moradora indignada. Os manifestantes se reuniram por volta das 17 horas  de hoje e até agora permanecem no local. Segundo eles o protesto foi uma forma de pedir socorro as autoridades, revoltados preferiram chamar atenção com a paralisação.

Hoje a tarde duas pessoas morreram em um acidente de caminhão que tombou na curva, o motorista e o companheiro foram levados a Gurupi ainda não foram identificadas.  Cerca de quinhentas (500) pessoas estão na rodovia. A polícia militar esta trabalhando no local incansavelmente.

Read more

Vítimas de acidente com mortes em Palmeiropolis ainda não foram identificados

Pelo menos duas pessoas morreram em um acidente de caminhão próximo a Palmeiropolis, no trecho do apertado da hora, “trecho da morte”.

(Foto:Divulgação)

Pelo menos duas vitimas morreram em outro acidente agora a pouco no trecho conhecido como Apertado da Hora, ninguém foi identificado ainda. Segundo informou testemunhas, um caminhão carregado de madeiras vindo para Palmeirópolis perdeu o freio na descida e caiu no buraco já na curva. Desta vez não houve sobreviventes. Em menos de um mês ocorreu três acidentes no mesmo local.

Moradores estão se reunindo para uma paralisação no local a partir das 17 horas de hoje. Cansados de pedir por socorro a população vai paralisar a estrada que da acesso a cidade de Palmeirópolis.

A Câmara de vereadores se reuniu nesta manhã no Fórum a fim de  cobrar uma solução rápida. Semana passada eles se reuniram para tratar do assunto em uma sessão da Câmara. Alguns vereadores foram  até Palmas e pediram providencias.

Read more

Sevilla (Palmeiropolis), consagrando campeão do Intermunicipal -2016.

_DEB0089O gramado do estádio Roldão José Martins em Palmeiropolis  foi cenário de fortes emoções no sábado, com a final do Campeonato Intermunicipal. Numa disputa acirrada, o Sevilla virou o jogo e levou o melhor na briga pelo título de campeão. Derrotou o Milla Real (Montividiu-Go) o Sevilla venceu por 3 x 1, com gols de Klemer dois (2) gols e Rodriguinho 1 gol para o Sevilla,  Jhonatan para o Milla Real (Montividiu-Go).

A euforia tomou conta da torcida na hora do jogo. Para o sub-secretario da juventude, desporto e lazer de Palmeiropolis, Wagner Telles, o momento foi de comemoração. “Estou muito feliz! passamos o ano todo treinando e lutando para chegar a esse objetivo. Esse grupo é maravilhoso merece estar aonde chegou, pela união e garra desses jovens”. Disse.

Com um público de mais de três mil pessoas, o jogo ocorreu a partir das 15h30min com muita disputa pelas duas equipes nos noventa minutos de partida. Mas o Sevilla, jogou com mais garra e comandou o jogo do começo ao fim, se consagrando campeão do Intermunicipal -2016.

A final do campeonato ficou assim:

CAMPEÃO: SEVILLA; VICE CAMPEÃO: MILLA REAL ( MONTIVIDIU-GO ); 3ª LUGAR: CALDEIRÃO ( PEIXE ) E 4 ª LUGAR; ( REAL BRASIL )

CARTÕES AMARELOS E VERMELHOS: MAIS DE 80 GOLS NO CAMPEONATO : 81 GOLS. ARTILHEIRO: PAULINHO (REAL BRASIL): 7 GOLS.

GOLEIRO MENOS VAZADO: PAULO H. (REAL BRASIL: 3 GOLS. REVELAÇÃO: CARLOS EDUARDO (SEVILLA).  ATLETA DISCIPLINAR: CHUVISCO ( MILLA REAL –MONTIVIDIU-GO). PREMIAÇÃO: CAMPEÃO R$ 3.500,00 + TROFEU E MEDALHAS; VICE-CAMPEÃO R$ 2.000 + TROFEU E MEDALHAS ; 3º LUGAR R$ 1.000,00+ TROFEU; 4º LUGAR : R$ 500,00 – ARTILHEIRO 200,00 + MEDALHA ; GOLEIRO MENOS VAZADO 200,00 + MEDALHA ; ATETA REVELAÇÃO 200,00 + MEDALHA ; ATLETA DISCIPLINA 200,00 + MEDALHA. -ARBITROS :MARCELO, PIABA, MARCOS , ROGERIO , ZILEI, IRAN,DEJAILTON E JESUS. -MESARIOS : MARCELO E ELTON JONH.

EVENTOS REALIZADOS E PARTICIPAÇÃO: LIGA DO NORTE GOIANO DE FUTSAL FEMININO -2016 E CAMPEONATO DE FUTSAL MASCULINO. -PRÓXIMOS EVENTOS SECRETARIA DE ESPORTES: SOCIETY VETERANOS 35 ANOS; TORNEIO DE FUTSAL MASCULINO E FEMININO NO 36º ANIVERSÁRIO DE PALMEIROPOLIS – LIGA DO NORTE GOIANO DE FUTEBOL DE CAMPO -2016.

_DEB0119FOTOS: DL CLIC

Prefeitura de Palmeirópolis realizará consulta pública para discutir o plano de saneamento

A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, realizará na próxima sexta-feira 06, partir das 19horas a primeira consulta pública para discutir o Plano Municipal de Saneamento Básico composto pelos serviços de Abastecimento de água, Esgotamento Sanitário, Resíduo Sólido a e Drenagem Pluvial. Vai acontecer na  Câmara Municipal de Palmeirópolis, situada a Avenida das Palmeiras no centro. O evento pretende reunir representantes da Prefeitura, dos Conselhos Municipais de Saúde e Meio Ambiente, dos sindicatos, Ministério Público, Associações, Defensoria Pública e sociedade civil organizada.

De acordo com o secretário de Meio Ambiente Jean Carlos Soares Pereira, a consulta pública servirá para um bom desempenho do plano “vamos tratar dos quatro eixos do saneamento básico, que englobam abastecimento de água potável, esgotamento sanitário, drenagem pluvial, essa discussão será de suma importância para o nosso município, pois contamos com a participação de toda a sociedade, Nossa expectativa é recebermos contribuições da população, de forma que possamos ter um diagnóstico consolidado e que retrate a situação do município com todas as suas particularidades”, completou o secretário.

Os engenheiros Sergio Augusto, Robson Gabriel e a bióloga Isabela Martins técnica da Agencia Tocantinense de Regulação irão apresentar e tirar dúvidas sobre o Plano Municipal de Saneamento Básico.

A construção do plano, conta com a contribuição dos convidados para alteração ou inclusão, garantindo a participação e controle social efetiva da população. Com o diagnóstico participativo e levantamento realizado pela equipe técnica, será detectado deficiência do Saneamento Básico do município de Palmeirópolis, viabilizando um prognóstico futuro com estabelecimento de metas e formulação de programas e projetos que alcancem os objetivos, almejando a universalização dos serviços de Saneamento Básico de Palmeirópolis.

Ascom/MariCorreia

Caminhão tomba em curva perigosa próximo a Palmeirópolis

Ninguém ficou ferido no acidente

Da Redação Mapa da Notícia

Um caminhão carregado com ferragens tombou por volta das 14h20min desta quarta-feira, na curva chegando a cidade de Palmeirópolis, conhecido como “Apertado da Hora”.
O veículo vinha de Mara Rosa e seguia em direção Taipas, onde faria a entrega da carga.

Segundo o companheiro do motorista, o caminhão perdeu o freio na descida e tentando controlar tombou na curva, não teve  o que fazer disse ele.

Boa parte do material transportado ficou espalhado no chão, por sorte ninguém se machucou.

Três acidentes em menos de uma semana aconteceu no local. Todos que passam pelo trecho já sentem medo, principalmente os caminhoneiros.

A rodovia é estadual e moradores pretendem fazer outros abaixo assinados para cobrar uma solução dos órgãos competentes. Falaram até em interromper a pista, proibindo a passagem, uma forma de chamar atenção e tentar resolver a situação, por medo de algo mais grave, como já aconteceu no passado. Já que até agora nada foi feito.

A população cobra do poder público uma solução imediata. O difícil é que a maioria dos acidentes acontece por perder o freio no alto, na  descida que antecede a curva.

IMG-20160504-WA0026 (1)

IMG-20160504-WA0024

Ex prefeito de Palmeirópolis Enoque Souza responde sobre julgamento de contas de Ordenador de Despesa, exercício 2009

Do Mapa da Notícia

De acordo com Enoque o julgamento das contas, na qual a Câmara de Palmeirópolis tem realizado, diz respeito ao Acórdão do Tribunal de Contas no julgamento das contas do ORDENADOR DE DESPESA, exercício de 2009 quando ele era prefeito.

Ele afirma que o processo julgado por aquela Casa de Leis, contém  várias irregularidades que tornam os atos referentes à intenção ilegal, dentre elas o descumprimento do prazo de que trata o inciso VIII do art. 56 da  LEI ORGÂNICA DO MUNICÍPIO  uma vez que, o  acórdão que julgou as contas irregulares, exercício 2009, foi publicado em 07 de novembro de 2012 e somente após transcorrer mais de 03 (três) anos, a Câmara entendeu por bem iniciar o processo de julgamento. “Se não bastasse o ato da Câmara em julgar minhas contas de ordenador de despesa, desrespeita o prazo estipulado no inciso VIII do art. 37 da Lei Orgânica do Município que estabelece prazo máximo de 60 (sessenta) dias para tomar e julgar as contas do Prefeito, no entanto já se passaram mais de 03 (três) anos e somente no ano de 2015 a Câmara resolveu julgar minhas contas de ordenador de despesa. Além disso, outro impedimento tem o julgamento das referidas contas, que diz respeito a falta de competência  da Câmara para julgar as contas de ordenador de despesas. O julgamento das contas de ordenador de despesa, exercício 2009, que a Câmara realizou e não aprovou, afronta ao art. 71II, da Constituição Federal, haja vista que a competência para julgar as contas relativas a atos de gestão, praticados pelos Chefes do Poder Executivo, na condição de ordenador de despesas, é do Tribunal de Contas e não da Câmara Municipal”, afirmou.

Afirma ainda que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já decidiu que as contas do prefeito que age como ordenador de despesas não estão sujeitas ao julgamento final pela câmara de vereadores. Desta forma, o juízo de valor sobre a inelegibilidade deve ser feito pela Justiça Eleitoral apenas com base na decisão do Tribunal de Contas competente. “Os atos de gestão do Chefe do Poder Executivo estão sujeitos a julgamento técnico do Tribunal de Contas, não cabendo apreciação pela Casa Legislativa. Sendo assim, não cabe à Câmara Municipal o julgamento das minhas contas como ordenador de despesa do exercício de 2009. Para demonstrar que o julgamento é totalmente motivado por política,  consta na Ata de Sessão da Câmara  nº 1.513 de 24 de setembro de 2014 e Decreto Legislativo nº 13/2011 que as Contas Consolidadas de competência da Câmara Municipal, já foram julgadas e aprovadas referente ao exercício de 2006 a 2010”. Continua “Quanto aos motivos pelo qual o TCE julgou minhas contas como ordenador de despesa exercício 2009, conforme consta no Relatório e Voto daquele Tribunal de Contas, foram consideradas irregulares em razão de pagamento em atraso de faturas de energia elétrica, telefonia e devolução de cheques sem fundos. Acontece que os nobres Vereadores de Palmeirópolis, desconsideraram o fato de que os valores foram referentes às despesas de faturas de energia elétrica, telefonia e devolução de cheques de outras administrações que foram pagas durante minha administração no ano de 2009. Portanto, os juros foram de fato pagos por má gestão de recursos financeiros, mas das administrações anteriores, o que foi totalmente desconsiderado pela Câmara Municipal que sequer analisou a defesa ponto a ponto, limitando-se apenas a não aprová-las após mais de 3 (três) anos da publicação do acórdão do TCE e, ainda,  após a própria Câmara ter analisado e aprovado as contas consolidadas de 2006 a 2010, conforme consta na ata nº 1.513.A Egrégia Casa de Leis de Palmeirópolis  no julgamento irregular da contas de ordenador de despesa  de minha administração, tem reiteradamente deixado de avaliar o conteúdo dos acórdãos do TCE no que diz respeito às contas de ordenador de despesa durante o tempo em que estive a frente da Prefeitura de Palmeirópolis.Também desconsidera que as contas julgadas irregulares pelo TCE dizem respeito às dividas contraídas por ex-gestores e pagas na minha administração e, que,  ainda cabem Recurso de Reconsideração que estão sendo propostos dentro do prazo permitido pelo TCE para demonstrar o que aqui está sendo alegado. Importante esclarecer que a Câmara não está tendo o devido cuidado e zelo quanto à análise do conteúdo dos acórdãos do TCE, juntamente com minhas defesas apresentadas instruídas com documentos comprobatórios”

O ex prefeito indignado diz ainda: “ A meu ver, entendo que a atitude dos vereadores de Palmeirópolis  é uma tentativa de me prejudicar em uma possível candidatura ao pleito de 2016, tratando-se de perseguição política, já que todas as contas referentes ao tempo em que exerci meu mandato foram devidamente julgadas e aprovadas em 2010 pela Câmara Municipal”. Explicou na integra o ex prefeito Enoque Souza Alves

IMG-20160501-WA0056
Câmara Municipal de Palmeirópolis

A Mesa Diretora da Câmara Municipal de Palmeirópolis responde

Quanto ao julgamento das Contas de Ordenador de Despesas, dos anos de 2005 a 2010, é em razão do cumprimento de uma das obrigações do Poder Legislativo, que é fiscalizar e julgar as contas dos Prefeitos. Depois desta legislatura, as próximas certamente seguirão com essa obrigação indispensável à função do legislativo, e ainda, esta legislatura da Câmara Municipal de Palmeirópolis deixará um legado para as demais legislaturas e Câmaras de Vereadores do Estado do Tocantins, em julgar as contas dos prefeitos concedendo-lhes o direito do contraditório e ampla defesa, direitos consagrados na Constituição Federal de 1988.

Sobre a legitimidade da Câmara Municipal Julgar as Constas de Ordenador de Despesas dos Prefeitos, salientamos que nos termos do Artigo 31, §1º da CF/88, a Câmara Municipal é legítima para julgar, como também a legitimidade é exclusiva, dispositivo transcrito abaixo: Read more

Em menos de 24 horas mais um acidente no mesmo local em Palmeiropolis

IMG-20160429-WA0012 Moradores da região de Palmeiropolis sul do Tocantins estão revoltados com a “curva da “morte”.   Um trecho perigoso chegando à cidade, que tem levado muitos a morte.  O trecho conhecido como “Apertado da Hora” fica uns 5 km da cidade. Hoje, um caminhão carregado de telhas vindo de Aliança Tocantins também perdeu o freio na descida, e na curva capotou, no mesmo local onde o soldado Alves morreu alguns anos atrás.

Desta vez três homens de uma empresa não identificada estavam no caminhão que ia com a carga de telha em direção a Paranã To. Os homens tinham idades entre 27, 29 e 30 anos aproximadamente, nomes não divulgados.Um deles saiu sem lesão, o segundo grave e o terceiro em estado gravíssimo.  Os dois ficaram presos nas ferragens do caminhão e foi preciso os moradores em equipe cortar os ferros para resgatá-los com vida. Foram socorridos levados ao hospital de Palmeirópolis, onde foram atendidos e depois encaminhados à Gurupi, até agora sem noticias.

IMG-20160429-WA0011O trecho é antigo e conhecido como, “a curva da morte”por vários acidentes no local. Há muitos anos a população vem fazendo abaixo assinado, buscando uma forma de melhorar, ou até de mudar o local. “Lá é estreito fica entre a serra e um córrego, apertado, quem chega e não conhece sofre acidente”, disse um comerciante.

Ontem por volta das 15 horas, no mesmo local teve outro acidente onde o motorista e o colega pulou do caminhão de bebidas antes de tombar. Um caminhão com placa Mercedes bem 16 20 cor branca de Gurupi carregado de bebidas. Por sorte ninguém saiu ferido. Já os de hoje não tiveram  a mesma sorte.

Do Mapa da Notícia