Vítima foi levada por parentes até Unidade de Pronto Atendimento, no entanto, por estar em estado grave, foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e levada a hospital.

Uma bebê de um ano e um mês de vida se afogou dentro de um balde com água, nesta segunda-feira (29), em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital.

Ela foi levada por parentes até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Buriti Sereno, mas por causa da gravidade do estado de saúde, os bombeiros foram acionados e a levaram para o Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol).

O jornal entrou em contato com a unidade para saber o estado de saúde da bebê, por e-mail, nesta tarde, e aguarda posicionamento do hospital. As ligações não foram atendidas até a publicação desta reportagem.

O Corpo de Bombeiros informou por telefone, que recebeu apoio do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas foi necessário acionar um helicóptero para transportar a vítima. A corporação destacou que a menina estava inconsciente, em estado grave e entubada na hora do resgate. No caminho para o Hugol, ela sofreu uma parada cardiorrespiratória e precisou ser reanimada.

Acidente

Segundo a avó da vítima, a dona de casa de 61 anos, a neta brincava no quintal quando tentou pegar um brinquedo no balde e caiu. Ela conta que a família está sempre de olho e a irmã, da bebê, assim que viu, chamou a mãe para socorrê-la.

“Deixamos o balde com água no chão e esquecemos de colocar de volta no lugar. Não pensava que uma coisa dessas pudesse acontecer. Foi uma fatalidade mesmo. Quando viram, todos saíram correndo com ela para a UPA, mas agora ela está internada e estamos aguardando notícias do hospital”, contou a idosa.

G1 Goiás

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here