Rozineide Gonçalves

Três pessoas ficam feridas após batida entre carros no Tocantins

Segundo testemunhas, uma mulher foi arremessada para fora do veículo e ficou em estado grave. O acidente aconteceu entre Palmas e Lajeado.

Três pessoas ficaram feridas após uma batida entre dois carros. O acidente aconteceu na manhã deste sábado (14), no km 26, da TO-010, entre Palmas e Lajeado. Uma das vítimas foi socorrida em estado grave pelo Samu.

Segundo testemunhas, os carros seguiam em direções opostas. Um dos veículos, que trafegava sentido Lajeado, invadiu a pista contrária e foi atingindo na lateral pelo carro que seguia no sentido Palmas.

Os dois ocupantes do carro que trafegava no sentido Palmas não se machucaram. Já as três pessoas que estavam no outro veículo, ficaram feridas. Uma mulher teria sido arremessada para fora e ficou em estado grave. As vítimas foram levadas para o Hospital Geral de Palmas.

Menor é apreendido suspeito de negociar motocicletas furtadas em rede social

Uma vítima se passou por comprador e marcou um encontro com o suspeito para fechar o negócio. Ela foi acompanhada de policias, que apreenderam o jovem na TO-080, em Paraíso do Tocantins.

Um menor foi apreendido suspeito de negociar motocicletas furtadas nas redes sociais. A apreensão do jovem foi realizada nesta sexta-feira (13), na TO-080, em Paraíso do Tocantins. Já os veículos foram localizados na TO-348.

A Polícia Militar chegou até o suspeito, após uma vítima acionar a equipe. Ao descobrir que a motocicleta furtada estava sendo vendia em uma rede social, ela se passou por comprador e marcou com o suspeito um local para a compra.

Os policiais do Batalhão Rodoviário e de Divisas (BPMRED) acompanharam a vítima e no local combinado para o negócio abordaram o menor. O suspeito confessou o crime e levou os policiais até a TO-348, onde foram localizadas duas motocicletas, uma delas a da vítima que acionou a PM.

A outra motocicleta havia sido furtada pelo menor na Praia da Graciosa, em Palmas, na noite anterior. Os veículos estavam desmontados. O jovem e o material apreendido foram levados para Delegacia de Polícia.

Em julho, entre os dias 1º e 14, de acordo com dados do Sistema Integrado de Operações (Siop), a PM registrou 20 ocorrências de localização de veículo automotor furtado e 14 ocorrências de localização de veículo automotor roubado. Os veículos recuperados na maioria das vezes são devolvidos aos donos.

Confira as dicas de segurança passadas pela PM

  • Travas: use travas, trancas de roda ou cadeados. Veículos com dispositivos de trancamento auxiliares são menos observados pelos criminosos;
  • Equipamentos auxiliares: busque utilizar alarmes, corta-correntes, sensores de presença e sistemas de rastreamento. Os criminosos percebem a utilização destes dispositivos e desistem do crime antes de cometê-los;
  • Estacionamento: prefira estacionamentos regulamentados ou de fácil acesso e de vigilância. Os criminosos procuram facilidade e anonimato;
  • Horários: prefira horários mais movimentados, pois a visualização das pessoas favorece a vigilância. Criminosos escolhem horários menos movimentados;
  • Alerta: mantenha-se sempre alerta ao seu redor. Não se distraia com celulares. O criminoso age de surpresa e a partir da vulnerabilidade da vítima;
  • Rotas: utilize diversas rotas, a fim de não causar previsibilidade. Os criminosos estudam as vítimas antes de cometer os crimes;
  • Passeios em grupo: realize passeios em veículos com mais pessoas. Facilita a observação e vigilância. Criminosos preferem vítimas sozinhas ou em poucas pessoas;
  • Documentos: não guarde documentos no veículo. Leve-os sempre consigo. Criminosos de posse de veículo furtado, mas com documentos em mãos, podem passar pela fiscalização imunes;

Se for vítima de furto ou roubo, mantenha a calma. É importante tentar lembrar das características do veículo e repassar o máximo de informações para a Polícia Militar do Tocantins.

Duas pessoas ficam feridas após caminhonete bater em meio-fio e capotar

Acidente aconteceu na BR-153 entre Araguaína e Nova Olinda, norte do Tocantins. Segundo a PRF, acidente pode ter ocorrido porque carga estava mal acondicionada.

Uma caminhonete capotou na tarde deste sábado (14) na BR-153, entre Araguaína e Nova Olinda, na região norte do estado. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o carro estava carregado com sacos de ração e a suspeita é de que a carga estava mal acondicionada. Além disso, um dos pneus da caminhonete estourou.

O acidente aconteceu por volta das 13h30. O motorista perdeu o controle do veículo, atravessou a pista, bateu no meio-fio e capotou. Um rapaz de 20 anos e uma mulher de 40 estavam no veículo.

As vítimas foram socorridas por uma ambulância do Samu e levadas para o Hospital Regional de Araguaína. Eles tiveram ferimentos leves.

O motorista do veículo afirmou que o acidente aconteceu porque o pneu estourou. Porém, segundo a PRF, apenas a perícia poderá confirmar o que ocorreu.

Homens são presos durante operação de combate ao tráfico de drogas

Ação foi realizada em Campos Lindos. Ao todo, nove pessoas serão indiciadas por tráfico, associação para o tráfico e lavagem de dinheiro.

Sandro Ferreira da Silva, de 34 anos e José Adalto de Sousa, de 39 anos, foram presos em flagrante nesta sexta-feira (13), durante o cumprimento de seis mandados de busca e apreensão na Operação Reincidência, em Campos Lindos. O objetivo é combater o tráfico de drogas na cidade, que fica na divisa com o estado do Maranhão.

Segundo a Polícia Civil, com os suspeitos foram encontradas drogas e celulares. As investigações, que duraram dois meses, apontam que grande parte do tráfico em Campos Lindos era comandada por Maurício Reis Ferreira da Silva, de 30 anos e Bruno Araújo do Nascimento Ferreira, de 23 anos.

Atualmente os dois cumprem pena nos presídios de Balsas e de São Luís, no Maranhão. Ao todo, nove pessoas serão indiciadas por tráfico, associação para o tráfico e lavagem de dinheiro.

Piloto preso com cocaína em avião disse que receberia R$ 100 mil para fazer o transporte

Lucas de Oliveira Penha deu a declaração a agentes da Polícia Federal logo que foi preso, mas preferiu ficar calado durante o depoimento. Eles voavam em baixa altitude para evitar fiscalização.

O piloto Lucas de Oliveira Penha, preso na quinta-feira (12) com 300 quilos de cocaína em um avião, disse a agentes da Polícia Federal que receberia R$ 100 mil para fazer o transporte da droga. A declaração foi dada logo após ele ser detido em um campo de pouso de Formoso do Araguaia, no sul do Tocantins.

Penha disse ainda que o mesmo valor seria pago ao outro piloto que estava no avião, Murillo Ribeiro de Souza Costa. Ainda na conversa com o agente, afirmou que eles voavam em baixa altitude, a cerca de 80 metros do solo, para evitar a fiscalização, e que só pousaram no local do flagrante porque houve um defeito na aeronave.

As informações foram fornecidas pelo suspeito no local da prisão, mas durante o depoimento na sede da Polícia Federal em Palmas ele preferiu ficar calado. Costa adotou o mesmo procedimento, mas no campo de pouso disse aos agentes que a cocaína pertenceria a um traficante de Goiânia conhecido como Ceará ou Fortaleza.

Murillo Ribeiro é piloto agrícola há cerca de um ano e já foi preso no Paraguai por transportar duas pessoas e fuzis sem autorização. Já Lucas de Oliveira trabalha para uma empresa do ramo do agronegócio e é de Marabá (PA).

Os dois tiveram a prisão em flagrante convertida em prisão preventiva pela Justiça Federal. A PF conseguiu também acesso a dados de um tablet que estava no avião e dos celulares dos suspeitos. As defesas dos dois pilotos não responderam as tentativas de contato da produção da TV Anhanguera e do G1.

Por determinação da Justiça Federal, a cocaína apreendida deve ser destruída.

Aeronave foi encontrada em um pista de pouso (Foto: Ciopaer/Divulgação)Aeronave foi encontrada em um pista de pouso (Foto: Ciopaer/Divulgação)

Aeronave foi encontrada em um pista de pouso (Foto: Ciopaer/Divulgação)

A prisão

Murillo Ribeiro de Souza Costa e Lucas de Oliveira Penha foram flagrados em uma fazenda na zona rural de Formoso do Araguaia. A apreensão da aeronave, que estava com mais de 300 kg de cocaína, foi feita pela Polícia Federal, com apoio da Polícia Militar do Tocantins e do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer-TO).

Segundo a Polícia Federal, a suspeita é que a droga veio da fronteira da Bolívia com o Mato Grosso. A investigação começou após uma denúncia anônima. Depois disso, os policiais de Tocantins, Goiás e Mato Grosso começaram a trocar informações e a aeronave foi interceptada em um campo de pouso.

Esta é a segunda grande apreensão de cocaína feita em Formoso do Araguaia. Em 2017, foram encontrados 318 quilos da droga escondidos perto de uma pista de avião, onde havia uma aeronave. Na época, um homem foi preso por tráfico de drogas suspeito de ter alugado a fazenda para o embarque da droga.

G1 Tocantins.

Mulher que faz aniversário no dia 13 era proibida de sair de casa quando data caía na sexta-feira

Mãe dizia que o dia atraía coisas ruins, mas Janaína Muniz afirma que nunca acreditou na superstição. Professor de filosofia explica as lendas sobre a data.

 

Jovem é presa após destruir laboratório de unidade de saúde em Palmas

Ela quebrou um aparelho avaliado em R$ 40 mil, destruiu amostras e ameaçou esfaquear uma funcionária. O motivo teria sido a demora para realizar um exame.

 

Condutora fica ferida ao invadir pista contrária e atingir caminhão perto da curva da morte na BR365

A condutora de um carro de passeio teria invadido a pista contrária e atingido um caminhão que foi parar fora da pista.

O acidente aconteceu na manhã desta sexta-feira (13) no km397 da BR365, próximo à curva da morte em Patos de Minas. A condutora de um carro de passeio teria invadido a pista contrária e atingido um caminhão que foi parar fora da pista. A motorista do automóvel foi socorrida com ferimentos leves.

O acidente aconteceu por volta das 9h50. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, a motorista do HB20, Patrícia Fonseca, 28 anos, seguia pela rodovia em sentido a Varjão de Minas quando acabou perdendo o controle da direção e invadido a pista contrária. O caminhão que seguia em sentido contrário acabou sendo atingido.

Com o impacto, a motorista ficou ferida e precisou ser resgatada pelo Corpo de Bombeiros. Ela sofreu fratura na perna e escoriações. O pai dela que também estava no veículo nada sofreu. Já o caminhão desceu a ribanceira que existe no local parando às margens da rodovia. O caminhoneiro de 24 anos nada sofreu.

A Polícia Rodoviária Federal registrou a ocorrência. Nesta sexta-feira (13), a PRF inicia a Operação Férias Escolares 2018. Os policiais vão intensificar a fiscalização nas rodovias para coibir principalmente os excessos de velocidade e as ultrapassagens perigosas. Os policiais orientam os motoristas a respeitarem as leis de trânsito e redobrarem a atenção.

PatosHoje.

Travesti é presa suspeita de espancar e matar colega em Araguaína

Tyfanni Sandes Dutra é suspeita de envolvimento na morte de outra travesti em Araguaína, norte do Tocantins. Crime aconteceu em 2017 e uma terceira travesti também está presa pelo crime.

A Polícia Civil prendeu uma travesti suspeita de envolvimento em um assassinato em Araguaína, norte do Tocantins. Tyfanni Sandes Dutra foi detida na noite desta quinta-feira (12) em cumprimento a um mandado de prisão temporária. Ela é suspeita de ser uma das executoras das agressões contra a travesti Vitória Castro, de 36 anos, que morreu no hospital em 2017.

Tyfanni Sandes foi presa em Imperatriz (MA) por agentes da Delegacia de Homicídios e Delegacia Regional de Araguaína. O crime contra Vitória Castro aconteceu em abril do ano passado em uma esquina da cidade. Ela teria sido morta porque não aceitou fazer parte de um esquema de aliciamento.

Após ser presa no Maranhão, Tyfanni Sandes foi levada para uma delegacia de Imperatriz e colocada em uma cela. Ela deve ser transferida para o Tocantins nos próximos dias.

Uma terceira travesti, Kellyta Rodrigues de Sousa, foi presa em junho deste ano acusada de ser a mandante das agressões. Ela foi transferida para um presídio feminino após uma decisão da Justiça.

G1 Tocantins.

Rodovias que romperam durante período de chuvas continuam sem recuperação

Desvios foram feitos, mas situação prejudica o trânsito e a temporada de praias de algumas cidades.

Três rodovias estaduais que romperam durante oúltimo período de chuvas continuam sem recuperação.Desvios foram construídos, mas a situação dos trechos acaba prejudicando o trânsito e a movimentação para as praias. O caso mais antigo é da TO-080, que rompeu há quatro meses, e até acidentes foram registrados.

Questionada sobre a situçaão da TO -080, TO-335 e TO-201, a Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto) informou que projetos de recuperação estão em andamento. Porém, um prazo para conclusão das obras não foi informado.

Confira a situação de cada trecho:

TO-080, entre Divinópolis e Marianópolis

Cerca de 10 metros da pista foram levados pelas águas depois que o ribeirão Boa Esperança transbordou e a tubulação não suportou o volume da água. Em maio, uma caminhonete ficou submersa após o motorista não ver a sinalização e cair na cratera.

Segundo a Secretaria de Infraestrutura de Divinópolis, um desvio foi feito pelo governo ao lado da rodovia, utilizando manilhas e um aterro. Porém, a cratera na pista continua do mesmo jeito.

A Ageto informou que projeto de engenharia para reparo definitivo da TO-080 entre Divinópolis e Marianópolis foi concluído. “A obra já tem recursos garantidos pelo Banco Mundial e a licitação deve ser feita em breve. A Ageto construiu um desvio de 400 metros que normalizou o tráfego na região”, diz nota enviada.

Parte da TO-335 se rompeu com a força da chuva (Foto: Divulgação)Parte da TO-335 se rompeu com a força da chuva (Foto: Divulgação)

Parte da TO-335 se rompeu com a força da chuva (Foto: Divulgação)

TO-335, no trecho entre Colinas e Palmeirante

Uma cratera se abriu no meio da pista no início de abril, após fortes chuvas. O ponto do desabamento fica na altura do córrego Cunhã, a cerca de 50 km de Colinas, próximo ao povoado São Pedro.

Segundo o Prefeito de Palmeirante, Charles Rodrigues, o governo colocou as manilhas, mas ainda não fez a galeria. “Colocaram o aterro, mas ainda não passaram o asfalto. O trânsito está passando apenas em uma mão. Disseram que a verba para concluir está no orçamento, mas a obra está parada”, afirmou.

Ainda segundo ele, a temporada de praias está sendo prejudicada. “Tá prejudicando porque, além desse trecho, não finalizaram as obras de tapa buracos. O trânsito fica ruim e o pessoal de Colinas, que é o público maior, não está indo”, lamentou.

O projeto para resolver o problema na TO-335 ainda está em andamento. “O projeto de engenharia para o reparo definitivo da TO-335, entre Colinas e Palmeirante está em fase de conclusão, após a aprovação o trecho deve ser licitado. No local também foi construído um desvio de 260 metros, nas proximidades da pista o que garantiu a mobilidade dos moradores da região”, informou a Ageto.

Trecho da TO-201 é parcialmente interditado após galeria romper por causa da chuva (Foto: Ageto/Divulgação)Trecho da TO-201 é parcialmente interditado após galeria romper por causa da chuva (Foto: Ageto/Divulgação)

Trecho da TO-201 é parcialmente interditado após galeria romper por causa da chuva (Foto: Ageto/Divulgação)

TO-201, entre as cidades de Axixá e Sítio Novo

O trecho rompeu no final de março após uma galeria não suportar o volume das chuvas e romper. Parte da pista desabou e ficou interditada. A rodovia é uma das principais ligações entre o Tocantins e o Maranhão. É também a via de acesso da população da região do Bico do Papagaio à cidade de Imperatriz.

Segundo a Prefeitura de Axixá, um desvio foi feito ao lado da rodovia, mas a pista continua na mesma situação.

Sobre a situação da TO-201, o Estado afirmou que os estudos para o desenvolvimento do projeto de engenharia foram iniciados e devem ser concluídos em breve. “Assim que aprovado o projeto, a obre deve ser licitada. A rodovia ganhou um desvio que tem capacidade para suportar veículos leves e pesados”, informou nota da Ageto.

G1 Tocantins.