Região Sudeste do Tocantins recebe obra do Luz para Todos

O investimento de R$ 11,2 milhões na região atenderá 211 famílias ao longo de um traçado de 356 km de rede.
 
Após a vinda do ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, em março de 2017, para a assinatura do termo de compromisso para universalizar a energia elétrica no Tocantins, com o objetivo de atender mais de 6,4 mil famílias na zona rural.
O Senador Vicentinho Alves  (PR/TO) e o Deputado Federal Vicentinho Júnior (PR/TO) tem a honra de convidar a todos (as) para a inauguração na próxima segunda-feira, dia 2 de abril, às 9 horas, da primeira fase da obra do Luz para Todos que atenderá o Kalunga do Mimoso, uma comunidade quilombola localizada a 120 km do município de Arraias, região Sudeste do Tocantins.
O investimento de R$ 11,2 milhões na região atenderá 211 famílias ao longo de um traçado de 356 km de rede.
”Essa é a nossa política, política de resultado para o Tocantins. Assim como trouxemos o ministro dos Transportes, Maurício Quintella, no dia 16 de março, para inaugurar as obras da BR-242, que estavam paralisadas há mais de 10 anos, agora, após a nossa gestão há 1 ano e três meses, em que solicitamos a antecipação de recursos financeiros do Programa Luz Para Todos , no valor de R$ 104 milhões, em 2017 até Jun/2018.
Também voltaremos com o Ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho, para entregar a eletrificação para a Região Sudeste”, comemoram o Senador Vicentinho Alves e o Deputado Federal Vicentinho Júnior.
A inauguração será realizada em Arraias, no Salão Paroquial da Igreja Matriz N.S.A dos Remédios, praça da Matriz, n. 23 – Centro.
Com a presença do Ministro Fernando Coelho Filho, do prefeito de Arraias, Antonio Wagner Barbosa Gentil, do presidente da Energisa Tocantins, Márcio Mário Zidan e demais autoridades e lideranças políticas. 
Ascom Vicentinho Alves

Mauro Carlesse critica falta de transição de governo por parte da gestão de Miranda

“Eu acho que esse tipo de governo não pode existir mais porque o governo não é meu e nem dele, é do povo. Quem saiu tinha a obrigação de fazer essa transição”, ponderou o governador interino.

O governador interino do Tocantins, Mauro Carlesse (PHS) criticou a falta de repasses de informações e relatórios do trabalho executado durante a gestão do governador Marcelo Miranda, que deixou ontem, 27, o comando do Estado.

Carlesse afirmou em entrevista à imprensa na manhã desta quarta-feira, 28, que a falta de uma equipe de transição tem prejudicado a celeridade na continuação das ações do governo.

“Quando você não tem uma transição você tem que começar a fuçar gavetas. Eu acho que esse tipo de governo não pode existir mais porque o governo não é meu e nem dele, é do povo. Quem saiu tinha a obrigação de fazer essa transição. Deveria sentar com os novos secretários e colocar-nos a par de cada situação. Os convênios, relações de contratos, número de contas bancárias porque senão imagine o problema que isso está gerando para nós”, ponderou o parlamentar.

Na ocasião Carlesse informou ainda que recorreu a medidas jurídicas para tentar garantir uma transição adequada, mas até agora não conseguiu o repasse de informações.

“Estamos por nossa conta fazendo os levantamentos e ainda bem que os servidores são capacitados para fazer isso. Para você ver, até agora não conseguimos nenhuma informação por falta desse compromisso da gestão anterior. A minha indignação é que eles acham que são donos do Estado. Não passaram nenhum relatório porque acham que todo o trabalho que eles fizeram é deles e não do povo. Tem que ter esse compromisso. Se eu ficar 60 dias vou ter mais 30 dias para passar para o próximo que vai assumir de forma legal e informativa, que ajude a continuar o trabalho feito há 5, 6 anos atrás”, avaliou.

Em decorrência da situação relatada, Carlesse finalizou explicando que a prioridade agora é reunir informações para saber em que situação o Estado está. “Queremos fazer isso o mais rápido possível, de forma que o Estado não pare, dando andamento na saúde e em outras áreas essenciais”, explicou.

Após reunião, Carlesse diz que não ficou dinheiro em caixa suficiente para pagar folha

O governador interino Mauro Carlesse (PHS) se reuniu com os titulares das pastas na manhã desta segunda-feira, 28, no Palácio Araguaia, em Palmas.
Na reunião, ele apresentou as primeiras diretrizes e orientações aos secretários, subsecretários e presidentes. Ele afirmou que a prioridade é sentar e saber como o Estado está. “Estamos olhando cada secretaria para saber a situação do Estado, o mais rápido possível”, conta.
 
Sobre a nomeação do restante dos secretários das pastas da Saúde, Educação, Serviço Social, Adapec e outras, ele revelou que ainda está estudando.
“Para Saúde, nós temos três nomes, precisa ser alguém que entenda, que tenha conhecimento do que está acontecendo. Até amanhã já teremos essa certeza. Mas a Saúde não está parada”, informou.
 
Em relação às outras pastas, o governador revelou que também ainda está estudando para decidir quem irá assumir.
 
Segundo Carlesse, outra preocupação é a folha de pagamento. O ex-governador Marcelo Miranda, garantiu numa última reunião que deixaria dinheiro em caixa para o pagamento dos servidores. Porém, o novo governador interino, esclareceu que Miranda não deixou dinheiro suficiente.
“Olha, ele deixou sim dinheiro em caixa, mas muito menos do que precisa para pagar a folha. Mas estamos resolvendo essa situação”, disse.
 
“Até a tarde nós teremos uma resposta do que dá para pagar, e quando. Por enquanto não posso dar certeza de nada, mas não vou deixar o Estado parar”, garantiu Mauro.
 
Alguns deputados como Olyntho Neto, Wanderlei Barbosa e Amelio Cayres foram vistos pelos corredores do Palácio. Indagado sobre se ele estuda alguma indicação com deputados para as pastas, Carlesse negou e afirmou que irá colocar pessoas capacitadas para assumir o restante das secretarias.
 
*Eleições suplementares*
 
Sobre as eleições, Carlesse diz não saber se irá realmente disputar o pleito em junho. “Eu não vou afirmar porque mudou um pouco. Meu foco agora é cuidar do Estado. Isso ainda será analisado, mas não dizer se vou disputar ou não”, destacou.
 
*Exonerações*
 
Sobre exonerações, Carlesse garantiu que fará de um reenquadramento, mas os servidores não precisam ficar alarmados. “Quem trabalha terá seu emprego garantido”.
 
*ICMS do Transporte Coletivo*
 
Foi divulgado no Diário Oficial de Palmas o aumento da taxa de transporte coletivo de R$ 3,50 para R$ 3,75. O prefeito da Capital, Carlos Amastha, garantiu que a passagem não aumentará, mas que há chances disso acontecer num futuro próximo, e destacou que, para isso não ocorrer, o governo do estado deve isentar o imposto do transporte coletivo.
 
Carlesse deu um parecer sobre a situação. “Isso deve ser estudado, sou totalmente contra o aumento de impostos e de passagem na situação que o Estado se encontra”, enfatizou.

Vicentinho e Dimas se reúnem em Brasília nesta quarta para discutir eleições diretas

Na pauta dos dois, o entendimento sobre quem disputará as eleições diretas suplementares, para substituir o ex-governador Marcelo Miranda, que deixou o governo, por força de cassação votada pelo TSE.

O senador Vicente Alves (PR), o Vicentinho, se reúne nesta quarta-feira, 28, em Brasília (DF) com o prefeito de Araguaína e pré-candidato ao governo do Estado para as eleições de outubro, Ronaldo Dimas (PR).

Na pauta dos dois, o entendimento sobre quem disputará as eleições diretas suplementares, para substituir o ex-governador Marcelo Miranda, que deixou o governo, por força de cassação votada pelo TSE no último dia 22.

Dimas se manifestou com a intenção de disputar o pleito suplementar e recebeu um convite do MDB para filiar-se e disputar eleição pelo partido.

O convite à defesa da candidatura de Dimas divide opiniões dentro do MDB, que tem em seus quadros o prefeito de Paraíso e ex-governador Moisés Avelino.

Em reunião do partido a portas fechadas, Avelino divergiu de Derval de Paiva e indicou intenção de apoiar o senador Vicentinho.

Impedimento constitucional

O prefeito Ronaldo Dimas, assim como o prefeito de Palmas, Carlos Amastha, pode estar impedido de disputar as eleições suplementares por não ter se desincompatibilizado seis meses antes do pleito. É o que afirmam constitucionalistas.

O presidente do TRE, desembargador Marco Villas Boas confirmou em entrevista à imprensa no final da tarde de ontem, 27, que a resolução a ser baixada pelo tribunal para regulamentar as eleições no Tocantins seguirão os preceitos constitucionais.

Caso se confirme o impedimento dos prefeitos, o senador é o nome que o PR tem para a disputa direta do dia 3 de junho.

Nomes dos novos secretários são publicados no DOE; outros serão anunciados nesta 4ª

A previsão é que novos anúncios de pastas como Saúde e Educação aconteçam durante esta quarta-feira, 28.

Os nomes dos secretários anunciados na noite de ontem, 27, pelo governador interino do Tocantins, Mauro Carlesse (PHS), logo após sua posse, já foram publicados no Diário Oficial do Estado desta terça.

Carlesse anunciou quatro secretários titulares, dois subsecretários, três presidentes de autarquias, o comandante-geral da Polícia Militar e o controlador-geral do Estado. Alguns secretários anunciados irão acumular pastas do Governo. “Estou anunciando hoje alguns auxiliares. Nos próximos dias irei anunciar os demais, observando o critério técnico e a afinidade com o nosso projeto de governo”, disse o governador.

A previsão é que novos anúncios de pastas como Saúde e Educação aconteçam durante esta quarta-feira, 28. Neste primeiro dia de governo interino os novos secretários se dedicarão a se inteirar sobre suas pastas e reunirão os servidores públicos para definir suas primeiras ações.

Os nomes publicados no DOE são os de Rolf Costa Vidal, que assumiu a Casa Civil e cumulativamente a Secretaria Geral de Governo e Articulação Política; Sandro Henrique Armando, na Secretaria de Estado da Fazenda e cumulativamente as secretarias de Estado da Administração e a do Planejamento e Orçamento; João Francisco de Aguiar (João Neto), como secretário de Estado da Comunicação Social; Jaison Veras Barbosa que é o novo comandante-geral da Polícia Militar; Deusiano Pereira de Amorim é o gestor da Secretaria de Estado da Segurança Pública e cumulativamente da Cidadania e Justiça; Senivan Almeida de Arruda assumiu a Controladoria Geral do Estado; Colemar Natal Câmara, a presidência da Junta Comercial do Tocantins (Jucetins); Divino José Ribeiro, o Instituto de Terras do Tocantins (Itertins); e Jorge Cleber Neiva Brito, no Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins). Também foram nomeadas a subsecretária de Estado da Fazenda, Dilma Caldeira de Moura e a subsecretária da Administração, Vagleia Inacio Montelo Camarco.

Em sua posse ontem, o governador interino informou que fará mudanças significativas na gestão do Estado, mas garantiu que dará sequência ao trabalho que vinha sendo realizado.

Wanderlei Barbosa se diz otimista e acredita no projeto de Carlesse para o Tocantins

Wanderlei Barbosa se diz otimista e acredita no projeto de Carlesse para o Tocantins.

O deputado estadual Wanderlei Barbosa (SD) participou na noite desta terça-feira, 27, da solenidade posse do Governador Interino do Tocantins, o presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins AL/TO, Mauro Carlesse.

Carlesse assumiu interinamente o Governo nesta terça após o governador Marcelo Miranda e sua vice, Claudia Lelis, serem afastados dos cargos nesta última quinta-feira, 22.

Wanderlei, que é uma das principais lideranças de Carlesse, vê com otimismo esse período provisório que ele vai estar à frente do governo até que aconteça as eleições suplementares. Em sua fala durante a sessão ordinária que antecedeu a solenidade de posse, Wanderlei disse que todos querem ver o estado com outro direcionamento, disse isto cumprimentando vários prefeitos que ali se encontravam acompanhando as movimentações da Assembleia Legislativa.

O parlamentar disse que compreende a atual situação que o Estado passa, que o cenário político atual merece muita cautela, cuidado e respeito com a prestação dos serviços públicos. “Espero que o tempo não seja curto frente ao Palácio Araguaia, que Vossa Excelência continue com o carisma, humildade e cuidado que o senhor sempre teve com na boa convivência com os parlamentares e com todos os tocantinenses que o procuram, aqui nos procuram do mais simples ao maior e o senhor tem recebido a todos da mesma maneira, ” afirmou.

Barbosa continuou seu pronunciamento desejando que Carlesse tenha não apenas sorte, mais eficiência para saber escolher o seu secretariado e fazer com que o trabalho no Tocantins continue acontecendo. ”Essa casa vai fazer um bom debate, espero que Vossa Excelência na sua governabilidade possa abrigar todas as forças políticas desse Estado, como sempre fez, sempre teve abertura e nunca deixou de fazer “, enfatizou.

Wanderlei disse ainda que espera que o Tocantins continue para frente de maneira positiva, que o estado necessita que a educação continue boa, a saúde e a segurança pública possam melhorar e as rodovias possam continuar sendo recuperadas. O parlamentar falou que Carlesse terá o apoio que vai precisar na Assembleia, que sempre acreditou no seu projeto. “Sempre acreditei no seu projeto, espero que o senhor possa fazer uma grande gestão nesse período provisório e possa também colocar o seu nome pois sei de suas intenções com o Tocantins.”

Para Wanderlei, o apoio de líderes políticos de todo o Estado ao governador interino, só fez com que aumentasse o seu otimismo em relação a esses dias que Carlesse vai comandar o Tocantins. “Tenho a certeza que durante esse tempo, Carlesse vai poder contribuir da melhor forma com o Tocantins, tentando minimizar cada problema e buscando as alternativas para que o Estado evolua”, finalizou.

Ascom Wanderley Barbosa

Ataque à caravana de Lula será tratado como tentativa de homicídio

Polícia constatou três tiros em dois veículos que faziam parte da comitiva do ex-presidente.

O delegado Fabiano Oliveira, responsável pela investigação sobre o ataque a tiros à caravana do ex-presidente Lula, informou que o caso será tratado como tentativa de homicídio.

Os disparos ocorreram na noite desta terça-feira (27), na saída da cidade de Quedas do Iguaçu, no Paraná, quando a caravana seguia para Laranjeiras do Sul.

A polícia constatou três tiros em dois veículos que faziam parte da comitiva. Oliveira informou ainda que um dos tiros foi disparado por arma calibre 380 e os outros disparos são de arma de calibre menor. 

“Foram pelo menos duas pessoas na ação, porque há tiros nos dois lados de um dos ônibus. O caso vai ser tratado como tentativa de homicídio”, disse o delegado.

Um dos veículos, que levava jornalistas e convidados estrangeiros, recebeu dois tiros na lataria. A Polícia também constatou uma marca no vidro, ocasionada por uma pedrada.

Outro ônibus, onde estavam parlamentares e convidados, também foi atingido na lataria. De acordo com o jornal ‘O Globo’, o presidente estava em um terceiro ônibus da caranava, que não recebeu disparos.

Noticias ao Minuto

Carlesse anuncia primeiros nomes da equipe de governo logo após tomar posse; confira

Além dos anunciados nesta 3ª, outros novos nomes devem ser divulgados e empossados já nesta quarta-feira, 28, pela manhã.

Logo após tomar posse como governador interino do Tocantins, Mauro Carlesse (PHS) anunciou, já no Palácio Araguaia, na noite desta terça-feira, 27, os primeiros nomes de sua equipe de secretários.

Os novos gestores do Estado já tomaram posse e três deles acumularão funções. Outras pastas ainda terão seus secretários anunciados e há a informação de que Carlesse manteria alguns dos antigos gestores do governo Marcelo Miranda.  Novos nomes devem ser anunciados e empossados já nesta quarta-feira, 28, pela manhã.

Confira quem já faz parte da equipe do governo interino:

Jorge Kleber Neiva Brito – Presidente do Naturatins; Dilma Caldeira de Moura – Subsecretária da Fazenda; Vagléia Inácio Montelo – Subsecretária de Administração; João Francisco de Aguiar (João Neto) – Secretário de Comunicação Social; Jaison Veras Barbosa – Comandante Geral da Polícia Militar; Senivan Almeida de Arruda – Controladoria Geral do Estado; Deusiano Pereira de Amorim – Secretário de Segurança Pública e de Cidadania e Justiça; Rolf Costa Vidal – Secretário Chefe da Casa Civil / Governo e Articulação Política; Divino José Ribeiro – Presidente do Intertins; Sandro Henrique Armando – secretário da Fazenda / e do Planejamento e Gestão; Colemar Natal Câmara – Presidente da Junta Comercial.

Carlesse permanece no cargo até a realização da eleição direta, prevista para 3 de junho. Após as diretas, os eleitos permanecerão no cargo até o dia 31 de dezembro deste ano e poderão disputar as eleições gerais de 7 de outubro.

Desta forma, o Tocantins terá duas eleições para governador no mesmo ano. As regras e detalhes para as eleições de junho serão definidas pelo Tribunal Regional Eleitoral na sessão do próximo dia 4 de abril.

Meio Ambiente planta árvores e lança Gincana de Coleta Seletiva em Palmeirópolis

O plantio das mudas foi em alusão ao Dia Mundial da Floresta e da Água.

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Palmeirópolis, em Parceria com a ENGIE, trabalharam juntos na manhã de sexta-feira (23 de março), na Escola Municipal Elda Silva Barros, no lançamento do segundo concurso da Coleta Seletiva de Resíduos.

O objetivo do Concurso é promover entre os alunos do ensino fundamental a conscientização sobre a preservação e conservação do Meio Ambiente.

O evento começou com uma bela história contada por Inara Polyana  a “gotinha plim plim”.

Em seguida uma palestra ministrada sobre o tema: “Cerrado, berço das águas”, ministrada pela secretária de Meio Ambiente de Palmeirópolis, Jéssica Thais Cangussú /Engenheira Florestal.

O lançamento da gincana de recolhimento do material, começou no início no mês de março nos municípios de São Salvador, Paranã e agora em Palmeirópolis e se estende até setembro.

O material a ser coletado é : Metal com menor peso específico: latas de alumínio ou aço (ex: embalagens de cerveja, de refrigerante, de óleo, de sardinha, etc…).

Papel e papelão: jornais, folhas de caderno, formulários impressos, caixas em geral, fotocópias, envelopes, papel de fax, cartazes, aparas e etc.

Plástico: embalagem de refrigerante, de produtos de limpeza, de margarina, canos e tubos, sacos plásticos em geral.

Este segundo concurso de coleta seletiva de resíduo conta com as turmas dos 5º anos da escola Elda Silva Barros, e Bom Tempo de Palmeirópolis, escola Brasil Para Todos de São Salvador, e em Paranã Professa Floracy.

O Engenheiro Agrônomo Josimar Costa Furlan, explicou que este ano a turma vai ter que desenvolver o melhor produto inovador, caracterizado como ambientalmente sustentável e originado de reciclagem ou reutilização de resíduos.

“O produto deve ser autêntico/original e desenvolvido até o dia 30 de setembro de 2018. Os produtos serão avaliados com notas que poderão variar de 0 a um total de 100 pontos no máximo”, enfatizou.

Ainda de acordo com as informações, as escolas que participarem do concurso serão premiadas com uma composteira para produção de composto orgânico -coletor seletivo de resíduos.

A escola cuja a turma for selecionada em primeiro lugar terá como premiação o valor-prêmio de $1500 reais para aquisição de um item que e escola escolherá.

A turma vencedora em primeiro lugar receberá o valor-prêmio de $ 4000 mil para contribuição na festa de formatura da turma campeã.  E mas os kits individuais e o professor também.

Os alunos que ficar em seguindo lugar será concedida menção honrosa ou kit individual.

A coordenadora do Elda Silva Barros, Maria José Rodrigues, juntamente com os professores e colaboradores deram total apoio aos trabalhos da equipe.

Após a palestra a turma seguiu até o campo de futebol Roldão José Martins para plantar mudas em alusão ao Dia da Mundial da Água e do Meio Ambiente.

Da redação

Ônibus escolar tomba após problema mecânico e professor fica ferido no Tocantins

Caso foi na rodovia TO-365, na zona rural de Gurupi. Prefeitura informou que 19 alunos estavam no veículo, mas que não tiveram ferimentos no acidente.

Um professor da rede municipal de educação de Gurupi ficou ferido após um acidente com um ônibus escolar na tarde desta terça-feira (27).

O acidente foi na rodovia TO-365, na zona rural da cidade. A prefeitura informou que 19 alunos estavam no veículo no momento do acidente, mas não tiveram ferimentos.

Testemunhas disseram que o ônibus teve problemas mecânicos antes de tombar, mas a prefeitura afirma que a manutenção estava em dia.

As causas serão apuradas por uma perícia. O professor que ficou ferido teve escoriações e não precisou ficar internado.

Outro ônibus foi chamado para transportar os passageiros até a escola. A maioria dos alunos mora no povoado do Trevo da Praia.

G1 Tocantins