domingo, agosto 14, 2022

Últimas Notícias

Homem é esfaqueado ao chegar para audiência trabalhista, em Goiânia

Advogada diz que foi o 3º ataque contra vítima, que tem quadro gravíssimo
Polícia afirma que há mandado de prisão contra suspeito, que está foragido

Um homem foi esfaqueado enquanto chegava para uma audiência trabalhista no Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região (TRT-GO), em Goiânia. Testemunhas dizem que essa foi a terceira vez que Pablo Paulo Roberto Silva, de 35 anos, foi atacado pelo suspeito, Sergio Batista Nascimento, que já era procurado pela polícia.

O caso aconteceu na quarta-feira (23). Pablo chegava de motocicleta e, logo que parou na frente do TRT-GO, foi esfaqueado. Ele foi socorrido e encaminhado ao Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), onde passou por cirurgia.

De acordo com o boletim médico, divulgado pelo hospital manhã desta quinta-feira (23), o homem segue internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), sedado e intubado. O estado de saúde é considerado gravíssimo.

Advogada de Pablo, Fernanda Gomes Leite conta que essa foi a terceira tentativa de homicídio que Sérgio faz contra a vítima. O primeiro ataque ocorreu no ano passado, na empresa em que trabalhavam, e a segunda, em abril deste ano. A vítima participaria da audiência no TRT-GO exatamente por conta dessas situações anteriores.

“Tem muito tempo que ele está sofrendo e não tem apoio. Ele não tem condições [financeiras] de ter um segurança, de ter uma pessoa para cuidar dele”, relatou.

Segundo testemunhas, o motivo da desavença entre a vítima e o suspeito seria ciúmes, já que Sérgio desconfia que Pablo manteve um relacionamento amoroso com a mulher dele.

A Polícia Civil investigou os ataques anteriores contra a vítima e diz que há um mandado de prisão em aberto contra o suspeito, que segue foragido. Ele é procurado pela corporação.

Já a advogada da vítima afirma que, por conta dos ferimentos sofridos, Pablo ficou com sequelas e não consegue mais trabalhar. Como não está recebendo auxílio do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), ia participar da audiência exatamente para receber os acertos trabalhistas.(fonte:g1/go)

Últimas Notícias

spot_imgspot_img

Não deixe de ler

RECEBA NOSSAS NEWSLETTERS

Quer ficar informado em primeira mão? Se cadastre na nossa Newsletter e receba o Mapa da Notícia no seu e-mail.