Falsos médicos cobram dinheiro por exames de familiares internados em Uruaçu

Polícia Civil procura os criminosos.

Familiares de pacientes internados no Hospital Regional de Uruaçu denunciaram à Polícia Civil que um novo golpe fez vítimas na cidade: o do falso médico. Os criminosos fingem ser médicos e telefonam para os parentes, em homem do hospital, para cobrar por suspostos exames realizados no tratamento. Ocorre que na maioria dos casos, estes exames são gratuitos e cobertos pelo SUS.

O prejuízo, até o momento, foi o que duas transferências de R$550,00 via pix, que totalizam R$ 1,1 mil. Três boletins de ocorrência já foram registrados em Uruaçu, mas a polícia acredita que possa haver mais vítimas em outros hospitais do país.

A orientação para os familiares de pacientes internados é que não realizem pagamentos sem conferir se é realmente necessário. Desconfie de pedidos feitos por telefone ou aplicativos, uma vez que qualquer quantia é solicitada junto ao hospital presencialmente.

Os casos seguem sob investigação da Policia Civil que busca informações como a forma dos estelionatários conseguirem acesso aos contatos de familiares e se há um cumplice dos golpes dentro do hospital responsável pelo repasse dos contatos e informações dos pacientes.

Mais Goiás.

Deixe um comentário