quinta-feira, outubro 28, 2021

Últimas Notícias

Dilma diz que pedaladas são comuns

Durante inauguração da sede da Embrapa em Palmas, presidente voltou a falar em golpe

A presidente Dilma Rousseff (PT) defendeu suas ações de governo e criticou o uso dessas ações como motivação para abertura do processo de impeachment. Um dos motivos geradores do processo de impedimento foram os decretos suplementares assinados pela presidente e que transferiram recursos para os ministérios. Ontem, durante a inauguração da sede da Embrapa Pesca e Aquicultura, em Palmas, a petista justificou que a prática é feita há muito tempo, inclusive por governadores.

“Não são recursos que a presidência pegou para ela, são recursos transferidos para os ministérios terem condições de realizar suas atividades. Todos fizeram e fazem. Na época de Fernando Henrique Cardoso ele fez 101 decretos. Desses, 30 iguais aos que eu fiz. Antes não tinha problema, mas hoje tem”, disse a presidente.

Os decretos foram editados pela presidente em 2014 e 2015. No total, foram seis documentos autorizando créditos suplementares ao Orçamento da União. A denúncia contra Dilma afirma que as edições foram feitas sem a autorização do Congresso Nacional. Para Dilma, a prática é comum também nos executivos estaduais e garante o bom andamento dos serviços públicos.

Outro ponto abordado pela presidente ao afirmar que “o impedimento é golpe” foi a forma como o dinheiro público é investido em seu governo. “Eles [OPOSIÇÃO]não gostam de aonde eu faço as minhas escolhas para gastar o dinheiro e como não tenho contas no exterior e não pratiquei nenhum crime, o que estão tentando fazer é um golpe.”

Segundo Dilma, tanto no seu governo quanto do ex-presidente Lula, foram feitas mudanças na destinação do dinheiro público. Ela informou que a decisão do grupo foi ampliar os investimentos na agricultura e nos programas sociais como Bolsa Família e Minha Casa Minha Vida.

Em sua quarta visita ao Tocantins, a presidente alertou sobre a possibilidade de redução dos programas sociais implantados nos governos do PT. “O Bolsa Família, que abrange cerca de 47 milhões de pessoas, representa um dos menores gastos do País. Eles [OPOSIÇÃO]querem fazer economia com o bolso dos mais pobres[/OPOSIÇÃO].”

Para a presidente, o que está em curso no Brasil é a tentativa de fazer uma eleição indireta. “Querem colocar no poder quem não tem voto suficiente para se eleger”, ressaltou.

Embrapa

Durante o seu pronunciamento, Dilma falou da importância da nova sede da Embrapa Pesca e Aquicultura para o Centro-Norte do País. “Tenho certeza que a partir daqui vai se gerar uma grande onda para a produção de peixe no Brasil.”

A presidente ressaltou que o clima, os mananciais e a diversidade do Brasil são propícios para fazer do país autossustentável no consumo de peixe. “Estranhamente esse país cheio de água doce ainda importa peixe. Queremos que se produza peixe”, disse ao lembrar que as pesquisas da Embrapa devem contribuir para tornar o país competitivo.(fonte:jornal do tocantins)

Latest Posts

spot_imgspot_img

Não deixe de ler

RECEBA NOSSAS NEWSLETTERS

Quer ficar informado em primeira mão? Se cadastre na nossa Newsletter e receba o Mapa da Notícia no seu e-mail.