Conforme o projeto, a rodovia terá 9 praças de cobrança, sendo três delas no Tocantins.

O consórcio formado pela pela EcoRodovias e GLPX Participações venceu no dia 29 de abril o leilão de concessão de 850,7 quilômetros da BR-153 por 35 anos. Além da outorga de R$ 1,28 bilhão, a proposta vencedora estabeleceu o pedágio em R$ 0,1021 por quilômetro. Conforme o projeto, a rodovia terá 9 praças de cobrança, sendo três delas no Tocantins.

Praças tocantinenses

Aliança do Tocantins, Figueirópolis e Talismã – este na divisa com Goiás – são os municípios com previsão de receber praças de pedágio que farão a cobertura de 245,21 quilômetros, conforme o contrato de concessão. São um total R$ 25,03 em tarifas que serão cobrados nos postos destas cidades. Este valor é referente a pista simples. Haverá um reajuste da cobrança a partir da duplicação da rodovia.

Confira abaixo todas os municípios que receberão praças de pedágio, a área de cobertura de cada um e o valor previsto do pedágio:

  • Aliança do Tocantins | Trecho de Cobertura de Praça (TCP): 66,43 quilômetros | Tarifa: R$ 6,78

  • Figueirópolis | TCP: 90,85 km | Tarifa: R$ 9,27

  • Talismã | TCP: 87,93 km | Tarifa: R$ 8,97

  • Santa Tereza de Goiás | TCP: 84,35 km | Tarifa: R$ 8,61

  • Uruaçu (GO) | TCP: 104,28 km | Tarifa: R$ 10,64

  • São Luiz do Norte (GO) | TCP: 104,28 km | Tarifa: R$ 10,64

  • Jaraguá (GO) | TCP: 104,28 km | Tarifa: R$ 10,64

  • Barro Alto (GO) | TCP: 104,28 km | Tarifa: R$ 10,64

  • Planalmira (GO) | TCP: 104,28 km | Tarifa: R$ 10,64

CT.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here