quinta-feira, outubro 28, 2021

Últimas Notícias

Ponte é retirada e moradores precisam atravessar por dentro de rio no TO

Moradores dizem que prefeito mandou retirar ponte durante campanha.
Situação é em assentamento de Formoso do Araguaia, no sul do Tocantins.

Os moradores do assentamento Lagoa da Onça, em Formoso do Araguaia, estão passando por uma situação constrangedora e perigosa. Desde que a ponte sobre o rio Loroty foi retirada, no meio da campanha eleitoral de 2016, quem precisa estudar ou trabalhar fora do assentamento é obrigado a atravessar o rio nadando. Os moradores até construíram uma pinguela para facilitar as travessias, mas depois que duas pessoas caíram do local, a maioria tem medo de usar a ponte improvisada.

A lavradora Elisângela Miranda, que mora no local e tem uma filha pequena, reclama da situação. “todo dia eu tenho que levar ela na escola, aí tem que passar de qualquer jeito né? Estava passando por dentro d’água”, conta ela. Outro morador comenta que a travessia é arriscada. “Foi a prefeitura que tirou a ponte, porque era para fazer outra e não fizeram. Passando tudinho por dentro d’água, com criança no ombro, sujeito a água carregar né”, diz ele.

A promessa do prefeito era que uma ponte nova seria construída no local em até oito dias. Sete meses depois, não há nem sinal de que uma obra vai começar no local. O problema é que ao contrário do que foi divulgado pela prefeitura, a construção da nova ponte não foi contemplada pelo Programa de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (Pdris), do governo federal.

A pinguela, feita de bambu, balança muito. Depois que um pai que levava a filha para a escola caiu do local, muitos moradores evitar passar pela estrutura. A lavradora Maria da Cruz Pires, que também mora no local, prefere passar por dentro do rio. “Tem que ter cuidado, porque a terra pega nos pés da gente, se não tiver uma pessoa para segurar eu vou embora”, conta ela.

Ainda não há previsão para a construção de uma nova ponte. O secretário de Infraestrutura de Formoso do Araguaia, Francilei de Souza Borges, disse que a prefeitura vai dar uma solução paliativa ao problema. “Nós estamos providenciando uma canoa enquanto baixa água para tomar as providências” disse ele.(Fonte:G1/To)

Latest Posts

spot_imgspot_img

Não deixe de ler

RECEBA NOSSAS NEWSLETTERS

Quer ficar informado em primeira mão? Se cadastre na nossa Newsletter e receba o Mapa da Notícia no seu e-mail.