Caminhão fica destruído ao pegar fogo em rodovia do Tocantins

Motorista trafegava pela pista quando percebeu a fumaça. As chamas começaram pelo painel e se espalharam pelo veículo; ninguém se feriu.

Um caminhão ficou completamente destruído ao pegar fogo na TO-080, entre Paraíso do Tocantins e Palmas. O incêndio foi registrado pelo Corpo de Bombeiros na noite desta segunda-feira (23). O motorista contou aos militares que trafegava pela rodovia, quando percebeu o fogo no painel da cabine.

O condutor estacionou o caminhão e saiu sem ferimentos. Momentos depois, o veículo foi tomado pelas chamas. Os Bombeiros apagaram as chamas e a Polícia Militar ajudou no controle do tráfigo da pista.

G1 Tocantins

Kátia Abreu diz “ não farei campanha nojenta que possa me envergonhar”, durante reunião com lideranças política do Tocantins

Após a convenção do PDT, que referendou a candidatura da senadora Kátia Abreu ao governo, ela reuniu, em sua residência, mais de 400 lideranças políticas de todas as regiões do estado que vieram declarar apoio a sua candidatura.

O encontro ocorrido na noite de domingo, 22, também contou com a presença dos principais líderes dos partidos que apoiam sua candidatura, a exemplo do PEN, Avante, PSD, PDT e PSL. Na ocasião, Kátia Abreu anunciou o candidato a vice da chapa: o empresário Marco Antônio Costa.  

No discurso, Kátia Abreu fez um panorama de sua vida pública, falou sobre os desafios que enfrentou na vida, desde sua eleição para presidir o sindicato rural de Gurupi até ser eleita senadora. “Foram muitos os desafios para chegar aonde cheguei, somente Deus e minha família sabem o que enfrentei, mas não fugirei, a minha carreira não acabou, a minha luta não acabou. Podem vir com um caminhão de dinheiro que vou com minha força de trabalho e vamos vencer às eleições”, falou confiante.

Ela reforçou que quer debater projeto e não sua história de vida. “Nossa luta só está começando, quero enfrentá-los nos debates das universidades, nas televisões. Não sou melhor do que eles, mais sou, obstinada, aplicada e humilde para aprender e entender o meu estado. Nenhum dos candidatos conhecem o estado como eu conheço”.

Sem citar nomes, a candidata frisou não ser melhor que seus adversários, mas disse “ser diferente deles” e disparou “Eu não compro pessoas, não compro apoio, porque sou leal aos meus princípios, e ao povo do Tocantins. Não farei uma campanha nojenta que eu possa me envergonhar”, afirmou.  

Participação

Dentre as lideranças estavam presentes: os pré-candidatos a deputados estaduais nas eleições de outubro, Sargento Aragão, Manoel Queiroz, Júnior Luiz e José Augusto Pugliesi. Além dos pré-candidatos a deputados federais: Oswaldo Reis e Tom Lira.

Foto: Divulgação

Assessoria de comunicação – Kátia Abreu

Executiva do PSD Tocantins se reúne em Palmas e reafirma apoio à candidatura de Kátia

A convenção do PSD acontece neste domingo, 22, na sede do diretório estadual do Partido Democrático Trabalhista (PDT), em Palmas.

A Executiva do PSD se reuniu na noite de ontem, 20, na Capital, e reafirmou apoio à candidatura da senadora Kátia Abreu (PDT) para a eleição suplementar de 3 de junho. Além dos membros da Executiva, estavam presentes prefeitos, vice-prefeitos e pré-candidatos às eleições gerais deste ano.

Para o presidente do partido Irajá Abreu, “esta reunião reafirmou o anseio de todos os membros do partido em apoiar a candidatura da senadora, que segundo eles é a candidata mais preparada, com experiência política e competência comprovada para retirar o estado do Tocantins da atual crise política e econômica”.

A convenção do PSD acontece neste domingo, 22, na sede do diretório estadual do Partido Democrático Trabalhista (PDT), em Palmas.

(Com informações da Ascom/PSD)

Duas pessoas morrem após caminhões baterem de frente e pegarem fogo no Tocantins

Acidente aconteceu na BR-153, entre Pugmil e Nova Rosalândia. A pista está totalmente interditada, segundo a PRF.

Duas pessoas morreram depois de um acidente registrado na madrugada desta sexta-feira (20), na BR-153, entre Pugmil e Nova Rosalândia, região central do Tocantins. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, dois caminhões bateram de frente e pegaram fogo. A pista está interditada.

O acidente aconteceu por volta das 4h30, envolvendo um caminhão baú que estava vazio e um bitrem carregado de cerâmica. A PRF disse que houve o derramamento de combustível dos tanques dos dois veículos envolvidos

G1tocantins

Suspeito de estuprar e engravidar menina de 11 anos é preso no Tocantins

Homem tem 44 anos e teria atraído a vítima na saída da escola após convidá-la para passear. Mãe da criança só descobriu o abuso após ela passar mal por causa da gestação.

Um homem de 44 anos foi preso pela Polícia Civil nesta quinta-feira (19) suspeito de estuprar e engravidar uma menina de 11 anos em Sítio Novo do Tocantins, no norte do estado. Os abusos teriam acontecido após a vítima ser atraída na saída da escola com um convite para um passeio. A família não sabia do caso até a menina passar mal por causa da gestação.

O caso era investigado há alguns dias, após a criança dar entrada no Hospital Regional de Augustinópolis. Ela só contou sobre os abusos após a equipe médica constatar que ela estava grávida de cinco meses. Com medo, a menina não queria revelar o nome do agressor.

Após conversar com o policiais e com conselheiros tutelares ela acabou identificando o homem e informando que ele morava em Axixá, cidade vizinha a onde o crime aconteceu.

A prisão temporária do suspeito foi pedida pelo delegado Thyago Bustorff Feodrippe de Oliveira Martins e decretada pela Justiça na quarta-feira (18). O suspeito deve continuar preso até o juiz avaliar se vai determinar que a prisão se torne preventiva, quando não há prazo para a soltura. Um exame de DNA deve ser usado para provar a autoria do crime. O estado de saúde da criança não foi divulgado.

Imagem ilustrativa/internet

G1 Tocantins

Pré-candidato a deputado estadual Wellington Lapeiro, intensifica visitas no sul e sudeste do Tocantins

O pré-candidato começou sua caminhada dia 14 de abril, em Conceição, percorreu por Gurupi, Jaú do Tocantins, Novo Horizonte, Palmeirópolis, Paranã, Povoado do Retiro e finaliza neste final de semana 21 em São Salvador.

No sentido de conseguir mais adesões a sua pré-candidatura rumo Assembleia Legislativa do Estado, durante esta semana o pré-candidato a deputado estadual, Wellington Lapeiro (Leto), esteve viajando em visitas a cidades do sul e sudeste do Tocantins aonde se reuniu com várias lideranças políticas, amigos de infância e conterrâneos, afim de conseguir apoio e mostrar algumas das suas inúmeras propostas de trabalhos que serão apresentadas no plenário da Assembleia Legislativa do Estado em prol do povo.

Em Palmeirópolis foi recebido pelo vereador Fábio Gonçalves, (a esquerda) e o educador físico Edilson Gonçalves.

Wellington Lapeiro é sangue novo na política tocantinense, mas autor de grandes ideias e projetos que irão ser apresentados para votação, onde a sua maioria, beneficiarão todas as classes do estado, mas principalmente, a classe mais humilde. Por onde esteve, suas propostas de trabalhos foram muitíssimas bem aceitas. 

Encontro emocionante com o Poeta José Milton de Morais Pessoa, grande amigo.

Ele disse a nossa equipe de reportagem que a idéia de entrar no meio politico partiu do Marlon Reis pelas redes sociais e pessoalmente. “O pré-candidato ao governo me fez o convite, eu nunca tinha pensado nisso antes, entrar na política, apesar de estar na veia da minha família. Meu compromisso não é o partido, mas a pessoas, quero poder fazer o melhor”, afirmou.   

Com amigos e lideranças políticas, dentre eles (da direira para esquerda), ex-vereador de Palmeirópolis Zé Adão, vereador Jamilton Guedes, Raimundo Maranhense e Machado a direita.

Conheça o perfil do pré-candidato a deputado estadual Wellington Lapeiro (Leto).

Um jovém de 45 anos, filho do primeiro prefeito do município de Palmeirópolis, Osvaldo de Souza Lima (Osvaldo Lapeiro) e professora Laudelice Milhomem, (família tradicional na região).

Seu Pai Osvaldo também foi prefeito de São Salvador do Tocantins onde reside até hoje. Com uma família de (4) irmãos, (Leto) é filiado ao partido REDE/SUSTENTABILIDADE e apoia o pré-candidato ao governo Márlon Reis.

Com Márlon Reis (REDE), pré-candidato ao governo do Tocantins

Hoje é funcionário Público estadual, concursado desde 1994. Trabalhou na Infraestrutura, ATR e AGETO. É graduado em educação física e pós-graduado em Gestão e segurança no trânsito.

Da redação

Confira o calendário da eleição suplementar para governador do Tocantins

As convenções partidárias iniciam no próximo sábado (21) e terminam no domingo (22). Data da votação foi mantida para o dia 3 de junho.

O calendário da eleição suplementar foi divulgado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). O pleito foi mantido para o dia 3 de junho, mas algumas datas foram alteradas. As convenções partidárias iniciam no próximo sábado (21) e terminam no domingo (22). Na segunda-feira, é o prazo final para que os partidos façam o registro das candidaturas.

A redefinição do calendário foi feita na manhã desta quinta-feira (19). As datas foram alteradas por causa dos recursos feitos pela defesa de Marcelo Miranda (MDB) que pediam a suspensão da cassação do mandato dele e da vice-governadora Cláudia Lelis (PV). Mas na última terça-feira (17), o Tribunal Superior Eleitoral decidiu manter a decisão e determinou novamente o afastamento de Miranda do cargo. O processo analisa o uso de caixa 2 na campanha eleitoral de 2014.

O candidato que for eleito na votação suplementar fica no cargo até dezembro. A expectativa é de que a eleição suplementar vá custar R$ 15 milhões. Quem assume interinamente é Mauro Carlesse (PHS), presidente da Assembleia Legislativa.

Confira o calendário da eleição suplementar:

20 de abril: A partir desta data, as empresas que fizerem pesquisas de opinião pública devem registrar as informações na Justiça Eleitoral. A partir desse dia fica vedado às emissoras de rádio e televisão transmitir programa apresentado ou comentado por pré-candidato;

21 de abril: Inicia o prazo para a realização de convenções partidárias;

22 de abril: Último dia para a realização de convenções;

23 de abril: prazo final para que os partidos e coligações registre os candidatos junto ao TRE, até às 19h;

24 de abril: Inicia a propaganda eleitoral. É também último prazo a Justiça publicar a lista com os pedidos de registro de candidatos;

26 de abril: Último prazo para o próprio candidato requerer seu registro, se o partirdo ou a coligaçaõ não fizer;

3 de maio: Data em que será feito o sorteio para definir a ordem da propagando de cada partido;

17 de maio: Começa o prazo para propaganda eleitoral gratuita no rádio e televisão;

18 de maio: Nessa data serão julgados os pedidos de registro de candidatura;

19 de maio: A partir desse dia, nenhum candidato poderá ser preso ou detido, exceto em flagrante;

22 de maio: Último dia para substituir o candidato considerado inelegível ou tiver o registro indeferido, cancelado, cassado ou que renunciar ou morrer;

29 de maio: A partir deste dia, nenhum eleitor poderá ser preso ou detido até 48 horas depois da eleição. Regra não se aplica para quem for pego em flagrante ou tiver uma sentença criminal condenatória por crime inafiançável;

31 de maio: Último dia da propaganda eleitoral gratuita no rádio e televisão e também para fazer debates dos candidatos nas emissoras. É ainda o último prazo para propaganda feita por meio de reuniões, comícios,

1º de junho: Último dia para a divulgação paga, de propagando eleitoral, na imprensa escrita;

2 de junho: Termina o prazo da propaganda eleitoral. É ainda o último prazo para distribuição de materiais de campanha, caminhadas, passeatas ou carro de som que divulgue jingles ou mensagens;

3 de junho: Dia da eleição, realizada das 8h às 17h;

4 de junho: Inicia a propaganda eleitoral, caso haja segundo turno, inclusive por meio de auto-falantes e comício, carreatas e material para distribuição para propaganda;

5 de junho: Termina o período em que nenhum eleitor poderá ser preso;

6 de junho: Último dia para os candidatos encaminharem as prestações de contas referentes ao primeiro turno.

Segundo turno

8 de junho: Inicia a propaganda eleitoral gratuita no rádio e televisão, caso haja segundo turno;

9 de junho: Dessa data em diante, nenhum candidato que participar do segundo turno, poderá ser preso;

15 de junho: Encerra o prazo para o Tribunal Regional Eleitoral publicar as decisões referentes às prestações de contas dos candidatos, se não houver o segundo turno;

18 de junho: Prazo para diplomação dos candidatos eleitos, se não houver segundo turno;

19 de junho: A partir deste dia, nenhum eleitor poderá ser preso ou detido até 48 horas depois da eleição. Regra não se aplica para quem for pego em flagrante ou tiver uma sentença criminal condenatória por crime inafiançável;

21 de junho: Último dia para propaganda por meio de reuniões públicas ou comícios;

22 de junho: Termina a propaganda eleitoral gratuita no rádio e televisão, em caso de segundo turno. É também o prazo final para os candidatos divulgarem propaganda paga em imprensa escrita.

23 de junho: Encerra o prazo para propaganda eleitoral, caminhadas, passeatas, distribuição de materiais, em caso de segundo turno;

24 de junho: Dia da eleição, realizada das 8h às 17h;

2 de julho: Prazo final para os candidatos retirarem as propagandas e restaurarem o bem;

6 de julho: Último dia para a Justiça Eleitoral julgar as contas dos candidatos eleitos em segundo turno;

9 de julho: Fim do prazo para a diplomação dos candidatos eleitos, em caso de segundo turno;

3 de agosto: Último dia para que o eleitor que não votou no primeiro turno apresente justificativa;

23 de agosto: Último dia para que o eleitor que não votou no segundo turno apresente justificativa;

G1 Tocantins

Vicentinho Júnior entrega quatro caminhonetes para atender povos indígenas no TO

Os recursos são oriundos de emenda individual do parlamentar no valor total de R$ 425.558,00 que atenderão os povos indígenas de várias etnias do Tocantins.

O deputado federal Vicentinho Júnior (PR/TO) entregou na segunda, 16, quatro caminhonetes Triton 4×4 para a Coordenação Regional da Fundação Nacional do Índio (Funai) de Palmas, sob o comando do coordenador regional Eduardo Macedo.

Os recursos são oriundos de emenda individual do parlamentar no valor total de R$ 425.558,00 que atenderão os povos indígenas das etnias Carajá Xambioá da Coordenação Técnica Local (CTL) de Araguaína, etnia Apinajé da CTL de Tocantinópolis e as etnias Javaé, Carajás e Krahô-Kanela da CTL de Gurupi.

No total, o senador Vicentinho Alves e deputado federal Vicentinho Júnior já destinaram sete caminhões e doze caminhonetes para atender os indígenas. “Os veículos vão garantir o trabalho de assistência social, direitos sociais, monitoramento e fiscalização em terras indígenas, com o objetivo de coibir atividades ilícitas com o apoio de parceiros. Como o combate ao desmatamento e ao corte das florestas, repressão à caça e pesca ilegal e invasões”, disseram os parlamentares.

T1noticias

 

Campanha de vacinação contra gripe H1N1 terá início dia 23 de abril no Tocantins

Campanhas de vacinação contra gripe terão início dia 23 de abril, por atraso na entrega da medicação; Dia 12 de maio, o dia “D”, data de mobilização nacional.

A Secretaria de Vigilância de Saúde (SVS) alterou o período da realização da Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza, (gripe H1N1) para o período de 23 de abril até 01 de junho, sendo o dia 12 de maio, o dia “D”, data de mobilização nacional.

A mudança do cronograma se deu pelo atraso da entrega das vacinas pelo Instituto Butantan, e por isso nenhuma região de país iniciará o período de vacinação antes da primeira semana de abril, onde até  50% do total dos imunológicos serão entregues, conforme a previsão de distribuição da SVS.

De acordo com a Secretaria, a campanha, apesar do atraso, será realizada no período ideal, antes do inverno e do pico de transmissão do vírus, em julho, no Brasil.

Os vírus da influenza causam doença respiratória aguda, denominada influenza ou gripe, caracterizada clinicamente por febre alta, calafrios, cefaleia, mal estar, mialgia e tosse seca. Conjuntivite, dor abdominal, náusea e vômitos são frequentes. Em crianças pequenas o quadro clínico pode simular uma sepse. O mal estar geral pode persistir por vários dias e até mesmo semanas.

Devem se vacinar todas as pessoas com 60 anos de idade ou mais, profissionais de saúde, mulheres que tiveram filhos a menos de 45 dias, crianças de 6 meses a 4 anos de idade, pessoas com doenças crônicas e indígenas. Procure o posto de saúde mais próximo para se vacinar durante a campanha.

Deputado Federal Vicentinho Júnior participa da entrega de 94 tratores para 88 municípios do TO

O investimento demandou mais de R$ 15 milhões, recursos oriundos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), por meio do programa Terra Forte. 

O Deputado Federal Vicentinho Júnior (PR/TO) participou nesta manhã, 16, da entrega de 94 tratores equipados com carreta para a produção do segmento da Agricultura Familiar em 88 municípios tocantinenses, no Palácio do Araguaia, em Palmas.

Vicentinho Júnior destacou que 20 municípios foram indicados por ele e pelo Senador Vicentinho Alves a serem contemplados com a aquisição dos tratores com recursos de emenda de bancada, aprovados na Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2016 e empenhados em dezembro do mesmo ano, são eles:

Aliança do Tocantins, Bom Jesus do Tocantins, Goiatins, Itaguatins, Monte do Carmo, Ponte Alta do Tocantins, Riachinho, Sampaio, Sandolândia, São Miguel do Tocantins, Itapiratins, Dianópolis, Lagoa da Confusão, Luzinópolis, Mateiros, Palmeirópolis, Pedro Afonso, Presidente Kennedy, São Bento e Tupiratins.

“Este é o nosso objetivo, permitir que os agricultores aumentem sua renda e tenham melhores condições de vida. O principal investimento do Tocantins é naquele que faz o Estado crescer, o produtor rural”, disse Vicentinho Júnior.

Fonte: Ascomdeputadovicentinhojunior