Undime reúne Conselho Nacional de Representantes e diretoria executiva

A reunião foi realizada no Ministério da Educação (MEC), em Brasília.

Integrantes do Conselho Nacional de Representantes (CNR) e da diretoria executiva da Undime se reuniram na tarde da terça-feira (6), para tratar de assuntos gerais de interesse da instituição.

Assim como no ano passado, a Undime produziu agendas para os conselheiros e parceiros governamentais e institucionais.

Na oportunidade, foi entregue aos presidentes estaduais as agendas da Undime 2018 para que eles possam levar aos representantes do conselho em cada estado. As agendas dos parceiros serão entregues em breve.

Presidência da Região Norte: Bartolomeu Moura Junior de Palmeirópolis esteve presente no evento

Programas e projetos do MEC

No início da tarde, os participantes da reunião tiveram a oportunidade de conhecer um pouco sobre a Certificação das Entidades Beneficentes de Assistência Social na área da Educação, também conhecido como Cebas.

Dentro do atual cenário das políticas de educação, a concessão do Cebas é uma ação que contribui de maneira efetiva para o processo de inclusão social no país por meio da garantia de oferta de bolsas de estudo, integrais ou parciais, constituindo-se em uma política pública de acesso à Educação Básica e Superior.

As entidades detentoras do certificado, em contrapartida às bolsas de estudo concedidas, podem desfrutar de isenção tributária.

Recentemente o MEC recebeu uma recomendação do Tribunal de Contas da União (TCU) referente à Meta 1 do Plano Nacional de Educação (Lei 13.005/ 2014), mais especificamente a estratégia 1.7 que estabelece “articular a oferta de matrículas gratuitas em creches certificadas como entidades beneficentes de assistência social na área de educação com a expansão da oferta na rede escolar pública”.

O intuito da conversa foi orientar os dirigentes de que o Cebas pode ser uma oportunidade para se atingir essa estratégia.

Para saber mais sobre o Cebas acesse: http://cebas.mec.gov.br/ 

Em seguida, os conselheiros tiveram um momento com o coordenador-geral de Assistência a Programas Especiais Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Julio Viana, no qual puderam esclarecer algumas dúvidas sobre obras, prestação de contas e o Plano de Ações Articuladas (PAR).

Undime

Projeto Nossa Energia em parceria com Assistência Social reúne crianças e adultos em Palmeirópolis

A meta é visitar (49) municípios até final do ano.

Aconteceu nesta quarta-feira (7), na feira do Produtor Rural, da Praça Limirio Viana Guimarães em Palmeirópolis, atividades do Projeto Nossa Energia, desenvolvido pela empresa Energisa em parceria com a secretaria de Assistência Social.

Durante a tarde e à noite, foram promovidas ações de conscientização sobre o uso adequado da energia elétrica, sem desperdício e riscos.

O evento foi aberto ao público e todos puderam participar de brincadeiras, apresentações de teatro com dicas e orientações, palestras educativas e um cinema acompanhado  de pipoca.

Unidade móvel também pode se transformar em palco para apresentações

A ação da Energisa conta com um caminhão totalmente equipado e adaptado para atividades de eficiência energética.

A unidade móvel também pode se transformar em palco para apresentações ou em laboratório completo, com diversas atividades e experiências sobre consumo consciente.

O presidente do Conselho dos Consumidores de Energia do estado Tocantins Rudnei Fonseca, destacou a nossa equipe que está participando junto com a Energisa, levando cultura e educação as crianças. “Realizamos ações educativas e interativas, uma forma de atrair o público infantil e fazer com que cada um entenda a importância do uso correto, seguro e racional da energia”, ressalta.

Presidente do Conselho dos Consumidores de Energia do estado Tocantins Rudnei Fonseca.

Rudnei aproveitou a oportunidade para agradecer a primeira dama Ana Paula e o prefeito Fabio Vaz, pelo espaço em Palmeirópolis.

O Projeto Nossa Energia faz parte do Programa de Eficiência Energética da Aneel e é desenvolvido pela Energisa.

Todas as crianças puderam participar de brincadeiras

Da redação

Kátia Abreu se reúne com lideranças políticas em Palmas e anuncia viagem ao exterior

Na Alemanha, Kátia ministrará três palestras na Conferência do Clima, sobre aquecimento global. Nos EUA, participar de um evento sobre gestão pública e no Qatar palestra sobre o MATOPIBA.

A senadora Kátia Abreu (PMDB) tem realizado reuniões políticas pelo Tocantins com o objetivo de fazer um diagnóstico de como está sendo feito o trabalho político pelos coordenadores regionais do estado e, discutir estratégicas para cada região. Desta vez, a senadora Kátia Abreu reuniu o grupo na manhã desta segunda-feira, 6, em seu gabinete em Palmas.

O grupo, formado por representantes de todo o estado pontuou as principais dificuldades da população e debateu possíveis ações que podem ser adotadas para que o trabalho alcance o êxito planejado.

A senadora agradeceu a presença de todos e elogiou o trabalho da equipe, destacando a importância das ações que subsidiam sua atuação parlamentar.

“Temos feito encontros regiões, reuniões com líderes sindicais, profissionais da saúde, educação, enfim com vários segmentos da sociedade. Ouvindo as pessoas, que têm relatado, principalmente demandas relacionadas a saúde e a segurança pública. E eu tenho também visitado outros lugares fora do Tocantins para ver as ações que estão funcionando e poder copiar. Precisamos discutir, traçar estratégias e propor ações eficientes.”

Viagem internacional

Na ocasião a senadora disse que este mês vai à Alemanha, aos Estados Unidos e ao Qatar. Na Alemanha, Kátia Abreu ministrará três palestras na Conferência do Clima, sobre aquecimento global. Nos Estados Unidos, a convite do empresário George Paulo Lemann, a senadora participará de um evento sobre gestão pública e no Qatar ministrará palestra sobre o Matobipa, e também negociará a vinda de um grupo de empreendedores interessados em investir no Tocantins. “Eles querem investir na agricultura aqui no Tocantins e as fazendas já estão selecionadas na região dos municípios de Dueré e Araguaína. Vamos lá bater o martelo se Deus quiser”, confia Kátia Abreu.

Retorno

No retorno, a senadora disse que fará a última reunião com lideranças políticas esse ano, dia 27 de novembro, na cidade de Guaraí com a participação das cidades circunvizinhas. A parlamentar já promoveu encontro com lideranças políticas na região Sudeste, Sul, Norte e Central. 

T1noticias

Seduc reúne alunos de Gurupi para apresentar proposta do Aulão

Aulão será realizado no próximo sábado dia 23, no período da manhã.

A secretária da Educação, Juventude e Esportes, Wanessa Zavarese Sechim, reuniu nesta terça-feira, 21, com um grupo de alunos do ensino médio, com a finalidade de ouvi-los sobre o que pensam da escola e falar das ações #TO NO Enem, que está promovendo aulões destinadas aos estudantes da 3ª série do ensino médio.Estudantes conhecem ações da Seduc para Enem

Na ocasião, a professora Wanessa Sechim falou da Plataforma #TO NO Enem, disponível do site www.seduc.to.gov.br, que oferece aos alunos dicas e informações para quem está se preparando para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os estudantes receberam kits contendo cadernos de estudos e redação. Esse material foi distribuído para as escolas do ensino médio de todo o Estado.

O professor Wellington Fraga divulgou o Aulão que será realizado no próximo sábado, dia 23, no período da manhã, no auditório do Centro de Ensino Médio Ari Ribeiro Valadão Filho em Gurupi. “Os Aulões serão ministrados por professores da Rede Estadual de Ensino com larga experiência na preparação para o Enem e estão preparados para tirar dúvidas dos alunos, fazer exercícios e passar dicas de estudos”, frisou.

Na ocasião, a equipe gestora da Seduc apresentou a proposta pedagógica 2017, com os avanços no Calendário letivo 2017, na atualizações das estruturas curriculares e na definição dos conteúdo visando ampliar a possibilidades de aprendizagens dos alunos. Dentre as ações, foram inseridas no 9º ano do ensino fundamental, aulas de Física e Química; houve a inserção de redação em todas as séries e os simulados para o Enem. “Os simulados foram preparados para orientar os estudantes sobre as exigências na hora de fazer a prova do Enem, o tempo destinado a cada questão, a documentação exigida e com isso, os alunos sentirão mais segurança na hora de fazer a prova”, esclareceu a professora Wanessa Sechim.Secretária Wanessa Sechim entrega kits do Enem para estudantes

Josélia de Lima/Fotos: Marcio Vieira/Governo do Tocantins

 

 

Ruraltins de Palmeirópolis reúne agricultores e autoridades para apresentação de convênios

Objetivo de alguns dos convênios é adquirir sementes selecionadas.

Aconteceu na última sexta-feira (1º), na Câmara Municipal de Palmeirópolis as 19 horas, apresentação aos agricultores, bem como algumas autoridades que estiveram presentes, de alguns convênios que o RURALTINS vem executando. A apresentação dos convênios foi feita pelo Engenheiro Agrônomo Cléo Barretos Rosa juntamente com a supervisora local Marleth Araújo Ramos. 

Estiveram presente no evento, a vice prefeita de Palmeirópolis Josemir Bastos, representando o prefeito Fabio Vaz que estava viajando e o secretário de Agricultura Alaor Lual.

A reunião teve como objetivo apresentar em especial dois convênios que estão sendo executados pelo Instituto de Desenvolvimento Rural do Estado do Tocantins-RURALTINS.

Na ocasião foram exibidos os convênios ATER-Oportunidade e Quintal Verde II. Ambos com intuito de contribuir com o desenvolvimento econômico e social dos produtores rurais do Tocantins, de modo a apoiar a produção para subsistência, aumentar a produtividade, geração de renda e consequentemente qualidade de vida das famílias.

O convênio ATER-Oportunidade SICONV N° 839847, celebrado entre MAPA-Ministério da Agricultura x RURALTINS terá prazo de execução de 18 meses (Encerramento em dezembro 2018), com objetivo de prestar assistência técnica com foco na gestão da propriedade e desenvolvimento tecnológico a 800 produtores no estado e especificamente 10 pequenos produtores rurais de Palmeirópolis, com renda de até 4 salários mínimos mensais.

O Convênio Quintal Verde II SICONV N° 835818/2016 celebrado entre SEAD – Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário x RURALTINS através de emenda do Deputado Federal Cesar Halum.

O prazo de execução é de 12 meses, sendo que se encerrará em dezembro de 2017.

O Objetivo deste convênio é adquirir sementes selecionadas ou certificadas de milho, feijão e hortaliças para serem distribuídas aos agricultores juntamente com orientações sobre plantio, tratos culturais e colheita.  

Aqueles agricultores que ainda não fizeram o cadastro para receber as sementes é só procurar o escritório do RURALTINS do seu município para realizar o cadastro o quanto antes, já que este logo se encerrará.

Da redação/Com informações de Cléo Barreto

Eunício se reúne com Fachin para discutir afastamento de Aécio

Encontro aconteceu depois para distensionar a relação entre o Senado e o STF sobre o episódio envolvendo o tucano.

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE) se reuniu na noite desta terça-feira (13) com o relator da Lava Jato, ministro Luiz Edson Fachin, do STF (Supremo Tribunal Federal). Os dois trataram da decisão tomada em maio pelo magistrado e que determinou o afastamento do senador Aécio Neves (PSDB-MG).

O encontro aconteceu depois para distensionar a relação entre o Senado e o STF sobre o episódio envolvendo o tucano. Para justificar a ausência de um ato da Mesa Diretora da Casa Legislativa, Eunício disse que não existe uma previsão constitucional e nem regimental para o afastamento de parlamentares. Apesar de uma decisão de afastamento estar em vigor há mais de 20 dias, o nome de Aécio ainda consta na lista de senadores em exercício e no painel de votação.

Eunício esteve mais cedo com a presidente do STF, ministra Cármen Lúcia, para tratar da transposição do rio São Francisco. Ao final do encontro, ele conversou com a ministra, que sugeriu um novo encontro, envolvendo Fachin.

O presidente do Senado negou aos magistrados que esteja descumprindo decisão judicial. Já Fachin, que deixou a relatoria do caso, sugeriu que o peemedebista procurasse o ministro Marco Aurélio, novo relator do caso.

Ao ser questionado sobre o não cumprimento de uma decisão judicial, Eunício afirmou nesta terça-feira que aguardaria uma nova manifestação do STF sobre o caso. “Imediatamente eu determinei o cumprimento. A decisão do ministro (Edson) Fachin, de afastar [Aécio] foi liminarmente cumprida por essa presidência”, disse, embora reconheça que cumprirá uma “decisão complementar” se receber novas informações da Justiça.

No dia 18 de maio, Fachin determinou que o tucano fique proibido de exercer o cargo, além de qualquer outra função pública. O magistrado tomou como base um diálogo entre Aécio e o empresário Joesley Batista, do grupo JBS, no qual o parlamentar fala em medidas para frear a Operação Lava Jato e pede R$ 2 milhões.

A Mesa Diretora do Senado se reuniu na manhã desta terça, para quando estava prevista a discussão sobre a situação de Aécio. Contudo, ao deixar o encontro, Eunício não quis comentar o assunto e nenhuma decisão foi anunciada. A Casa não respondeu a reportagem sobre se o tucano continua recebendo remuneração normalmente e se permanece com direito a benefícios.

O Senado tem se apoiado na argumentação de que não existe previsão regimental e nem na Constituição para afastamento de um parlamentar. O STF, contudo, entende diferente, que não há necessidade de esclarecimentos adicionais. À Folha de S.Paulo, o ministro Marco Aurélio, que assumiu a relatoria do caso, cobrou o cumprimento da decisão.

A cúpula do Senado começou a fazer reverberar o discurso de que a decisão judicial não tem previsão constitucional e que, por isso, a Casa não tem como estabelecer medidas como a suspensão de salário do parlamentar, por exemplo.

A tese é uma espécie de vacina para o não cumprimento da ordem do STF de afastar Aécio do mandato e não deliberar sobre determinadas sanções em relação ao senador, inclusive porque diversos caciques do Senado, como presidente e o ex-presidente da Casa, Eunício Oliveira (PMDB-CE) e Renan Calheiros (PMDB-AL), respectivamente, são alvos da Lava Jato.

DEFESA

A defesa de Aécio protocolou nesta terça um documento no STF para informar que o tucano está afastado das funções parlamentares.

No documento, a defesa afirma que Aécio “jamais esteve nas dependências do Senado Federal e nem exerceu qualquer atividade parlamentar” e tampouco “esteve no plenário e nem em qualquer comissão daquela Casa”.

“Em suma, nesse período, o defendente não praticou qualquer ato inerente ao exercício do mandato de senador da República em total respeito e reverência” à decisão, diz o texto.

O ministro Marco Aurélio, relator do caso de Aécio, cobrou o cumprimento da decisão judicial que determinou o afastamento.

Ele pretende ainda levar o caso no próximo dia 20 para análise dos outros quatro integrantes da Primeira Turma do STF. O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), afirmou que aguarda uma nova manifestação do Supremo sobre como a Casa deve cumprir a determinação.

Também nesta terça, por três votos a dois, a Primeira Turma manteve a prisão da jornalista Andrea Neves, irmã de Aécio. Ela está detida desde 18 de maio por envolvimento em crimes apontados por delatores da JBS. Com informações da Folhapress e noticias ao minuto.

Temer se reúne com Maia, Eunício e ministros para discutir Previdência

Encontro ocorreu neste domingo (9) e serviu para que presidente convocasse líderes a participar de reunião na próxima terça-feira.

O presidente Michel Temer se reuniu com os presidentes da Câmara, do Senado, com alguns ministros e um deputado, neste domingo (9), em Brasília, para falar sobre a reforma da Previdência, que está em análise no Congresso.

De acordo com o blog da Andreia Sadi, no portal G1, o encontro aconteceu na residência oficial da Câmara, onde vive Rodrigo Maia. Além do morador e de Eunício Oliveira, estavam presentes Raul Jungmann, da Defesa, Mendonça Filho, da Educação, Antonio Imbassahy, da Secretaria de Governo, e Bruno Araújo, do Ministério das Cidades, todos deputados licenciados, mais o líder do governo na Câmara, Aguinaldo Ribeiro.

O objetivo do presidente foi solicitar a presença de todos em uma reunião, marcada para a próxima terça-feira (11), onde Temer pretende discutir a reforma com todos os líderes. “Terça terá uma reunião com membros da comissão e líderes para discutir o assunto”, confirmou Eunício Oliveira.

Durante o encontro, Raul Jungmann, do PPS, disse a Temer que as mudanças anunciadas na última semana pelo relator, Arthur Maia (PPS-BA), atendem à bancada do partido.

“Eu disse a Temer também que quando a reforma for a voto eu e Roberto Freire [ministro da Cultura] vamos nos licenciar os ministérios para voltar à Câmara”, afirmou o ministro ao blog.

Temer tem cobrado uma espécie de esforço concentrado aos deputados da base aliada para aprovar a reforma da Previdência no Congresso até o fim do primeiro semestre.

O calendário de Rodrigo Maia prevê a votação na comissão especial até o fim de abril e, no plenário, na primeira quinzena de maio. Já no Senado, Eunício Oliveira prevê a votação da proposta até julho.

Noticias ao Minuto