Presos suspeitos de fraudar concursos públicos são transferidos para o Tocantins

Operação foi coordenada pela Polícia Civil do Tocantins e prendeu 14 pessoas em três estados. Investigações começaram após suspeita de fraude no concurso da Polícia Militar.

Os suspeitos presos pela Polícia Civil durante a operação Aleteia estão sendo transferidos para Araguaína, norte do Tocantins. A polícia investiga uma quadrilha suspeita de fraudar concursos públicos, entre eles o concurso da Polícia Militar do Tocantins. Ao todo, foram 14 pessoas presas no Tocantins, Maranhão e Piauí. A operação começou no início da manhã desta quinta-feira (21).

Os mandados de prisão temporária foram determinados pela Justiça do Tocantins. A maioria das prisões foi no Maranhão. Houve um preso em Araguaína (TO), além de três prisões em Teresina (PI). Um dos presos no Piauí foi Antônio Ferreira Lima Sobrinho, suposto líder da quadrilha.

De acordo com a polícia, o suspeito havia sido preso no Maranhão por outras fraudes. Ele foi aprovado em mais de 30 concursos e seria a pessoa que faz as provas para repassar gabaritos a outros candidatos.

A polícia cumpriu ainda mandados de busca e apreensão nos três estados, um dos nomes dos presos ainda não foi divulgado.

  • Mailson de Paiva Vieira
  • Renner Ferreira Moraes Mendes
  • Luís Fernando Melo Nascimento
  • Flaviania Silva Furtado
  • Jhonata Araújo Cantuario

Em Teresina (PI) foram presos:

  • Antônio Ferreira Lima Sobrinho
  • Aline Oliveira Santana
  • Gabriela Oliveira de Santana

Em São Luís (MA) e Zé Doca (MA) foram presos:

  • Dionatan Soares Belfort
  • Fernandes da Silva Souza
  • Abimael Silva Almeida
  • Hagaer da Silva Lima

O site tenta contato com a defesa dos suspeitos.

Imagens de gabaritos do concurso da Polícia Militar do Tocantins circularam nas redes sociais logo após a prova (Foto: Arte G1)

As investigações começaram após suspeitas de fraude no concurso da PM do Tocantins. A operação é realizada pela Delegacia de Investigações Criminais de Araguaína, norte do Tocantins, com apoio de policiais dos outros estados.

“Estamos cumprindo vários mandados de prisão em relação ao concurso da PM, que foi provavelmente fraudado. Estamos fazendo diligências e se tudo correr bem, com a detenção de todos, os suspeitos devem ser apresentados no final da tarde ou nesta sexta-feira”, explicou o delegado regional de Araguaína, Bruno Boaventura.

As provas do concurso da Polícia Militar do Tocantins foram aplicadas no dia 11 de março para mais de 80 mil inscritos. São 1 mil vagas para soldado e mais 40 para oficial da PM. Porém, o concurso foi suspenso pela Justiça até o fim do processo eleitoral para escolha de um governador tampão.

A Polícia Militar informou, em nota, que a Comissão do Concurso da polícia tem ciência da operação desencadeada pela Polícia Civil e aguarda ser notificada dos resultados do inquérito para os encaminhamentos cabíveis.

A empresa responsável pela aplicação das provas do concurso foi procurada, mas ainda não se manifestou.

Investigação

A polícia começou a investigar fraude no concurso da Polícia Militar do Tocantins depois que um aparelho celular foi encontrado no banheiro de um dos locais de provas em Araguaína, norte do Tocantins.

Na época, o delegado regional informou que as respostas encontradas no aparelho não são o gabarito oficial da prova. Além da ocorrência registrada em Araguaína, também houve casos de candidatos encontrados com celulares e um pacote de provas com indícios de violação.

Diversas imagens de gabaritos também foram postadas em redes sociais.

No Taquari, Carlesse destaca boa aplicação dos recursos públicos: “O dinheiro da saúde é usado na saúde”

O governador interino e próximo governador Mauro Carlesse, da Coligação Governo de Atitude, disse no Jardim Taquari, em Palmas, neste domingo, 27, que seu governo tem um grande diferencial do anterior que foi cassado.

“Nosso governo trabalha pensando no povo e no melhor para as pessoas. Já o outro que saiu trabalhou em benefício próprio e se esqueceu das pessoas”.

Carlesse lembrou que para governar bem basta ter vontade política e sensibilidade diante dos problemas da população. Citou a área da saúde como exemplo de má gestão e falta de compromisso do governo passado. “Quando assumi, primeiro visitei os hospitais e vi de perto os problemas. Filas para cirurgias, corredores cheios, dívidas com fornecedores. Mas nós não cruzamos os braços. Negociamos com fornecedores, médicos e iniciamos o Opera Tocantins”, disse.

O Governador disse ainda que o Opera Tocantins é seu maior orgulho e explicou como está fazendo para realizá-lo. “O dinheiro usado hoje é o mesmo de antes. O que estamos fazendo é aplicar o que é da saúde na saúde, sem desperdício e com honestidade. Reduzimos as despesas e assim estamos trabalhando. Enquanto os outros candidatos prometem, nós já estamos executando e vamos continuar, porque assim a população espera”. 

Os vereadores de Palmas Milton Neres, Marilon Barbosa e Leo Barbosa lembraram ao povo de Taquari as promessas não cumpridas e a má gestão do ex-prefeito da Capital. “Um certo candidato mudou-se para o Taquari e disse que só sairia daqui quando terminasse o asfalto da quadra. Ele saiu da Prefeitura e do setor e agora quem está fazendo o asfalto é o Carlesse e sem prometer”, disseram os vereadores.

Deputado estadual, pastor Eli Borges destacou outra característica de Carlesse que merece a atenção do eleitor. “Nesse palanque cabe a família, valores e princípios de pessoas de bem. Se não fosse assim não estaria aqui. Por isso, peço aos senhores e senhoras que levem o nome desse homem. Uma bela novidade na política que merece a oportunidade de continuar com seus projetos”, disse Eli.

Candidato a vice-governador, Wanderlei Barbosa disse que o momento é de resgate de compromissos com os cidadãos tocantinenses. “Sei que as pessoas estão desiludidas com a política, mas o Carlesse é a esperança que renasce no seio da população tocantinense”. Wanderlei também combateu os boatos sobre sua candidatura e a de Carlesse. “Você governador está assustando a todos eles com seu trabalho e crescimento nas pesquisas. Por isso, os virais e acusações descabidas. Mas vamos em frente porque que a vitória no próximo domingo é nossa”.


Wilson Coelho
Assessor de Imprensa

Ex-prefeito é condenado por contratar irmã e cunhados para cargos públicos

Prefeito governou São Miguel do Tocantins por dois mandatos, entre 2005 e 2012. Ele foi condenado por improbidade administrativa devido à prática de nepotismo.

PEC de Irajá Abreu que valoriza e remunera os bons servidores públicos é aprovada na CCJ

Conhecida como “PEC da Meritocracia”.

Foi aprovada, nesta terça-feira, 21, na Comissão de Constituição, Justiça e de Cidadania (CCJC), a Proposta de Emenda à Constituição 400/2014, de autoria do deputado federal Irajá Abreu (PSD-TO).

O objetivo da PEC é valorizar o servidor público que trabalha com  compromisso e dedicação. “A proposta deixa claro que a qualidade e a produtividade devem ser objetivos permanentes do Estado”, explica o autor da PEC, Irajá Abreu.

Como reconhecimento aos bons serviços prestados pelos servidores que se destacarem no dia a dia em suas instituições, a PEC prevê uma remuneração adicional ao salário existente, em todos os níveis da administração pública, ou seja, instituições federais, estaduais e municipais.

Conhecida como “PEC da Meritocracia”, a proposta agora segue para análise de uma Comissão Especial na Câmara e então encaminhada à votação em plenário.

Assessoria de comunicação deputado Iraja Abreu.

Ex-prefeito do Tocantins é condenado a devolver mais de R$ 22 mil aos cofres públicos

Tribunal de Justiça constatou irregularidades em prestação de contas. Prefeitura de Santa Maria do Tocantins entrou com processo contra ex-prefeito por irregularidades em 2005.

O ex-prefeito Agnaldo Souza Botelho terá que devolver R$ 11 mil aos cofres de Santa Maria do Tocantins, nordeste do Tocantins. Ele foi condenado por crime contra a administração pública e também terá que pagar uma multa do mesmo valor. A decisão é do Tribunal de Justiça do Tocantins.

O pedido de condenação foi feito pela própria Prefeitura de Santa Maria. Botelho foi prefeito por dois mandatos entre 2001 e 2008. As irregularidades teriam acontecido no ano de 2005 e totalizam o prejuízo de R$ 11.096,88.

Conforme o Tribunal de Justiça, o ex-prefeito cometeu irregularidades na prestação de contas de um convênio com o Ministério da educação para o programa de Educação de Jovens e Adultos. A prefeitura apontou ainda que o Botelho teria usado os recursos para pagar despesas de outros setores.

Não conseguimos contato com o ex-prefeito, nem com a assessoria.

G1/TO

Semana começa com 15 mil vagas abertas em concursos públicos

Salários podem chegar a R$ 24.818,91.

A semana começa com 15 mil vagas abertas em 91 concursos públicos no Brasil. Os salários chegam a R$ 24.818,91. Somente a Marinha, o Exército e a Aeronáutica oferecem um total de 168 vagas.

Confira alguns, de acordo com informações do portal G1:

Exército

O Exército, por intermédio do Instituto Militar de Engenharia (IME), abre as inscrições de dois editais de concurso para um total de 98 vagas. São 74 vagas para Admissão ao Curso de Formação e Graduação de Oficiais da Ativa do Quadro de Engenheiros Militares (para quem deseja seguir a carreira militar) e 24 para Admissão ao Curso de Formação e Graduação de Oficiais da Reserva da 2ª Classe do Quadro de Engenheiros Militares (para quem não deseja seguir a carreira militar).

Os candidatos devem ter, no mínimo, 16 anos e, no máximo, 21 anos no período entre 1º de janeiro e 31 de dezembro do ano do concurso. Também é necessário ter concluído ou cursar a última série do ensino médio. As inscrições devem ser feitas até 4 de agosto pelo site www.ime.eb.br. A taxa é de R$ 100.

Prefeitura de Alto Alegre (SP)

A Prefeitura de Alto Alegre (SP) abre as inscrições para 17 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os cargos são de auxiliar de desenvolvimento infantil, assistente social, fisioterapeuta, médico plantonista, procurador jurídico e salva-vidas. Os salários vão de R$ 970,29 a R$ 8.694,39. As inscrições devem ser feitas no site www.fenixconcursos.com.br até 10 de julho. A taxa é de R$ 50 a R$ 100.

Prefeitura de Alto Rio Doce (MG)

A Prefeitura de Alto Rio Doce (MG) abre as inscrições para 8 vagas temporárias na área de saúde. Os salários variam de R$ 1.020,00 a R$ 10.400,00. Os cargos são de nível médio e superior para agente comunitário saúde PSF, auxiliar em saúde bucal PSF, farmacêutico Nasf, médico da saúde da família PSF e técnico de referência assistente social. As inscrições devem ser feitas pelo site www.ammabarbacena.com.br até 7 de julho. As taxas variam de R$ 50 a R$ 250.

Prefeitura de Boa Nova (BA)

A Prefeitura de Boa Nova (BA) abre as inscrições para 89 vagas – 39 imediatas e 50 para cadastro de reserva – em cargos de nível fundamental e médio. O salário é de R$ 937. As inscrições devem ser feitas pelo site www.consulteconcursos.com.br até 7 de julho. As taxas são de R$ 40 e R$ 60.

Prefeitura de Brusque (SC)

A Prefeitura de Brusque (SC) abre as inscrições para 20 vagas temporárias de nível médio e superior na área de saúde. Os salários vão de R$ 1.216,10 a R$ 14.593,17. As inscrições devem ser feitas até 30 de junho na Secretaria de Saúde, setor de Recursos Humanos, com sede na Rua Germano Schaefer, 3º andar, na Praça da Cidadania, das 12h às 18h.

Prefeitura de Pedro Canário (ES)

A Prefeitura de Pedro Canário (ES) abre as inscrições para 33 vagas temporárias em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários variam de R$ 937 a R$ 9.000. As inscrições devem ser feitas até 28 de junho, das 8h às 15h, na Secretaria Municipal de Saúde, na Rua São Paulo, nº 220, Boa Vista. A avaliação será feita por meio de análise de títulos e/ou experiência profissional.

Prefeitura de Manacapuru (AM)

A Prefeitura de Manacapuru (AM) abre as inscrições para o total de 1.040 vagas em dois processos seletivos: um para 764 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade, com salários de R$ 937 a R$ 2.735, e outro para 276 vagas para agente comunitário de saúde e agente de combate às endemias, de nível fundamental e salário de R$ 1.014. As inscrições devem ser feitas até 30 de junho de 2017, no Galpão da Ciranda Flor Matizada, na Avenida Boulevard Pedro Rates, s/nº, Centro. Os editais foram publicados no site http://www.diariomunicipal.com.br/aam/, nas datas de 13/06/17 e 14/06/17.

Prefeitura de Santiago (RS)

A Prefeitura de Santiago (RS) abre as inscrições para 12 vagas de médicos e odontólogos, com salários de R$ 3.423,51 a R$ 14.264,10. As inscrições devem ser feitas até 28 de junho na Secretaria Municipal de Gestão, na Rua Tito Beccon, nº 1754, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30. O processo seletivo consiste de análise de títulos.

Prefeitura de São Martinho da Serra (RS)

A Prefeitura de São Martinho da Serra (RS) abre as inscrições para 8 vagas em cargos de nível médio e superior na área de saúde – médicos e técnico de enfermagem. Os salários vão de R$ 2.092,56 a R$ 10.043,41. As inscrições devem ser feitas pelo site www.premierconcursos.com.br até 10 de julho de 2017. A taxa varia de R$ 80 a R$ 120.

Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe)

A Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe) abre as inscrições para 108 vagas temporárias em cargos de todos os níveis de escolaridade em vários municípios paraenses. O salário varia de R$ 1.508,00 a R$ 3.636,72. Os candidatos serão avaliados por meio de análise curricular e entrevista. As inscrições devem ser feitas pelo site processoseletivo.susipe.pa.gov.br até 1 de julho. Não há cobrança de taxa.

Universidade Estadual do Piauí (Uespi)

A Universidade Estadual do Piauí (Uespi) abre as inscrições para 36 vagas de professores formadores para modalidade de educação à distância. As vagas são para os cursos de: licenciaturas em letras espanhol, história, inglês, matemática, pedagogia, português e bacharelado em administração pública do Programa Nacional de Formação em Administração Pública. Pode se inscrever no processo seletivo o candidato portador de diploma de curso de pós-graduação na área que pleiteia a atuação. O valor da bolsa varia de R$ 1.100 a R$ 1.300. As inscrições devem ser feitas pelo site www.siteead.uespi.br até o dia 30 de junho. 

Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS)

A Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) abre as inscrições para 23 vagas para professor de magistério superior com salários de até R$ 10.028,41 para os campi de Cerro Largo, Erechim e Passo Fundo, no Rio Grande do Sul. As inscrições devem ser feitas até 12 de julho pelo site https://concursos.uffs.edu.br/. As taxas vão de R$ 100 a R$ 200.

Noticias ao Minuto