Motorista atinge poste e deixa escola sem internet na região norte de Palmas

Mais de 250 postes foram derrubados no estado, apenas nos primeiros sete meses do ano. No último final de semana, em Palmas, seis foram derrubados em um único acidente.

Mais um poste foi atingido por um carro em Palmas. Desta vez, o acidente foi na quadra ACSU-NO 40 (antiga 301 Norte), em frente a Escola de Tempo Integram Padre Josimo, na manhã desta terça-feira (14). O impacto rompeu o cabo de internet e deixou a unidade sem conexão.

O motorista contou à reportagem da TV Anhanguera que houve uma falha mecânica. Ele perdeu o controle do veículo, subiu no meio-fio, arrancou uma pequena árvore e bateu no poste. Apesar disso, não teve ferimentos.

No último domingo (12), um outro motorista derrubou seis postes de uma vez em um acidente na Arse 22 (antiga 306 Sul).

De acordo com a Energisa, concessionária de energia do Tocantins, até julho desse ano, 250 postes foram danificados em acidentes de trânsito no Tocantins.

A Energisa informou que o custo médio de substituição de postes é de R$ 3 mil e deve ser pago pelo condutor responsável pela batida. Quando um transformador é afetado no acidente envolvendo poste, esse custo pode ultrapassar os R$ 10 mil.

Motorista sai ilesa após derrubar poste na região sul de Palmas

Acidente aconteceu em Taquaralto. Mulher perdeu o controle do carro, subiu em meio-fio e bateu em poste.

Um carro bateu de frente com um poste na manhã desta terça-feira (31) em Taquaralto, na região sul de Palmas. Imagens feitas no local mostram que o veículo ficou com a frente destruída. Segundo a Polícia Militar, uma mulher estava na direção do veículo, mas não teve ferimentos.

Testemunhas disseram que a mulher perdeu o controle, subiu no meio-fio e derrubou o poste. Segundo a concessionária de energia, o poste derrubado era da rede telefônica e por isso nenhum cliente ficou sem energia.

Os agentes de trânsito de Palmas estiveram no local para controlar o trânsito. O corpo de Bombeiros informou que não foi chamado para a ocorrência.

Indígena morre após perder controle de moto em avenida e bater em poste

Acidente aconteceu durante a madrugada em Araguaína, norte do Tocantins. Segundo a PM, testemunhas contaram que o indígena estava em alta velocidade.

Um indígena morreu na madrugada desta segunda-feira (9) após bater a motocicleta que dirigia em um poste. O acidente aconteceu na avenida Cônego João Lima, no setor entroncamento, em Araguaína, norte do Tocantins. Orlando Marruamiwiri Achure Karaja, de 35 anos, morreu no local.

Conforme a Polícia Militar, o acidente aconteceu por volta de 1h50. Testemunhas contaram que a vítima estava trafegando em alta velocidade e uma motocicleta, mas perdeu o controle e bateu em um poste da iluminação pública.

O Samu ainda foi chamado, mas apenas constatou a morte. Ainda conforme a PM, a perícia esteve no loca e o corpo foi levado para o IML. A motocicleta teve apenas pequenos danos.

O corpo do indígena já foi liberado.

G1 Tocantins.

Homem morre após bater motocicleta em poste de Palmas

Acidente foi registrado na Acne 11 (antiga 104 Norte), avenida NS -02, na Praça dos Povos Indígenas. A Energisa informou que o acidente não danificou o poste e nem gerou interrupção de energia.

Francisco Kleverson Pereira da Silva, de 33 anos, morreu após bater a motocicleta que ele conduzia em um poste. O acidente aconteceu na manhã deste domingo (8), por volta das 6h18, na quadra Acne 11 (antiga 104 Norte), avenida NS-02, na Praça dos Povos Indígenas.

A vítima morreu no local. O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal e já foi liberado.

Em nota, a concessionária de energia elétrica Energisa informou que o acidente não danificou o poste e nem gerou interrupção de energia.

Em todo o Tocantins, 139 postes foram derrubados em acidentes de trânsito, até maio deste ano. Só em Palmas foram 38, segundo um levantamento feito pela Energisa.

G1 Tocantins.

Mulher é resgatada com vida após carro ficar destruído ao bater em poste

Acidente foi registrado perto de um shopping da capital. Bombeiros precisaram serrar carro para retirar vítima.

Um caminhão e um carro de passeio se envolveram em um acidente na manhã desta sexta-feira (8), na avenida Juscelino Kubitschek, perto de um shopping de Palmas. O caso aconteceu por volta de 9h45.

Testemunhas relataram que ao passar por uma rotatória, o caminhão imprensou o carro, que bateu em um poste. O veículo ficou completamente destruído.

A motorista do carro, a estudante de medicina Laís Resende Gontijo, de 24 anos, ficou presa nas ferragens. O Corpo de Bombeiros precisou serrar parte do veículo para fazer o resgate. A vítima foi retirada com vida e levada para um hospital da cidade. O site segue acompanhando o caso.

Carro bate em poste na TO-050 e motorista fica gravemente ferido

Rodovia passa pelo perímetro urbano de Palmas e ficou parcialmente interditada. Motorista teria perdido o controle na pista que estava molhada após a chuva.

Um homem de 36 anos ficou gravemente após o carro em que ele estava bater em um poste na TO-050, em Palmas. O acidente foi por volta das 16h30 desta terça-feira (3), em frente a um supermercado da capital.

A Polícia Militar (PM) informou à TV Anhanguera que o motorista estava sozinho quando perdeu o controle da direção. No momento do acidente a pista estava molhada. Parte da rodovia precisou ser interditada e foi liberada em seguida.

A vítima foi atendida pelo Corpo de Bombeiros em estado gravíssimo e levada para o Hospital Geral de Palmas (HGP) pela UTI do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Motorista ficou gravemente ferido (Foto: Heitor Moreira/TV Anhanguera)

G1 Tocantins

Bombeiro morre após perder controle de motocicleta e bater em poste

Acidente aconteceu no fim da manhã em Miracema do Tocantins. Testemunhas contaram à Polícia Militar que vítima perdeu controle após passar por quebra-molas.

Homem passa mal ao volante e morre após bater em poste no Tocantins

A suspeita é que o representante comercial Antônio Alves teve um infarto. Ele chegou a ser socorrido por parentes e levado para o hospital, mas não resistiu.

Antônio Alves da Cruz morreu enquanto dirigia uma caminhonete perto de centro de Aragominas, no norte do Tocantins.

Moradores da cidade disseram que ele passou mal nesta segunda-feira (19), perdeu o controle da direção e bateu em um poste. A suspeita é que ele teve um infarto.

A vítima morava numa chácara no assentamento Rio Preto e tinha ido à cidade visitar parentes. Nesta manhã, ele saiu da garagem, deu a volta em uma quadra para buscar a esposa e voltar ao assentamento, onde morava, mas passou mal em frente à mercearia do sogro.

Vizinhos disseram que ele saiu do veículo e caiu. Parentes perceberam quando o homem passou mal, o socorreram e levaram para o hospital, mas ele não resistiu.

O IML de Araguaína informou que o corpo já foi liberado. O velório deve ser realizado na Igreja Assembleia de Deus, em Aragominas.

O site busca informações oficiais sobre a causa da morte de Cruz. Ele trabalhava como representante comercial de uma marca de feijão.

G1 Tocantins

Eletricista morre após levar choque em rede de alta tensão durante troca de poste

Francisco Lopes de Souza, de 37 anos, estava com alguns fios na mão quando a rede de energia foi religada. Ele chegou a ser socorrido, mas chegou ao hospital de Guaraí já sem vida.

O eletricista Francisco Lopes de Souza, de 37 anos, morreu depois de receber uma descarga elétrica de alta tensão enquanto trabalhava.

Segundo a Polícia Civil, o homem morreu durante a troca de um poste em uma chácara da zona rural de Guaraí, na região central do Tocantins, no final da tarde dessa segunda-feira (5).

De acordo com os policiais, uma equipe de quatro eletricistas foi chamada para substituir um poste que estava quebrado.

Momentos antes do trabalho ser finalizado, a rede elétrica, que havia sido desligada, foi religada, o que provocou uma descarga elétrica de alta tensão.

Depois do choque o eletricista ficou pendurado no alto do poste pelo cinto de segurança.

A vítima foi levada para o Hospital Regional de Guaraí, pelos moradores da região, mas já chegou à unidade sem vida.

A polícia disse que o caso esta sendo investigado, já que a morte pode ter sido causada por falha humana.

Em nota, a Energisa informou que se solidariza com familiares e amigos da vítima que era funcionário da prestadora de serviço Enecol.

Informou ainda que junto com a Enecol está prestando todo o atendimento necessário para a família e apurando as causas do acidente.

G1 Tocantins/Foto ilustrativa

Carreta desgovernada derruba poste e deixa quase três mil casas sem energia

Ao todo, 2.983 unidades consumidoras ficaram sem energia em Paraíso do Tocantins. Testemunhas contaram que carreta estava sem motorista e desceu avenida desgovernada.

Uma carreta desgovernada derrubou um poste na Avenida Transbrasiliana e deixou quase 3 mil unidades consumidoras sem energia em Paraíso do Tocantins, a 63 quilômetros de Palmas. Testemunhas contaram que o veículo estava parado sem o motorista e começou a descer a avenida desgovernado. Com o impacto, a frente da carreta ficou destruída.

A concessionária de energia do Tocantins, Energisa, disse que 2.983 clientes tiveram o fornecimento de energia prejudicado. Porém, o serviço foi reestabelecido para a maioria antes das 15h. Cerca de 330 unidades devem ter a eletricidade religada nas próximas horas.

Apesar do susto, ninguém se feriu. A Polícia Militar foi acionada para controlar o tráfego e a perícia esteve no local.Acidente deixou diversas casas sem energia elétrica (Foto: Divulgação/Surgiu)

Um caso semelhante foi registrado há duas semanas no centro de Darcinópolis, região norte do Tocantins. Uma carreta que estava estacionada em um posto de combustíveis desceu uma ladeira após ter uma falha mecânica. O carro atravessou a BR-226 e ainda derrubou um poste de energia elétrica antes de bater em uma casa e parar. Ninguém se feriu. 

G1/Tocantins