Estudante de 14 anos morre atingida por raio na porta de casa no Tocantins

Cleidiane Lima Rodrigues estava na área de casa, em Araguatins, esperando a chuva passar quando o raio atingiu a fiação elétrica do local. A adolescente estava descalça e morreu na hora.

Um raio matou a estudante Cleidiane Lima Rodrigues, de 14 anos, no começo da noite desta quarta-feira (10). A adolescente estava na área de casa, no povoado Falcão, em Araguatins, quando o acidente aconteceu.

A informação de amigos da família é de que a descarga elétrica atingiu a fiação do imóvel antes de chegar em Cleidiane, que morreu na hora. Um tio dela e outro adolescente tiveram ferimentos leves.

A professora de Cleidiane, Elianes Eduardo de Souza, disse que a jovem estava prestes a começar o 7ª ano do ensino fundamental. Ela morava com os avós na casa onde o raio caiu.

De acordo com a professora, uma forte chuva atingiu a cidade no final da tarde e veio com muitos raios e relâmpagos.

O corpo de Cleidiane foi levado para o Instituto Médico Legal de Tocantinópolis e ainda não há informações sobre o enterro.

Outro caso

No dia 2 de janeiro a dona de casa Maria Edileusa Campos Ferreira, de 52 anos, também morreu ao ser atingida por um raio. O caso foi debaixo de uma árvore na zona rural de Pau D’arco, no norte do Tocantins. O acidente também deixou a filha dela de 16 anos e duas sobrinhas feridas.

A filha contou que eles perceberam o tempo fechando e se preparavam para deixar o local quando o raio caiu na árvore.

As sobrinhas, Alessandra dos Santos Silva e Renata dos Santos Silva, precisaram ficar em observação no hospital. Os ferimentos da filha, Elaine Beatriz Campos da Silva, foram mais leves.

G1 Tocantins

Lavrador é morto na porta de casa por homem que pediu ajuda na madrugada

Crime aconteceu durante a madrugada em fazenda na zona rural de Monte Santo. Suspeito do crime foi identificado e está sendo procurado pela polícia.

O lavrador Cleiton Nonato de Aguiar, de 43 anos, foi morto na madrugada deste sábado (28) em uma fazenda na zona rural de Monte Santo do Tocantins, a 89 quilômetros de Palmas. O crime aconteceu na casa da vítima, por volta das 3h, depois que o suspeito chegou no local pedindo ajuda. O homem foi morto com quatro disparos na frente da família.

De acordo com a Polícia Militar, Aguiar saiu da casa e foi questionado sobre fofocas que estaria fazendo sobre o suspeito. Após um momento de conversa, Jairon José Milhomem Medrado, de 43 anos, teria atirado quatro vezes contra o lavrador.

A vítima morreu no local. A Polícia Militar foi informada sobre o crime por volta das 5h devido problemas na rede de celular na região. O suspeito do crime está sendo procurado pelos militares.

O corpo foi levado para o IML de Paraíso do Tocantins.

G1/Tocantins