Em um dia, duas pessoas morrem em acidentes envolvendo adolescentes ao volante

Um deles, registrado perto do setor Santa Fé, provocou a morte de José Almir Linhares, de 51 anos. No outro, a cozinheira Maria Irisneide da Silva, de 32, não resistiu.

Os dois acidentes com mortes registrados em Palmas neste domingo (16) envolveram adolescentes ao volante. Um deles aconteceu perto do Setor Santa Fé, região sul da capital e provocou a morte de José Almir Linhares Galvão, de 51 anos.Dois veículos capotaram.

Um dos carros era conduzido por um adolescente. No outro acidente, a cozinheira Irisneide da Silva Souza, de 32 anos, também não resistiu. Ela teve a moto atingida por um carro. Um menor de 17 anos dirigia o veículo.

O primeiro acidente aconteceu por volta de 8h. Galvão estava indo para a chácara da sogra tomar café da manhã. No veículo também estavam a filha e o genro. A jovem ficou ferida e precisou ser levada para a UPA.

Empresário morreu após acidente com carro conduzido por adolescente — Foto: Reprodução/TV Anhanguera

“Quando a gente estava na estrada veio um carro em alta velocidade, minha namorada ainda avisou o meu sogro: ‘Pai acho que vai bater’. Na hora que eu olhei para trás, vi o carro perdendo o controle, triscou na traseira da caminhonete que a gente estava. Foi aí que a caminhonete saiu da estrada e capotou por várias vezes”, disse o genro da vítima, Rodrigo do Vale.

Galvão não usava cinto de segurança e foi arremessado do veículo. iria fazer 52 anos no mês que vem. Ele tinha loteamentos no sul da capital e era muito conhecido na região.

O menor, que conduzia o carro de passeio, estava na companhia de outro adolescente, que também se feriu. Os dois foram levados para a UPA. Eles não estavam alcoolizados. Depois de receber atendimento médico, eles foram levados para a Central de Flagrantes. O dono do carro em que eles estavam também foi chamado e deve ser multado por entregar o veículo para o menor.

Segundo acidente

O outro acidente foi registrado na avenida LO-04, entre as quadras Acno11 (103 Norte) e Arno 21 (203 Norte), em Palmas. A cozinheira Maria Irisneide da Silva Souza, de 32 anos, estava em uma motocicleta e havia acabado de sair da Unidade de Pronto Atendimento. Ela foi atingida por um carro ao tentar cruzar uma avenida.

A Polícia Civil informou que o motorista do carro é um adolescente, de 17 anos, que estava acompanhado por dois amigos, também menores de idade. Os três não se feriram. Mais tarde, foram levados pela família para depor na delegacia e liberados depois de serem ouvidos.

Durante o depoimento, o pai do adolescente disse que o filho usou o carro sem autorização e que isso já tinha acontecido outras vezes. Ainda segundo o pai, o jovem não viu a motociclista entrar na avenida. O delegado de plantão informou que a Polícia Militar permitiu que o jovem saísse do local do acidente e não registrou a ocorrência. O trabalho foi feito pelos agentes de trânsito, que alegaram para a Polícia Civil que não fizeram o teste do bafômetro porque estava sem o equipamento.

A mulher era cozinheira em um supermercado de Palmas e deixou três filhos de sete, cinco e dois anos. Apenas o laudo da perícia poderá confirmar quem causou o acidente.

Cozinheira morre após motocicleta ser atingida por carro em cruzamento

“Agora é cuidar dos meus filhos, levantar a cabeça e cuidar dos meus filhos da melhor forma possível”, disse o marido da vítima, José Renan Xavier. 

G1 Tocantins.

Quatro pessoas ficam feridas em acidente envolvendo dois veículos e um boi

Caminhonete de prefeitura bateu em um boi que invadiu a pista e depois atingiu um carro de passeio. Acidente aconteceu na TO-201, em Augustinópolis, norte do Tocantins.

Quatro pessoas ficaram feridas após uma colisão envolvendo dois carros e um boi solto na pista. O acidente aconteceu na noite desta segunda-feira (27) na TO-201, próximo de Augustinópolis, norte do Tocantins. As informações são da Polícia Militar.

Um dos veículos era uma caminhonete da Secretaria de Saúde da Prefeitura de Carrasco Bonito, que estava com cinco pessoas. Segundo a Polícia Militar, os próprios envolvidos no acidente contaram que o motorista deste veículo foi surpreendido por um boi que invadiu a pista e não teve como desviar.

Após atingir o animal, a caminhonete invadiu a pista contrária e bateu na lateral de um carro de passeio. O veículo ainda desceu uma ribanceira e só parou após colidir contra um barranco, a cerca de 100 metros do local do acidente.

Quatro pessoas que estavam na camionete tiveram ferimentos. As vítimas foram socorridas pela polícia e levadas para o Hospital Regional de Augustinópolis. Os ocupantes do carro de passeio não tiveram ferimento.

Segundo o secretário de administração de Carrasco Bonito, nenhum dos passageiros corre risco de morrer. Uma das vítimas era irmã do prefeito e passou por cirurgia. Um rapaz aguarda procedimento cirúrgico no braço e outras duas pessoas estão em observação.

Animais soltos

Pelo menos 92 acidentes envolvendo animais foram registrados nas rodovias federais e estaduais do Tocantins, desde o início do ano. A maioria deles ocorreu nas rodovias administradas pelo estado. Segundo a Polícia Militar, foram 84 acidentes de 1º de janeiro até 24 de julho. Três deles com vítimas fatais.

Animais na pista oferecem perigo. O Código de Trânsito Brasileiro diz que os animais que estiverem soltos nas vias e na faixa de domínio das vias de circulação, devem ser recolhidos e devolvidos aos seus donos, após o pagamento de multas e encargos devidos. Em caso de acidentes, o dono do animal também pode ser responsabilizado.

Erros em hospitais matam 148 pessoas por dia no Brasil, mostra estudo

O número se compara aos registros de mortes violentas.

Erros em hospitais brasileiros públicos ou privados matam cerca de 148 pessoas por dia, segundo pesquisa divulgada pelo 2º Anuário de Segurança Assistencial Hospitalar no Brasil, produzido pelo IESS (Instituto de Estudos de Saúde Suplementar) e pelo Instituto de Pesquisa Feluma, da Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais.

O número se compara aos registros de mortes violentas, cerca de 175 por dia, registradas em 2017.

No estudo, foram destacados os óbitos como “eventos adversos graves” como infecção generalizada, infecção urinária, erro no uso de medicamentos e hemorragia.

Ao todo, 54.076 pacientes morreram em 2017 por causa de falhas hospitalares.

Por notícia ao minuto

Em trotes ao Samu, pessoas inventam acidentes e fingem choro; áudios

Até julho desse ano, já foram identificadas 1,4 mil chamadas com falsos pedidos de socorro. Lei sancionada pelo governador vai multar em até dois salários mínimos quem passar trote.

Até o mês de julho desse ano, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) recebeu mais de 1,4 mil trotes. Áudios divulgados pelo Samu mostram que a brincadeira de mau gosto prejudica o trabalho dos profissionais. Algumas pessoas inventam acidentes, fingem choro e falam que são do Rio de Janeiro.Uma lei sancionada pelo governador Mauro Carlesse vai multar quem fizer trote.

Em um dos telefonemas gravados, uma pessoa relata um acidente.

“Aqui está precisando de uma ambulância, na casa da Maria Oliveira de Sousa. Teve um grave acidente vem agora, vem logo. É em Centenário.”

A pessoa finge que está chorando. Ao fundo, é possível escutar voz de menores. A atendente percebe que é um trote e desliga.

Em outro áudio, mais uma chamada falsa. A pessoa diz que está no Rio de Janeiro.

“Boa noite, é porque aconteceu um grave acidente. Meu nome é Natasha. É do Rio de Janeiro. [Tenho] 28 anos. Ligeiro rapaz, estou apressada.”

A atendente percebe que é trote e fica em silêncio, por fim a pessoa critica por não ser ouvida.

“Deus me livre, esse povo não atende ninguém, credo.”

A brincadeira agora vai sair cara. O Estado vai multar em até dois salários mínimos quem fazer trote para o Samu, Bombeiros e Polícia Militar. A lei entra em vigor num prazo de 90 dias e se aplica aos assinantes ou responsáveis pela linha telefônica que acionar os serviços de emergência de forma indevida, com má-fé, que não tenha como objetivo o atendimento solicitado ou a situação real do que for informado.

Segundo estabelece a lei, quando o proprietário da linha telefônica ou o responsável pela ligação for identificado, será enviado relatório ao órgão estadual competente, que fará o auto de infração e encaminhará a multa ao endereço da pessoa.

O responsável terá um prazo de 30 dias para apresentar defesa por escrito ao órgão competente, que poderá cancelar a multa a depender da situação.

“A partir do momento em que a gente percebe a ligação, aquele número fica gravado, vai para um banco de dados e a partir dali a gente pode extratificar”, explica o diretor técnico do Samu, Luciano Lopes.

Os Bombeiros dizem que muitas das ligações são feitas por crianças. Portanto, os pais vão pecisar redobrar os cuidados.

G1 Tocantins.

Duas pessoas ficam feridas após carro bater em caminhão, capotar e cair em ribanceira

Acidente foi registrado no km 36 da TO-010, saída para Lajeado. O motorista teria perdido o controle do veículo ao tentar fazer uma ultrapassagem.

Duas pessoas ficaram feridas após um carro capotar e cair em uma ribanceira. O acidente aconteceu na tarde deste sábado (21), no km 36 da TO-010, saída para Lajeado. O motorista do teria perdido o controle da direção ao tentar ultrapassar outro veículo e bater em um caminhão.

As vítimas foram retiradas do veículo com ajuda de populares. Em seguida o Samu fez o socorro e as encaminhou para a Unidade de Pronto Atendimento da região norte.

G1 Tocantins.

No Tocantins, quatro pessoas da mesma família morrem e duas ficam feridas após carro capotar

Veículo saiu da pista, caiu em uma ribanceira e bateu em rochas às margens da rodovia. A informação é que vítimas iriam para Dianópolis, onde participariam de uma festa de família.

Quatro pessoas morreram e duas ficaram feridas em um acidente de trânsito, na noite desta quinta-feira (17), na TO-040, perto de Novo Jardim, região sul do Tocantins. Segundo o Corpo de Bombeiros, as vítimas são parentes e saíram de Formosa (GO) com destino a Dianópolis, onde participariam de uma festa de família.

Conforme os Bombeiros, as vítimas que morreram no local foram: Leonardo Pereira Brito, de 19 anos, Natalina Moreira de Melo, de 45, e dois adolescentes, um de 14 anos e o outro de aproximadamente 15 anos. Os nomes dos menores não foram informados. Divulgação/Bombeiros)

O motorista Arthur Mendonça da Silva, de 48 anos, e a jovem Natalia Moreira Melo, de 19, ficaram feridos e foram socorridos pela ambulância do município de Novo Jardim. Eles foram levados para o Hospital Regional de Dianópolis.

Os Bombeiros informaram também que o motorista pode ter perdido o controle da direção e capotado, por volta das 22h50. O veículo saiu da pista, caiu numa ribanceira e bateu em rochas de cerca de 5 metros. Três das vítimas que morreram ficaram presas nas ferragens. A outra foi encontrada fora do automóvel.

O trecho, segundo os militares, é perigoso. Há uma lombada e uma curva fechada, que requer mais cuidado por parte dos motoristas.

Com recorde de visitação, mais de 17 mil pessoas já passaram pelas dunas do Jalapão em 2018

Local ganhou visibilidade após ser cenário da novela ‘O Outro Lado do Paraíso’. No mesmo período do ano passado cerca de 11 mil pessoas tinham passado pelas dunas.

As dunas do Jalapão bateram recorde de visitação esse ano. Segundo o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins), 17.405 visitantes passaram pelo local até o dia 14 de julho. No mesmo período do ano passado foram 11.384 turistas. Ao longo de todo o ano, o atrativo recebeu 20.212 pessoas.

Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (19), em um relatório da Diretoria de Biodiversidade e Áreas Protegidas do Naturatins. O instituto é responsável pela administração do parque.

Segundo o gerente de Parques e do Monumento Natural de Árvores Fossilizadas do Estado, Marcelo Henrique Rodrigues, o crescimento se deve devido as gravações da novela O Outro Lado do Paraíso, programas de televisão e reality shows.

“Estes foram motivos pelos quais, o Naturatins adotou desde o mês de fevereiro, o novo horário de visitação, que compreende das 14h às 18h30min. A medida visa equilibrar o fluxo de visitantes por equipes que realizam as atividades de orientação e fiscalização ambiental”, diz.

“As dunas recebem visitantes de outros países e todos estados do Brasil. É por isso que orientamos os visitantes sobre a grande importância da preservação dos atrativos turísticos da região. É fundamental que os visitantes entendam que o Parque é uma unidade de conservação integral”, explica o diretor de Biodiversidade e Áreas Protegidas, Gilberto Iris de Oliveira.

Oliveira enfatiza que o Parque Estadual do Jalapão é um patrimônio ambiental que requer atenção especial e por esse motivo, os visitantes devem ficar atentos às normas de visitação. No começo do ano, o horário de visitação de alguns atrativos foi reduzido. A intenção é justamente controlar o fluxo crescente de turistas.

Três pessoas morrem e uma fica ferida após serem atingidas por tiros na mesma noite em Gurupi

Segundo a polícia, os crimes aconteceram em regiões diferentes. Uma das vítimas é a travesti Daniela Cicarelli, de 24 anos.

Três pessoas morreram e uma ficou ferida após serem atingidas por tiros em Gurupi na noite desta terça-feira (17). Segundo a Polícia Civil, os crimes aconteceram em regiões diferentes. A suspeita é que homens em uma motocicleta tenham efetuado os disparos.

As vítimas são: Manoel Pereira da Silva, de 51 anos, Rogaciano da Rocha Santos, de 34 anos e a travesti Daniela Cicarelli, de 24 anos. O nome da pessoa que ficou ferida não foi informado. Ela está no Hospital Regional de Gurupi.

A travesti foi assassinada por volta das 22h30, na rua Santana, no setor União II. O local, segundo os moradores, é usado como ponto de prostituição.

A Polícia Civil informou que ela estava sozinha no local, quando foi surpreendida. O corpo ainda está no IML, aguardando exames e a liberação. Segundo a polícia, o ponto também era frequentado pela travesti conhecida como Natália, assassinada a tiros em outubro do ano passado.

Na época, um vídeo registrado pelas câmeras de segurança de uma empresa foi divulgado e mostra Josildo Costa dos Santos, de 27 anos, correndo. Ele cai momentos depois, após ser atingido por quatro disparos.

Os outros crimes registrados em Gurupi nesta terça-feira não foram detalhados.

Três pessoas ficam feridas após batida entre carros no Tocantins

Segundo testemunhas, uma mulher foi arremessada para fora do veículo e ficou em estado grave. O acidente aconteceu entre Palmas e Lajeado.

Três pessoas ficaram feridas após uma batida entre dois carros. O acidente aconteceu na manhã deste sábado (14), no km 26, da TO-010, entre Palmas e Lajeado. Uma das vítimas foi socorrida em estado grave pelo Samu.

Segundo testemunhas, os carros seguiam em direções opostas. Um dos veículos, que trafegava sentido Lajeado, invadiu a pista contrária e foi atingindo na lateral pelo carro que seguia no sentido Palmas.

Os dois ocupantes do carro que trafegava no sentido Palmas não se machucaram. Já as três pessoas que estavam no outro veículo, ficaram feridas. Uma mulher teria sido arremessada para fora e ficou em estado grave. As vítimas foram levadas para o Hospital Geral de Palmas.

Duas pessoas ficam feridas após caminhonete bater em meio-fio e capotar

Acidente aconteceu na BR-153 entre Araguaína e Nova Olinda, norte do Tocantins. Segundo a PRF, acidente pode ter ocorrido porque carga estava mal acondicionada.

Uma caminhonete capotou na tarde deste sábado (14) na BR-153, entre Araguaína e Nova Olinda, na região norte do estado. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o carro estava carregado com sacos de ração e a suspeita é de que a carga estava mal acondicionada. Além disso, um dos pneus da caminhonete estourou.

O acidente aconteceu por volta das 13h30. O motorista perdeu o controle do veículo, atravessou a pista, bateu no meio-fio e capotou. Um rapaz de 20 anos e uma mulher de 40 estavam no veículo.

As vítimas foram socorridas por uma ambulância do Samu e levadas para o Hospital Regional de Araguaína. Eles tiveram ferimentos leves.

O motorista do veículo afirmou que o acidente aconteceu porque o pneu estourou. Porém, segundo a PRF, apenas a perícia poderá confirmar o que ocorreu.