MP denuncia cinco funcionários da UFG por morte de estudante em máquina de preparar ração

Caso é tratado como homicídio culposo, quando não há intenção de matar. Acidente foi em junho do ano passado; na época, universidade informou que dava apoio às investigações.

 

Homem morre após ser sugado por máquina de arroz no Tocantins

Acidente de trabalho aconteceu quando Valteir Barbosa foi desentupir a máquina que estava ligada. Bombeiros usaram rapel para resgatar corpo.

Valteir Barbosa da Silva, de 31 anos, morreu durante um acidente de trabalho, em Paraíso do Tocantins. Os Bombeiros informaram que ele foi sugado por uma máquina de arroz. No momento ele fazia manutenção com o equipamento ligado. O caso aconteceu na noite desta quinta-feira (6).

Funcionários contaram aos militares que notaram a ausência do colega de trabalho no momento em que eles trocavam de turno. A vítima foi sugada pela máquina e asfixiada pela palha de arroz.

O dono da empresa acionou os Bombeiros, que usaram técnicas de rapel para resgatar o corpo da vítima. Eles também tiveram que cortar a máquina de arroz para retirar o trabalhador.

G1 Tocantins

Jovem morre após barranco desabar sobre máquina em canteiro de obra

Acidente foi em área de extração de areia e cascalho para construções. Eduardo Machado, de 23 anos, chegou a ser levado ao hospital, mas não resistiu.

O operador de escavadeira Eduardo Machado, de 23 anos, morreu após um barranco desabar no canteiro de obra em que ele trabalhava.

A Polícia Militar disse que o acidente foi na tarde desta quinta-feira (15), em Pindorama do Tocantins, região sul do estado.

O jovem chegou a ser socorrido por colegas de trabalho e lavado ao Hospital Regional de Porto Nacional, mas não resistiu.

O teto da retroescavadeira de Eduardo conduzia foi atingido por pedras pesadas e acabou esmagando o jovem dentro da máquina.

A polícia não soube informar se ele usava os equipamentos de segurança porque quando chegou ao local o rapaz já tinha sido levado para o hospital por outros funcionários.

O canteiro de obra onde o desabamento aconteceu fica a poucos quilômetros de Pindorama, na zona rural. A área é para extração de areia, cascalhos e pedras utilizados em construções na região. O rapaz enchia uma das caçambas quando tudo aconteceu.

O corpo de Eduardo Machado foi levado para o Instituto Médico Legal de Porto Nacional.

G1 Tocantins

Corpo de estudante morto ao cair em máquina na UFG é enterrado em Goiânia

Universitário participava de uma aula prática quando acidente aconteceu. Centenas de pessoas acompanharam o sepultamento.

O corpo do estudante de medicina veterinária Lucas Silva Mariano, de 21 anos, foi enterrado neste domingo (25) no Cemitério Jardim das Palmeiras, em Goiânia. O universitário morreu após cair em uma máquina para preparar ração para o gado, na Universidade Federal de Goiás.

Centenas de pessoas acompanharam o sepultamento do jovem. “Ele era sorridente. Esse tanto de gente aqui é porque ele era especial e é isso que vai ficar. A saudade aperta, dói demais”, disse Arthur Silva Moreira, primo de Lucas.

Em redes sociais, muitos amigos e familiares lamentaram o acidente. “Agora um anjo novo povoa o além, uma estrela nova ilumina o céu, mas o mundo ficou mais pobre com a partida do nosso querido amigo. Mas para sempre ele viverá em nossos corações, em nossas saudades e principalmente na memória e constante lembrança da vida que foi a sua, e da pessoa maravilhosa que foi em vida”, escreveu um amigo.

Amigo publica homenagem a estudante da UFG que morreu em acidente (Foto: Reprodução/ Facebook) Acidente
Amigo publica homenagem a estudante da UFG que morreu em acidente (Foto: Reprodução/ Facebook)
Acidente

Acidente

O universitário estava acompanhado de um amigo no momento do acidente, no sábado (24). Testemunhas contaram que Lucas estava em um trator durante uma atividade prática do curso. Em seguida, ele caiu dentro da máquina, que é movida pelo trator e processa a ração que é jogada no coxo para os animais. Ainda não há mais informações sobre como o acidente aconteceu.

A Universidade Federal de Goiás informou, em nota, que lamenta a morte do aluno e que, junto com a direção do curso, vai dar todo o apoio às investigações.

A Delegacia Estadual de Investigações de Homicídios registrou o caso. Porém, como a área é de competência da Polícia Federal, ainda não se sabe qual corporação investigará a morte de Lucas.

Lucas Silva Mariano morreu ao cair em máquina de ração na UFG (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
Lucas Silva Mariano morreu ao cair em máquina de ração na UFG (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

G1/GO