CRAS promove qualidade de vida para idosos de Palmeirópolis

 O encontro sempre com a proposta de proporcionar bem-estar e diversão para a Melhor Idade.

Toda semana é realizado eventos da Melhor Idade no CRAS de Palmeirópolis (Centro de Referência de Assistência Social). 

Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para Idoso é um projeto socioassistencial voltado ao atendimento do público idoso, baseado na PNAS e Política Nacional do Idoso, trabalhando numa perspectiva do envelhecimento saudável, contribuindo com uma qualidade de vida mais prazerosa.

Bem acomodados no salão do CRAS, foi servido um delicioso café da manhã logo na chegada.  Depois do alongamento, a realização da hidroginástica conduzida pela profissional de Educação Física do NASF, Aracelly Costa. 

Animados e aquecidos, ouviram uma palestra sobre o verdadeiro significado da Páscoa com Divina Bahia.

Descontraidos, ganharam ovos de Páscoa fabricado pela equipe de Apoio e pelas crianças do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos.

Como de costume, um saboroso almoço foi servido a todos, que aproveitaram o restante do dia para curtir as delícias naturais do quintal, com redes, mesas, bancos para descansar, namorar e dormir.

Além da equipe da saúde sempre presente para aferição de pressão arterial e outros trabalhos, os idosos são buscado em casa com todo cuidado.

Ao final dos encontros o motorista acompanhado de profissionais, devolve cada um da mesma forma que pegou cuidadosamente.

A secretária de Assistência Social Ana Paula Vaz, sempre pressente em todos os encontros.

As oficinas, a hidroginástica, o forró e as atividades recreativas são estratégias para qualificar as ações e tornar os encontros atrativos, de modo a favorecer o diálogo entre eles e fazer com que sintam vontade de sair de casa.

O grupo de idosos do SCFV, está inserido na Política da pessoa idosa e tem como objetivo contribuir para o envelhecimento com qualidade de vida e valorizar as relações familiares e comunitárias.

Da redção

Casa de idosos pega fogo em Palmas e vizinhos apagam chamas

Incêndio aconteceu no setor Taquari, região sul da cidade. Bombeiros fizeram o rescaldo das chamas; suspeita é que incêndio tenha sido criminoso.

Uma casa pegou fogo no setor Taquari, na região sul de Palmas, na tarde desta quarta-feira (7). Segundo o Corpo de Bombeiros, as chamas queimaram parte da sala, destruíram o forro e ainda danificaram a estrutura do telhado.

Ainda conforme os bombeiros, testemunhas contaram que um homem usuário de drogas teria despejado um produto inflamável e ateado fogo na casa, onde vive um casal de idosos. Alguns móveis e eletrônicos também foram destruídos.

A casa fica em um local de difícil acesso e quando os bombeiros chegaram no local, o fogo havia sido controlado por vizinhos dos idosos. Os militares fizeram o rescaldo das chamas e verificaram a estrutura da casa. Uma perícia será feita para confirmar as causas do fogo.

Casa teve estrutura danificada (Foto: Bombeiros/Divulgação)

G1 Tocantins

Baile da terceira idade anima idosos de Palmeirópolis

Animação e forró tomou conta dos “jovens” da terceira idade de Palmeirópolis.

 

Ampliar a cada dia o atendimento aos idosos, dando condições de atividades e qualidade de vida é o principal objetivo da Prefeitura Municipal de Palmeirópolis, por intermédio da Secretaria Municipal de Assistência Social e CRAS – Centro de Referência em Assistência Social.

A coordenadora do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo, conhecido como (Centro do Idoso), Iraildes Gomes, destacou que os encontros com o grupo da terceira idade têm por objetivo compartilhar alegrias, afeto, amor, criar oportunidades para desenvolvimento de novas habilidades e competências. Trabalhar a autonomia e a independência, propiciando suporte emocional e motivado para esta etapa da vida.Coordenadora do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo, Iraildes Gomes.

“É uma alegria e um prazer estar aqui há anos e poder compartilhar este momento de muita alegria, dança, esporte e diversão com todos, é importante promover atividades sociais para as pessoas da terceira idade, principalmente o forró, pois eles adoram e podem sair da ociosidade”, conta a coordenadora Iraildes. Ela ainda elogiou toda equipe que trabalha em prol da realização dos eventos.

Ela se emocionou ao falar dos idosos falecidos que passaram pelo Centro de Convivência. Disse que “cria um vínculo afetivo, uma família, difícil não se emocionar”.

Para a coordenadora Iraildes Gomes, sem dúvida, o baile é o que eles mais gostam e ressalta. “Estamos terminando o ano proporcionando muita festa e alegria para nossos queridos idosos, fizemos muitas atividades recreativas este ano, mas o baile é a preferência de quase todos, vamos continuar durante todas as férias, aqui não vai fechar”.

“Em busca de saúde e diversão”. Foi essa a temática do encontro desta quarta-feira, uma confraternização a todos que participam do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) de Palmeirópolis.Animação tomou conta do Baile, com casais dançando forró coladinhos, ou, até mesmo, mulheres com mulheres no salão. Não importava se tinha ou não alguém para tirar para dançar. Animados, a vontade de confraternizar era o que mais importava para os convidados. O forró alegrou e levou todos ao arrasta-pé.

Seu Francisco Regis (Chiquinho), “um dançarino de primeira”, só parou rapidinho para a entrevista, mas logo voltou animadíssimo para o salão. Ele disse que não perde uma festança, que faz parte do grupo da melhor idade e que participa das festas e todos os encontros. “Onde tem festa eu vou, gosto mesmo é de dançar e me divertir, e este forró aqui está bom demais, vou dançar até terminar”, disse ele, animado.Dona Maria Gomes Barros, com seus bens conservados 73 anos, participa há cinco anos e disse que as atividades renovaram sua vida. “Descobri que fazer as atividades aqui é uma terapia, a hidroginástica é o que eu mais gosto. Fazemos amizades, conversamos, revemos os amigos, que as vezes morando na mesma cidade dificilmente a gente vê, aqui encontramos e batemos um papo. a Paula trata bem, abraça, é carinhosa, hoje me sinto mais feliz”, ressaltou Maria.

Dona Maria Gomes Barros

O casal Ermínia Alves Telles e Marcelino Pereira Telles, frequentadores do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculo, disse participar de todas as atividades e que o baile é a preferência do casal, principalmente este, onde eles podem dançar coladinhos o forró. “A festa está linda, a música está ótima, viemos preparados para dançar até o final”, disse dona Ermínia sorrindo.

Dona Ermínia Telles e seu esposo, Marcelino Pereira.

A primeira Dama, Assistente Social Ana Paula Vaz, foi muito elogiada tanto pela equipe, como pelos os idosos. Ela não pôde estar presente no baile por estar viajando a Palmas, mas ressaltou que logo será construído o barracão, aberto, (para ventilar), com palco, um espaço para outros divertimentos, tudo se ajustando para atender melhor cada um.A coordenadora Iraildes Gomes é pioneira no trabalho em Palmeirópolis, desde que fundou o Serviço de Convivência em 2002 ela é coordenadora, se mudou, mas logo retornou a função. De lá para cá tem notado o crescimento do número de pessoas cadastradas. Hoje aproximadamente 182 pessoas são atendidas no local.

Depois de um delicioso jantar a música ficou por conta de Dudu do Forró e banda  que abrilhantou e fez a galera dançar até meia noite.

Veja mais fotos

Da redação

Governo vai liberar saque de contas do PIS/Pasep para idosos e injetar R$ 16 bilhões na economia

Ministro Dyogo Oliveira: crédito será automático para quem tem conta no Banco do Brasil e na Caixa.

O governo vai liberar o saque de contas do PIS/Pasep para homens a partir de 65 anos e mulheres a partir de 62 anos. O pagamento será iniciado em outubro. A medida provisória que prevê a liberação dos saques foi assinada nesta quarta-feira, 23, pelo presidente Michel Temer durante cerimônia no Palácio do Planalto.

Pelos cálculos do governo, a liberação deve injetar cerca de R$ 16 bilhões na economia, o que representa 0,25% do Produto Interno Bruto do País (PIB) do país. A medida vai atingir 8 milhões de pessoas, sendo que a maioria tem saldo na conta do PIS/Pasep em torno de R$ 750.

O ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, explicou que o crédito será feito de forma automática para quem tem conta no Banco do Brasil e na Caixa Econômica Federal. Segundo ele, o calendário de saques será anunciado em breve e haverá ampla divulgação da medida para a população.

“Esses recursos virão em boa hora para ajudar esse início de retomada da economia colocando dinheiro para circular, principalmente para pessoas que realmente necessitam”, disse Dyogo Oliveira.

Atualmente, os trabalhadores têm direito ao abono salarial e rendimentos do PIS/Pasep desde que cadastrados como participantes dos fundos até 4 de outubro de 1988 e não tenham sacado o saldo. A Caixa, responsável pelo PIS, e o Banco do Brasil, administrador do Pasep, fazem esse pagamento de acordo com um calendário anual.

O saque do saldo principal é permitido atualmente nas seguintes situações: aposentadoria; 70 anos completos; invalidez; reforma militar ou transferência para a reserva remunerada; câncer de titular ou de dependentes; portador de HIV; amparo social ao idoso, concedido pela Previdência; amparo assistencial a pessoas com deficiência da Previdência; morte e em casos de doenças graves.

O presidente Michel Temer destacou que os recursos serão injetados na economia e vão ajudar na retomada do crescimento do país. “Basta verificar os índices positivos dos últimos meses”, disse Temer.

Clebertoledo

Casal de idosos tortura filha com problemas mentais

Há suspeita de que o pai tenha abusado da filha e ela esteja grávida.

Uma jovem que tem problemas mentais pode ter sido torturada pelos próprios pais, um casal de idosos. Rosa Maria Cortez Dias, de 69 anos, e Isaías Gomes Alves, 64, foram presos, na casa onde moram, nessa quarta-feira (24), em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense.

Indignados com as constantes agressões, moradores da região filmaram a filha sendo agredida com tapas e uma vara. Segundo informações do Extra, o casal de idosos tem outros três filhos excepcionais.

Há suspeita de que a vítima esteja grávida e que o filho seja do pai. Havia também denúncias, além das agressões, de abuso sexual. A mulher foi socorrida e levada para o Hospital Geral de Nova Iguaçu.

Noticias ao minuto

Polícia apura se casal de idosos preso abusou de outras pessoas da família

Dois familiares dos suspeitos depuseram e alegaram não saber dos crimes.
Eles foram detidos por estupro da neta e de duas bisnetas, em Goiatuba, GO.

A Polícia Civil investiga se o casal de idosos preso suspeito de abusar sexualmente de uma neta e duas bisnetas fez outras vítimas na família. O delegado responsável pelo caso, Patrick Carniel, disse que está ouvindo parentes e pessoas próximas para confirmar ou não a situação. Eles, que tem 72 e 64 anos e negam as acusações, estão presos na Unidade Prisional de Goiatuba, sul de Goiás, onde moram.

Ainda conforme Carniel, é “prematuro” afirmar se ocorreram outros casos, mas a possibilidade não está descartada. “A polícia segue ouvindo testemunhas para descobrir se existem mais vítimas. Também apuramos se há o envolvimento de outras pessoas no crime”, disse Carniel , sem, no entanto, revelar detalhes para não atrapalhar o trabalho investigativo.(Fonte:G1)

http://Casal de idosos é preso suspeito de abusar de neta e bisnetas em Goiás

Casal de idosos é preso suspeito de abusar de neta e bisnetas em Goiás

Neta contou ter sido vítima à polícia após a filha dela relatar atos libidinosos.
Delegado se espanta com ‘crime que se perpetua no tempo’; eles negam.

Um casal de idosos foi preso suspeito de abusar sexualmente de uma neta, de 23 anos, e de duas bisnetas, ambas de 8, em Goiatuba, região sul de Goiás. Segundo a Polícia Civil, o aposentado, de 72 anos, praticava o crime junto com a esposa, de 64, que ora apoiava, ora também o cometia. A investigação apontou que eles ameaçavam e até agrediam as vítimas caso denunciassem a situação. O casal nega as acusações.

Ambos foram detidos na segunda-feira (13), em casa. De acordo com o delegado Patrick Carniel, responsável pela investigação, o caso foi descoberto depois que a neta do casal foi à polícia e contou que a filha havia sido vítima do crime. Na ocasião, o investigador descobriu ainda que a própria jovem também sofreu abusos quando criança.

“A criança relatou a ela o que havia ocorrido, e a mãe nos procurou. Comecei a ouvi-la e ela acabou contando, no decorrer do depoimento, que também foi vítima do avô quando tinha apenas 5 anos. Ela contou que o irmão presenciou o crime e o relatou para a avó. Porém, acabou levando uma surra e avisou que não era para contar o fato a ninguém. Nós o ouvimos agora e ele confirmou o caso”, disse o delegado.

A bisneta do casal relatou que foi vítima do crime por pelo menos cinco vezes, sendo a última no mês de fevereiro. Em um dos casos, conforme contou à polícia, a avó a ameaçou se resistisse: “Vou pegar um canivete e te picar todinha”. Em outras situações, o suspeito oferecia dinheiro e chocolate para ela.

Outro caso
Além da neta e da bisneta, o casal também é suspeito de abusar de uma enteada da jovem, também de 8 anos, considerada bisneta dos idosos. Carniel informou que, a priori, ela seria ouvida como testemunha, mas também relatou os atos libidinosos.

A situação deixou até mesmo o delegado perplexo. “É uma situação que nos assusta, um crime que se perpetua no tempo e pelas gerações”, destacou.

Os idosos irão responder pelos três abusos. No caso da jovem, o delegado explicou que os crimes contra menores só começam a contar para prescrição a partir de quando a vítima completa 18 anos e que para este delito, a punibilidade é extinta apenas 20 anos depois.

O casal está preso em celas isoladas da Unidade Prisional de Goiatuba. Eles foram autuados por estupro de vulnerável, com a qualificadora de terem praticado o crime contra ascendentes. Se condenados, podem pegar uma pena, somada, de até 45 anos.(Fonte:G1/Go)

Casal de idosos morre em acidente grave após colisão frontal na TO-010

Corpos das vítimas de 72 e 74 anos foram levadas para o IML de Palmas.
Acidente aconteceu perto do lixão de Pedro Afonso.

Um homem de 74 anos e uma mulher de 72 morreram após um acidente grave envolvendo dois carros na TO-010, km 5, em Pedro Afonso, na região nordeste do Tocantins. Segundo informações da Polícia Militar (PM), a colisão ocorreu na noite desta segunda-feira (6), perto do lixão da cidade, sentido sul/norte. As causas do acidente não foram informadas. As duas vítimas eram companheiras e não tiveram os nomes divulgados.

Segundo a PM, o veículo em que o casal estava invadiu a pista contrária e provocou a colisão frontal. O motorista do segundo veículo sofreu ferimentos leves e foi levado para o hospital. Os idosos morreram ainda no local.

De acordo com a PM, a perícia deve investigar as causas do acidente. Os corpos do casal foram levados para  Instituto Médico Legal (IML) de Palmas.(Fonte:G1)

Caderneta de vacinação tem que estar em dia, mesmo depois dos 50

Vacina não é coisa de criança. Fora a imunização contra a gripe, que já é conhecida, os adultos não se preocupam em ter uma caderneta de vacinação e acabam desprotegidos. O alerta é da médica Isabella Ballalai, presidente da Sociedade Brasileira de Imunizações e membro da Sociedade Latino-Americana de Infectologia Pediátrica.  O site da SBIm disponibiliza o calendário de vacinação para todas as faixas etárias.

 

Quais as vantagens da vacinação em adultos e idosos?

Isabella Ballalai – Na realidade, o adulto não sabe que as doenças da infância também podem acometê-lo. Em alguns casos, como a hepatite B, por exemplo, o risco é maior para os adultos. Como política pública, é mais fácil e eficiente vacinar na infância do que mais tarde. Sarampo, caxumba e rubéola são doenças prevalentes em crianças, mas ninguém está 100% livre delas ao ficar mais velho. Inclusive, o fato de ter tido uma doença dessas quando pequeno não é garantia de que ela nunca mais atacará o indivíduo. Já atendi paciente com coqueluche na terceira idade, que teve que ser internado. A vacina contra difteria e tétano tem que ser tomada a cada dez anos. As pessoas se esquecem e se arriscam. Saem de férias, às vezes se cortam ou sofrem algum outro tipo de ferimento e pensam que, ao procurar o pronto-socorro, estão protegidas, mas a aplicação feita lá leva dez dias para fazer efeito, ou seja, o processo infeccioso pode não ser detido a tempo.

 

Além da vacina contra a gripe, que já é bem conhecida, que outras devem ser aplicadas depois dos 60 anos?

Isabella Ballalai – A partir da terceira idade, surgem outros riscos. Uma pneumonia pode ser fatal. O herpes zóster normalmente não traz complicações para os mais jovens, mas, com o envelhecimento, uma das consequências pode ser a neuralgia pós-herpética, um quadro de dor crônica que se prolonga por até um ano. Acima dos 85 anos, as chances de enfrentar esse problema são de 50%.

 

Que vacinas para adultos e idosos estão disponíveis na rede pública de saúde?

Isabella Ballalai – A rede pública oferece quase todas as vacinas para pacientes com doenças crônicas, como o diabetes, o problema é que as pessoas nem sabem disso. Pessoas com hipertensão, câncer, ou que estejam com o sistema de defesa imunodeprimido, apresentam comorbidades (ocorrência de mais de um problema ao mesmo tempo) e necessitam de vacinas para estarem mais protegidas.

 

Qual é o custo médio das vacinas encontradas somente em clínicas particulares?

Isabella BallalaiOs calendários de vacinação das sociedades médicas recomendam, além das vacinas incluídas nos programas públicos, aquelas consideradas benéficas para a saúde do indivíduo, de acordo com análises técnico-científicas. Infelizmente a grande maioria das operadoras de seguro saúde ainda não prevê reembolso para vacinas, a não ser em planos que estão na faixa premium. Na rede privada, o custo varia entre R$ 100 e R$ 300, mas é importante saber que o tratamento para herpes zóster, por exemplo, sai muito mais caro que a vacina que previne a doença.


Foto: CDC/Judy Schmidt Fonte:g1