Fórum de Combate aos Impactos dos Agrotóxicos envia Carta do III Encontro Estadual a parlamentares de comissão especial da Câmara Federal

O documento também será enviado à comissão especial da Câmara Federal, que analisa a criação da Política Nacional de Redução de Agrotóxicos.

O Fórum Tocantinense de Combate aos Impactos dos Agrotóxicos publicou em sua página na internet (www.mpto.mp.br/web/forum-combate-agrotoxicos) a carta produzida durante o III Encontro Estadual realizado na última semana, na sede do Ministério Público Estadual (MPE), em Palmas.

Ressaltando os esforços necessários para a adoção de práticas mais sustentáveis, o Fórum destacou como as experiências e os casos de sucesso apresentados durante o evento colaboram com a consolidação das ações e resultados dos trabalhos desenvolvidos, evidenciando, ainda, que os Fóruns Estaduais possuem caráter resolutivo no enfrentamento dos problemas relacionados aos impactos dos agrotóxicos.

A Carta, aprovada em plenária no fim do Encontro Estadual, frisa ainda que as experiências estimuladas pelos Fóruns Estaduais já refletem em atuações em projetos relacionados ao tema, bem como na proposta do CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público) na articulação dos MPs e Sociedade Civil, por meio de Projeto de Combate ao Uso Indiscriminado dos Agrotóxicos.

Ainda destacou o conteúdo e exemplos de sucesso que palestrantes e pesquisadores apresentaram durante o encontro realizado no MPE, deixando evidente a importância e o papel estratégico da pesquisa aplicada, desenvolvida pelas Universidades e outros Centros de Pesquisa.

Por fim, citou as demandas definidas em cada oficina realizada, quanto aos Impactos dos agrotóxicos na saúde humana, quanto aos Resíduos de Agrotóxicos nos alimentos e na água e quanto à Produção Agrícola Sustentável para o mercado tocantinense.

Finaliza reforçando a Nota Pública de Repúdio ao Projeto de Lei (PL) nº 6.299/2002, divulgada pelo Fórum, no último mês de maio. A íntegra da Carta está em anexo.

Ascom MPTO

Pré-candidato a deputado estadual Wellington Lapeiro, intensifica visitas no sul e sudeste do Tocantins

O pré-candidato começou sua caminhada dia 14 de abril, em Conceição, percorreu por Gurupi, Jaú do Tocantins, Novo Horizonte, Palmeirópolis, Paranã, Povoado do Retiro e finaliza neste final de semana 21 em São Salvador.

No sentido de conseguir mais adesões a sua pré-candidatura rumo Assembleia Legislativa do Estado, durante esta semana o pré-candidato a deputado estadual, Wellington Lapeiro (Leto), esteve viajando em visitas a cidades do sul e sudeste do Tocantins aonde se reuniu com várias lideranças políticas, amigos de infância e conterrâneos, afim de conseguir apoio e mostrar algumas das suas inúmeras propostas de trabalhos que serão apresentadas no plenário da Assembleia Legislativa do Estado em prol do povo.

Em Palmeirópolis foi recebido pelo vereador Fábio Gonçalves, (a esquerda) e o educador físico Edilson Gonçalves.

Wellington Lapeiro é sangue novo na política tocantinense, mas autor de grandes ideias e projetos que irão ser apresentados para votação, onde a sua maioria, beneficiarão todas as classes do estado, mas principalmente, a classe mais humilde. Por onde esteve, suas propostas de trabalhos foram muitíssimas bem aceitas. 

Encontro emocionante com o Poeta José Milton de Morais Pessoa, grande amigo.

Ele disse a nossa equipe de reportagem que a idéia de entrar no meio politico partiu do Marlon Reis pelas redes sociais e pessoalmente. “O pré-candidato ao governo me fez o convite, eu nunca tinha pensado nisso antes, entrar na política, apesar de estar na veia da minha família. Meu compromisso não é o partido, mas a pessoas, quero poder fazer o melhor”, afirmou.   

Com amigos e lideranças políticas, dentre eles (da direira para esquerda), ex-vereador de Palmeirópolis Zé Adão, vereador Jamilton Guedes, Raimundo Maranhense e Machado a direita.

Conheça o perfil do pré-candidato a deputado estadual Wellington Lapeiro (Leto).

Um jovém de 45 anos, filho do primeiro prefeito do município de Palmeirópolis, Osvaldo de Souza Lima (Osvaldo Lapeiro) e professora Laudelice Milhomem, (família tradicional na região).

Seu Pai Osvaldo também foi prefeito de São Salvador do Tocantins onde reside até hoje. Com uma família de (4) irmãos, (Leto) é filiado ao partido REDE/SUSTENTABILIDADE e apoia o pré-candidato ao governo Márlon Reis.

Com Márlon Reis (REDE), pré-candidato ao governo do Tocantins

Hoje é funcionário Público estadual, concursado desde 1994. Trabalhou na Infraestrutura, ATR e AGETO. É graduado em educação física e pós-graduado em Gestão e segurança no trânsito.

Da redação

Nota ao Senhor Carlos Amastha Presidente do PSB Estadual

Nota ao Senhor Carlos Amastha Presidente do PSB Estadual

Senhor Carlos Amastha

Presidente do PSB Estadual

Não fugirei de minha responsabilidade constitucional de substituir o governador do estado nas condições estabelecidas pela Constituição Federal. 

Todas as vezes que for necessário.

 Fui eleito para cumprir um mandato de deputado estadual por quatro anos e cumprir todas as obrigações constitucionais que o exercício do cargo me impõe.

Abandonar as obrigações confiadas a mim pelos eleitores seria trair a confiança que eles depositaram em mim.

O mandato não me pertence, ele pertence ao povo.

Se o senhor decidiu abandonar no meio do caminho a administração da capital, Palmas, para a qual foi eleito por um mandato de quatro anos, traindo a confiança depositada pelos seus eleitores, isso não se aplica a mim.

Quanto a quem devo nomear, quando imbuído constitucionalmente do cargo de gestor do meu querido estado, lhe respondo que em nenhum momento lhe sugeri nomes para compor sua equipe na Prefeitura de Palmas. Sei perfeitamente a quem nomear para me auxiliar nesta tarefa.  Posso lhe afirmar categoricamente que serão pessoas que tem ampla identidade com o Tocantins. Jamais irei criar uma república de iluminados do Paraná ou de Santa Catarina para gerir o estado como o que ocorreu em Palmas em vossa gestão.

 Os tocantinenses natos ou de coração tem competência de sobra para enfrentar os desafios de uma boa gestão.

Por outro lado, no momento me reconheço como Presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins. A decisão de manter ou afastar o atual governador cabe neste momento á Justiça do país que naturalmente também lhe concede o amplo direito de se defender.

Gostaria de encerra r este debate com vossa pessoa pois tenho muitos compromissos a cumprir e pouco tempo para perder em responder seus devaneios e delírios.

Deputado Estadual Mauro Carlesse

Presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins

Escola Estadual Dr. Joaquim Pereira da Costa completa 28 anos e alunos arrecadam 6 toneladas de alimentos

Os alunos ficaram muito animados com a competição que tinha várias provas.

Nessa sexta-feira, 23, a Escola Estadual Dr. Joaquim Pereira da Costa completou 28 anos e em sua comemoração realizou gincana que arrecadou quase 6 toneladas de alimentos não perecíveis.

A Unidade Escolar (UE), resolveu realizar essa gincana onde os alunos foram divididos em (4) turmas e um dos desafios propostos era arrecadar alimentos não perecíveis com intuito de ajudar os alunos mais carentes da UE e comunidade local.

Apresentação casa de Cultura (Foto Leila Novais)

Durante a solenidade de abertura do evento, houve algumas apresentações como: Orquestra Jovem de Cordas Ciranda das Artes (Casa de Cultura de Gurupi), Apresentação do Coral da Escola Municipal Lenival Correia, a Orquestra Sanfônica Capim Dourado composta pelos alunos da UE, todos fizeram belas apresentações, O cantor Lekinha Brito fez uma participação especial.

Nilceia Francisco Camargo Diretora Regional de Educação dando palestra para a turma(Foto Leila Novais).

Os alunos ficaram muito animados com a competição que tinha várias provas, entre elas: Melhor grito de guerra, melhor maquete da escola, melhor poema com tema “Aniversário da Escola Estadual Dr. Joaquim Pereira da Costa”, Melhor paródia, miss e mister Criatividade, além de trazer alunos egressos da escola para contar um pouco da estadia na instituição e o que faz hoje em dia.

O evento foi realizado nos três turnos e cada um deles contou com a participação de todos os alunos e as equipes campeãs tiveram a premiação de dois ponto em todas disciplinas.

A diretora Regional de Educação de Gurupi, Nilcéia Francisco Costa Camargo, esteve no evento e em sua fala afirmou: “É com muita alegria que estou aqui para parabeniza-los, a educação faz parte dessa formação humana e essa ação a qual vocês desenvolveram, faz parte da educação como um todo, parabéns para todos da escola por essa iniciativa”.

A diretora da escola Debora Ribeiro, ressaltou a importância do trabalho. “Hoje é um dia de muita alegria, porque estamos comemorando 28 anos, e conforme os outros anos realizamos essa gincana, mas com um diferencial que é uma ação em conjunto de arrecadar alimentos para as famílias carentes; nós trabalhamos a solidariedade e o resultado foi satisfatório, onde conseguimos (6) toneladas de alimentos e com isso nossos alunos poderão ajudar muitas famílias, parabéns à vocês que se empenharam e continuem amando o próximo”, finalizou.

Debora Ribeiro Diretora da Escola (Foto Leila Novais)

Leila Novais/Assessora de Comunicação da DRE – Regional Gurupi

Fotos: Leila Novais

Escola Estadual do Retiro realiza Projeto de Intercâmbio Cultural

O Objetivo do projeto é resgatar um dos primeiro meios de comunicação através da troca de cartas entre professores e alunos.

Na noite desta quarta-feira, 07, a Escola Estadual Retiro, localizada no Município de São Salvador do Tocantins, realizou o Projeto Social de Intercâmbio Cultural: “Cartas, um Canal de Comunicação” que faz parte do PROEMI (Programa Ensino Médio Inovador).

O Objetivo do projeto é resgatar um dos primeiro meios de comunicação através da troca de cartas entre professores e alunos.

Essa troca de comunicação está sendo realizada via correios, e-mails e Whatsapp, entre as escolas estaduais do Retiro, no município de São Salvador e a escola estadual João de Abreu, localizada no Município de Dianópolis.

Durante as apresentações os alunos participaram de Dinâmicas, Karaokê, mensagem de motivação, apresentação de paródia, teve ainda uma apresentação de slides onde foi apresentado a cidade de Dianópolis.

A diretora da escolar estadual Retiro, Ana Maria Ribeiro da Silva, ressalta que é importante resgatar esse tipo de comunicação.

“É importante esse tipo de comunicação e instigar o aluno a produzir uma carta aos colegas e conhecer os gêneros textuais, epistolares o bilhete, o recado, o diário a carta os e-mails e os depoimentos na rede social, proporcionar aos alunos o conceito de comunicação”, explanou.

Ao final do evento foi lida uma mensagem do dia internacional da Mulher e oferecido um delicioso Jantar.

Leila Novais
Assessora de Comunicação da DRE – Regional Gurupi

Deputada estadual Amália Santana está passando pela segunda cirurgia após derrame

Assessoria informou que a equipe médica identificou um sangramento no lado direito do cérebro dela. A deputada está internada em um hospital particular de Araguaína.

A deputada estadual Amália Santana (PT), de 55 anos, está passando pela segunda cirurgia após ter sofrido um derrame, na última quinta-feira (15).

Segundo a assessoria da parlamentar, a decisão do procedimento foi tomada após a equipe médica analisar os exames e identificar um sangramento no lado direito do cérebro dela.

A cirurgia teve início por volta das 15h30 e pode durar até as 19h.

O irmão da deputada, José Santana Neto, disse que a primeira cirurgia, nesta sexta-feira (16) foi para corrigir um rompimento na artéria cerebral. A assessoria informou que a deputada deve continuar na UTI por tempo indeterminado.

A deputada foi internada em coma após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC), conhecido também como derrame cerebral, na noite desta quinta-feira (15), quando estava em casa, em Colinas do Tocantins.

O irmão da deputada, José Santana Neto, informou que a deputada foi socorrida pelo marido, por volta das 23h e levada para o Hospital Municipal de Colinas do Tocantins.

Momentos depois ela foi transferida, pelo Corpo de Bombeiros, para um hospital particular de Araguaína.

Perfil

Amália Maria Santana da Silva mora em Colinas desde 1972. Ela é técnica de enfermagem e servidora pública estadual. Foi vereadora em Colinas do Tocantins por dois mandatos. Na eleição de 2006, ficou como primeira-suplente de deputada. Em 2010, foi eleita deputada estadual sendo reeleita em 2014.

G1 Tocantins

Colégio estadual de Palmeirópolis festeja recebimento de material do ENEM

Os alunos afirmaram que ficaram entusiasmados com o material que foi muito bem confeccionado.

Os alunos do Grêmio Estudantil do Colégio Estadual Professora Oneides Rosa de Moura de Palmeirópolis, receberam o material com atividades alusivas ao ENEM (Exame Nacional de Ensino Médio) e ficaram muito felizes, pois esse material poderá ajuda-los nos estudos para a prova.

Eles receberam um caderno com questões das várias matérias que já caíram no ENEM e outro caderno de redação; segundo o aluno da 3ª série Pedro Henrique Vinhal Barros expressou alegria, “primeiramente gostaria de parabenizar a Secretaria de Educação do Estado do Tocantins, na pessoa da professora Wanessa Zavarese pela excelente iniciativa de contribuir com o nosso preparo para a prova do ENEM, através da distribuição das apostilas totalmente gratuitas. O material é de excelente qualidade e nos dá a oportunidade de termos êxito no ENEM”, festejou.Pedro ainda disse que o material recebido corresponde as expectativas “porque o material é auto-explicativo, é como se estivéssemos em um cursinho aprendendo e praticando os conteúdos que possivelmente serão cobrados pelo ENEM”, ressaltou.

 A aluna da 3ª série, Laura Martins de Faria, também elogiou o material que recebeu e notou que é importante ter acesso a esse material porque a maioria deles estão buscando uma vaga nas universidades, uma vez que as provas do ENEM exigem grande preparo. Laura argumentou que “preparar para as provas do ENEM é fundamental, ainda mais para aqueles que não possuem condições financeiras para pagar uma faculdade. O ENEM é uma das melhores opções para ingressar no ensino superior e cursar o tão sonhado curso, fazer a prova consciente dos conteúdos e aliviado por saber que estudou e que teve o devido material para isso, é tranquilizador”, ponderou.

Os alunos afirmaram que ficaram entusiasmados com o material que foi muito bem confeccionado, notaram ainda que a Secretaria de Educação está olhando com outros olhos para eles e encaminharam o material na hora certa, pois os alunos estão na reta final do ensino médio.

Segundo a Coordenadora Pedagógica da Unidade Escolar Ueslene Coelho de Sousa Ramos o material vem sendo utilizado em paralelo com os conteúdos do referencial curricular e os professores estão aproveitando o material principalmente os de fixação dos conteúdos referentes ao ENEM.

A maioria dos alunos alegraram com a chegada das apostilas, já que alguns deles não possuem meios para estudar na internet. Ueslene afirmou que os alunos “viram o material como mais uma oportunidade de auxílio para o ingresso nas universidades. É algo que além de acessório o aluno, também colabora com os professores que possuem pouco tempo para pesquisas de questões na internet. Com o material em mãos com certeza o tempo de planejamento e de aulas será mais proveitoso. Consequentemente os resultados serão ainda melhores. Muito obrigada pelo apoio” finalizou.

Grêmio Estudantil da Unidade Escolar

O Grêmio Estudantil teve uma grande participação na divulgação do Material e ao questionar a Vice-presidente do grêmio estudantil Carla Cristina Santos Lobeu, aluna da 2ª série do ensino médio qual a importância do Grêmio Estudantil, ela nos relatou que é “expor e trazer a opinião dos alunos junto à direção da unidade escolar, os alunos têm direito a voz, para fazer a diferença e o grêmio estudantil é uma iniciativa. O grêmio ajuda a escola através de rifas, já conseguiu colocar espelhos nos banheiros, promoveu evento junto com a direção escolar no dia dos namorados e no dia do estudante e outros eventos”.

O Presidente do Grêmio Estudantil da Unidade Escolar Euclides Marciano de Melo Neto, relata que espera que a escola “convide o grêmio para participar mais nas decisões da unidade escolar. Tomar providência juntamente com o gerente de projetos Gustavo Gama, para providenciar mais rapidamente a reforma ou a compra do terreno para a quadra da escola”, finalizou.

Leila Novais/Assessora de Comunicação da DRE – Regional Gurupi

Alunos fizeram manifestação em frente o CEFA – Colégio Estadual Família Agrícola em São Salvador do TO

Até o momento, não há uma posição do Governo do Tocantins, nem da (SEDUC) Secretaria Estadual de Educação e nem do Prefeito Municipal.

Uma turma de alunos realizou protestos na manhã de quarta-feira (26) no Colégio Estadual Família Agrícola José Porfírio de Souza, que fica no município de São Salvador, estado do Tocantins.

O ato em São Salvador do Tocantins é feito em defesa de uma educação pública de qualidade para os trabalhadores, eleições diretas na escolha de diretores das unidades escolares, sem intervenção de políticos e mais infraestruturas para o Colégio.

Um aluno de Paranã que está cursando o 1º ano, Dione Alves Rodrigues de 18 anos, disse que, “se o Cirineu não retornar à direção, a sala inteira já está decidida a abandonar o colégio”, sabe do grande prejuízo que vão ter, porque não existe outra escola com esta modalidade de ensino, ou seja, da Pedagogia da Alternância na região. Para ele, estar estudando no Colégio Família Agrícola foi a melhor coisa que aconteceu, e só está permanecendo por perceber o esforço que o Cirineu tem feito para manter o colégio e pelo bom ensino oferecido no local, “não por ele ser apenas um simples diretor, mas por ele ser um articulador, através dele muitos projetos estão por vir, na região não existe outro colégio como este, um ônibus pega os alunos na casa e deixa de volta quando voltamos, moro longe.

Segundo a estudando Dalícia P. Goutinho, do 2º ano, do curso Técnico em Agropecuário Integrado ao Ensino Médio, a nossa luta é por uma educação pública de qualidade no campo para os filhos dos agricultores familiar, defendemos ainda eleições diretas para os diretores das unidades escolares e iremos continuar se manifestando até o atual diretor pedir exoneração ou a Secretaria Estadual de Educação tomar uma posição na defesa de uma educação pública de qualidade e sem intervenção política.

De acordo com informações, o novo diretor não apareceu mais no Colégio e embora as aulas continuem normalmente, os funcionários não sabem o que fazer frente alguns problemas que são de ordem administrativa e financeira, lembrando que essa situação já perdura há 44 dias.

Manifestação por uma educação pública de qualidade no campo para os filhos dos agricultores familiar.
Manifestação por uma educação pública de qualidade no campo para os filhos dos agricultores familiares.
O ato em São Salvador do Tocantins é feito em defesa de uma educação pública de qualidade.
O ato em São Salvador do Tocantins é feito em defesa de uma educação pública de qualidade para os trabalhadores.

Até o momento, não há uma posição do Governo do Tocantins, nem da (SEDUC), Secretaria Estadual de Educação e nem do Prefeito Municipal.

Já enviamos vários e-mails cobrando uma nota de esclarecimento, mais até um momento não obtivemos respostas.