Com trabalho em equipe prefeitura de Palmeirópolis recolheu cerca de 24 toneladas de pneus velhos para reciclagem

Prefeitura fez convênio para retirada e reciclagem de pneus com a empresa há cerca de um ano.

A Prefeitura de Palmeirópolis, através da Secretaria de Meio Ambiente Sema, Urbanismo, Saúde e Administração em parceria com a Reciclanip, uma associação dos fabricantes de pneus do Brasil, realizaram na sexta-feira (5), o serviço de coleta de pneus inservíveis.

Além de cooperar com a limpeza, o recolhimento e destinação adequada deste material, diminui o risco de disseminação do mosquito da dengue, uma questão de saúde pública e que necessita de uma atenção especial.

O objetivo do Convênio da prefeitura com a empresa Reciclanip, é desenvolver ações conjuntas e integradas visando proteger o meio ambiente através da destinação ambientalmente adequada.

Os pneus foram levados à Brasília, onde serão triturados e posteriormente encaminhados para o destino final que é na fabricação de combustível alternativo para as indústrias de cimento, fabricação de solados de sapatos, borrachas de vedação, tubos pluviais, pisos para quadras poliesportivas, pisos industriais, além de tapetes para automóveis.

Recentemente surgiram estudos para entender a utilização dos pneus inservíveis como componentes na fabricação de manta asfáltica e asfalto-borracha, processo que tem sido acompanhado e aprovado pela indústria de pneumáticos.

A Reciclanip é considerada uma das maiores iniciativas da indústria brasileira na área de responsabilidade pós-consumo. O trabalho de coleta e destinação de pneus inservíveis realizado pela entidade é comparável aos maiores programas de reciclagem desenvolvidos no país, em especial, o de latas de alumínio e embalagens de defensivos agrícolas.

O projeto teve início em 1999, com o Programa Nacional de Coleta e Destinação de Pneus Inservíveis implantado pela Anip (Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos), entidade que representa os fabricantes de pneus novos no Brasil.

Ao longo dos anos, o Programa foi ampliando sua atuação em todas as regiões do País, o que levou os fabricantes a criar uma entidade voltada exclusivamente para a coleta e destinação de pneus no Brasil. Assim, em 2007, surgiu a Reciclanip para consolidar o programa nacional de coleta e destinação de pneus inservíveis. As atividades atendem a resolução 416/09 do CONAMA, que regulamenta a coleta e destinação dos pneus inservíveis.

A principal vantagem do recolhimento destes pneus, além da prevenção da degradação ambiental, é evitar a criação e proliferação de mosquitos transmissores de doenças, como a dengue (Aedes Aegypti) e outras.

A Vigilância Epidemiológica de Palmeirópolis tem desempenhado uma função fundamental na prevenção e controle de doenças em saúde pública. Os agentes de endemias realizaram testes rápidos em vários pacientes, onde foram registrados apenas 5 casos positivos, sendo 3 dengues e 2 zika.

Isso demonstra que a vigilância epidemiológica de Palmeirópolis, vem desenvolvendo um serviço primordial aos meios de prevenção contra essas doenças, como orientação, tratamento dos focos e eliminação dos mesmos.

Diante desses casos, nota uma evolução grande no serviço, pois em anos anteriores, Palmeirópolis esteve quase em situação de endemia. De alguns anos para cá a redução foi grande como demonstra os dados retirados do Sinan.

A prefeitura assinou esse convênio com a Reciclanip e não paga absolutamente nada para a retirada destes pneus do município, apenas a mão de obra de recolher até o galpão.

Da redação/Com informações da SEMA

 

Governador anuncia novo secretário para integrar equipe de governo

Foi anunciado nome de secretário Extraordinário de Assuntos Parlamentares. Pastas importantes como Saúde e Educação continuam sem nomes definidos.

João Oliveira de Sousa foi nomeado para o cargo de secretário Extraordinário de Assuntos Parlamentares, a partir de 28 de março de 2018. O nome dele foi anunciado pelo governador interino Mauro Carlesse (PHS) no Diário Oficial do Estado.

O governador também tornou oficial que Sandro Henrique Armando vai responder, cumulativamente, pela Secretaria de Estado da Fazenda e pela Secretaria do Planejamento e Orçamento.

Os novos secretários se juntam a equipe que deve governar o estado pelos próximos 40 dias, até que novas eleições sejam feitas. Porém, secretarias importantes, como Saúde e Educação, continuam sem comando.

Mauro Carlesse (PHS) tomou posse no começo da noite desta terça-feira (27), na Assembleia Legislativa do Tocantins. O acórdão com a cassação do ex-governador Marcelo Miranda (MDB) e da ex-vice-governadora, Cláudia Lelis (PV) foi publicado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na noite desta segunda-feira (26).

Em 2016, Carlesse venceu as eleições e se tornou presidente da Assembleia Legislativa. Agora, ele é o governador interino. No discurso, ele prometeu uma gestão voltada para os municipios e se emocionou ao falar do pai. Carlesse lembrou também que o Tocantins é um estado de grande potencial e disse que acredita no povo tocantinense.

No evento de posse, Luana Ribeiro assumiu oficialmente a presidência da Assembleia Legislativa. Em 2016, ela venceu as eleições como vice-presidente e agora se torna a primeira mulher a comandar a casa.

Carlesse ficará no cargo até que seja realizada a eleição direta, conforme determinação do TSE. A data da realização do pleito é o dia 3 de junho. Os eleitos permanecerão no cargo até o dia 31 de dezembro deste ano e poderão disputar as eleições gerais em 7 de outubro. Desta forma, o Tocantins terá duas eleições para governador no mesmo ano.

G1Tocantins

Carlesse anuncia primeiros nomes da equipe de governo logo após tomar posse; confira

Além dos anunciados nesta 3ª, outros novos nomes devem ser divulgados e empossados já nesta quarta-feira, 28, pela manhã.

Logo após tomar posse como governador interino do Tocantins, Mauro Carlesse (PHS) anunciou, já no Palácio Araguaia, na noite desta terça-feira, 27, os primeiros nomes de sua equipe de secretários.

Os novos gestores do Estado já tomaram posse e três deles acumularão funções. Outras pastas ainda terão seus secretários anunciados e há a informação de que Carlesse manteria alguns dos antigos gestores do governo Marcelo Miranda.  Novos nomes devem ser anunciados e empossados já nesta quarta-feira, 28, pela manhã.

Confira quem já faz parte da equipe do governo interino:

Jorge Kleber Neiva Brito – Presidente do Naturatins; Dilma Caldeira de Moura – Subsecretária da Fazenda; Vagléia Inácio Montelo – Subsecretária de Administração; João Francisco de Aguiar (João Neto) – Secretário de Comunicação Social; Jaison Veras Barbosa – Comandante Geral da Polícia Militar; Senivan Almeida de Arruda – Controladoria Geral do Estado; Deusiano Pereira de Amorim – Secretário de Segurança Pública e de Cidadania e Justiça; Rolf Costa Vidal – Secretário Chefe da Casa Civil / Governo e Articulação Política; Divino José Ribeiro – Presidente do Intertins; Sandro Henrique Armando – secretário da Fazenda / e do Planejamento e Gestão; Colemar Natal Câmara – Presidente da Junta Comercial.

Carlesse permanece no cargo até a realização da eleição direta, prevista para 3 de junho. Após as diretas, os eleitos permanecerão no cargo até o dia 31 de dezembro deste ano e poderão disputar as eleições gerais de 7 de outubro.

Desta forma, o Tocantins terá duas eleições para governador no mesmo ano. As regras e detalhes para as eleições de junho serão definidas pelo Tribunal Regional Eleitoral na sessão do próximo dia 4 de abril.

Carlesse caminha para posse garantindo que formará boa equipe para tocar Tocantins

Sobre os nomes que comporão sua gestão, Carlesse declarou que ele e sua equipe estão consultando os melhores nomes possíveis para não errar, “nós não podemos errar”.

Ao caminhar para a posse como governador do Estado do Tocantins na Assembleia Legislativa na tarde desta terça-feira, 27, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Mauro Carlesse, falou no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) que o momento é curto e que é preciso olhar a situação real do Estado.

“Não sei até que ponto é a gravidade, mas estamos nos preparando para isso”.

Sobre os nomes que comporão sua gestão, Carlesse declarou que ele e sua equipe estão consultando os melhores nomes possíveis para não errar, “nós não podemos errar. É um período curto à frente do governo, mas vai ser nesse período curto que a gente com uma boa equipe conseguirá tocar com tranquilidade”, garante.

O deputado estadual afirmou que tem nomes interessantes, mas que há alguns problemas a serem resolvidos “e estes estão sendo analisados pela equipe”. Carlesse afirma que como governador não quero levar problemas para sua gestão. “Queremos pessoas com qualificação e que estejam desimpedidas de qualquer problema que venha a nos atrapalhar no nosso trabalho do dia a dia”.

O deputado ainda falou que tem o apoio dos 24 deputados da AL.

Aguardando notificação, Mauro Carlesse diz que escalará a própria equipe de governo

Mauro Carlesse disse que não esperava que a cassação ocorresse e afirmou que escalará a própria equipe de governo: “não deixará o Estado como está”.

Surpreendido com os rumos da administração do Tocantins, que teve o governador e vice cassados pelo TSE ontem, 22, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual e pré-candidato ao governo Mauro Carlesse (PHS) alterou os compromissos políticos que tinha para este fim de semana e desembarcou no Aeroporto de Palmas na manhã desta sexta-feira, 23, para se inteirar da situação.

Na ocasião Carlesse concedeu entrevista coletiva à imprensa que o aguardava no local e afirmou que está esperando ser notificado para poder assumir a cadeira no Palácio Araguaia. “Eu estava acompanhando o processo, mas não esperava. Como ele (Marcelo Miranda) já havia sido absolvido outras vezes, achei que ele seria absolvido novamente. De qualquer maneira aconteceu, estou aguardando ser comunicado para assumir o governo”, esclareceu o deputado.

Cauteloso, Carlesse não deu muitos detalhes, mas já adiantou que deverá administrar o Estado com um time escalado por ele. “Com certeza vou montar minha equipe. Mas estou esperando notificação e a partir daí estaremos preparando a equipe que vai me ajudar a governar esse Estado. Depois de notificado comunicarei os planos de gestão. Gostaria de falar só depois porque primeiro vamos aguardar a notificação, vamos comunicar a imprensa e estar colocando as pretensões que temos para o Estado”, disse, durante coletiva. 

Carlesse, que segue para reuniões na Assembleia Legislativa nesta tarde, reforçou que prefere respeitar o andamento dos fatos, mas adiantou que pretende recuperar a situação econômica do Tocantins.

“Hoje vou para a Assembleia continuar meu trabalho como deputado da Casa. Até por respeito ao governo. De todo modo ele ainda é o governador. Assim que assumir, em uma semana quero saber a situação do Estado, aí sim estarei colocando para a população a real situação que o Tocantins está vivendo, até porque os nossos projetos talvez terão que sofrer alguma modificação porque realmente não sabemos como estão as contas do Estado”, ponderou. 

“A sociedade pode esperar o melhor, eu sou empresário, mas entrei na política para fazer a diferença e eu tenho certeza que nós vamos mudar esse estado de forma positiva. É para isso que me proponho. Não estaria aqui para deixar como está. O estado é viável, eu acredito nesse estado e no povo também. Temos bons projetos para o Tocantins”, assegurou o parlamentar.

Na ocasião, Carlesse afirmou ainda que pretende dar continuidade aos projetos de coparticipação nos municípios. “O municipalismo é o meu sonho. Queremos que os municípios tenham voz e sejam respeitados e tenham condições de viver uma vida melhor, para que a população sinta isso muito rápido. A partir do momento que a população participa da gestão eles também estão organizando as suas situações de vida”, finalizou.

Carlesse quebra silêncio após cassação, já prepara equipe e promete mudar o Estado de forma positiva

A cassação impacta o Estado tanto do ponto de vista administrativo mas econômico também.

O presidente da Assembleia Legislativa do Tocantins, Mauro Carlesse desembarcou em Palmas no final da manhã desta sexta-feira, 23.

Aguardado por vários veículos de comunicação ele comentou o cenário político do Estado após a decisão do TSE de cassar o governador Marcelo Miranda e a vice, Claudia Lelis em pleno ano eleitoral.

 Carlesse vai assumir interinamente o governo até que sejam realizadas novas eleições. O TSE já informou que apenas na próxima semana o pleno deve definir se as eleições serão diretas ou indiretas já que em outubro deste ano já acontecerão as eleições.
 
Carlesse disse estar pronto para cumprir seu papel constitucional e assumir o Governo. Ele se reunirá com deputados para definir os primeiros passos.
“Eu estava acompanhando mas não esperava, eu achava que ele ia ser absolvido”, disse sobre o julgamento.
 
“Aconteceu e estamos aí esperando ser comunicado para assumir o governo”, disse. Sobre formação da equipe ele disse que já está preparando.”Gostaria de depois que eu for notificado…falar sobre isso. Primeiro vamos acompanhar a legalidade. Vamos colocar em breve o que queremos para o Estado”, disse.
 
Nesta sexta ele disse que vai manter seu trabalho como presidente da Casa. ” Precisa de mudança mas não posso dizer nada, cada um tem seus problemas eu penso que é hora de mudança”, disse. Ele negou que vá reunir a equipe na Assembleia já na tarde de hoje.
 
” Sou muito pé no chão as coisas tem que caminhar de acordo com os acontecimentos, no momento só fui informado pela imprensa”, disse. Ele disse respeitar Marcelo Miranda e que ele ainda é governador. Carlesse defendeu ainda a bandeira do municipalismo e disse que é um sonho ajudar os municípios.
 
Sobre a situação do Estado ele disse: ” como não tenho acesso a essas informações não posso dizer nada, quando assumir saberei a situação, é importante que  a população saiba a situação do Estado. Não sabemos como está o Estado”, disse.
 
Ele fala o que a população pode esperar da gestão dele: “Pode esperar o melhor, entrei na política para fazer a diferenca e vamos mudar o Estado de forma positiva”, disse sobre  o que a população pode esperar da gestão dele. ” O estado é viavel, acredito no Estado e no povo também”, afirmou prometendo ter bons projetos.
 
Carlesse é pré-candidato ao governo e já lançou seu nome em várias regiões do Estado. A expectativa agora é como ele vai lidar com a máquina pública e fazer mudanças diante do cenário. Nas secretarias todos aguardam os próximos passos.
 
Gazeta do Cerrado/ Maria José Cotrim

Polícia Militar recupera objetos furtados em casa alugada por equipe da Globo em Ponte Alta do TO

Polícia Militar recupera objetos furtados.

Na noite desta segunda (07), a Polícia Militar recuperou dois celulares e um relógio, todos objetos furtados em uma residência em que estava a equipe técnica da Globo em Ponte Alta do Tocantins. Um suspeito de ter participado na ação foi apreendido.

Ao tomar conhecimento do furto que teria ocorrido na madrugada de sábado (05), policiais militares analisaram o vídeo da ação criminosa e conseguiram identificar o autor de 16 anos.

Após diligências, localizaram o paradeiro do mesmo que ao perceber a aproximação policial, evadiu em direção a uma área de matagal.

No local também encontraram outro menor, 17 anos, que contou sobre a ação, indicando onde poderiam estar os objetos furtados.

Segundo ele, estava com o autor do furto passando em frente à residência alugada pela equipe técnica da Rede Globo, quando foi convidado para fazer o furto, tendo se recusado a participar no crime.

No dia seguinte, o autor teria lhe contado sobre a ação e que havia furtado 03 celulares e um relógio.

Durante buscas no local, os policiais militares encontraram o relógio e um celular no quarto do menor que evadiu e os outros dois celulares em uma área de matagal próxima à residência do autor.

Os objetos foram entregues na Delegacia de Ponte Alta, bem como o menor, de 17 anos, que foi conduzido, na companhia do Conselho Tutelar, para prestar esclarecimentos. A Polícia Militar continua em diligências na busca pelo autor do furto.

Site:pmto