Motorista não percebe caçamba levantada e bate caminhão em fios de alta tensão

Acidente foi na 812 Sul, na região industrial de Palmas. Quadra está sem energia elétrica e previsão é de retorno por volta de 13h.

O motorista de um caminhão não percebeu que estava com a caçamba levantada e bateu o veículo em fios de alta tensão na manhã deste sábado (24).

O acidente foi na quadra 812 Sul, na região industrial da cidade. Ao meio dia o local ainda estava sem energia elétrica. A Energisa informou que a previsão de retorno é por volta das 13h.

O motorista não ficou ferido no acidente. Ele aguardou a equipe de técnicos chegar ao local dentro da cabine em função do risco de choque elétrico, mas já foi resgatado.

O trânsito na Avenida LO-21, entre as quadras 812 e 912 Sul , está interditado. A Polícia Militar está no local para orientar os motoristas.

Região ficou sem energia por causa do acidente (Foto: Aurora Fernandes/TV Anhanguera)

G1 Tocantins

Caminhão sai da pista e cai de ponte em rodovia federal

Segundo os Bombeiros, o motorista foi resgatado por terceiros e não precisou de atendimento. Cinco acidentes foram registrados nas rodovias federais em seis horas.

Um caminhão saiu da pista e caiu de uma ponte na BR-010 em Colinas do Tocantins, norte do estado. O acidente aconteceu por volta das 5h da madrugada.

Este foi um dos cinco acidentes registrados pela Polícia Rodoviária Federal apenas entre a meia-noite de segunda-feira (5) e manhã desta terça-feira (6), nas rodovias federais.

Testemunhas contaram que chovia no momento do acidente. Um vídeo feito no local mostra o caminhão tombado e parte da proteção da ponte danificada. Conforme o Corpo de Bombeiros, o ocupante do veículo foi resgatado por terceiros e não precisou de atendimento.

A semana que antecede o Carnaval tem sido de muitos acidentes nas rodovias federais. Também na manhã desta terça-feira um ciclista morreu após ser atropelado por um ônibus na BR-153, em Nova Olinda.

Durante o final de semana, foram outros 12 acidentes nas rodovias federais. Ainda conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), 10 pessoas ficaram feridas e uma morte foi registada.

O alerta é para que os motoristas fiquem atentos às condições dos veículos e da pista, pois a semana deve ser de chuva em todas as regiões do estado. Algumas cidades inclusive registraram praticamente todo o volume de chuva esperado para o mês durante três dias.

G1 Tocantins

Caminhão fica destruído após pegar fogo na GO-080, em Goiás

Segundo o Corpo de Bombeiros, as chamas começaram na cabine do veículo. Motorista estava sozinho e não se feriu.

Um caminhão pegou fogo na GO-080 em São Francisco de Goiás, na região central do estado. Segundo o Corpo de Bombeiros, o incêndio começou na cabine, que ficou totalmente destruída. O motorista não se feriu.

O veículo, que tem placa do Pará, era usado para o transporte de óleo vegetal, mas não estava carregado no momento do incêndio.

O tenente do Corpo de Bombeiros Rubens Gomes de Oliveira informou que ainda não é possível afirmar o que causou o incêndio.

“Na maioria das vezes, o motivo é o superaquecimento do motor por alguma falha mecânica, mas pode ser um problema elétrico também, não podemos afirmar com certeza”, explicou.

Bombeiros usaram seis mil litros de água para apagar as chamas na GO-080, em São Francisco de Goiás (Foto: Corpo de Bombeiros/ Divulgação)

O caminhoneiro estava sozinho no veículo. Ele contou aos bombeiros que não conseguiu desengatar o tanque e, por isso, parte dele foi atingida pelo fogo.

As equipes usaram seis mil litros de água para apagar o incêndio. Como o caminhão estava em chamas, o trânsito teve de ser desviado do local por quase duas horas.

G1 Goiás

Idoso morre após carro ser atingido por caminhão na GO-164

Segundo os bombeiros, o motorista, de 90 anos, não parou no trevo. Com o impacto, o automóvel ficou destruído e quase se quebrou ao meio.

Um idoso de 90 anos morreu neste sábado (3) em um acidente entre o carro que ele conduzia e um caminhão na GO-164, em Quirinópolis, na região sudoeste de Goiás.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o homem ficou preso às ferragens do automóvel, que ficou destruído.

Os bombeiros contaram que o idoso seguia pela Avenida Brasil em um Volkswagen Gol. No trevo com a GO-164, o motorista não parou e foi atingido pelo caminhão, que seguia pela rodovia no sentido de Quirinópolis a Paranaiguara.

“O caminhão atingiu o Gol na lateral. O impacto foi muito forte, o banco do motorista ficou em cima do banco do passageiro. O carro quase se dobrou ao meio. Precisamos de um desencarcerador para tirar o corpo”, contou ao tenente Roberto Cézar Lima Posta.

O caminhoneiro, de 29 anos, não ficou ferido. O acidente deve ser investigado pela Polícia Civil.

Caminhão bateu contra a lateral do carro na GO-164 (Foto: Corpo de Bombeiros/ Divulgação)

G1/Goiás

 

 

Motorista morre após invadir contramão e bater num caminhão em Goiás

Acidente aconteceu em Uruaçu, na BR-153. Pista ficou interditada nos dois sentidos por três horas e só foi liberada após a retirada do corpo.

O motorista de um carro morreu na manhã deste sábado (3) depois de bater em um caminhão na BR-153, em Uruaçu, no norte de Goiás.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o automóvel invadiu a pista contrária e bateu de frente com o outro veículo.

A pista passou três horas interditada nos dois sentidos e só foi liberada por volta de 11h40, após a retirada do corpo. O motorista do caminhão não teve ferimentos.

No local do acidente a faixa é contínua e, por isso, é proibido fazer ultrapassagens. A polícia não soube informar se o motorista tentava ultrapassar um veículo ou se dormiu ao volante enquanto dirigia. Ele morreu na hora. 

G1 Goiás

Motorista faz ultrapassagem indevida e provoca tombamento de caminhão

Por não conseguir realizar a manobra, motorista voltou para a via fazendo com que o condutor de um outro caminhão desviasse bruscamente. Acidente aconteceu em Guaraí.

O motorista de um caminhão trator forçou uma ultrapassagem indevida e acabou provocando o tombamento de outro caminhão no km 312 da BR-153, em Guaraí, região central do estado. O acidente aconteceu nesta quinta-feira (1°).

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, por não conseguir realizar a manobra, o motorista retornou rapidamente para a via correta fazendo com que o condutor de um outro caminhão desviasse bruscamente, saindo da pista e tombando o veículo carregado com madeira.

O motorista do caminhão que tombou sofreu ferimentos leves e foi levado para o Hospital de Guaraí. O outro condutor fugiu do local do acidente sem prestar socorro, mas foi localizado pela PRF em seguida.

Os motoristas foram submetidos ao teste de bafômetro, mas a embriaguez não foi constatada. O responsável pelo acidente foi levado para prestar esclarecimentos, pelos crimes de lesão corporal culposa na direção de veículo e omissão de socorro à vítima.

G1 Tocantins

Ex-prefeita de cidade do Tocantins é condenada a devolver R$ 200 mil por alugar caminhão sem licitação

Maria de Jesus Ribeiro foi prefeita de Pugmil entre 2009 e 2012 e responde por improbidade administrativa. Ela, o secretário de finanças da época e o empresário que alugou o veículo foram condenados.

Ex-prefeita de Pugmil, Maria de Jesus Ribeiro, foi condenada a devolver quase R$ 204 mil aos cofres públicos da cidade por ter alugado um caminhão basculante sem licitação em 2009.

O veículo foi alugado do empresário Nobelio Santos da Silva pelo valor de R$ 5 mil por mês. O contrato era para realizar uma obra em uma estrada vicinal em condições precárias na cidade.

A Justiça entendeu que o processo de contratação não era emergencial e não poderia ter sido feito sem a licitação. O ato, pelo entendimento do juiz Adolfo Amaro Mendes, pode ter causado prejuízo aos cofres do município, caracterizando improbidade administrativa.

Além do total de R$ 60 mil da contratação, o valor foi corrigido pela inflação e somado a uma multa, o que deu o total do dinheiro a ser devolvido.

Além da ex-prefeita e do empresário, o secretário de finanças da época, Vagdo Pereira da Silva, também foi condenado.

O advogado de Nobélio Santos não atendeu às ligações do G1 para comentar o caso e não conseguimos contato com as defesas de Maria de Jesus Ribeiro e Vagdo Pereira.

Além da devolução do dinheiro, os três ficam com os direitos políticos suspensos por cinco anos e não podem fechar contratos com o poder público pelo mesmo período. Ainda cabe recurso à decisão.

G1 Tocantins

Três morrem e caminhonete fica destruída após bater de frente com caminhão

Acidente aconteceu entre Gurupi e Aliança do Tocantins, na região sul do estado. Três pessoas morreram e duas ficaram feridas na batida.

Uma caminhonete bateu de frente com um caminhão na tarde desta quinta-feira (18) entre Aliança e Gurupi, na região sul do estado. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o acidente deixou pelo três mortos e dois feridos. A batida aconteceu por volta das 15h na BR-153.

Os mortos foram identificados como José Ferreira da Cunha, de 40 anos; Maria da Conceição Santos Cunha, 63 anos e Antônio Ferreira da Cunha, de 65 anos. José Ferreira era o motorista da caminhonete e filho de Maria da Conceição e Antônio Ferreira. Os feridos são uma mulher de 24 anos e uma menina de cinco anos.

Todos estavam na caminhonete. O motorista do caminhão não ficou ferido. Segundo informações as vitimas estavam indo para uma festa de familia que aconteceria neste final de semana em Campinorte Goias. 

De acordo com os Bombeiros dois dos mortos estavam presos às ferragens e outro estava do lado de fora do veículo. As duas feridas estavam inconscientes. As feridas foram socorridas pelo Samu e Bombeiros e levadas para Gurupi. Ainda não há informações sobre as causas do acidente.

G1/TO

Caminhonete ficou destruída na batida (Foto: Débora Ciany/TV Anhanguera)

Acidente com ônibus deixa 14 pessoas feridas na BR-153 no Tocantins

Motorista disse que precisou desviar de um caminhão sem sinalização e abaixo da velocidade mínima permitida e perdeu o controle do veículo. Feridos foram encaminhados para o Hospital Regional de Paraíso do Tocantins.

Um acidente com um ônibus de passageiros deixou 14 pessoas feridas na BR-153, entre Paraíso do Tocantins e Pugmil. O veículo tombou no acostamento da pista na madrugada deste domingo (14). De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, seis vítimas precisaram ser imobilizadas com pranchas antes do resgate, as demais foram levadas com a ajuda de ambulância do Samu e do Corpo de Bombeiros. Não houve mortes.

O ônibus pertencia a empresa Hélios e tinha saído de Goiânia (GO) com destino ao Pará. Havia cerca de 45 pessoas a bordo. De acordo com o diretor da empresa, André Morais, o motorista disse que o tombamento aconteceu quando ele tentou desviar de um caminhão que transitava abaixo da velocidade mínima da pista e sem sinalização na rodovia. O acostamento tem um desnível no local e segundo o motorista isto teria causado o acidente.

Os feridos foram levados para o Hospital Regional de Paraíso do Tocantins. A empresa informou ainda que mandou uma equipe de Palmas e outra de Goiânia para monitorar a situação dos feridos e que está alertando as famílias. Pelas primeiras informações, nenhuma das vítimas corre risco de morrer.

O ônibus ainda está no local e uma equipe deve ser enviada para fazer o destombamento neste domingo (14).

Fonte: G1 Tocantins

Na barreira da PRF de Porangatu, caminhão bate em 5 carretas e em ônibus e provoca incêndio em todos os veículos

Condutor foi socorrido e levado para hospital da cidade. Polícia ainda não sabe o que causou o acidente.

Um caminhão bateu nesta quinta-feira (21) em cinco carretas e em um ônibus que estavam parados no pátio da Polícia rodoviária Federal na Br-153, em Porangatu, no norte de Goiás. Com a colisão, todos os veículos pegaram fogo. O caminhoneiro foi socorrido e levado a um hospital da cidade.

O acidente aconteceu na barreira policial da cidade. Os veículos atingidos estavam recolhidos à a margem da rodovia. Segundo a PRF, houve vazamento de combustível, o que fez com que as chamas se espalhassem rapidamente.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para controlar as chamas. A rodovia ficou interditada por aproximadamente 3h, até que as chamas fossem apagadas. A polícia ainda não tem suspeitas do que provocou a batida.

G1 Goiás