“Apertado da Hora”: Curva perigosa próximo a Palmeirópolis deixa trânsito em meia pista e moradores apreensivos

O problema causa transtornos aos que trafegam pelo local e dizem preocupados com a possibilidade de acidentes.

Parte da rodovia da TO-387, que fica próximo a Palmeirópolis no trecho conhecido como “Apertado da Hora”, desmoronou e o asfalto está rachando. Quem necessita passar pelo local estão preocupados com um risco ainda maior de acidentes. 

Além do perigo de auto índice de acidente que já existe, agora os motoristas estão usando meia pista, tendo que dividir o único lado do asfalto, com a serra e o barranco do córrego.

“Na hora que a gente chega na curva, ora/reza e entrega a vida a Deus porque, se naquele momento encontrar um caminhão! Só Jesus para decidir quem ele quer salvar”. Disse um motorista que não quis se identificar. Dos 51 acidentes no trecho, (9) pessoas morreram.

Curva pasando em meia pista

Resposta

A Câmara de vereadores de Palmeirópolis juntamente com o prefeito Fábio Vaz e a vice Josemir Bastos, estiveram em Palmas nesta segunda-feira (2), conversando com Carlesse, desta vez na qualidade de governador.

Ano passado os parlamentares estiveram com ele atrás de solução para o mesmo problema. Carlesse ainda como presidente da Assembleia Legislativa destinou para execução da obra R$ 1 milhão e duzentos mil.

De acordo com ele, o trecho é uma das suas prioridades no plano de governo. “Ainda estou me inteirando de tudo no estado, quero poder fazer uma obra decente naquele local, sei que o dinheiro da emenda da Assembleia é pouco, mas prometo resolver o problema em breve”, garantiu.

O governo disse ainda, que voltará em Palmeirópolis para tratar do assunto pessoalmente em breve. O deputado estadual Ricardo Aires também esteve acompanhando a comitiva na visita a Carlesse.

Da redação

Barranco cede no trecho do Apertado da Hora em Palmeirópolis e preocupa moradores

O trecho é perigoso com alto índice de mortes.

Um barranco começa a ceder na TO 387, próximo a Palmeirópolis. O local é conhecido como a “curva da morte”, por ser perigoso com alto índice de acidentes levando a morte de muitos caminhoneiros.

Moradores reclamam e dizem que o trecho oferece perigo tanto a motoristas – que podem inclusive cair no córrego – como para pedestres.

Além do perigo já existente, o medo agora é de um possível desmoronamento.

Corrego Mucambinho transbordando

Chuvas fortes durante todo final de semana em Palmeirópolis, com isso os córregos transbordaram e a previsão é de mais chuvas amanhã.

O problema causa transtornos aos moradores que se dizem preocupados com a possibilidades de acidentes.

O que realmente causa o pânico é o trecho (ladeira) que dá acesso curva.

Várias reivindicações foram feitas por representantes e moradores às autoridades competentes, mas até nada foi feito. Mesmo com o pequeno deslizamento, o trajeto no local continua acessível.  

Da redação

 

Mais um acidente no trecho do Apertado da Hora em Palmeirópolis

Um caminhão bitrem perdeu controle na “Curva da Morte”em Palmeirópolis e capotou.

Hoje por volta das 9:00 da manhã um caminhão bitrem carregado de cimento e argamassa vindo de Brasilia para Palmeirópolis capotou um pouco a frente da curva. O condutor do veiculo Fabiano Apolinário da Silva de 25 anos estava sozinho e teve apenas esfoliações. O motorista foi socorrido de imediato por pessoas que estavam passando no local e encaminhado para o hospital da cidade e passa bem. De acordo com o motorista ele perdeu o freio em cima na ladeira e veio descendo em uma velocidade que causou o acidente, por sorte não morreu. O jornal mapa da noticia esteve no local e conversou com Fabiano,ele relatou que a principal causa do acidente foi devido a falta de sinalização na região, é a primeira vez que ele passa no trecho. Ano passado vários acidentes inclusive com mortes aconteceram no local. Moradores fizeram protestos, pararam a rodovia para chamar atenção de autoridades que prometeram resolver o problema rapidamente e ate agora apenas algumas placas foram distribuídas na estrada. Entramos em contato com os responsáveis para falar sobre o assunto mas até agora não obtivemos respostas.

Ate o momento da reportagem o local estava interditado pela policia militar de Palmeirópolis aguardando perícia. O motorista está em observação no hospital a qualquer momento recebe alta.

unnamed (3)

unnamed (5)

unnamed

unnamed (6)