Destaque, Política

Prefeitos eleitos de Trombas e Minaçú Goiás na mira da justiça

A Justiça Eleitoral iniciou investigação de denúncia contra o prefeito eleito de Minaçu, Nick Barbosa, e seu vice, Zilmar Duarte, por suspeitas de compra de votos. A representação foi movida pelo próprio Ministério Público que disse haver comprovação “cristalina” de distribuição deliberada de combustíveis durante a campanha eleitoral. A Justiça acatou a denúncia, e em despacho, deu prazo de 5 dias para a defesa a contar do último dia 12.

Já em Gameleira, a Justiça Eleitoral também investiga denúncias, desta vez, envolvendo o apoio de pastores e membros de uma Igreja Evangélica. A ação se baseia em um vídeo que circula nas redes sociais e que mostra pastores e membros da igreja agradecendo o prefeito eleito  Wilson Tavares De Sousa Junior pela doação de uma Kombi. As imagens caracterizam, para Justiça, compra de votos. 

Já em Trombas, também no norte do Estado, o juiz Jonas Nunes Resende decidiu pela cassação do registro do prefeito eleito, Agostinho Nóbrega Rodrigues,  do PSDB e do seu vice Ronoel Dourado Júnior. De acordo com a denúncia, os dois candidatos teriam feito promessa de realização de serviços de aragem de terras de propriedades rurais em troca de votos.

Depois da vitória, Dourado teria confirmado em uma rádio da região que os tratores já haviam sido adquiridos para realizar o serviço.

(onortedegoias)

1 Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.