Operação foi realizada em municípios da região norte do estado. De acordo com a polícia, grupo não mantinha uma boca de fumo e entregava as drogas onde os usuários estivessem.

Nove pessoas foram presas pela Polícia Civil na manhã desta sexta-feira (2) no norte do Tocantins durante a operação Cannabis Delivery. O grupo é suspeito de tráfico de drogas na região de Ananás.

Segundo a polícia, os suspeitos agiam de uma forma diferente, pois não tinham um ponto fixo para venda da droga. Eles faziam entrega onde os ‘clientes’ estivessem.

De acordo com a polícia, o grupo vinha sendo investigado há algum tempo e as prisões foram feitas em cumprimento a mandados de prisão preventiva. A distribuição da droga para os usuários era feita diariamente, principalmente maconha.

“Não usavam as próprias casas como local de venda e até ficam bravos quando alguém aparecia para buscar. Geralmente faziam as distribuições em um carro, que foi apreendido, de bicicleta e de moto”, explicou o delegado.

Participaram da operação agentes das delegacias de Ananás, Tocantinópolis e Araguatins. Durante o cumprimento dos mandados foram apreendidos cerca de R$ 2 mil, celulares, balança de precisão e porções de drogas.

Os presos são:

  • Antônio Filho Alves Oliveira
  • Luis Moeira Soares
  • Nerson Mendes da Rocha
  • Dayena Sousa Pinto
  • Generson de Sousa Lima
  • Jardenilson Silva Marques da Cruz
  • Maria Lúcia Araújo do Nascimento
  • Reinan Rosa de Andrade
  • Júnior Santos Reis

O site ainda tenta contato com a defesa dos suspeitos.

A polícia informou ainda que os homens foram levados para a Cadeia de Ananás. As mulheres devem ficar detidas na cadeia de Babaçulândia, também na região norte do estado.

 G1 Tocantins.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here