Segundo Polícia Civil, David Antônio da Silva, de 29 anos, foi encontrado morto na casa da companheira, que fugiu do local; testemunha disse à polícia que suspeita fez ligação antes de fugir.

Uma mulher, de idade não divulgada, é suspeita de matar a facadas o namorado, David Antônio da Silva, de 29 anos, em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. Segundo a Polícia Civil, uma testemunha disse à Polícia Militar que recebeu uma ligação da suspeita, afirmando que havia dado uma facada no namorado durante uma briga.

O crime ocorreu no último domingo (15), na casa em que a mulher mora, no Parque Estrela Dalva 7, em Luziânia. Conforme informações divulgadas pela assessoria de imprensa da Polícia Civil, a PM foi acionada para averiguar um homicídio, mas quando chegou ao local o Corpo de Bombeiros já havia feito os primeiros atendimentos e constatado a morte de David Antônio.

No local, uma testemunha disse à PM que, após receber a ligação da mulher afirmando que tinha esfaqueado o namorado, ligou para os parentes da suspeita, que foram até o local. Chegando à casa, segundo a corporação, uma tia da mulher encontrou o namorado dela caído desacordado no chão e acionou o socorro.

O corpo de David foi retirado do local pelo Instituto Médico Legal (IML) e levado para Formosa, onde a Polícia Técnico-Científica está funcionando, e, segundo o órgão, foi liberado à família na segunda-feira (16).

G1 entrou em contato como delegado responsável pelo caso, Maurício Passerini, mas as ligações não foram atendidas até a publicação desta reportagem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here