O crime aconteceu em agosto desse ano.
Fotógrafo foi atingido com um tiro nas costas e morreu ainda no local.

Um homem foi preso nesta segunda-feira (7) suspeito de ter matado o fotógrafo Cláudio Frascari, em Gurupi no sul do Tocantins. O crime aconteceu em agosto desse ano. A vítima estava em uma loja que foi invadida por dois assaltantes.

De acordo com a Polícia Militar, um homem e uma mulher armados entraram na loja e fizeram funcionários e clientes de reféns. Frascari foi atingido com um tiro nas costas e morreu ainda no local. Outras pessoas também foram agredidas pelos criminosos.

Os policiais informaram ainda, que os assaltantes levaram peças de roupa, os pertences das pessoas que estavam no local e as imagens do circuito interno de segurança.

O suspeito prestou depoimento nesta segunda-feira na delegacia de Gurupi. Conforme a delegada que investiga o caso, Lucélia Maria Marques Bento, o homem foi levado para a Casa de Prisão Provisória de Gurupi, onde permanece em prisão temporária até que se confirme a suspeita do crime e, que a polícia cheque até a segunda suspeita de participação no assassinato.

O advogado do suspeito informou a reportagem da TV Anhanguera, que tem provas da inocência e que vai pedir o relaxamento da prisão.(fonte:g1/to)

Fotógrafo;Cláudio Frascari
Fotógrafo;Cláudio Frascari

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here