Destaque, Gurupi

Dois são presos com drogas escondidas nos bancos e porta-malas de carro

drogas (1)..

Um dos homens se apresentou como motorista da Uber e mora em Goiânia. Ele foi levado para a Casa de Prisão Provisória de Gurupi.

Dois homens foram presos na madrugada desta quarta-feira (9) por suspeita de tráfico de drogas na BR-153, em Gurupi, sul do Tocantins. No carro, a Polícia Rodoviária Federal encontrou tabletes de cocaína e maconha escondidos nas portas, nos estofados dos bancos e no porta-malas do veículo. O motorista disse ser funcionário da Uber em Goiás.

A Polícia Civil disse que os dois foram levados para a Casa de Prisão Provisória de Gurupi. Durante o depoimento, o motorista confirmou que trabalha para o aplicativo em Goiânia (GO). No celular, policiais encontraram áudios com conversas que comprovam que ele tinha sido pago para levar a droga até Santana do Araguaia (PA).

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, os homens foram abordados durante um patrulhamento. Após uma fiscalização no carro, foram encontrados quase 2 quilos de substância semelhantes à cocaína, cerca de 5 quilos de maconha e uma porção de substância análoga à cloridrato de cocaína.

G1 procurou a empresa para saber se o homem terá o cadastro excluído do aplicativo e aguarda resposta.

G1/TO