O programa do governo contempla famílias com renda de até R$ 7 mil e o imóvel deve ser utilizado para moradia.

O ‘Minha Casa, Minha Vida’ pode ser uma boa opção para quem procura imóvel para comprar no Brasil. O programa do governo contempla famílias com renda de até R$ 7 mil e o imóvel deve ser utilizado para moradia. Além disso, ao fazer a compra, a prestação não pode ser maior que 30% da sua renda familiar mensal.

No entanto, os futuros proprietários precisam ter cautela na hora de fechar o negócio. O jornal Extra conversou com especialistas em financiamentos que deram dicas sobre como comprar um imóvel com o MCMV. Confira:

Condições: é importante comparar as condições oferecidas pelas agências bancárias, inclusive o preço final com todos os complementos. Fique atento para avaliar o melhor plano de financiamento, com prestações decrescentes.

Pagamento: o prazo de pagamento deve ser o menor possível. Não deixe acumular três prestações em atraso e, caso haja necessidade, procure o banco para uma renegociação. Tenha atenção a taxa final de juros e confira se os valores da parcelas mensais a pagar estão dentro das suas possibilidades.

Taxas extras: além dos custos com o financiamento, diversas outras despesas devem ser consideradas, entre elas a imposto de transmissão, o ITBI, a taxa de escritura, e até os custos com o registro de imóveis.

ITBI: os especialistas explicam que, no caso dos consumidores do MCMV, o financiamento de despesas cobre apenas custos cartorários e de ITBI de imóveis já prontos, com o Habite-se. Ou seja, até 4% do valor aprovado para o financiamento podem ser destinados para o pagamento desses gastos . Dessa forma o valor das despesas fica incorporado ao financiamento.

Noticias ao Minuto

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here