É através dessas conferências que a população pode contribuir ativamente no desenvolvimento de políticas públicas de saúde

Com o tema “Democracia e Saúde”, aconteceu nesta sexta-feira (29) a 3ª edição da Conferência Municipal de Saúde em Palmeirópolis. O evento teve início às 13h no auditório da Câmara Municipal.

Realizada a cada quatro anos, a Conferência reuniu representantes de vários segmentos sociais e profissionais da área de saúde para debater as necessidades da população e elaborar propostas para melhoria da saúde no município.

 

A Conferência teve como objetivo avaliar o Sistema Único de Saúde (SUS) no município, o plano municipal de saúde, a programação nacional, e as necessidades dos serviços e das ações em saúde para a população, além de eleger propostas que serão enviadas à Conferência Estadual, e por sua vez, à nacional.

Depois de aprovar cinco propostas de cada eixo, segue para a Conferência estadual em Palmas, que acontece nos dias 5 e 6 de junho.  Em seguida o processo será finalizado entre os dias 4 e 7 de agosto de 2019, em Brasília.

A programação contou com palestras, ministradas pelo servidor do ministério da saúde, Sinvaldo Moraes, que também é secretário de saúde no município de Santa Rita do Tocantins.

“Diante das várias mudanças ocorridas na saúde nos últimos anos, a nossa maior expectativa é envolver o usuário no dia a dia de atividades da gestão de saúde, porque nós entendemos que é importante que ele conheça mais sobre as políticas públicas. Sem dúvida alguma, queremos debater sobre como melhorar o atendimento ofertado para a população e também financiamento”, explica o servidor de saúde Sinvaldo Mendes.

Para a secretária de saúde do município de Palmeirópolis Eliete Moura Fagundes, durante a conferência foi trabalhado os três eixos; saúde como direito, consolidação dos princípios do sistema único de saúde SUS, e financiamento adequado e suficiente para o SUS.

Respectivamente, Kélia Oliveira da Silva, Farah Rubia Moura, Mara Layane Alves, e o palestrante Sinvaldo Mendes.

Foram escolhidos para delegados da conferencia estadual: Kélia Oliveira da Silva, representando os usuários, a Agente de saúde Farah Rubia Moura, representando os trabalhadores do SUS, a coordenadora da Atenção Básica de Saúde Mara Layane Alves Benvindo, representando os gestores do SUS.

Na oportunidade a mesa de honra foi composta pela presidente da Câmara Hildene Tokio Macedo, vice-prefeita Josemir Bastos, representando o prefeito Fábio Vaz, secretária de saúde do município Eliete Moura, Adriana Borges da Silva, representando a primeira dama Ana Paula Vaz, o palestrante Sinvaldo Mendes, Lucília Xavier Reges, representando os usuários do SUS, Lucas Fagner, presidente do Conselho Municipal de saúde.

No final da Conferencia todos os participantes receberam certificado.

Da redação

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here