Destaque

Começa o período da piracema e pesca está proibida até fevereiro de 2018

Multa para quem descumprir a proibição varia R$ 700 a R$ 100 mil, além de um acréscimo de R$ 20 por cada kg de pescado. Neste ano, a estiagem prolongada deve prejudicar reprodução dos peixes.

Começa nesta quarta-feira (1°) o período da piracema no Tocantins. Até o dia 28 de fevereiro de 2018 fica proibida a pesca em qualquer modalidade, nos rios e lagos do estado. Segundo o Instituto Natureza do Tocantins, está proibida também a realização de campeonatos e torneios de pesca durante os quatro meses.

Neste ano há uma preocupação maior com a reprodução dos peixes devido à baixa quantidade de chuvas. A previsão é chover abaixo da média até dezembro em todo o estado. “A falta de chuvas pode influenciar na desova dos peixes e consequentemente na redução dos cardumes nos corpos hídricos do Estado”, comentou o superintendente de gestão ambiental, Natal César Alves de Castro.

A portaria que estabelece a piracema foi assinada nesta segunda-feira (30). Conforme o Naturatins, quem for flagrado pescando poderá ser multado, ter o pescado apreendido. A multa varia R$ 700 e R$ 100 mil, além de um acréscimo de R$ 20 por cada kg de pescado.

Até 28 de fevereiro também fica proibido o transporte, comercialização e beneficiamento de peixes pescados em rios e lagos.

G1/TO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.