Trinta porcos são sacrificados e enterrados após serem transportados de forma ilegal

Os animais, proibidos de entrar no estado, foram enterrados em valas no aterro sanitário de Talismã.

Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) sacrificou 30 porcos após uma fiscalização de rotina em uma barreira próxima ao município de Talismã, nesta segunda-feira (5). Segundo o órgão, os animais não tinham documentações zoossanitárias e estavam sendo transportados de forma irregular. Os animais foram enterrados em valas em um aterro sanitário da cidade.

Segundo um fiscal agropecuário, no momento da abordagem o motorista da carga tentou burlar a fiscalizacação, apresentando um documento em que apontava o transporte de apenas 45 bovinos. Ao todo foram encontrados 52 bovinos, 30 suínos e sete equinos.

A abordagem também resultou em uma multa de R$ 1,8 mil ao motorista do caminhão. Segundo a Adapec, os animais vieram do Pará, estado declarado como não livre da Peste Suína Clássica (PSC). A entrada dessa espécie de animal é proibída no Tocantins.

A Peste Suína Clássica é uma doença viral e contagiosa, quem pode determinar quadros de febre, hemorragias múltiplas e alta morbidade e mortalidade. Os suínos e os javalis são os únicos reservatórios naturais do vírus.

G1/TO

Corpo de Policial Civil morto em acidente será enterrado em Tocantínia

Ele morreu depois que a camionete em que estava bateu em uma grade puxada por um trator. O carro foi cortado ao meio.

 O corpo de José Milo Maurício Leão, 47 anos, agente da Policial Civil morto em um acidente em Miranorte, na região central do estado, na noite desta segunda-feira (5), está sendo velado na casa de parentes em Tocantínia, segundo informações da Secretaria de Segurança Pública. O enterro está previsto para ser realizado às 17h na cidade.

O acidente foi entre uma camionete e um trator. O carro colidiu com uma grade que estava sendo puxada pelo veículo rural e foi cortado ao meio, segundo informou a Polícia Militar. O agente mas não resistiu aos ferimentos.

De acordo com a SSP, além dele estavam no carro duas mulheres. Uma delas ficou internada em um hospital de Miracema do Tocantins, mas já recebeu alta. A outra está em estado grave no Hospital Geral de Palmas.

Conforme a Polícia Militar, o acidente ocorreu por volta das 18h30 na TO-342, entre Miranorte e Miracema do Tocantins. A camionete onde estava o policial seguia na mesma direção que o trator. Ainda não há informações sobre as causas do acidente.

A Secretaria de Segurança Pública informou que Josemilio Leão foi aprovado no Concurso da Polícia Civil em 1994, e trabalhava na 13ª Delegacia Regional de Miracema.

G1/To

Policial civil morre após camionete ser cortada ao meio por grade de trator

Segundo a Polícia Militar, a camionete em que o policial estava seguia na mesma direção que o trator. Acidente aconteceu entre Miranorte e Miracema, na TO-342.

Um acidente entre uma camionete e um trator aconteceu no início da noite desta segunda-feira (5) próximo de Miranorte, na região central do estado. O carro colidiu com uma grade que estava sendo puxada pelo veículo rural e foi cortado ao meio, segundo informou a Polícia Militar. No veículo estava um policial civil que chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.

Além dele, uma mulher também estava na camionete, mas não há informações sobre o estado de saúde dela. O policial civil estava no banco do passageiro, no lado do carro que mais foi atingido. Ele ainda foi socorrido pelo Samu, mas morreu ao chegar no hospital.

Conforme a Polícia Militar, o acidente ocorreu por volta das 18h30 na TO-342, entre Miranorte e Miracema do Tocantins. A camionete onde estava o policial teria colidido com a grade do trator que seguia na mesma direção. Ainda não há informações sobre as causas do acidente.

A morte do policial foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública.

Acidente aconteceu TO-342 entre Miranorte e Miracema (Foto: Divulgação)
Acidente aconteceu TO-342 entre Miranorte e Miracema (Foto: Divulgação)

foto trator 1 foto trator 2

Policial Civil José Milo
Policial Civil José Milo

G1/TO

Marido e mais dois são presos suspeitos de matar estudante

Segundo polícia, motivação do crime seria uma suposta traição da vítima. Thaís Alves Pereira, 20, foi morta com um tiro na cabeça após sumir por 5 dias; corpo foi achado em decomposição.

A Polícia Civil prendeu três homens suspeitos de matar a estudante Thaís Alves Pereira, de 20 anos, cujo corpo foi encontrado em um matagal de Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. Entre os detidos, está o marido da vítima. De acordo com as investigações, o crime foi cometido sob a alegação de supostas traições praticadas pela jovem.

O trio foi apresentado pela polícia na quinta-feira (18). O marido de Thais, Denilson Oliveira, foi preso apontado como mandante do crime. Já Francisco Oliveira Santos seria o autor do homicídio. Por fim, Jonhs Mariano de Sousa emprestou o carro usado no crime.

O corpo de Thais foi localizado no último dia 31 de janeiro, em avançado estado de decomposição. A perícia constatou que ela havia sido morta com um tiro na cabeça. Na ocasião do crime, a família informou que ela tinha sido vista pela última vez cinco dias antes, entrando em um carro de cor prata.

 do e mais dois são presos suspeitos de matar estudante em Luziânia (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

O delegado regional de Luziânia, Rodrigo Mendes, afirmou que a motivação passional não pode ser usada como pretexto para o assassinato. “A motivação do crime, pelo que a Polícia Civil apurou, teria sido traições praticadas por parte da vítima. Mas isso não justifica a prática de um homicídio”, desataca.

Dois carros usados no crime serão submetidos à perícia para verificar se há ou não marcas de sangue da vítima. Francisco já era investigado por outro homicídio cometido na cidade.

Os suspeitos estão presos preventivamente. Eles devem responder por homicídio triplamente qualificado. Se condenados, podem pegar até 30 anos de prisão.

G1/Go

PRF apreende 19 kg de maconha em ônibus na BR-153

Droga estava distribuída em 16 tabletes e guardada em uma mala no bagageiro do veículo. Passageiro que transportava material já havia sido condenado por tráfico de drogas e estava foragido.

A Polícia Rodoviária Federal apreendeu 19 kg de maconha em um ônibus no km 663 da BR-153, em Guaraí, região central do Tocantins. A apreensão foi realizada na tarde deste domingo (14).

A droga foi localizada durante a fiscalização de um veículo que fazia a linha São Paulo (SP) – Teresina (PI). A droga estava em uma mala, distribuída em 16 tabletes e pertencia a um passageiro de 30 anos. Segundo a PRF, o homem já havia sido condenado por tráfico de drogas e estava foragido.

Conforme a PRF, ao ser abordado, o homem afirmou que não possuía mala e transportava apenas uma mochila. Ele foi levado para a Central de Flagrantes de Gurupi.

Depois os policiais voltaram a delegacia para registrar outra ocorrência e no local, foram informados que o passageiro preso estava solicitando uma ligação urgente para a família, para que os parentes retirassem do ônibus a bagagem dele.

Foi então que a equipe da PRF fiscalizou novamente o ônibus e encontrou a droga no bagageiro inferior do veículo.

PRF apreende 19 kg de maconha em ônibus na BR-153
PRF apreende 19 kg de maconha em ônibus na BR-153
 G1/To

Homem é esfaqueado por causa de dívida no Tocantins

O crime aconteceu na região conhecida como Feirinha, em Araguaína. Vítima, disse para a polícia que a motivação do crime estaria relacionada ao consumo de drogas.

Um homem foi esfaqueado em Araguaína, no norte do Tocantins, por causa de uma dívida. O crime aconteceu na noite desta sexta-feira (29), por volta das 23h, na região conhecida como Feirinha. Segundo a Polícia Militar, a vítima era usuária de drogas.

Conforme a PM, o suspeito atingiu várias vezes a vítima, que confirmou aos policias que a motivação do crime estaria relacionada ao consumo de drogas. O homem foi socorrido pelo Samu e levado para o hospital da cidade.

G1/To

Adolescentes são apreendidos com 50 pílulas de ecstasy no Tocantins

Substâncias foram encontradas dentro do carro em que eles estavam, em avenida no centro da cidade. Menores foram levados para a delegacia.

Dois adolescentes foram apreendidos pela Polícia Militar (PM) na noite desta quinta-feira (13), em Palmas. Com eles os policiais encontraram 50 pílulas de ecstasy dentro do carro. A flagrante foi na avenida LO-01, no centro da capital.

Segundo a PM, os policiais receberam uma denúncia de que traficantes estariam agindo na região e começaram a fazer buscas. Os policiais reconheceram o carro que os menores utilizavam e pararam o veículo. Quando os militares começaram a conversar com os adolescentes, eles ficaram bastante nervosos. Os policiais desconfiaram e resolveram fazer uma busca no carro. Foi quando encontraram os 50 comprimidos coloridos de ecstasy.

As drogas foram apreendidas e os menores foram levados para a delegacia e depois ao conselho tutelar.

G1/To

Quatro são mortos em troca de tiros com a polícia em fazenda no Tocantins

Ação foi na zona rural de Rio da Conceição. No local, PM disse que apreendeu armas, coletes balísticos e outros itens usados para a prática de crimes.

 Quatro suspeitos morreram após uma troca de tiros com a Polícia Militar, na zona rural de Rio da Conceição, região sul do Tocantins. Os policiais chegaram ao local após informações de que havia um grupo de homens armados escondidos em uma fazenda. Segundo a PM, no local foram encontrados armas de fogo, coletes balísticos, luvas e roupas camufladas.

Conforme a PM, quando os militares chegaram ao local os homens começaram a atirar. Houve troca de tiros e os suspeitos foram atingidos. Ainda segundo as informações, os baleados foram levados para o Hospital de Referência de Dianópolis para atendimento médico, mas morreram ao dar entrada na unidade.

Foram apreendidas três armas de fogo, sendo duas espingardas com diversas munições e um revólver calibre 32 também com munições do mesmo calibre, além de coletes balístico, gorros capazes de cobrir do rosto até os ombros, luvas e vestimentas camufladas.

A PM disse que os objetos levantam a suspeita de que os homens se preparavam para cometer crimes. Os mortos ainda não foram identificados.

G1/To

Secretaria de Saúde confirma casos de H1N1 em presídio de Goias

Dois detentos estão com o vírus, mas já estão recebendo o tratamento dentro da unidade. Casa de Prisão Provisória tem dois casos suspeitos.

A secretaria de Saúde de Luziânia, no Entorno do Distrito Federal, confirmou que dois detentos que estão no presídio da cidade estão com o vírus H1N1. Os presos começaram a ter sintomas mais graves durante um surto de gripe dentro do Centro de Inserção Social (CIS) unidade.

Dos cerca de 400 presos, 180 estavam gripados, sendo que quatro estavam com suspeita de H1N1. “Enviamos quatro amostras e duas delas deram positivo para H1N1. Todos esses pacientes foram tratados e o surto de gripe foi controlado”, disse o secretário de Saúde, Watherson Roriz.

A Superintendência Executiva de Administração Penitenciária (Seap) explicou que recebeu apenas dois resultados de exames, sendo que um deu positivo e outro, negativo. O órgão disse que o interno que está com o vírus está isolado e recebendo os cuidados médicos.

Os presos já receberam tratamento dentro do presídio e já apresentaram melhoras, segundo a secretaria, já apresentam melhoras. O órgão explicou que a doença já está sob controle.

Além desses dois casos confirmados, ainda existe a suspeita de outros dois casos de H1N1 na Casa de Prisão Provisória de Luziânia. “Quando fizemos uma vistoria, 43 presos estavam com sintomas de gripe e 27 deles, com suspeita de H1N1. Em dois casos foram colhidas amostras, mas o resultado ainda não chegou”, completou o secretário.

A secretaria explicou que vai imunizar todos os presos contra a gripe durante a campanha nacional de vacinação, que começa na próxima semana.

 G1/Go

PT avalia que ex-presidente Lula pode ser preso em breve

As delações envolvendo o nome de Lula surgem como uma ‘balde de água fria’ na imagem do petista.

As delações dos executivos da empreiteira Odebrecht trouxeram dezenas de revelações sobre como funcionava o esquema de corrupção no governo. A empresa detalhou sobre uma poupança milionária para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Segundo a coluna Radar Online, da revista Veja, a revelação deixou o Partido dos Trabalhadores com a sensação de que, sem foro privilegiado e no alvo de Sergio Moro, a prisão de ex-presidente pode estar mais próxima do que nunca.

A divulgação dos vídeos envolvendo o nome de Lula surge como uma ‘balde de água fria’ na imagem do petista, refere a publicação.

Na terça-feira (11), o ex-presidente afirmou que não teme ser preso e que está à espera de provas que confirmem que ele cometeu algum crime. “Eu estou há três anos esperando e duvido que tenha um empresário nesse país que possa dizer em alto e bom som que algum dia o ex-presidente Lula pediu dinheiro para ele”, disse Lula.

Noticias ao Minuto