Marido e mais dois são presos suspeitos de matar estudante

Segundo polícia, motivação do crime seria uma suposta traição da vítima. Thaís Alves Pereira, 20, foi morta com um tiro na cabeça após sumir por 5 dias; corpo foi achado em decomposição.

A Polícia Civil prendeu três homens suspeitos de matar a estudante Thaís Alves Pereira, de 20 anos, cujo corpo foi encontrado em um matagal de Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. Entre os detidos, está o marido da vítima. De acordo com as investigações, o crime foi cometido sob a alegação de supostas traições praticadas pela jovem.

O trio foi apresentado pela polícia na quinta-feira (18). O marido de Thais, Denilson Oliveira, foi preso apontado como mandante do crime. Já Francisco Oliveira Santos seria o autor do homicídio. Por fim, Jonhs Mariano de Sousa emprestou o carro usado no crime.

O corpo de Thais foi localizado no último dia 31 de janeiro, em avançado estado de decomposição. A perícia constatou que ela havia sido morta com um tiro na cabeça. Na ocasião do crime, a família informou que ela tinha sido vista pela última vez cinco dias antes, entrando em um carro de cor prata.

 do e mais dois são presos suspeitos de matar estudante em Luziânia (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

O delegado regional de Luziânia, Rodrigo Mendes, afirmou que a motivação passional não pode ser usada como pretexto para o assassinato. “A motivação do crime, pelo que a Polícia Civil apurou, teria sido traições praticadas por parte da vítima. Mas isso não justifica a prática de um homicídio”, desataca.

Dois carros usados no crime serão submetidos à perícia para verificar se há ou não marcas de sangue da vítima. Francisco já era investigado por outro homicídio cometido na cidade.

Os suspeitos estão presos preventivamente. Eles devem responder por homicídio triplamente qualificado. Se condenados, podem pegar até 30 anos de prisão.

G1/Go

PRF apreende 19 kg de maconha em ônibus na BR-153

Droga estava distribuída em 16 tabletes e guardada em uma mala no bagageiro do veículo. Passageiro que transportava material já havia sido condenado por tráfico de drogas e estava foragido.

A Polícia Rodoviária Federal apreendeu 19 kg de maconha em um ônibus no km 663 da BR-153, em Guaraí, região central do Tocantins. A apreensão foi realizada na tarde deste domingo (14).

A droga foi localizada durante a fiscalização de um veículo que fazia a linha São Paulo (SP) – Teresina (PI). A droga estava em uma mala, distribuída em 16 tabletes e pertencia a um passageiro de 30 anos. Segundo a PRF, o homem já havia sido condenado por tráfico de drogas e estava foragido.

Conforme a PRF, ao ser abordado, o homem afirmou que não possuía mala e transportava apenas uma mochila. Ele foi levado para a Central de Flagrantes de Gurupi.

Depois os policiais voltaram a delegacia para registrar outra ocorrência e no local, foram informados que o passageiro preso estava solicitando uma ligação urgente para a família, para que os parentes retirassem do ônibus a bagagem dele.

Foi então que a equipe da PRF fiscalizou novamente o ônibus e encontrou a droga no bagageiro inferior do veículo.

PRF apreende 19 kg de maconha em ônibus na BR-153
PRF apreende 19 kg de maconha em ônibus na BR-153
 G1/To

Homem é esfaqueado por causa de dívida no Tocantins

O crime aconteceu na região conhecida como Feirinha, em Araguaína. Vítima, disse para a polícia que a motivação do crime estaria relacionada ao consumo de drogas.

Um homem foi esfaqueado em Araguaína, no norte do Tocantins, por causa de uma dívida. O crime aconteceu na noite desta sexta-feira (29), por volta das 23h, na região conhecida como Feirinha. Segundo a Polícia Militar, a vítima era usuária de drogas.

Conforme a PM, o suspeito atingiu várias vezes a vítima, que confirmou aos policias que a motivação do crime estaria relacionada ao consumo de drogas. O homem foi socorrido pelo Samu e levado para o hospital da cidade.

G1/To

Adolescentes são apreendidos com 50 pílulas de ecstasy no Tocantins

Substâncias foram encontradas dentro do carro em que eles estavam, em avenida no centro da cidade. Menores foram levados para a delegacia.

Dois adolescentes foram apreendidos pela Polícia Militar (PM) na noite desta quinta-feira (13), em Palmas. Com eles os policiais encontraram 50 pílulas de ecstasy dentro do carro. A flagrante foi na avenida LO-01, no centro da capital.

Segundo a PM, os policiais receberam uma denúncia de que traficantes estariam agindo na região e começaram a fazer buscas. Os policiais reconheceram o carro que os menores utilizavam e pararam o veículo. Quando os militares começaram a conversar com os adolescentes, eles ficaram bastante nervosos. Os policiais desconfiaram e resolveram fazer uma busca no carro. Foi quando encontraram os 50 comprimidos coloridos de ecstasy.

As drogas foram apreendidas e os menores foram levados para a delegacia e depois ao conselho tutelar.

G1/To

Quatro são mortos em troca de tiros com a polícia em fazenda no Tocantins

Ação foi na zona rural de Rio da Conceição. No local, PM disse que apreendeu armas, coletes balísticos e outros itens usados para a prática de crimes.

 Quatro suspeitos morreram após uma troca de tiros com a Polícia Militar, na zona rural de Rio da Conceição, região sul do Tocantins. Os policiais chegaram ao local após informações de que havia um grupo de homens armados escondidos em uma fazenda. Segundo a PM, no local foram encontrados armas de fogo, coletes balísticos, luvas e roupas camufladas.

Conforme a PM, quando os militares chegaram ao local os homens começaram a atirar. Houve troca de tiros e os suspeitos foram atingidos. Ainda segundo as informações, os baleados foram levados para o Hospital de Referência de Dianópolis para atendimento médico, mas morreram ao dar entrada na unidade.

Foram apreendidas três armas de fogo, sendo duas espingardas com diversas munições e um revólver calibre 32 também com munições do mesmo calibre, além de coletes balístico, gorros capazes de cobrir do rosto até os ombros, luvas e vestimentas camufladas.

A PM disse que os objetos levantam a suspeita de que os homens se preparavam para cometer crimes. Os mortos ainda não foram identificados.

G1/To

Secretaria de Saúde confirma casos de H1N1 em presídio de Goias

Dois detentos estão com o vírus, mas já estão recebendo o tratamento dentro da unidade. Casa de Prisão Provisória tem dois casos suspeitos.

A secretaria de Saúde de Luziânia, no Entorno do Distrito Federal, confirmou que dois detentos que estão no presídio da cidade estão com o vírus H1N1. Os presos começaram a ter sintomas mais graves durante um surto de gripe dentro do Centro de Inserção Social (CIS) unidade.

Dos cerca de 400 presos, 180 estavam gripados, sendo que quatro estavam com suspeita de H1N1. “Enviamos quatro amostras e duas delas deram positivo para H1N1. Todos esses pacientes foram tratados e o surto de gripe foi controlado”, disse o secretário de Saúde, Watherson Roriz.

A Superintendência Executiva de Administração Penitenciária (Seap) explicou que recebeu apenas dois resultados de exames, sendo que um deu positivo e outro, negativo. O órgão disse que o interno que está com o vírus está isolado e recebendo os cuidados médicos.

Os presos já receberam tratamento dentro do presídio e já apresentaram melhoras, segundo a secretaria, já apresentam melhoras. O órgão explicou que a doença já está sob controle.

Além desses dois casos confirmados, ainda existe a suspeita de outros dois casos de H1N1 na Casa de Prisão Provisória de Luziânia. “Quando fizemos uma vistoria, 43 presos estavam com sintomas de gripe e 27 deles, com suspeita de H1N1. Em dois casos foram colhidas amostras, mas o resultado ainda não chegou”, completou o secretário.

A secretaria explicou que vai imunizar todos os presos contra a gripe durante a campanha nacional de vacinação, que começa na próxima semana.

 G1/Go

PT avalia que ex-presidente Lula pode ser preso em breve

As delações envolvendo o nome de Lula surgem como uma ‘balde de água fria’ na imagem do petista.

As delações dos executivos da empreiteira Odebrecht trouxeram dezenas de revelações sobre como funcionava o esquema de corrupção no governo. A empresa detalhou sobre uma poupança milionária para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Segundo a coluna Radar Online, da revista Veja, a revelação deixou o Partido dos Trabalhadores com a sensação de que, sem foro privilegiado e no alvo de Sergio Moro, a prisão de ex-presidente pode estar mais próxima do que nunca.

A divulgação dos vídeos envolvendo o nome de Lula surge como uma ‘balde de água fria’ na imagem do petista, refere a publicação.

Na terça-feira (11), o ex-presidente afirmou que não teme ser preso e que está à espera de provas que confirmem que ele cometeu algum crime. “Eu estou há três anos esperando e duvido que tenha um empresário nesse país que possa dizer em alto e bom som que algum dia o ex-presidente Lula pediu dinheiro para ele”, disse Lula.

Noticias ao Minuto

Homens encapuzados explodem caixas eletrônicos, mas não acham dinheiro

Cinco homens são suspeitos do crime. Dois equipamentos da agência do Banco do Brasil foram danificados em Brejinho de Nazaré.

Uma explosão na agência do Banco do Brasil em Brejinho de Nazaré, região central do Tocantins, deixou os moradores assustados na madrugada desta quinta-feira (13). Segundo a Polícia Militar, cinco homens encapuzados invadiram o local e provocaram três explosões. Dois equipamentos foram detonados, mas nenhum deles tinha dinheiro.

O crime aconteceu por volta das 2h30 desta madrugada. A polícia disse que não houve tiroteio e nem reféns. Após a explosão, os homens perceberam que os caixas estavam vazios e fugiram logo em seguida.

Os suspeitos do crime estão sendo procurados pela polícia. Até a publicação desta reportagem, ninguém tinha sido preso.

G1/TO

Mulher reage a assalto e amarra suspeito até a chegada da polícia

Vítima disse ter percebido que arma era falsa e decidiu entrar em luta com o suspeito. Caso foi registrado no setor São Miguel em Araguaína, norte do Tocantins.

Uma mulher reagiu a uma tentativa de assalto e conseguiu amarrar o suspeito do crime em Araguaína, norte do Tocantins. O caso aconteceu no setor São Miguel na manhã desta segunda-feira (10). Conforme a Polícia Militar, a vítima entrou em luta corporal com o homem de 22 anos.

A mulher contou à polícia que estava saindo de casa com o marido, quando eles foram surpreendidos pelo criminoso. Ele anunciou o assalto usando uma arma falsa e obrigou o marido a deitar no chão. A vítima disse que percebeu que arma não era verdadeira e decidiu reagir.

Ela começou a lutar com o rapaz e logo depois o marido ajudou a amarrar o suspeito. Ainda conforme a PM, o criminoso acabou sendo agredido por populares antes da chegada dos policiais.

Com o rapaz foi encontrada uma motocicleta roubada e joias, que possivelmente também foram roubadas. O suspeito e os objetos foram levados para a delegacia da Polícia Civil.

 G1/To

Pai confessa que matou a filha com um tiro na cabeça

O crime aconteceu na última sexta-feira (7) em Goianésia. O homem confessou o crime e foi preso no sábado (8).

Marcelo Rodrigues Machado, de 26 anos, foi preso neste fim de semana após confessar ter matado a filha de 1 ano com um tiro na cabeça, em um canavial localizado no Residencial Ipê, no município de Goianésia. De acordo com o titular 15ª Delegacia Regional de Polícia de Goianésia, Marco Antônio Maia, a Polícia Civil foi acionada inicialmente para apurar um sequestro.

“Ele contou que quatro homens em um carro preto tinham sequestrado ele e a menina como vingança contra a família da mãe da criança. Partimos para a investigação acreditando que era a história verdadeira, mas a perícia técnica começou a apontar falhas na história do Marcelo”, conta o delegado. O suspeito foi encontrado com a menina nos braços. O crime aconteceu na última sexta-feira (7).

Segundo Marco Antônio, quando os policiais começaram a contradizer a versão do suspeito e a dizer que ele teria que fazer exames para provar que não havia atirado na criança, ele confessou que levou a filha para o canavial com a intensão de matá-la e depois cometer suicídio. “Ele disse que depois de dar o tiro na cabeça da criança não teve coragem de se matar. Por isso inventou a história. Também disse que teve um surto psicótico. Tudo isso aconteceu depois que ele teve uma briga com a esposa”, afirma o delegado.

Quando Marcelo percebeu que a menina ainda estava viva, tentou chamar ajuda. Ela chegou a ser encaminhada para o Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), em Goiânia, mas morreu depois de passar por cirurgia.

Fonte: emaisgoias