Pentacampeão Marcos deixa a UTI e tem quadro de saúde estável

Marcos descobriu o problema cardíaco há quase um mês.

O ex-goleiro Marcos avançou no processo de recuperação da cirurgia cardíaca realizada na última quinta-feira (20). O ídolo palmeirense deixou a UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e segue o tratamento em um quarto no HCor (Hospital do Coração). O quatro do pentacampeão é estável.

Segundo informação confirmada pelo próprio hospital, Marcos tem evoluído bem na recuperação. O ex-goleiro encontra-se internado desde o dia da cirurgia, mas agora segue o tratamento no quarto, sem a necessidade dos cuidados especiais de uma UTI.

Marcos descobriu o problema cardíaco há quase um mês, depois de passar por exames de rotina. O pentacampeão teve diagnosticada uma alteração na válvula mitral, que gerava um inchaço no coração.

Para corrigir o problema, os médicos recomendaram o procedimento cirúrgico. Na primeira previsão passada pelos médicos, o estafe do ex-atleta previa dez dias para Marcos deixar o hospital. Com informações da Folhapress. 

Noticias ao Minuto

Lutadora defeca no octógono durante luta do UFC

Incidente ocorreu com Justine Kish no combate contra Felice Herrig.

Disputado nesse domingo, o UFC Oklahoma ficou marcado por um momento para lá de atípico: uma lutadora defecou no octógono durante o combate. O incidente ocorreu com Justine Kish, que fez tanta força para se livrar do mata-leão aplicado por Felice Herrig que acabou não conseguindo segurar o “ímpeto fisiolígico”.

Mesmo diante da situação e com o octógono sujo, a luta seguiu até o fim com vitória por pontos de Herrig. No Twitter, Kish usou um trocadilho para brincar com a situação: “Sou uma guerreira e nunca vou desistir. Mer*** acontecer (risos).

Em 2014, o atual desafiante ao cinturão meio-médio do UFC, Yoel Romero, passou pelo mesmo problema e terminou a luta contra Derek Brunson com o calção sujo.

Noticias ao Minuto

Messi é condenado a 21 meses de prisão por tribunal superior espanhol

Jogador e seu pai, Jorge Horacio, foram considerados culpados em caso de fraude.

A Suprema Corte da Espanha condenou o argentino Lionel Messi a 21 meses de prisão. A decisão ocorre após a Justiça de Barcelona ter imposto a mesma sanção, o que fez com que o jogador entrasse com recurso na instância superior.

Messi e seu pai, Jorge Horacio Messi, foram considerados culpados em caso de fraude envolvendo 4,1 milhões de euros entre 2007 e 2009. Jorge, que havia sido condenado também 21 meses pela Justiça de Barcelona, teve a pena reduzida para 15 meses.

A decisão, no entanto, não significa que ambos terão de ficar atrás das grades. De acordo com as leis espanholas, condenados a menos de dois anos de prisão podem cumprir a pena em liberdade condicional. Além disso, Messi terá de pagar multa de 2 milhões de euros e o pai, de 1,5 milhão.

Os atos ilícitos praticados pelo jogador envolvem a utilização de empresas em paraísos fiscais para burlas a o fisco da Espanha. 

Noticias ao Minuto

Inter de Milão faz proposta por brasileiro contestado do Real

Italianos esperam contar com o lateral Danilo na próxima temporada.

A Inter de Milão espera contar com mais um brasileiro na temporada 2017-2018. Trata-se do lateral-direito Danilo, do Real Madrid, para quem os italianos já teriam feito uma proposta, segundo a rádio espanhola Cadena SER – os valores não foram divulgados.

+ Rodada desta quarta tem final na Europa, no Nordeste e muito mais

Danilo foi contratado pelos espanhóis junto ao Porto em 2015 por 31 milhões de euros. Não conseguiu se firmar e, pelo contrário, é constantemente criticado pela imprensa madrilenha quando tem oportunidade de jogar. Ele esteve em campo nas últimas partidas do Real no Espanhol e na Liga dos Campeões devido à lesão do lateral titular, Carvajal.

Noticias ao Minuto

Ex-presidente do Barça é preso em operação que mira em Ricardo Teixeira

A operação acontece na região da Catalunha e Andorra e prendeu ao menos uma pessoa e investigou nove casas.

Uma operação da Polícia Nacional da Espanha prendeu, na manhã desta terça-feira (23), o ex-presidente do Barcelona Sandro Rosell, acusado do crime de lavagem de dinheiro. Segundo a imprensa espanhola, o ex-presidente da CBF Ricardo Teixeira também é alvo da operação, que investiga uma organização criminosa que supostamente cobrava comissões ilegais de direitos de imagem da seleção brasileira.

Segundo o jornal Folha de S. Paulo, a operação acontece na região da Catalunha e Andorra e prendeu ao menos uma pessoa e investigou nove casas.

Noticias ao Minuto

‘Vou ter que ceder espaço para Gabriel Jesus’, diz Agüero

Argentino analisa que, em breve, precisará dar ‘um passo para o lado’ para deixar o brasileiro passar.

Logo que chegou ao Manchester City, Gabriel Jesus tomou o lugar de Agüero, principal goleador e ídolo do clube inglês nos tempos recentes. Mas se machucou e viu o argentino retornar de maneira triunfal, marcando 12 gols em 13 jogos. Após pouco mais de dois meses se recuperando, o brasileiro voltou no clássico contra o Manchester United, na quinta-feira, atuando por alguns minutos e agradando.

Após o jogo, Gabriel recebeu elogios de seu principal concorrente à condição de titular no ataque do City.

“É claro que o Gabriel é um jovem com muito futuro. É por isso que está no City. E eu sei também que está chegando o tempo que eu terei de dar um passo para o lado de deixá-lo passar”, disse Agüero ao The Sun.

“Quando você chega a uma certa idade, começa a sentir a pressão que os jogadores mais jovens fazem. É aí que você precisa encontrar maneiras de ser ainda melhor”, finalizou.

Noticias ao Minuto

Neymar retorna ao Barça em estádio onde já foi vítima de racismo

Brasileiro volta de suspensão em partida contra o Espanyol, neste sábado (29).

Após três jogos de suspensão pelo Campeonato Espanhol, Neymar finalmente retorna ao Barcelona neste sábado (29), contra o Espanyol. E se a punição que agora acaba foi motivada pelo descontrole emocional do jogador, na partida contra o Málaga, agora o atacante será posto novamente a prova. Afinal, nas três vezes em que jogou no estádio Cornellá, local da partida de logo mais, o brasileiro foi vítima de atos racistas por parte da torcida adversária. 

Em 2014, na primeira visita, uma casca de banana chegou a ser jogada em campo. Nas outras duas ocasiões, Neymar teve de ouvir imitações de macaco vindas das arquibancadas.

O técnico Luis Enrique garante, no entanto, que seu camisa 11 está com o emocional em dia, inclusive para aguentar as faltas e as eventuais provocações dos jogadores do Espanyol.

“Neymar é um especialista em aguentar este tipo de situação. Se há um jogador que recebe tantas faltas, e de grande potencial, esse é o Neymar. Ele foi poucas vezes expulso em sua carreira e controla bem as emoções”, pondera o treinador.

Noticias ao Minuto

Lutador do UFC revela ter vendido luta e agora teme pela vida

Tae Hyun Bang vendeu derrota mas acabou vencendo por pontos.

O lutador sul-coreano Tae Hyun Bang procurou a polícia de seu país afirmando temer pela vida. Motivo: ele teria vendido a mafiosos uma derrota para o americano Leo Kuntz no UFC Fight Night 79, em Seul, em 2015, mas acabou vencendo a luta por decisão dos juízes.

Segundo agências de notícias da Coreia do Sul, Bang teria recebido suborno de US$ 90 mil e, inclusive, apostado metade disso na vitória do adversário.

A possibilidade da venda do combate ganha força também pelo fato de as apostas no americano, inicialmente zebra, terem sido altas, inclusive com uma de US$ 1,7 milhão. Agora, Bang estaria sendo ameaçado por aqueles que o subornaram.

Em entrevista ao site MMA Fighting, Leo Kuntz afirmou não ter percebido nada de diferente ao longo da luta. “Para mim, ele não estava lutando como alguém que queria perder. Não acho que ele percebeu que ganhou a luta até que acabou. Eles anunciam a decisão dividida, levantam as mãos e ele estava chocado”, afirmou o norte-americano.

As autoridades sul-coreanas estão investigando o caso. 

Noticias ao Minuto

Botafogo elimina o Fluminense e encara Vasco na final da Taça Rio

Agora, o Botafogo encara o Vasco na final do segundo turno do Campeonato Carioca.

Botafogo e Fluminense usaram times reservas na semifinal da Taça Rio. Melhor para o Alvinegro, que não tomou conhecimento do rival e ganhou por 3 a 1 neste sábado, no Estádio Nilton Santos (Engenhão). Igor Rabelo, Dudu Cearense e Sassá marcaram para os donos da casa. Destaque para a comemoração do camisa 9, que contou com a famosa ‘sarrada no ar’. Richarlison descontou para o Tricolor.

Agora, o Botafogo encara o Vasco na final da Taça Rio. Na decisão, não há qualquer vantagem e, em caso de empate, a decisão será definida nas cobranças de pênaltis. Antes, o Alvinegro encara partida importante pela Libertadores, na quarta-feira (12), contra o Atlético Nacional-COL, em Medelín.

JOGO

O placar do duelo entre Botafogo e Fluminense foi aberto logo no primeiro minuto do primeiro tempo com o zagueiro Igor Rabelo, que bateu continência na comemoração. O gesto foi criado no ano passado, quando ganhou o apelido de ‘general’ ao ser emprestado ao Náutico.

Dudu Cearense que viveu status de capitão por um dia, ampliou para o Botafogo com um gol aos 26 minutos do primeiro tempo. O problema é que o jogador estava em posição de impedimento com outros três companheiros. Gol ilegal ignorado pelo trio de arbitragem.

Com 2 a 0 no placar, o Botafogo voltou no segundo tempo com vontade de vencer a partida e Sassá praticamente definiu a classificação ao marcar o terceiro gol, com muita qualidade. O atacante girou em cima de Frazan e chutou forte no canto para estufar a rede.

Técnico do Fluminense Abel Braga lançou alguns titulares ao campo para tentar reverter o placar de 3 a 0. Richarlison entrou e teve boa atuação. O jogador foi derrubado por Fernandes dentro da área e efetuou a cobrança. Apesar do gol, foi muito tarde para uma reação.

BOTAFOGO

Gatito; Fernandes, Renan Fonseca, Igor Rabelo e Gilson; Dudu Cearense, Lindoso (Matheus Fernandes), João Paulo e Camilo; Guilherme (Pachu) e Sassá (Vinicius Tanque)

T.: Jair Ventura

FLUMINENSE

Diego Cavalieri; Luiz Fernando (Richarlison), Frazan, Reginaldo e Marquinhos Calazans; Douglas (Sornoza), Orejuela, Marquinho; Lucas Fernandes, Marcos Jr (Osvaldo) e Pedro

T.: Abel Braga

Com informações da Folhapress.

Noticias ao Minuto

Grupo francês acerta compra da gestão do Maracanã

CEO da empresa entregará, na sexta, documento ao governo do Rio e aos executivos da Odebrecht.

Responsável por mais de 60 arenas no mundo, a francesa Lagardère assinou na tarde desta quarta-feira (5) o acordo para administrar o Maracanã. Nesta sexta (7), o CEO da empresa no Brasil, Aymeric Magne, vai entregar o documento ao governo do Rio e aos executivos da Odebrecht.

Magne chegará de Paris também com um cheque de cerca de R$ 15 milhões para custear reformas emergenciais no estádio.No total, a Lagardère vai investir mais de R$ 500 milhões até o final da concessão, vencida pela Odebrecht em 2013 com validade para 35 anos.

Após a assinatura do memorando de entendimento na sexta, que define todos os detalhes do acordo, as duas partes terão mais 20 dias para viabilizar financeiramente o negócio. A previsão é que a Lagardère comece a operar o estádio até o final do mês.A Odebrecht classifica a assinatura do acordo na sexta como o “noivado”. Para a empreiteira, o “casamento” virá após o prazo de 20 dias, quando executivos das duas empresas finalizarão o negócio.

Em 2013, a Odebrecht junto com a AEG e a IMX, de Eike Batista, venceram a licitação para administrar o estádio por 35 anos.O consórcio ofereceu R$ 5,5 milhões por ano como outorga para exploração do estádio. A empresa nunca pagou essa quantia.

O grupo alega que a operação do estádio foi inviabilizada pela proibição da derrubada do Parque Aquático Julio de Lamare e da pista de atletismo que fazem parte do complexo esportivo, anunciadas pelo governo após a conclusão da licitação.

Na época, a Lagardère ficou em segundo lugar. A empresa estava associada com a OAS e a Amsterdan Arena.

Antes de ganhar a licitação para administrar o estádio, a Odebrecht participou da reforma do Maracanã. A construtora fez a obra junto com a Andrade Gutierrez. Na época, o Estado pagou cerca de R$ 1,2 bilhões para as construtoras.Em junho, executivos da Odebrecht afirmaram a procuradores da Lava Jato, em tratativas para negociar sua delação premiada, que o ex-governador do Rio Sérgio Cabral (PMDB) cobrou propina em obras como o metrô e a reforma do Maracanã para a Copa de 2014; ele nega.

Desde o ano passado, o estádio estava com o seu futuro incerto. Há cerca de um ano, a Odebrecht já havia anunciado que queria sair da operação do estádio. Em outubro, a empresa entrou com um pedido de arbitragem na FGV (Fundação Getúlio Vargas) para devolver o espaço ao governo, que enfrenta uma grave crise financeira.

Até o final do ano, o estádio foi cuidado pelos organizadores dos Jogos. Com a saída do comitê da administração, a arena ficou sem um responsável formal.No início do ano, peças históricas foram furtadas, como o busto do jornalista Mário Filho, que dá nome ao estádio.

Em fevereiro, o Palácio Guanabara autorizou a venda da participação da Odebrecht no consórcio. Duas empresas francesas (GL Events e Lagardère) se interessaram. No dia 23, a GL comunicou a sua saída da disputa. A partir daí, o acerto com a Lagardère era questão de tempo. Com informações da Folhapress e noticias ao minuto.