CLÁUDIA DEFENDE HOSPITAL DE URGÊNCIA EM PALMAS

claudia lellisA pré-­candidata à prefeitura de Palmas pelo PV, a vice­-governadora do Estado, Cláudia Lélis, percorrer os corredores e dependências do Hospital Geral de Palmas (HGP), e decidiu para averiguar como estão as condições e atendimento; acompanhada pelo secretário de Saúde, Marcos Musafir, a vice recebeu diversas reclamações, um dia especialmente ruim, pela queda da qualidade da comida servida pela empresa Litucera no Hospital; ela defendeu que Palmas tenha seu hospital de emergências; “Dá para assumir os traumas, por exemplo, de acidentes de trânsito, acidentes domésticos. Coisa de baixa complexidade. O que for de alta, e apenas esses casos, deveriam ser encaminhados ao HGP”

A pré-­candidata à prefeitura de Palmas pelo PV, a vice­-governadora do Estado, Cláudia Lélis,percorrer os corredores e dependências do Hospital Geral de Palmas (HGP), e decidiu para averiguar como estão as condições e atendimento. Acompanhada pelo secretário de Saúde, Marcos Musafir, a vice recebeu diversas reclamações terça­-feira (22), um dia especialmente ruim, pela queda da qualidade da comida servida pela empresa Litucera no Hospital.

A vice-governadora disse ter recebido do secretário a garantia de que está trabalhando “para regularizar essa situação, mas o que a gente pode ver é que por mais que se faça, esse hospital não foi projetado para o atendimento que está fazendo. Não dá, ele não suporta”.

“A informação que eu tive no começo da semana é de que não existiam pacientes no corredor. Já ontem, quando eu estive lá, já tinha 26 pacientes nessas condições. Por que isso? Porque não pára de chegar gente, e muitos casos poderiam ser resolvidos por um hospital de emergências,que a prefeitura poderia assumir”, disse Claudia.

Apesar de ter sido informada de que o município tem um convênio com o Estado para atendimento das emergências, ela defendeu que Palmas tenha seu hospital de emergências. “Dá para assumir os traumas, por exemplo, de acidentes de trânsito, acidentes domésticos. Coisa de baixa complexidade. O que for de alta, e apenas esses casos, deveriam ser encaminhados ao HGP”, defendeu.

A promessa da construção de um Hospital de Urgências havia sido feita pelo prefeito da capital tocantinense, Carlos Amastha, durante a última campanha para prefeitura de Palmas. Mas ele recuou quando soube do custo de manutenção de um hospital desta envergadura.

“Aí é uma questão de opção, de escolha de uma gestão. O que eu entendo, é a mesma coisa que eu tenho ouvido de profissionais da área da Saúde: não tem governo que dê conta de um hospital sobrecarregado como o HGP. O município tem recursos e pode buscar outros recursos federais para assumir essa responsabilidade. Entendo que é possível sim”, defendeu.

Outro lado

Em nota enviada ao T1 Notícias, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) informou “que já realizou o pagamento de mais de R$ 15,9 milhões este ano para a empresa Litucera LTDA, responsável pela alimentação nas unidades hospitalares”.

“Destes R$ 2,5 milhões foram pagos na última sexta­feira, 18/03. A Sesau informa ainda que o contrato com a empresa está sendo revisto e que já solicitou que esta retome o fornecimento regular da alimentação nos hospitais”.

http://www.brasil247.com/

Salah Abdeslam quer ser levado para a França o mais rápido possível

Envolvido no ataque a Paris, ele diz que tinha intenção de se explodir.
Jihadista foi preso na Bélgica na sexta-feira.

belgium-france-attack_fran
Salah Abdeslam em foto não datada (Foto: Belgian Federal Police via AP)

O advogado de Salah Abdeslam, suspeito de ter participado dos atentados de Paris, afirmou nesta quinta-feira (24) que o seu cliente quer ser extraditado “o mais rápido possível”, de acordo com a CNN e com o jornal francês Le Monde.

Abdeslam, detido na sexta-feira (18) em Bruxelas, não está cooperando com a polícia belga, informou a CNN.

Segundo o advogado dele, Sven Mary, Abdeslam não sabia dos atentados de Bruxelas, que deixou ao menos 31 mortos e 270 feridos na terça-feira (22).

O Le Monde afirmou que o jihadista não deve ser ouvido oficialmente antes de 7 de abril.

Salah Abdeslam afirmou aos investigadores belgas que “queria se explodir” no dia 13 de novembro, em Paris, mas depois “desistiu”, declarou neste sábado (19) o procurador de Paris em coletiva de imprensa.

“Estas primeiras declarações, que devem ser tomadas com cautela, deixam pendentes toda uma série de perguntas”, completou François Mollins. Salah Abdeslam, suspeito-chave nos atentados que deixaram 130 mortos na capital francesa, “terá que dar explicações” a respeito, declarou o procurador.

O suspeito, de 26 anos, “neste ponto da investigação, parece ter tido um papel central na constituição dos comandos do 13 de novembro, na preparação logística dos atentados, além de ter estado ele mesmo presente em Paris no 13 de novembro”.

Sua detenção é “um avanço muito importante” para a investigação, considerou Molins. “As pesquisas continuam sem pausa, na França e na Bélgica”, para identificar “todos os atores” dos ataques.

http://g1.globo.com/

Aécio diz que é “inaceitável o que está acontecendo” e internautas não perdoam

Senador falava de discurso “alarmista e distante da realidade” que Dilma fez para embaixadores; internautas cobraram Aécio

aécio
André Lucas Almeida/Futura Press – 13.03.16 O senador Aécio Neves fez um tuíte controverso nesta quarta-feira (23) e a internet não perdoa

O senador Aécio Neves deu um tiro no próprio pé no Twitter na tarde desta quarta-feira (23). Ao postar “É inaceitável o que está acontecendo”, Aécio imediatamente começou a receber uma chuva de respostas de internautas. “Meu amigo, inaceitável é você falar bosta sobre o atual governo quando seu nome está em todas as listas de propina já publicadas”, publicou uma usuária.  “O quê? Seu nome em tudo que é podridão? É mesmo! Votei no senhor é estou muito decepcionada. Nunca mais”, disse outra internauta. Em uma hora, o tuíte de Aécio já havia sido retuitado cerca de 2 mil vezes.

tuitwe
Reprodução/Twitter Senador criticou o tom “alarmista e absolutamente distante da realidade” no discurso de Dilma

O senador se referia à ação promovida pela presidente Dilma na última terça-feira (22). Segundo o presidente nacional do PSDB, Dilma convidou embaixadores para irem ao Palácio do Planalto para “ouvir um discurso alarmista e absolutamente distante da realidade como se o Brasil estivesse prestes a sofrer um golpe de estado”.

Enquanto alguns usuários da rede social mantiveram o tom sério de cobrança ao senador, outros se engajaram numa brincadeira de escrever coisas que são inaceitáveis de estarem acontecendo seguidos no tuíte de Aécio. “Sense8 apenas em 2017”, “Amanhã eu ter aula”, “Açaí a 20 reais o litro”, “Eu ter pego o ônibus errado de novo”, são algumas das reclamações bem-humoradas dos internautas.

http://ultimosegundo.ig.com.br/

UBER X TÁXI: Motorista da Uber denuncia perseguição por taxistas

uber msgOs conflitos entre motoristas da Uber e taxistas está cada vez mais acirrado. Na madrugada desta quarta, 23, o grupo do WhatsApp SOS Uber Gyn, criado pelos motoristas que trabalham pelo aplicativo em Goiânia, registrou um pedido de socorro de um motorista que estava sendo perseguido por taxistas, no setor Marista. No áudio  o motorista diz que teve que entrar na contramão para fugir dos taxistas e evitar a agressão.

Desde que Uber passou a funcionar em Goiânia, os motoristas que trabalham pelo aplicativo reclamam de ameaças sofridas pelos taxistas, que se sentem prejudicados pela concorrência que eles consideram desleal. A principal reclamação dos motoristas de táxi é que eles recolhem taxas que não são cobradas aos motoristas da Uber o que torna o valor do serviço prestado pelo aplicativo mais barato que o cobrado pelos taxistas.

Fonte: G1/http://etudonoticia.com/

COVARDIA: Idoso é assaltado, agredido e morto

idosoUm idoso foi assassinado após ter sua residência invadida por assaltantes no Parque Estrela Dalva II, em de Luziânia, cidade que fica a 200 quilômetros de Goiânia. Segundo informações da Polícia Militar, a vítima identificada como Walter Carlos Barbosa da Silva de 75 anos estava em casa quando dois criminosos entraram no residencia, agrediram e mataram o idoso. Após o crime, os bandidos fugiram a pé com vários aparelhos eletrônicos.

De acordo com informações do delegado Dr. Bruno Van Kuyk, Walter morava sozinho e foi encontrado dentro do quarto. “Foi uma morte violenta, havia indícios de agressão física e pela forma que encontramos o corpo, ele pode ter sido asfixiado”, explica o delegado.

Os bandidos levaram uma TV, aparelho de som, vários objetos pessoais e até mesmo a carne que estava na geladeira. O corpo do idoso foi recolhido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Luziânia. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Fonte: G1/http://etudonoticia.com/

Professores de Gurupi recebem 20% de progressão salarial

O Prefeito de Gurupi, Laurez Moreira, assinou decreto que concede a progressão vertical aos professores da rede pública municipal de ensino. O reajuste salarial é de 20% e vai beneficiar 142 professores que estão dentro dos requisitos.

A assinatura aconteceu na noite desta terça-feira, 22, em Gurupi, na presença de servidores e sindicalistas da Educação.

“Além desta progressão inédita na história de Gurupi, vamos também conceder outros 8% de reposição salarial no próximo mês. A Educação é a base da sociedade e os professores são o alicerce desta construção nova que queremos para as nossas crianças e jovens” – destaca o prefeito.

15 anos de espera

O Secretário da Educação, Eurípedes Fernandes, ressalta o compromisso da gestão com os servidores.  “O que o prefeito está concedendo hoje aqui é um sonho de vários professores. Muitos esperaram mais de 15 anos por esse beneficio da progressão que consta no plano de carreira”, comemora.

professo.gurupiReconhecimento

Dados da Secretaria de Educação mostra que somente nos últimos três anos, somando os benefícios concedidos para os professores houve um acréscimo salarial de 68%.

Para o presidente da Associação de Servidores Públicos Municipais de Gurupi, Antônio Neto, “a gestão do prefeito Laurez Moreira é para nós, uma grande conquista pois, até hoje, tudo que pedimos à ele, a Prefeitura nos concedeu. Só temos a agradecer” – assegurou o presidente.

profess gurupi 1“A progressão é uma verdadeira conquista para a nossa classe. O prefeito mostra esse olhar de valorização aos professores municipais”, acrescenta a professora da escola Orlindo Pereira da Mota, Arlena Figueiredo.

http://www.atitudeto.com.br/

Ovo de Páscoa de colher fit

ovo_de_Pascoa_fitIngredientes

80 a 100 g de chocolate em barra 70% cacau

1 colher (sopa) de pasta de amendoim

Forma de ovo de Páscoa um pouco maior que Kinder Ovo

Modo de preparo

Primeiro, derreta o chocolate no micro-ondas. Coloque de 30 segundos em 30 segundos para não queimar ou, se preferir, derreta em banho-maria. Então, pegue uma forminha de ovo de Páscoa e espalhe o chocolate derretido com ajuda das costas de uma colher. Deixe endurecer no congelador por 10 minutos. Retire do congelador e repita com mais uma camada de chocolate e volte ao congelador por mais 10 minutos. Depois desse tempo, retire do congelador novamente e preencha com o recheio que quiser. A minha sugestão é o beijinho funcional — receita abaixo! Mas você também pode rechear com a Musse de Maracujá Dukan, que já ensinamos aqui na Revista Fit, conforme o recheio da foto.

Beijinho funcional

ovo_de_pascoa_fit_vcom-musse_de-maracuja_dukanIngredientes

1 inhame cozido e descascado

2 colheres (sopa) de leite em pó desnatado

2 colheres (sopa) de óleo de coco

1 colher (sopa) de adoçante em pó forno e fogão

1/4 xícara de leite desnatado

3 colheres (sopa) de coco ralado

Modo de preparo

No processador ou liquidificador, bata todos os ingredientes até virar um creme homogêneo. Em seguida, despeje-o em uma panela e deixe cozinhar em fogo baixo. Mexa sempre, usando uma colher de pau, até desgrudar do fundo. Espere esfriar bem para rechear seu ovo de Páscoa.

http://www.revistafit.com/

Médicos usam ‘medicina de guerra’ nas vítimas de atentados de Bruxelas

A consequência destas lesões é que, para salvar as vítimas, é preciso praticar uma medicina mais comum a um campo de batalha do que a uma cidade europeia como Bruxelas

Corpos mutilados, membros dilacerados e ferros cravados na carne: os médicos que desde terça-feira tratam as vítimas dos ataques em Bruxelas enfrentam uma verdadeira “medicina de guerra”. “São ferimentos de guerra, membros arrancados, fraturas, traumatismo craniano, queimaduras”, explica Jacques Creteur, chefe do setor de cuidados intensivos do hospital Erasme de Bruxelas, onde são tratados 16 vítimas dos ataques de terça-feira no aeroporto e metrô da capital belga. “O mais difícil é que todos eles são vítimas inocentes”, diz.

Três pacientes lutavam nesta quarta-feira entre a vida e a morte neste hospital, um dos muitos que cuida das vítimas. O último balanço oficial é de 31 mortos e 270 feridos, muitos deles gravemente. “Tivemos pacientes que chegaram com membros mutilados, impactos de detritos ou estilhaços de vidro que voaram de uma bomba ou de objetos que explodiram”, explica Creteur.

A consequência destas lesões é que, para salvar as vítimas, é preciso praticar uma medicina mais comum a um campo de batalha do que a uma cidade europeia como Bruxelas. “Em muitos pacientes tivemos que aplicar o que chamamos de ‘controle de danos’, que pode significar uma primeira operação para parar uma hemorragia, ou, no caso de um membro completamente destruído, uma operação para colocá-lo simplesmente no lugar, nada mais”, explica o médico.

Nos pacientes mais graves, tentar curar muitas lesões em uma única operação é muito arriscado, porque a perda de sangue ou complicações podem colocar suas vidas em perigo. Os médicos preferem estabilizar os pacientes neste primeiro momento de tratamento. “Trata-se de cirurgia de guerra, nas forças armadas os médicos são especialistas em controle de danos”, diz Creteur.

Para complicar ainda mais a situação, o efeito sobre o corpo humano de uma explosão dessa magnitude pode ter consequências que não são detectadas no início. Este é o caso da onda de choque, o que pode afetar o cérebro, pulmões ou intestinos.

Corrida contra o relógio

Encontrar as lesões é uma corrida contra o relógio para os médicos, que recorrem a exames de corpo inteiro para detectar danos antes que seja tarde demais. Ao mesmo tempo, para as vítimas mais graves, sobreviver é apenas o primeiro passo, porque as consequências podem ser sentidas para toda a vida, dizem os médicos.

Em muitos casos, vão precisar de anos fazendo reabilitação. Adicionado a isso, há o risco de depressão e estresse pós-traumático depois de viver um ataque, o que por vezes impede as vítimas de estar em um lugar com muitas pessoas ou entrar em um trem, por exemplo.

No hospital Erasme, os médicos já receberam casos graves -como acidentes de carro, explosões de gás – mas nunca envolvendo tantas vítimas ao mesmo tempo, com todo o impacto emocional que isso implica.

Christian Melot, o chefe do setor de emergência do Erasme, explica um dos casos que mais o marcou: o de um homem jovem com ferimentos graves que chegou ao hospital.

Naquele dia, sua mãe lhe telefonou para dizer que havia ocorrido um ataque no aeroporto e que não pegasse o metrô. “E ele disse ‘mas isso aconteceu em Zaventem, não tem nada a ver com o metrô’. Então ele pegou o metrô e foi ferido na explosão na estação de Maalbeek”, relatou Melot.

“Um conjunto de circunstâncias realmente incrível, mas infelizmente foi o que aconteceu”, lamentou.

http://www.correiobraziliense.com.br/

A ciência adverte: é mais saudável comer os chocolates da Páscoa todos de uma vez

Pelo menos, para a sua saúde bucal

ovaoSim, é oficial. É mais saudável comer todos os ovos seu chocolate de Páscoa de uma só vez do que tentar comê-los ao longo do dia. Pelo menos para a sua saúde bucal.

Especialistas de higiene oral do site TePe afirmam que é uma ideia muito melhor ingerir todo o chocolate de uma só vez. Isso porque nossas bocas levam entre 20 minutos e duas horas para reequilibrar os ácidos na nossa boca causada após a ingestão de açúcar. Por isso, ao optar por comer chocolate ao longo do dia, e não de uma vez, seus dentes vão estar sob “ataque constante”.

Os especialistas do site TePe também recomendam que p consumo de ovos de chocolate seja imediatamente após uma refeição, de modo que todo o dano ácido é limitado a menos sessões e os dentes têm mais tempo para se recuperar.

Agora, só não sabemos se o mesmo método é uma boa ideia para os seus níveis de açúcar no sangue — e para a dieta.

http://www.opopular.com.br/?ref=logo

Quimioterapia afeta mais a fertilidade de meninos, afirma estudo

Cientistas dos EUA chegaram à conclusão após acompanhar 10.938 crianças submetidas ao tratamento contra cânceres. A terapia pode, na vida adulta, reduzir o número de espermatozoides e, nas mulheres, acelerar a menopausa

feto
Isabela de Oliveira /

Há uma geração de adultos com motivos a mais para se preocupar com a saúde reprodutiva: a dos sobreviventes de cânceres durante a infância. E o cenário é mais delicado para os homens, indica um estudo publicado hoje na revista The Lancet Oncology. Para as mulheres, o impacto da quimioterapia na probabilidade de engravidar é geralmente pequeno, e a maioria das antigas pacientes tem boa chance de conceber. Eles, por outro lado, enfrentam mais dificuldade para gerar filhos, especialmente se tiverem sido tratados com doses altas de drogas da classe alquilantes  — que se ligam ao DNA da célula doente e impedem que ela continue se reproduzindo.

Liderada por Eric Chow, do Fred Hutchinson Cancer Research Center, nos EUA, a pesquisa é baseada em dados do projeto Childhood Cancer Survivor Study, que acompanhou pessoas com menos de 21 anos diagnosticadas com as formas mais comuns de câncer infantil: todos os tipos de leucemia, tumores do sistema nervoso central, linfoma, tumor nos rins, neuroblastoma, sarcoma de tecido mole e tumor nos ossos. Os pacientes foram tratados em 27 centros de saúde dos EUA e do Canadá entre 1970 e 1999.

A equipe de Chow analisou o impacto de 14 quimioterápicos comumente prescritos sobre 10.938 pessoas. Os dados foram comparados com os de 3.949 irmãos saudáveis delas. O estudo analisou, especificamente, sobreviventes tratados com quimioterapia e que não receberam radioterapia na pelve ou no cérebro. Aos 45 anos, 70% das ex-pacientes tinham engravidado, em comparação a mais de 80% das irmãs delas. Entre os homens, a taxa foi substancialmente menor: 50%, contra 80% dos irmãos. No caso deles, a probabilidade de gerar uma criança diminuiu à medida que aumentaram as doses cumulativas de fármacos alquilantes — ciclofosfamida, ifosfamida, cisplatina e procarbazina — no tratamento durante a infância.

Presidente da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (Sboc), Gustavo Fernandes explica que os medicamentos têm como efeito colateral lesões no DNA dos pacientes. “As células primordiais do testículo estão entre as mais afetadas. Elas, assim como os ovários, podem sofrer lesões que se perpetuam para o futuro. No entanto, nos ovários, atuam menos, pois lá os óvulos estão em repouso. Os espermatozoides, não: estão sempre se replicando. Por isso, é natural e até esperado que os homens sofram mais com o tratamento”, detalha o médico.

Os resultados da equipe de Chow são consistentes com estudos anteriores, mostrando o impacto maior sobre os homens, como menor contagem de espermatozoides e volume testicular reduzido. Os autores ressaltam que a dose de ifosfamida capaz de prejudicar os meninos é muito menor do que a considerada de alto risco pelas diretrizes atuais. Nas mulheres, as substâncias mais danosas foram busulfan e lomustine. A dificuldade foi maior entre aquelas que preferiram engravidar depois dos 30 anos. É possível que a exposição à quimioterapia acelere o esgotamento natural dos óvulos e acelere a menopausa.

Pacientes especiais
A preocupação com a fertilidade é maior entre as crianças com cânceres porque elas não podem ser submetidas a todas as intervenções disponíveis aos adultos. Maurício Chehin, especialista em reprodução assistida do Grupo Huntington, em São Paulo, explica que meninas que não atingiram a puberdade não podem fazer tratamentos voltados para óvulos e embriões. “As pré-púberes, no entanto, podem congelar o tecido ovariano”, explica. O material, no futuro, é implantado na paciente que deseja engravidar.Os meninos também não podem ser estimulados para preservar o sêmen. “Mas, se já atingiram a puberdade, é possível coletar e congelar. Uma vez que é criança, contudo, sobraria apenas congelar o tecido testicular. O problema é que, ainda hoje, não existe nenhuma criança nascida da preservação desse tecido. É uma técnica experimental, assim como a utilizada com as meninas. Apesar disso, existem mais de 60 nascidos vivos no mundo graças ao transplante de tecido ovariano”, pontua Chehin.

http://www.correiobraziliense.com.br/
Correio Braziliense