Prefeitura de Palmeirópolis inicia campanha de conscientização contra queimadas e incêndios florestais

Entra ano, sai ano e durante o inverno, as paisagens sofrem com as queimadas.

As consequências são muitas e todas elas catastróficas, prejudicando o meio ambiente, o ar que respiramos a saúde das pessoas e dos animais.

A Prefeitura de Palmeirópolis através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Saneamento, com base no valor cuidar do nosso município, lança anualmente uma campanha de conscientização sobre o combate a queimadas. Com o tema, “Palmeirópolis Sem Fogo”.

A campanha de Prevenção e Combate às Queimadas causadas pelo uso indevido do fogo, busca a educação e a conscientização da população para a necessidade de preservar o Meio Ambiente sobre as consequências do emprego do fogo.

Quais as principais consequências das queimadas?

  • Emissões de gases tóxicos que prejudicam o meio ambiente e a saúde humana
  • Problemas de saúde como infecções do sistema respiratório e desordens cardiovasculares
  • Efeitos psicológicos e custos econômicos
  • Redução da produtividade

Como evitar queimadas?

  • Não queime o lixo e faça o descarte no lugar certo
  • Não jogue cigarro próximo à vegetação
  • Não faça fogueira em áreas verdes
  • Procure outros métodos para limpeza de terreno e renovação de pastagem

Esta campanha teve início no mês de junho, na 3º Semana do Meio Ambiente, onde foram desenvolvidas nas escolas municipais e estaduais palestras, apresentações, gincanas voltadas para essa temática.

Fez parte desta campanha distribuições de folders e cartilhas nas feiras, mercados, instituições públicas e privadas para disseminar sobre a importância da prevenção e combate às queimadas e incêndios florestais.  

Acompanhe a campanha nos veículos de comunicação e compartilhe o conteúdo nas redes sociais, combata queimadas e proteja a vida.

Em caso de incêndios, ligue 3386 1813.

Seja consciente, pense em todos. Queremos Palmeirópolis fora dessa situação!

Com informações de Jéssica Cangussú/Secretária de Meio Ambiente

Mutirão previdenciário em Palmeirópolis resulta em 82 audiências realizadas

A ação foi coordenada pela diretora do Foro, juíza Ana Paula Araújo Toríbio.

A Comarca de Palmeirópolis finalizou, nesta quinta-feira (21/6), o mutirão de instrução e julgamentos de processos previdenciários. Ao todo foram realizadas 82 audiências e 79 sentenças proferidas.

A magistrada destacou que a realização de mutirões imprime celeridade aos processos e contribui para o cumprimento da Meta 1 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

“É uma satisfação imensa ver o Fórum cheio de alegria dos requerentes, principalmente quando um deles consegue o benefício pleiteado. É também possível estar ainda mais próximo daqueles que buscam o Poder Judiciário”, afirmou.

Para o advogado Dieggo Navarro, o mutirão torna mais célere e eficiente a prestação jurisdicional previdenciária. “Os resultados sempre são positivos para ações como essa desenvolvidas pela Comarca”, disse.

Foto: Divulgação

Durante os dias de mutirão foram julgados processos de aposentadoria rural por idade, aposentadoria urbana por idade, salário maternidade e pensão por morte de trabalhador rural.

Ascom Fórum

Sebrae percorre 14 cidades do Tocantins para estimular empreendedores, Palmeirópolis está entre elas

Turismo, Pequenos Negócios Rurais e Vendas são os temas das palestras.

Durante os meses de junho e julho, o Sebrae Tocantins estará em 14 cidades do estado com o Projeto Sebrae Presente. O microempreendedor individual, pequeno empresário ou potencial empreendedor terá contato com Palestrantes de renome Nacional, além do atendimento dos Analistas do Sebrae Tocantins nos ramos de vendas, negócios rurais e turismo.

Com objetivo de orientar os pequenos empresários sobre os conhecimentos, habilidades e atitudes do empreendedor, além de apoiar a sustentabilidade dos pequenos negócios do Tocantins.

O Analista Técnico do Sebrae Tocantins, Bruno Vila Verde, ressalta a importância desse projeto no estímulo ao mercado tocantinense. “A finalidade é estimular o empreendedorismo através da promoção da educação e da cultura empreendedora, com excelência no atendimento ao cliente. Demonstrar a importância da boa gestão e das atitudes empreendedoras para o sucesso de um negócio, para despertar nos participantes a importância de estar atento a todas às oportunidades e exigências do mercado”, destacou.

A primeira etapa do Evento já passou por Santa Rosa e Natividade e segue adiante pela região Sudeste e Sul do Tocantins. Tanto os Produtores Rurais quanto os empresários recebem dicas diretas do palestrante Adroaldo Lamaison que se vale de paródias musicais para o repasse de sua experiência profissional.

Faz parte da educação empreendedora abordar as características e como desenvolvê-las para com inovação ampliar os negócios do campo e na cidade. Em Palmeirópolis a palestra acontecerá às 14 horas desta terça-feira 26, na Câmara Municipal da cidade.

Agenda Sebrae Presente

20 de junho – Combinado

20 de junho – Taguatinga

21 de junho – Dianópolis

25 de junho – Almas                 

26 de junho – Palmeirópolis

28 de junho – Formoso

29 de junho – Araguaçu

03 de julho – Miracema

04 de julho – Miranorte

05 de julho – Lagoa da Confusão

06 de julho – Aliança

06 de julho – Fátima

https://goo.gl/QaJpHT

Palmeirópolis: Reunião marca início de implantação de Campus Avançado do IFTO

Reunião discutiu a implantação do Campus presencial do IFTO em Palmeirópolis ano que vem.

Foi dado o primeiro passo para o projeto de implantação do Campus do Instituto Federal do Tocantins (IFTO) no Município de Palmeirópolis. Modalidade Universidade Aberta do Brasil (UAB).

Na manhã de quarta-feira (13), aconteceu uma reunião no auditório da Câmara Municipal da cidade para tratar do projeto de implantação do Campos da UFTO em Palmeirópolis.

A reunião contou com a presença do prefeito Fábio Vaz, da primeira dama Ana Paula, do presidente da Câmara William Marques, vereador Nilson Rodrigues, Hildene Tóquio, professor Daniel Rosa, Raimundo Nonato, diretores de escolas, secretário de Educação do município Bartolomeu Moura Junior, da saúde Nelio Oliveira, empresários, secretários em geral e professores.

O secretário de educação do município e presidente da UNDIME Bartolomeu Moura Junior, falou emocionado de ver mais um sonho realizado em Palmeirópolis. Ele que luta há anos em busca de uma faculdade presencial na cidade falou a nossa equipe. “É um sonho de quem é professor, quem é educador sente-se vitorioso. Quando eu era diretor da escola Oneides em 2011, 2012, entramos em contato com Madson com este ideal de implantar um Polo de educação técnico superior em Palmeirópolis. Na época, não tivemos êxodo, porque precisava da parceria do município. Hoje estamos vendo um sonho se realizar, isso é gratificante”, afirmou Bartolomeu. 

O prefeito de Palmeirópolis Fábio Vaz, explicou que a reunião foi um avanço para concretizar um Campus Avançado da IFTO na cidade.

“Desde 2013 estamos buscando implantar aqui este Campus, já temos EAD configurado em IFTO, mas nós queríamos um presencial, e que ele fosse avançado, esta reunião trouxe esta realidade”, disse.

O prefeito afirmou ainda que está aguardando a portaria para dar início a faculdade avançada. E que toda equipe está trabalhando na escolha dos cursos que enquadra à região, todo um portfólio para desenvolvimento e escolha de cursos, onde vai subsidiar de informações atualizadas tanto de Palmeirópolis como as regiões circunvizinhas desde de população, PIB, número de comercio, indústria e renda salarial, todo um conjunto de informações. “Já temos o terreno, a reunião foi aquela que chegamos para bater o pênalti”, concluiu o prefeito. 

Madson Souza coordenador de Apoio e Educação a Distância do Instituto Federal do Tocantins disse que a autorização do processo de implantação do Campus Avançado já existe, agora é fazer o levantamento na região para saber quais são os cursos a serem ofertados. ”Existe a possibilidade de se iniciar ano que vem, vamos atrás de informações precisas, um planejamento para saber a demanda. Temos uma autorização, uma proposta verbal, mas vamos deixar tudo pronto e aguardar a portaria”, enfatizou.

Doação do terreno

O empresário Guaraci Edmilson Coelho Cosmo, doou o terreno de 2 alqueires e meio para construção do Campus no Jardim Alice em Palmeirópolis. Ele relatou que alguns anos atrás, o vereador Nilson Rodrigues o procurou e disse que tinha um projeto de abrir uma faculdade, e precisava de uma área. 

“Já faz uns três anos, seu Nilson me perguntou se eu não teria um terreno, daí eu disse que sim, e perguntei qual o tamanho precisava, ele me falou em meio alqueire para construir a faculdade, uma área de cinco ou seis lotes. Participando das reuniões, descobri que precisavam de um terreno maior, aí a prefeitura se dispôs a doar um pedaço perto do meu, vou doar a diferença, dois alqueires e meio para construir a sede”, explicou.

Questionado porque fez a doação, Edmilson disse que pensou no desenvolvimento do município e da região.

“Eu estava analisando, o empreendimento vai ser grande, aproximadamente (dois mil metros quadrados) de obras, um prédio de dois andares, é uma faculdade mesmo, vai alavancar a nossa economia, por isso não hesitei em doar o terreno”, explicou. 

O vereador professor Daniel Rosa, que é representante da deputada federal professora Dorinha relatou que ela (Dorinha), tinha conseguido aprovar ainda na época da Dilma os recursos que era 45 milhões para cinco municípios. “Daí calculamos que são nove milhões e meio para cada município, ou seja, nove milhões e meio para implantarmos o Campus em Palmeirópolis. Eu nunca parei de correr atrás, quando o Mendonça Filho assumiu o ministério de educação, que era do Democratas foi uma brecha que nós achamos de buscar, de ter apoio dentro do governo federal. Ano passado foi aprovado todas as emendas para esse ano, dentre elas, o Campus de Palmeirópolis. Corremos atrás e a deputada Dorinha buscou as emendas aprovadas. Por tanto hoje, nós temos aqui em andamento uma faculdade para Palmeirópolis com recomendação da Dorinha”, disse Daniel. 

Deputada Federal professora Dorinha Seabra e o vereador profesor Daniel Rosa

Ele relatou ainda que foi priorizado a cidade de Palmeirópolis, mesmo sendo pequena, porque feito uma logística na época, analisaram os municípios próximos que não tem faculdade, inclusive algumas cidades de Goiás. A deputada federal professora Dorinha está em Brasília correndo atrás e lutando por este projeto, hoje temos a vontade de todos, do prefeito, do secretário de educação Bartolomeu, que sonhou com isso e tentou em outra gestão a implantação, dos vereadores, temos o terreno doado pelo Edmilson, nós temos aqui um Polo iniciado, tudo isso influenciou a Dorinha entrar nessa parte dos recursos financeiros que não tinha”, concluiu Daniel.

Wellington Jorge Jacinto é professor universitário e Engenheiro Agrônomo. Ele relata que desde o mandato do ex-prefeito Jonas Macedo vem lutando para este projeto.

“Nós fizemos uma reunião com Valmir que era diretor da Unirg naquela época, queríamos trazer um Campus avançado da Unirg para cá, mas não teve o resultado que precisávamos e ele acabou sendo instalado em Dianópolis. Isso quer dizer então, que além do prefeito não teve um secretário, um vereador, que estivesse interessado, na época faltou realmente suporte. Agora está chegando o Instituto Federal porque tem um prefeito que abraçou a causa, um vereador que correu atrás da doação do terreno, tem um secretário de educação atuante, deputada Dorinha com vereador Daniel Rosa, um grupo de pessoas envolvida no desenvolvimento do município”, afirmou Wellington.

Segundo informações, a probabilidade é que ainda este ano acontecerá o vestibular para o Instituto Federal e pode começar no prédio da escola Carolina Corsino.

Vereador Nilson Rodrigues e Wellington Jorge Jacinto.

O vereador Nilson Rodrigues falou com entusiasmo sobre seu requerimento em prol de uma faculdade. “Tenho aqui registrado uma petição antiga, não desistimos. Deputada professora Dorinha colocou emenda no qual priorizou Palmeirópolis e Taguatinga. Essa emenda já está disponível pelo orçamento da União, a faculdade é uma realidade”, finalizou.

Lembrando que todos os professores serão selecionados através de concursos.

Da redação

O 3º Torneio Leiteiro da VI Expo-Palmeirópolis teve premiações e foi um sucesso

Este ano teve premiação até o quinto lugar no torneio.

O Torneio Leiteiro que aconteceu de quinta-feira à sábado foi organizado por Fernando Coelho, técnico Agropecuária do SEBRAE, e Lual Junqueira, secretário do Sindicato Rural e Veterinário da prefeitura de Palmeirópolis. Em parceria com Sindicato Rural, SENAR, FAET e Prefeitura. 

O Veterinário Lual Junqueira, disse que viu uma evolução muito grande da primeira à terceira edição do torneio leiteiro, tanto na área tecnológica quanto na genética dos animais dos produtores de leite. “Tem sido bom para eles trabalhar com leite, antes era um martírio, hoje agente vê que eles estão desenvolvendo muito bem, tanto economicamente, como socialmente. Foi uma disputa bem acirrada a partir do segundo lugar. Porque o Claudio já faz este trabalho há mais tempo, está bem evoluído.  Já estamos pensando ano que vem abrir para produtores de outras regiões participarem”, concluiu.

O Torneio aconteceu nos dias 07 a 09 de junho e a competição foi para quem tirasse a maior quantidade de leite. As premiações aos donos das vacas foram até o quinto lugar.

Os animais e participantes estiveram em exposição no Pavilhão Leiteiro do Parque de Exposições durante toda a competição.

Deputado Ricardo Ayres entregando o prêmio para Wander Luiz Correia, segundo lugar.

O Zootecnista Eurizan Barbosa Junior, que participou do torneio como patrocinador do Wandinho, falou da emoção e adrenalina em competir junto com a equipe. “Para nós, é uma enorme satisfação alcançar o segundo lugar, pelo 3º ano consecutivo. No próximo ano queremos ganhar em primeiro lugar”, disse sorrindo ao comentar que conhece o esforço do Wander.

Zootecnista Eurizan Barbosa Junior

O prefeito Fábio Vaz, explicou que todo o leite foi doado à comunidade carente da região. “Em parceria com os laticínios, grande parte do leite foi doado a essas comunidades”. Segundo ele, todo o produto teve um longo processo de resfriamento e armazenamento para serem entregues.

Os troféus para os participantes do Torneio foram entregues pelas mãos das lideranças no evento a noite. “É gratificante prestigiar estes participantes em um dia importante dedicado a cada produtor de leite. Foi um evento muito bem organizado, todos estão de parabéns, isso concretiza o trabalho que vem sendo realizado por eles”, comentou o prefeito.

Prefeito Fábio Vaz entregando o prêmio para o 1º lugar, Claudio Rodrigues.

O vencedor dos três torneios consecutivos Claudio Rodrigues das Neves, falou a nossa equipe de reportagem que tudo foi fruto de um trabalho de nove (9) anos que ele está na atividade leiteira e sempre melhorando o rebanho.

“Estes animais é produção da nossa propriedade, e graças a Deus estamos colhendo resultado de um trabalho de algum tempo. É um torneio diferenciado porque só entra quem realmente é produtor de leite. Não são pessoas que vendem genéticas, ou compram animais para ganhar torneio leiteiro, são pessoas que estão nas atividades e isso para mim é gratificante obter resultado. Meu rebanho é bem cuidado na parte genética e alimentação, bem avaliados por  toda equipe que trabalha comigo, ganhamos novamente em primeiro lugar, devo isso a todos os meus parceiros”, finalizou entusiasmado.    

Premiações:

1º 2000.00 reais

2º1000.00 reais

3º800.00 reais

4º600.00 reais

5º 400.00 reais

Posições

1-Claudio Rodrigues das Neves:/média de 31,2 kg por dia

2-Wander Luiz Correia (Wandinho):/média de 25,11 kg por dia

3-Alaíde:/média de 25,02 kg por dia

4-Deosdete Tochio(Galego):/média de 22,03 kg por dia

5-Joaquim Donizete (Zetti):/média de 21,35 kg por dia.

Presidente do Sindicato Rural João Parrião e Alaíde, terceiro lugar no torneio.

Por: Alexandre Machado

A cidade de Palmeirópolis está comemorando aniversário em grande estilo

 Domingo dia 10, a cidade faz 38 anos de emancipação política.

Uma vasta programação foi montada para comemorar os 38 anos da cidade de Palmeirópolis no Tocantins. O evento da VI expo, começou na quarta-feira (6) na praça Limirio Viana Guimarães com festival de música, show com Devones dos teclados que fez a galera dançar até à madrugada. Na quinta-feira a noite, os sanfoneiros Juliano e Sandro abrilhantaram o recinto com um forró animado.  

Durante toda a semana até no domingo, a população e visitantes vão festejar as belas músicas, rodeio, vaquejada, palestras do Sebrae, e a grande cavalgada que acontecerá nesta manhã de sábado.

Na sexta-feira à noite o evento ficou por conta da dupla Hugo e Guilherme que fez o chão tremer com suas belas canções.

O povo de Palmeirópolis comemora feliz e orgulhoso de sua terra e de seus cidadãos por recepcionar visitantes com carisma e entusiasmo.

Administrando o município, o prefeito Fabio Vaz e sua vice-prefeita Josemir Bastos, a primeira dama Ana Paula, juntamente com sua equipe de governo e vereadores, prepararam uma das maiores festas a céu aberto do sudeste do Tocantins.

Venha participar da VI Expo Palmeirópolis no parque de vaquejada Raimundo Parrião, entrada franca.

Alexandre Machado

Em Palmeirópolis, vereadores e aliados comemoram a vitória de Mauro Carlesse

Mais de 300 mil eleitores deixaram de registrar seus votos, um percentual equivalente ao número de votos obtidos por Carlesse.

Carlesse teve mais de 400 votos em Palmeirópolis, mesmo sem ter ido pessoalmente na cidade. Lideranças fortes no município, os vereadores Divino da Patrol, Fábio Gonçalves e Hildene Tóquio, uniram forças buscando aliados na tentativa de eleger o novo governador. Radiantes, os vereadores agradeceram toda equipe e os votos de confiança que conseguiram  

A eleição suplementar para governador do Tocantins, realizada neste domingo (3), vai ser decidida no segundo turno, em 24 de junho. A disputa será entre os candidatos Mauro Carlesse (PHS) e Vicentinho Alves (PR), os mais bem posicionados na eleição que teve sete candidatos. 

Carlesse, que ficou em primeiro lugar, com 30,3% dos votos, é deputado estadual e assumiu interinamente o governo do Estado após a saída do ex-governador Marcelo Miranda (MDB). Vicentinho, que teve 22,2%, é senador e está no último ano do seu mandato no Congresso.

Quem assumir ficará no cargo até  31 de dezembro. Novas eleições para governador ocorrerão normalmente em outubro.

Da disputa do primeiro turno em Tocantins participaram também Carlos Amastha (PSB), que ficou com 21,3%, a senadora Kátia Abreu (PDT), que teve 15,6%, Marlón Reis (Rede Sustentabilidade), com 9,9%, Marcos de Souza (PRTB), com 0,5%, e Mario Lucio Avelar (PSOL), que não teve os votos registrados porque sua candidatura aguarda análise do TRE.  

A eleição teve um alto índice de abstenção, superior a 30%. Em Tocantins, todos os eleitores foram recadastrados e 100% das urnas operam com o sistema biométrico, o que significa que o número de abstenção reflete efetivamente os que resolveram não participar do pleito. Houve também alto número de votos brancos e nulos.

Confira os votos obtidos em Palmeirópolis

Katia Abreu -970 votos

Vicentinho -856

Mauro Carlesse- 408

Marlon Reis -310

Carlos Amastha -201

Marcos de Souza -2 

Da redação

Em Palmeirópolis campanha de Carlesse ganha força

Mauro Carlesse recebe apoio de vereadores de Palmeirópolis.

A equipe de campanha do candidato a governador pelo Tocantins Mauro Carlesse, da coligação Governo de Atitude, esteve em Palmeirópolis na tarde desta quarta-feira 23, conversando com alguns vereadores.

Fábio Gonçalves, Hildene Tóquio e o vereador Divino da Patrol, são os representantes do governador Mauro Carlesse no município. Eles receberam Sérgio Pereira Soró, Gleydson Nato e o vereador de Gurupi Ataíde Pereira Salgado (Ataíde leiteiro), coordenadores da campanha de Carlesse na região sul do estado.

Na reunião, a palavra foi esperança com a continuidade de Carlesse no Governo e a chegada dos benefícios para o município. A vereadora Hildene Tóquio, afirmou que está confiante com o governador. 

De acordo com os três vereadores, dentre os motivos do apoio à candidatura de Carlesse, além das qualidades pessoais do governador, é que os projetos de Governo não podem sofrer interrupções.

Da redação

 

CRAS de Palmeirópolis promove geração de renda através de cursos

Derivados do leite são excelente alternativa de renda para o produtor rural.

O Centro de Referência em Assistência Social (Cras), de Palmeirópolis, promoveu durante toda semana um curso de produção de Derivados do Leite, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e Sindicato dos Produtores Rurais.

Esse é um dos trabalhos realizado pela Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) na unidade do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) de Palmeirópolis, ministrar cursos.

O principal objetivo foi organizar profissionais para a preparação de alimentos derivados do leite, utilizando equipamentos, utensílios, instrumentos e controle de qualidade de produtos e de processos na indústria de alimentos, de acordo com as normas técnicas, de segurança, higiene e saúde no trabalho.

Além dos cursos profissionalizantes, o Cras oferece à comunidade atividades culturais, socioeducativas e lazer nos grupos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) para idosos, e crianças.

O curso é uma alternativa de fonte de renda para o produtor, afirmou a Instrutora Rita de Cassia Santos Andrade, ” com este curso, estamos estimulando o setor leiteiro e ensinando as novas oportunidades de renda aos pequenos produtores, “Ensinamos técnicas para fabricação dos produtos básicos da leiteria, como queijo minas frescal, queijo minas padrão, iogurte e doce de leite pastoso”, explicou a instrutora.

A aluna Weslane Lacerda comentou que de agora para frente ela tem certeza que está no ramo certo. “Serei uma profissional qualificada, estou aprendendo como realizar de fato os melhores produtos, com técnicas e principalmente qualidade agradeço a Deus por essa oportunidade e também o SENAR, por nos proporcionar essa qualificação que tanto desejávamos.” Conclui a aluna.


O objetivo do curso alimentício foi proporcionar meios de gerar renda e, ao mesmo tempo, melhorar a alimentação familiar. O curso Derivados do Leite durou uma semana, tendo seu encerramento na sexta-feira 18.

Da redação

Secretaria Municipal de Assistência Social de Palmeirópolis promoveu ações pelo Dia Nacional do Combate à Exploração e Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes

As atividades aconteceram nas escolas municipais com realização de diversas atividades.

A Prefeitura de Palmeirópolis, por meio da Secretaria de Assistência Social (SEMAS), realizou ações da Campanha Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

A campanha visa sensibilizar profissionais das áreas da saúde e da educação e a sociedade em geral sobre os diversos aspectos envolvidos, para que estejam alertas aos sinais que podem identificar o abuso e a violência sexual.

Alunos da escola Elda Silva Barros em Palmeirópolis.

O Dia Nacional de Combate a Exploração e Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes é celebrado anualmente em 18 de maio. E para marcar a data, a Prefeitura Municipal de Palmeirópolis por meio da Secretária de Assistência Social (SEMAS) realizaram ações alusivas durante toda a semana nas escolas do município e finalizou com uma pedalada envolvendo os moradores da cidade.  

De acordo com dados, é assustador o número de casos de violência sexual contra crianças e adolescentes no país. Por isso, foi criada esta data com o intuito de ajudar a combater este mal que destrói a vida de milhares de jovens todos os anos.

A escolha desta data é em memória, de uma menina de oito anos que foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada no Espírito Santo. Seu corpo apareceu seis dias depois carbonizados e os seus agressores, jovens de classe média alta, nunca foram punidos.

A data 18 de maio de 1973 ficou instituída como o “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes” a partir da aprovação da Lei Federal nº. 9.970/2000.

Os trabalhos desenvolvidos durante toda semana em Palmeirópolis, foram marcantes para reforçar a questão de como combater e denunciar as mais diversas formas de violência contra crianças e adolescentes.

No dia 14 de maio de 2018 durante no período vespertino, a equipe do CRAS com apoio do Conselho Tutelar promoveu um cineminha na Escola Municipal Vila Bom Tempo, com o filme intitulado “O Segredo”, a animação mostrou sobre o tema proposto.

Logo após o professor de música do SCFV Osmair Silva, cantou a música tesourinho com uma aluna retratando uma conversa de pai para filha.  Esta mesma programação ocorreu no dia 15 de maio no turno matutino e vespertino no CEMEI.

No dia 16, na Escola Municipal Elda Silva Barros, a equipe do CRAS com o apoio do Conselho Tutelar realizou um teatro de forma bem dinâmica abordando o tema proposto.

No dia 18, fechou a semana com chave de ouro com uma pedalada pelas principais avenidas da cidade e contou com a participação da comunidade, crianças, adolescentes, bem como vereadores, secretaria municipal de Assistência Social, Educação, Conselho Tutelar, assim como a viatura da Policia Militar e ambulância que deu o suporte necessário. 

A secretária de Assistência Social Ana Paula Vaz, fez a entrega da bicicleta através do sorteio no final da pedalada.

No dia 24 de maio será realizado uma palestra com uma autoridade da justiça para abordar sobre o tema na Escola Estadual Prof. Maria Guedes.

Com informações da Semas