Cantores sertanejos pedem orações pela recuperação de amigo que sobreviveu a acidente de avião no Pará

Cristiano Felipe Reis e outro passageiro seguem internados em estado grave em hospital de Goiânia. Os outros três ocupantes da aeronave morreram no local.

Os cantores sertanejos Juliano, da dupla com Henrique, e Rodolffo, da dupla com Israel, pediram, nas redes sociais, orações pela recuperação do piloto Cristiano Felipe Rocha Reis, de 31 anos, que é um dos dois sobreviventes da queda de um avião no Pará. Ele segue internado em estado grave em um hospital de Goiânia.

“Um irmão que a vida me deu. Estou em oração por você meu irmão, você é forte, vai sair dessa fácil. Um dos melhores pilotos que já conheci, você me inspirou na aviação, me mostrou que eu podia ir além. Sua história não acaba aqui irmão, vamos ter muitos voos juntos ainda”, escreveu Juliano na legenda da foto, que já soma mais de 45 mil curtidas.

Antes do acidente, Cristiano anunciou nas redes sociais que deixaria o trabalho como piloto, o qual se dedicou por 13 anos. “Sensação de total dever cumprido e honrado pela credibilidade e confiança que a mim foram depositadas ao longo desses 13 anos conduzindo vidas profissionalmente. Encerro orgulhosamente minha vida como aviador. Um ciclo se fecha, e um novo cheio de projetos e sonhos se inicia!”, postou Cristiano, em maio deste ano.

Cantor Rodolffo, da dupla com Israel, também posta mensagem para Cristiano Felipe Rocha (Foto: Instagram/ Reprodução)Cantor Rodolffo, da dupla com Israel, também posta mensagem para Cristiano Felipe Rocha (Foto: Instagram/ Reprodução)

Cantor Rodolffo, da dupla com Israel, também posta mensagem para Cristiano Felipe Rocha (Foto: Instagram/ Reprodução)

O cantor Rodolffo também desejou força a Cristiano para que se recupere dos ferimentos. “Gabíra, estou orando e pedindo a Deus pra te livrar dessa logo pra ‘nois’ tomar muitos whisks aindaaaa! To mandando forças daqui, irmão! Vc vai sair dessa! (Um grande amigo e compadre que sofreu acidente de avião ontem, orem pelo Cristiano aí pessoal!’, escreveu o cantor.

Acidente

O acidente aconteceu na tarde de sexta-feira (27), próximo à comunidade de Barra Mansa, em São Felix do Xingu, sudeste do Pará. De acordo com a Polícia Civil, cinco pessoas estavam na aeronave, sendo que três morreram: Victor Gabriel Tomaz, de 10 anos, Evandro Geraldo Rocha Reis, de 73 anos, e José Gonçalves de Oliveira, de 72.

Além de Cristiano, o empresário Robson Alves Cintra sobreviveu à queda. Os dois são moradores de Goiânia e, por isto, deixaram hospitais da cidade de Tucumã e vieram para tratamento especializado no Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), na capital goiana, onde chegaram na madrugada de sábado (28).

Cristiano Rocha e Robson Cintra sobreviveram a queda de avião no Pará (Foto: Reprodução/Facebook)Cristiano Rocha e Robson Cintra sobreviveram a queda de avião no Pará (Foto: Reprodução/Facebook)

Cristiano Rocha e Robson Cintra sobreviveram a queda de avião no Pará (Foto: Reprodução/Facebook)

Segundo o último boletim divulgado neste domingo (29), Cristiano e Robson têm quadro grave. Ambos estão internados em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), sedados e respiram com a ajuda de aparelhos.

Conforme a TV Anhanguera, o Corpo de Bombeiros afirmou que Cristiano teve 95% do corpo queimado e Robson, 40%. O Hugol não confirmou a informação.

Investigação

A Polícia Civil do Pará informou que o avião partiu do aeroporto de Ourilândia do Norte, a cerca de 900 quilômetros da capital Belém, por volta das 13h30h de sexta-feira, mas não explicou qual o destino. Em pane durante o voo, o piloto teria realizado um pouso de emergência e a aeronave pegou fogo.

Avião pega fogo após pouso forçado no sudeste do Pará (Foto: Reprodução / Polícia Civil)Avião pega fogo após pouso forçado no sudeste do Pará (Foto: Reprodução / Polícia Civil)

Avião pega fogo após pouso forçado no sudeste do Pará (Foto: Reprodução / Polícia Civil)

O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) informou, em nota, que investigadores do Primeiro Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa I), iniciaram, no sábado, a apuração do acidente envolvendo a aeronave de matrícula PP-MMR.

De acordo com o órgão, neste momento as atividades visam coletar dados: fotografar cenas, retirar partes da aeronave para análise, reunir documentos e ouvir relatos de pessoas que possam ter observado a sequência de eventos. “A investigação realizada pelo Cenipa tem o objetivo de prevenir que novos acidentes com as mesmas características ocorram”, afirma a nota.

Avião explode e pega fogo no Pará (Foto: Reprodução / Polícia Civil)Avião explode e pega fogo no Pará (Foto: Reprodução / Polícia Civil)

Avião explode e pega fogo no Pará (Foto: Reprodução / Polícia Civil)

Informações no site da Agência Nacional Brasileira (Anac) apontam que o modelo da aeronave que caiu no Pará era 210L. O avião foi fabricado pela Cessna, em 1976, e não pertencia a nenhum dos ocupantes.

De acordo com o Registro Aeronáutico Brasileiro, a aeronave estava com o certificado de aeronavegabilidade vencido desde agosto do ano passado e, por isto, não tinha autorização para voar. Além disso, havia uma ordem judicial de sequestro do avião.

Família identifica mãe do Paraná que deu à luz e morreu depois de acidente em São Paulo

Ingrid Irene Ribeiro era de São José dos Pinhais, na Região de Curitiba, e faria 21 anos nesta segunda-feira (30). Caminhão em que ela estava tombou na quinta-feira (26), no Vale do Ribeira.

Carro invade contramão, bate em caminhonete e dois ficam feridos na TO-222

Homem de 71 anos e passageira de 28 foram encaminhados para a Unidade de Pronto Atendimento em Araguaína. Acidente aconteceu perto de clube.

Um acidente na noite deste domingo (29) deixou duas pessoas feridas na TO-222, em Araguaína. O motorista de uma caminhonete contou à Polícia Militar que trafegava na rodovia, quando uma picape invadiu a contramão, por volta das 22h. Os veículos bateram de frente.

A colisão aconteceu perto de um clube. Duas pessoas que estavam na picape ficaram feridas. O motorista, um homem de 71 anos, sofreu escoriações pelo corpo e uma lesão no joelho. A passageira, uma mulher de 28 anos, teve um impacto na cabeça.

Os dois foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros e levados para a Unidade de Pronto Atendimento de Araguaína.

G1 Tocantins.

Mototaxista desaparece após aceitar corrida, em Itapaci

Segundo parentes, ele está sumido há cinco dias. Amigos e conhecidos fazem buscas por ele na cidade e região.

O mototaxista Marcos Antônio Gonçalves Viana, de 36 anos, conhecido como Tizil, está desaparecido há cinco dias em Itapaci, no norte de Goiás. Segundo familiares, uma amiga dele marcou com ele um almoço ao qual ele iria após uma corrida, mas ele acabou não aparecendo e não fez mais contato.

“A última pessoa que o viu foi o dono de um posto que trocou uma moto com ele. Disse que ele estava normal, estava trabalhando. Isso na terça-feira, dia 24. Desde então não apareceu mais”, disse a irmã dele, a enfermeira Euziane Cristina Viana, de 34 anos.

Marcos Antônio Gonçalves Viana, de 36 anos, está sumido há cinco dias (Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal)Marcos Antônio Gonçalves Viana, de 36 anos, está sumido há cinco dias (Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal)

Marcos Antônio Gonçalves Viana, de 36 anos, está sumido há cinco dias (Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal)

A ex-mulher de Marcos Antônio, a assistente social Patrícia Ferreira Rezende, de 46 anos, contou que ao perceber que ele parou de ver as mensagens no celular por mais de um dia ficou preocupada. Ela ligou para os amigos e ninguém sabia dele, até que ela foi até a casa onde ele mora, viu o carro e a moto com a chave na ignição e pediu autorização da irmã para arrombar a porta, já que ninguém atendia.

“Meu medo era ele estar morto lá dentro. Ela autorizou, forçamos a porta e entramos, mas não tinha ninguém lá dentro. Desde então registramos na polícia o caso e estamos procurando em todo lugar. Pedimos para ver câmeras de segurança dos postos, fomos em plantação de cana que tem aqui perto, aeroporto e nada”, disse, preocupada.

A Polícia Civil de Itapaci disse que o caso está sendo investigado, mas o delegado responsável pela apuração não foi localizado.

G1 Tocantins.

Presos escaparam de cadeia após fazer rebelião e atacar agentes em banho de sol

Ao todo, 18 presos conseguiram escapar da cadeia de Miranorte. O Helicóptero do centro integrado de operações ajuda nas buscas e até o momento quatro foram recapturados.

Os presos que fugiram da cadeia de Miranorte, na região central do estado,fizeram uma rebelião e atacaram os agentes penitenciários que estavam no local. O superintendente do sistema prisional informou ao G1 que a fuga ocorreu após o banho de sol, na tarde deste domingo (29). Até às 20h, quatro fugitivos foram recapturados.

“Eles estavam sendo levados paras celas em um procedimento de rotina e entraram em luta corporal com os agentes que estavam na unidade. Infelizmente, conseguiram escapar, mas já recapturamos quatro até o momento”, informou Orleanes de Souza Alves.

Um dos agentes sofreu escoriações no pescoço e uma mordida nas costas e foi levado para o hospital da cidade, mas recebeu alta durante a tarde.

Os presos escaparam levando armas e uma viatura do sistema prisional. O carro foi abandonado na zona rural de Miracema.

Além dos servidores da Secretaria de Cidadania e Jusitça, responsável pelo sistema prisional, a Polícia Militar e o helicóptero do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer-TO) estão em busca dos foragidos.

Confira o nome dos presos que conseguiram escapar:

  • Renê Noleto Leal
  • Vitor Rodrigues
  • Henrique Weverton Ribeiro
  • Moisés Jorge dos Santos
  • Wilker
  • Marcos Pedro dos Santos
  • Wermerson Dias Sobrinho
  • Erickes Luã Aires Carvalho
  • Oszaldi Pereira da Silva
  • Diegos Alves Santos
  • Gleison Teixeira Pereira
  • Marcos Vinícius de Araújo Rodrigues
  • Honorato Euzébio de Souza – Recapturado
  • Uclas Abreu Castro – recapturado
  • Moisés Vinícius – recapturado
  • Paulo Roberto Noleto Aguiar – Recapturado

Oito dos foragidos de Miranorte (Foto: Cidadania e Justiça/Divulgação)Oito dos foragidos de Miranorte (Foto: Cidadania e Justiça/Divulgação)

Oito dos foragidos de Miranorte (Foto: Cidadania e Justiça/Divulgação)

G1 Tocantins.

Motociclista morre após perder o controle em cima de ponte e cair dentro de córrego

Instituto Médico Legal afirmou que homem caiu desacordado e morreu afogado. Acidente aconteceu em povoado na zona rural de Santa Rosa do Tocantins.

Pet shops e veterinários terão que denunciar casos de maus-tratos a animais

Determinação foi aprovada em lei estadual. Além de denunciar à polícia, estabelecimentos terão que passar informações sobre a pessoa que acompanhava animais.

Presos fazem agentes reféns e fogem de cadeia no Tocantins levando viatura e armas

Ocorrência foi registrada em Miranorte, na região central do estado. Conforme a Secretaria de Cidadania e Justiça, 18 presos fugiram da unidade.

 

Teotônio Segurado fica interditada após dois carros baterem de frente

Acidente aconteceu no início da manhã e pista já foi liberada. Batida ocorreu no trecho da pista que tem pista única, próximo ao estádio Nilton Santos, em Palmas.

Dois carros bateram de frente na avenida Teotônio Segurado na manhã deste domingo (29). O acidente aconteceu ao lado do estádio Nilton Santos, no trecho onde a avenida tem pista única, próximo à ponte que dá acesso à região sul da capital. Conforme os bombeiros, um homem teve ferimentos mais graves e foi levado para o Hospital Geral de Palmas.

O acidente aconteceu por volta das 6h30 da manhã. Por causa disso, o trânsito foi interrompido durante o início da manhã, mas já foi liberado.

Conforme os Bombeiros, em cada um dos veículos havia apenas o motorista. A perícia foi chamada e ainda não se sabe o motivo da colisão.

Colisão frontal aconteceu em trecho da Teotônio Segurado (Foto: Divulgação)Colisão frontal aconteceu em trecho da Teotônio Segurado (Foto: Divulgação)

Colisão frontal aconteceu em trecho da Teotônio Segurado (Foto: Divulgação)

G1 Tocantins.

Araguaína tem mais de 30% dos imóveis irregulares, diz pesquisa

Na maioria dos casos faltam documentos como a escritura, por exemplo. Advogada acredita que custo de transferência dos documentos é um dos fatores que mais pesa.

Atualmente Araguaína tem mais de 48 mil imóveis, segundo o IBGE. Uma pesquisa divulgada recentemente mostrou que mais de 30% deles, pelo menos 15 mil, estão irregulares. Faltam documentos como a escritura, por exemplo. O motivo pode ser o peso que a burocracia tem no bolso de quem se muda.

“Não fica barato, você escriturar e registrar. Hoje na situação financeira em que nós estamos, que o Brasil está passando. Economiza um pouco segurando a regularização destes documentos”, explica a advogada Cristiani Lins.

O agricultor Dalvo Pereira, que acaba de comprar uma casa, sabe bem disso. Ele gastou quase R$ 12 mil só para deixar tudo regular. “É caro? É caro porque você está fechando um contrato de compra. É necessário fazer para você se resguardar e ficar tranquilo. Isto é importante”, diz ele.

Existe uma lei federal que está tentando ajudar na solução do problema. Registrar o imóvel pode trazer benefícios como empréstimos em bancos em que o bem pode ser usado como garantia ou linhas de crédito voltadas para a reforma da casa.

G1 Tocantins.