Rozineide Gonçalves

Desespero de Marconi faz venda da Celg virar leilão de sucata

O desespero do governador Marconi Perillo (PSDB) para vender a Celg é tão evidente, que investidores do setor privado querem fazer o negócio a preço de sucata.

O tucano já anunciou a estatal com valor bem abaixo do mercado. Mesmo se o negócio fosse feito conforme a vontade do governador, o prejuízo ao Estado já seria significativo.

A perspectiva, no entanto, consegue ser ainda pior. Os compradores em potencial querem baixar o preço em pelo menos R$ 2,8 milhões. A informação foi divulgada pela coluna Giro, de hoje.

A desvalorização da empresa – cuja arrecadação é crescente – reflete a agonia de Perillo para conseguir qualquer recurso em véspera de campanha eleitoral. Sua prioridade é fazer negociata política, mesmo que para isso tenha que entregar de graça um dos maiores patrimônios dos goianos.

Do Goias Real

“Querem chegar, sentar na minha cadeira, mas sem voto”, diz Dilma em Salvador

Ana Cristina Campos – Repórter da Agência Brasil

A presidenta Dilma Rousseff voltou a dizer hoje (26), em Salvador, que o processo deimpeachment é uma tentativa de fazer uma eleição indireta por quem quer chegar ao Poder sem votos.

“O poder vem do voto popular direto. Esse impeachment, que é golpe, na verdade é uma tentativa de fazer uma eleição indireta por aqueles que não têm voto. Se eles querem chegar ao Poder e não tem crime [de responsabilidade], só tem um caminho: disputem eleições. Eles querem chegar, sentar na minha cadeira, mas sem voto. Esse é o problema. É claro que isso é muito confortável: você não tem que prestar conta para o povo brasileiro”, disse Dilma, sem mencionar diretamente o vice-presidente Michel Temer, a quem, em ocasiões anteriores, disse que está liderando o processo contra ela.

Dilma acrescentou que o processo de impeachment é um “golpe” contra as conquistas sociais dos últimos 13 anos. “É um golpe contra o Bolsa Família, contra o Minha Casa, Minha Vida, as interiorizações de universidades, contra o Pronatec”. A presidenta deu as declarações durante a cerimônia de entrega de unidades habitacionais do Programa Minha Casa, Minha Vida, em Salvador.

Ainda sem citar diretamente o vice-presidente, Dilma destacou que um eventual programa de Temer para a área social “começa com algo muito grave” ao dizer que vai “revisitar” os programas sociais. “Revisitar é diminuir a quantidade de dinheiro que o governo federal coloca nos programas sociais. Querem desvincular a obrigação do governo em gastar em educação e saúde”.

Dilma atacou o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que aceitou a denúncia que deu origem ao processo de impeachment e teve seu prosseguimento aprovado pelos deputados federais no último dia 17.

“Não tem uma acusação de que eu peguei dinheiro para mim. Muitas das ações das quais me acusam sequer eu participei. Como não acharam nenhum outro motivo, como aqueles que me acusam praticaram, como os crimes que praticaram, como crime de corrupção. Do que eles são acusados, eles vão ter que responder. Agora, eles têm acusação. Eu não tenho acusação. O mais estranho é que quem me julga, é corrupto. Essa pessoa, que é o presidente da Câmara, é uma pessoa que todo mundo sabe no Brasil que tem conta no exterior, é acusado pela Procuradoria-Geral da República”, afirmou.

Processo no Senado

O senador Raimundo Lira (PMDB-PB) foi eleito hoje presidente da Comissão Especial do Impeachment no Senado e o senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) ficou com a relatoria do processo.

Com esta primeira sessão de trabalho, começa a contar o prazo para que a comissão conclua e vote, por maioria simples, um parecer indicando ou não a continuidade do processo. Este mesmo texto, independentemente do resultado no colegiado, será submetido ao plenário do Senado, onde precisa da mesma maioria simples entre os 81 senadores da Casa. Se a admissibilidade do processo for aprovada em plenário, Dilma é imediatamente afastada do cargo por 180 dias.

Temer

O vice-presidente da República, Michel Temer, teve ontem (25) mais um dia de reuniões com aliados, conversas com integrantes do PMDB e de outros partidos ou recebendo sugestões para a formação de um eventual governo, caso a presidenta Dilma Rousseff seja afastada pelo Senado em maio e ele assuma a Presidência, como consequência do processo de impeachment.

“Terei de ser repetitivo. Vou esperar o Senado Federal”, disse aos jornalistas, fazendo referência a duas ocasiões na semana passada, quando disse que aguardará “silenciosa e respeitosamente” a análise dos senadores sobre a admissibilidade do processo deimpeachment de Dilma.

O vice-presidente voltou a conceder entrevista à imprensa estrangeira para rebater a tese de que o processo de impeachment é um golpe.  “O processo de impeachment é legal e constitucional. A visão no exterior atualmente é de que o Brasil é uma pequena República, que é capaz de um golpe. Por isso, eu digo que não há golpe, nem tentativa de violar a Constituição. Sessenta e dois por cento da população brasileira são favoráveis ao impeachment. Então, que conspiração eu estou liderando? Eu tenho poder para convencer 367 deputados e mais da metade da população brasileira? Acho que é mais um equívoco”, afirmou ao canal de TV norte-americano CNN.

Edição: Carolina Pimentel

Ibope: Para 62% dos brasileiros, prioridade deve ser nova eleição

Do Msn Noticias

Para a maioria da população brasileira, a melhor saída para a crise política seria a convocação de novas eleições. Pesquisa Ibope feita entre 14 e 18 de abril mostra que 62% dos entrevistados apoiam essa opção.

Na faixa etária entre 16 e 24 anos, o percentual chega a 70%. Foram ouvidas 2.022 pessoas em 142 municípios e a margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Também de acordo com a sondagem, 8% consideram o impeachment da presidente Dilma Rousseffe sua substituição pelo vice Michel Temerseria “a melhor forma de superar a crise política”.

De acordo com as leis brasileiras, só podem ser realizadas novas eleições no caso de dos cargos de presidente e vice ficarem vagos. Nessa hipótese, presidente da Câmara, atualmente Eduardo Cunha (PMDB-RJ), assume o comando do país até o novo pleito.

Até o ano passado, se os cargos ficassem vagos nos dois últimos anos de mandato, seriam convocadas eleições indiretas. Porém, a reforma eleitoral mudou o prazo para os últimos seis meses. A mudança, contudo, pode ser contestada juridicamente.

Outra forma de convocar novas eleições seria por uma emenda à Constituição, hipótesedefendida por alguns parlamentares. A opção também provoca controvérsias jurídicas.

As saídas de Dilma e Temer poderiam acontecer se os dois renunciassem, se o Congresso aprovasse o impeachment de cada um – o de Dilma está no Senado e o de Temer parado na Câmara – ou via cassação da chapa peloTribunal Superior Eleitoral (TSE). Quatro ações investigam o uso de dinheiro público na campanha de 2014.

 

Celg tem receita recorde em 2015 e, ainda assim, Marconi quer vendê-la

Do Goiás Real

O balanço anual da Celg divulgado ontem e revelado hoje pela coluna Giro, de O Popular, mostra que a privatização da Celg é um mau negócio para Goiás e um bom negócio para quem comprar a empresa.

Segundo o balanço divulgado ontem, a Celg D teve receita líquida de R$ 4,5 bilhões no ano passado, aumento de 25% sobre 2014. A receita anual líquida é praticamente o dobro do valor que o governador Marconi Perillo (PSDB) pretende vendê-la.

A Celg D só fechou com prejuízo de R$ 1 bilhão em 2015 por conta da sua dívida de quase R$ 3 bilhões, quase toda ela contraída durante os outros três mandatos do governador.

Cerca de uma tonelada de maconha é apreendida na região Sul de Goiás

Segundo a polícia, a investigação durou dois meses

Do O Popular

Cerca de uma tonelada de maconha e um revólver calibre 38 foram apreendidos e Jesus da Silva preso pelo Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc) durante uma operação deflagrada, na região sul do Estado, na madrugada desta terça-feira (26).

Segundo a polícia, a droga foi apreendida após dois meses de investigações. O entorpecente era transportado em uma Toyota Hylux e o condutor foi perseguido até Indiara, a 200 quilômetros de Itumbiara.

A operação foi comandada pelo delegado Rogério Moreira. Segundo o Genarc, o entorpecente seria distribuído na região sul de Goiás e na capital. O preso será autuado por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo e caso condenado a pena pode ultrapassar os 15 anos de prisão.

Divulgação/PC
Divulgação/PC

Comissão do Impeachment no Senado elege hoje presidente e relator

Karine Melo – Repórter da Agência Brasil

A Comissão Especial do Impeachment no Senado, eleita nessa segunda-feira (25) pelo plenário da Casa, se reúne hoje, às 10h, para eleger o presidente e o relator. O presidente indicado é o senador Raimundo Lira (PMDB-PB), que apresentou a previsão do calendário que deve ser adotado pela comissão. O senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) deverá ser o relator.

Por votação simbólica, foram confirmados ontem os nomes dos 21 senadores titulares e os suplentes, indicados pelas bancadas partidárias na semana passada.

Como senador mais velho da comissão, Lira dará início aos trabalhos, mas depois terá que passar para o segundo mais idoso, enquanto é feita a eleição para o cargo de presidente.

Apesar das reclamações de parlamentares aliados da presidenta Dilma Rousseff, Raimundo Lira confirmou que Anastasia deverá ser o relator, mas admitiu que aliados ao governo poderão apresentar outro nome e que a decisão será do plenário do colegiado.

O futuro presidente da comissão especial adiantou que ainda nesta semana os advogados que apresentaram o pedido de impeachment de Dilma – Hélio Bicudo, Janaína Paschoal e Miguel Reale Júnior – serão ouvidos pelos senadores. No dia seguinte, será a vez do ministro da Advocacia-Geral da União, José Eduardo Cardozo, fazer a defesa da presidenta.

A expectativa é de que o relatório sobre a admissibilidade do processo no Senado seja apresentado na comissão no dia 8 de maio. Depois disso, haverá prazo de 24 horas para vista dos senadores, ou seja: um tempo a mais para que eles possam analisar com calma o relatório, antes da votação no dia 9 de maio. Votado na comissão, após 48 horas, no dia 12 de maio, independentemente do resultado, ele segue para análise do plenário da Casa. Nos dois casos, a votação será feita por maioria simples. Se for aprovada em plenário, a admissibilidade do processo, Dilma é imediatamente afastada do cargo por 180 dias.

Edição: Graça Adjuto

‘Vai marcar’, diz condutor de carro atingido após acidente com 5 mortes

Vendedor estava em veículo com mulher e sogra, que ficou ferida, na GO-330.
Motorista bêbado colidiu contra ele depois de bater em Fusca e matar família.

Do G1 GO

Condutor do veículo envolvido em um acidente que matou cinco pessoas da mesma família e que, segundo a polícia, foi causado por um motorista embriagado, o vendedor Jonathan da Silva Nascimento disse que dificilmente vai esquecer o que aconteceu. Antes de atingir o seu Chevrolet Classic que ele dirigia, o único ocupante de um VW Fox se chocou com um VW Fusca, provocando os óbitos na GO-330, em Campo Limpo de Goiás.

A sogra de Jonathan ficou ferida, mas ele e a esposa saíram ilesos. “É uma cena que se você ver no celular, se esquece. Agora, algo que você passou pessoalmente, é uma cena que não vai sair [da cabeça] tão cedo, vai marcar por muito tempo”, lembra.

O acidente aconteceu no sábado (23). Todos os ocupantes do Fusca morreram no local do acidente. Segundo peritos do Instituto Médico Legal, o veículo era conduzido por um homem de 54 anos. A mulher dele, de 44, viajava no banco da frente. No assento traseiro estavam a filha do casal, de 23 anos, o marido dela, de 24, e o filho deles, de 2 anos.

De acordo com Polícia Rodoviária Estadual, o motorista do Fox, de 23 anos, seguia no sentido contrário quando invadiu a pista e colidiu contra o veículo da família. Depois, se chocou com o Classic. A batida foi tão violenta que peças dos automóveis foram parar a cerca de 30 metros da batida.

O motorista do Fox ficou ferido e recebeu atendimento no Hospital Municipal de Anápolis. Logo em seguida, ele foi detido em flagrante.

A Polícia Civil apontou que ele não quis soprar o bafômetro, mas só de aproximar a boca junto ao equipamento, ele constatou 0,22 miligramas de álcool por litro de ar expelido.

Família lamenta
Durante o enterro das vítimas, que aconteceu no domingo, em um cemitério de Anápolis, o sentimento de dor e revolta se misturavam. “É muita dor. A gente pede é mais justiça mesmo, não deixar o cara [condutor responsável pela colisão] impune. Ele tem que pagar pelo crime que cometeu”, disse o horticultor Edimar Pereira.

Para os familiares das cinco vítimas, o condutor que provocou o acidente tem que continuar preso. “Que a justiça da Terra seja feita, que ele não fique solto para cometer outros crimes como ele fez tirando essas cinco vidas”, disse a diarista Eliana de Fátima Oliveira.

Primeiro exame de material retirado da barriga de jacaré é inconclusivo

Exame antropológico macroscópico foi realizado no IML de Palmas.
Material passará por nova análise para determinar se são restos humanos.

Do G1 TO

O primeiro exame realizado no material colhido no estômago de um jacaré-açu em Araguacema, região oeste do Tocantins, foi inconclusivo. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP), o material está em avançado estado de decomposição e agora passará por uma análise mais detalhada para definir se realmente se tratam de restos humanos.

Nesta segunda-feira (25), a superintendência de Polícia Científica informou que o exame antropológico macroscópico realizado pelo Instituto de Medicina Legal (IML) “não permitiu identificar, com absoluta certeza, se são restos humanos”.

O material foi encontrado na barriga de um jacaré, na sexta-feira (22), por parentes de Rogério Marques de Oliveira, de 41 anos. Eles acreditam que os restos sejam parte do corpo do homem, que estava desaparecido desde domingo (17), quando foi ao rio Araguaia tomar banho com os amigos.

As buscas por ele foram encerradas pelo Corpo de Bombeiros na quinta-feira (21) e nada foi encontrado.

Novo exame
Conforme o médico legista que realizou a primeira análise, o avançado estado de decomposição, causado pela digestão do animal dificultou a maior precisão no resultado. Assim, amostras do material foram encaminhadas para um exame microscópico.

Se a análise der positivo para espécie humana, serão realizados exames de DNA para comparação com amostras de parentes próximos da suposta vítima. O prazo para este novo exame não foi divulgado.

Jacaré foi morto em armadilha (Foto: Divulgação)
Jacaré foi morto em armadilha (Foto: Divulgação)

Entenda
O jacaré foi encontrado morto na sexta-feira (22). Um morador disse que o animal estava amarrado e com marca de tiro na cabeça, mas a PM não confirmou essa informação. A polícia também não soube informar quem matou o réptil.

O superintendente ambiental do Naturatins diz que a caça de animais é considerada crime ambiental. “Embora tenha acontecido uma fatalidade e a gente entende a situação, mas toda a caça, tanto de jacaré quanto de qualquer outro animal silvestre, é considerada crime ambiental.”

Ao G1, o médico Maurício Pereira da Silva confirmou que esteve no local e que os restos encontrados no ventre do jacaré correspondem a tecidos de órgãos humanos, mas que apenas uma perícia detalhada poderá identificar exatamente.

“Encontrei cabelo e pele. Pode se dizer que correspondem ao tecido de ser humano. Também tinham ossos sugestivos, parecidos com costelas, mas estavam muito quebrados. Como não tinha como confirmar, pedimos a ida do IML para realizar os exames necessários”, afirmou.

Depois de 2 anos, concursos da Seds e Civil devem ter curso de formação

Do G1/TO

Governo comunicou ainda que helicóptero da SSP vai voltar a funcionar.
Anúncios foram feitos em coletiva no Palácio Araguaia, em Palmas.

Devem começar até agosto os cursos de formação dos concursos da Defesa Social e da Polícia Civil. As provas foram realizadas em 2014 e os certames ficaram parados desde então, sendo alvo de vários protestos. Além da determinação de prazo, várias medidas relacionadas à segurança pública foram apresentadas na tarde desta segunda-feira (25), no Palácio Araguaia, pelo secretário Geral do Governo, Lyvio Luciano.

Durante a ocasião, também foi anunciada a abertura de um edital para a Polícia Militar, até agosto. De acordo com a Secretaria de Comunicação do governo, serão mil vagas para soldados.

Ainda segundo o governo, remanescentes do concurso dos Bombeiros, que estavam no cadastro reserva, serão convocados de maneira imediata para a formação. Por fim, o governo prometeu cem novas viaturas para a PM, mas não informou quando vão entrar em circulação e se serão compradas ou alugadas.

Aeronave
O secretário disse ainda que o helicóptero da Secretaria de Segurança Pública (SSP), que custou aos cofres públicos cerca de R$ 6 milhões e está parado desde 2014, deve voltar a funcionar ainda nesta semana.

Entenda
O concurso da Polícia Civil foi lançado no início de 2014 e as provas aconteceram em junho do mesmo ano. Foram oferecidas 515 vagas para os cargos de delegado, agente, escrivão, papiloscopista, agente de necrotomia, médico legista e perito criminal. Mais de 16 mil candidatos fizeram as provas da primeira fase.

As provas do concurso da Defesa Social foram aplicadas em dezembro de 2014. No total, cerca de 42 mil candidatos se inscreveram, sendo que foi colocado em disputa o preenchimento de aproximadamente 1.250 vagas.

Nove das dez cidades mais violentas do mundo estão na América Latina, mostra ONG

Da Agência Lusa

Em 2015, nove das dez cidades mais violentas do mundo estavam na América Latina, com Caracas no topo da lista, mostra o estudo Justiça Possível, da organização não governamental (ONG) Segurança, Justiça e Paz (SJP), do México.

“Caracas, a capital venezuelana, com mais de 3,2 milhões de habitantes, ocupou o primeiro lugar, com 3.946 assassinatos em 2015, o que representa 119,87 mortes violentas por cada 100 mil habitantes”, diz  o estudo.

Segundo a SJP, o estudo analisou as mortes violentas ocorridas em 2015 em 50 cidades do mundo com mais de 300 mil habitantes e o número de assassinatos por cada 100 mil habitantes.

“Representa um grande desafio determinar a incidência real dos homicídios nesse país (Venezuela), pois os governantes, em lugar de transparência e prestação de contas, preferem o ocultamento ou a propaganda, muitas vezes baseada em mentiras”, acrescenta o documento.

De acordo com a ONG, para o estudo foram consultadas fontes oficiais e notícias da imprensa, de que “o caso da Venezuela não é isolado na região” pois “41 das 50 cidades mais violentas do mundo estão na América Latina”.

O documento informa ainda que depois de Caracas, com 119,87 assassinatos por cada 100 mil habitantes, seguem-se as cidades de San Pedro Sula (Honduras), San Salvador (El Salvador) e Acapulco (Mèxico), com 111,03, 108,54 e 104,73 assassinatos por 100 mil habitantes, respectivamente.

No quinto lugar está a cidade venezuelana de Maturín, seguindo-se o Distrito Central das Honduras e de novo uma cidade venezuelana, Valência.

Os últimos lugares das dez cidades mais violentas são ocupados por Palmira (Colômbia), a Cidade do Cabo (África do Sul) e Cali, na Colômbia. A Cidade do Cabo é a única que não está na América Latina.

O relatório mostra também que, comparando com 2014, oito cidades saíram do ranking da violência: Belo Horizonte (Brasil), Medellín e Cúcuta (ambas na Colômbia) e as mexicanas Chihuahua, Cuernavaca, Juárez, Nuevo Laredo e Torreón.