IMG-20160429-WA0012 Moradores da região de Palmeiropolis sul do Tocantins estão revoltados com a “curva da “morte”.   Um trecho perigoso chegando à cidade, que tem levado muitos a morte.  O trecho conhecido como “Apertado da Hora” fica uns 5 km da cidade. Hoje, um caminhão carregado de telhas vindo de Aliança Tocantins também perdeu o freio na descida, e na curva capotou, no mesmo local onde o soldado Alves morreu alguns anos atrás.

Desta vez três homens de uma empresa não identificada estavam no caminhão que ia com a carga de telha em direção a Paranã To. Os homens tinham idades entre 27, 29 e 30 anos aproximadamente, nomes não divulgados.Um deles saiu sem lesão, o segundo grave e o terceiro em estado gravíssimo.  Os dois ficaram presos nas ferragens do caminhão e foi preciso os moradores em equipe cortar os ferros para resgatá-los com vida. Foram socorridos levados ao hospital de Palmeirópolis, onde foram atendidos e depois encaminhados à Gurupi, até agora sem noticias.

IMG-20160429-WA0011O trecho é antigo e conhecido como, “a curva da morte”por vários acidentes no local. Há muitos anos a população vem fazendo abaixo assinado, buscando uma forma de melhorar, ou até de mudar o local. “Lá é estreito fica entre a serra e um córrego, apertado, quem chega e não conhece sofre acidente”, disse um comerciante.

Ontem por volta das 15 horas, no mesmo local teve outro acidente onde o motorista e o colega pulou do caminhão de bebidas antes de tombar. Um caminhão com placa Mercedes bem 16 20 cor branca de Gurupi carregado de bebidas. Por sorte ninguém saiu ferido. Já os de hoje não tiveram  a mesma sorte.

Do Mapa da Notícia

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here