Ela, que tem deficiência mental, foi encontrada nua na residência onde vive com outros dois irmãos menores, que também estavam cercados por sujeira.

Três crianças, de 3, 4 e 7 anos, foram encontradas sozinhascom fome, em uma casa cheia de lixo, em Goiânia. Segundo o Conselho Tutelar, a mais velha possui deficiência mental e foi localizada sem roupa em uma cama do imóvel, enquanto – de tanta fome – comia fezes. O caso ocorreu no Setor Vila Finsocial, na quarta-feira (20), e as vítimas foram encaminhadas a um abrigo. Responsáveis foram presos por abandono de incapaz.

Ao Mais Goiás, o conselheiro tutelar Paulo Wanderson contou que a situação foi descoberta após denúncias. No local, o homem encontrou as crianças de 3 e 4 anos sozinhas na rua. Segundo ele, dentro do imóvel, havia fezes e urina no chão, lixo, bichos e roupas sujas espalhadas por toda a casa. A geladeira não possuía alimentos e o fogão continha restos de comida.

“A residência estava fedendo muito. Havia fedor de urina e fezes. A criança que possui deficiência mental foi encontrada sem roupa em uma cama e estava comendo fezes. Uma situação completamente desumana, de abandono e negligência”, afirmou.

Abandono

De acordo com Paulo, a mãe das crianças disse que saiu de casa por volta das 6h da manhã para trabalhar e deixou os filhos com o marido. O homem, no entanto, não estava na residência, e, posteriormente, contou à Polícia que havia deixado as crianças com a mulher.

“Ela afirmou que não possui nenhuma doença e não faz uso de nenhuma medicação. Só disse que a casa estava bagunçada porque não tem tempo de arrumar, já que trabalha e o marido não ajuda. A residência estava em condição precária, um local incapaz de abrigar qualquer ser humano. Suspeitamos que a mulher cria as crianças somente para receber os auxílios a que elas têm direito”, comentou o conselheiro.

Uma equipe da Polícia Militar (PM) foi acionada e encaminhou a mãe e o pai das crianças à Central de Flagrantes. As vítimas foram levadas para um abrigo de acolhimento na capital. Segundo a Polícia Civil (PC), os responsáveis pelas crianças foram presos em flagrante pelo crime de abandono de incapaz.

Mais Goiás.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here